10 de mai de 2018

CORINTHIANS 10/05/2018



















Aplaudido, Pedrinho fala de dispensa do Vitória: 'Deve ter se arrependido'

Atacante do Corinthians foi novamente ovacionado pelos torcedores na Arena e comentou sobre passagem pelo adversário derrotado na noite desta quinta-feira


Pedrinho disputa bola na partida contra o Vitória nesta quinta-feira (Foto: Luis Moura / WPP)
LANCE!
10/05/2018
22:31

O atacante Pedrinho voltou a ter atuação destacada pelo Corinthians na noite desta quinta-feira contra o Vitória na Arena Corinthians. O jovem de 20 anos criou boas chances e chegou a acertar o travessão no triunfo por 3 a 1 sobre sua ex-equipe. Ele lembrou de uma passagem pelo clube baiano, disse não ter mágoa por ter sido dispensado, mas deixou um recado em tom de brincadeira:

- Sempre tem um gosto especial, acabei sendo dispensado de lá, não rancor, mágoa, agradecer o que fizeram por mim, mas tem gosto especial por mostrar onde pude chegar, com a ajuda dos meus. Acho que quem me mandou embora se arrepende um pouco.

O camisa 38 é xodó da torcida corintiana e deixou o campo aplaudido ao ser substituído por Mateus Vital aos 29 minutos do segundo tempo. Ele já tinha sido ovacionado pela Fiel no empate por 1 a 1 contra o Ceará no último domingo, também na Arena.

Agora, a expectativa é para saber se o garoto iniciará o clássico contra o Palmeiras no próximo domingo em Itaquera. Ele ainda não teve uma sequência como titular nesta temporada. Ele preferiu não se posicionar sobre a questão.

- Tenho de estar preparado para o que der e vier, clássico, jogo diferente, me sinto preparado para atuar. Estou bem, 100%, nos jogos estou mostrando, não estou cansando mais. Vamos ver o que Carille vai armar para o jogo de domingo - resumiu.

Confira outros trechos da entrevista de Pedrinho:

RECUPERAÇÃO APÓS OS JOGOS
Acho que no jogo passado, saí do jogo mais cansado, por ser meu primeiro jogo como titular. Hoje, saí um pouco mais tranquilo, fiz um regenerativo pra amanhã já estar bem, porque o prazo é curto até domingo.

POSSÍVEL CLÁSSICO QUENTE PREOCUPA?
Sabemos que cada clássico é um clássico, independente de como for (quente ou não), tenho que manter meu futebol.

EUFORIA DA TORCIDA
Sim, tento ficar o mais tranquilo possível com isso. Sei que cada vez que a bola chega em mim a torcida pode criar expectativa, então às vezes isso pode me fazer querer forçar uma jogada, mas eu tento manter a cabeça no lugar pra forçar a jogada na hora certa.

REAÇÃO DA TORCIDA AO VER SEU NOME NO TELÃO
Dessa vez não cheguei a ouvir, não. Mas às vezes quando eu não era relacionado, pensava como seria quando meu nome estivesse ali. Não pude ver, mas fico feliz em saber.

MOMENTO PARA DESPONTAR NA CARREIRA
Sim, trabalhamos pra isso, pra poder ser titular, pra poder estar mostrando meu futebol. Acho que estando bem fisicamente, a minha técnica pode sobressair, então é isso que trabalho muito, pra poder despontar na carreira.


















Romero celebra fim de jejum e espera nova selfie em derby
Maior artilheiro da Arena Corinthians, atacante ainda não tinha marcado no estádio este ano e fez duas vezes. Ele espera jogo nervoso em derby  no próximo domingo


Romero comemora gol homenageando a Arena Corinthians (Foto: RODRIGO GAZZANEL/RM SPORTS IMAGE)

LANCE!
10/05/2018
21:55


O atacante Romero desencantou na noite desta quinta-feira. Ele marcou dois gols no triunfo do Corinthians por 3 a 1 sobre o Vitória na Arena Corinthians. Ele não balançava redes há 21 partidas e ainda não havia marcado este ano no estádio do qual é artilheiro- 23 de seus 29 gols pelo clube foram na Arena Corinthians. O paraguaio celebrou o fim do jejum.

- Fico contente de voltar a marcar nesse estádio, agradeço meus companheiros, minha família, comissão, diretoria. Chegamos muito motivados para o clássico que para a gente é importante - afirmou Romero.

O atacante também comemorou a boa atuação do Timão, que vinha de quatro jogos sem vitória. Na comemoração de um dos gols, ele também aproveitou para homenagear a Arena, que completou quatro anos da festa de inauguração feita pelo Corinthians.

- A gente lutou para conquistar essa vitória, a gente vinha de empates, derrotas. Hoje conseguimos uma vitória importante para se classificar - disse.

Por fim, ele projetou um clássico muito importante contra o Palmeiras no próximo domingo na Arena. Romero lembrou dos episódios da final do Campeonato Paulista, vencida pelo Timão. O rival até hoje tenta anular a decisão alegando interferência externa da arbitragem.

- Jogo difícil, de muita rivalidade, a gente sabe do último clássico, aconteceram muitas coisas, a gente vai se preparar, descansar para esse jogo - afirmou Romero, que ainda espera repetir a comemoração famosa do ano passado, quando fez uma selfie após marcar no Dérbi:

- Tomara!

Confira outros trechos da entrevista de Romero na Arena:

SEQUÊNCIA NO TIME
Eu sou um dos jogadores que mais jogou nesse ano, Cássio e Balbuena são os únicos com mais jogos do que eu. É brigar sempre pela titularidade, a gente trabalha para isso, temos jogadores muito bons. Infelizmente, o Clayson machucou agora, é um jogador de qualidade na nossa posição. Hoje joguei na esquerda, tenho essa possibilidade também, até de jogar de 9, mas o Carille é quem decide.

ATITUDE EM CAMPO
O Corinthians é sempre isso, lutar, deixar tudo em campo, honrar esse manto. Sempre faço isso, independentemente de ser clássico ou jogo importante, temos de estar concentrados e deixar tudo em campo.

FIM DO JEJUM
Graças a Deus hoje consegui marcar depois de muito tempo, já estava me incomodando isso. Para um atacante é muito ruim ficar um tempo sem fazer gol. Hoje consegui.

COMEMORAÇÃO
São quatro anos da Arena. O pessoal falou para mim que hoje era aniversário do estádio, quis comemorar desse jeito. Fico feliz de voltar a marcar na arena, já estava incomodado por não fazer gols. Hoje, graças a Deus, fiz dois.

PARCERIA COM JADSON
Ele falou depois do primeiro gol, "Te devolvi a assistência contra o Independiente". A gente é parceiro de campo. Fica com vocês fazer essas estatísticas.

SELFIE NO DÉRBI?
Tomara. A gente quer ganhar. Para mim será importante voltar a marcar no clássico, independentemente de quem marque, o importante é o Corinthians ganhar

CLÁSSICO
A gente não tem que ficar tranquilo, temos que descansar, muitos jogadores tiveram uma sequência. Eu descansei contra o Ceará. Tem jogadores que estão esgotados. Temos que descansar, já ficar concentrados, saber que o clássico será difícil como sempre. E temos que ganhar, não tem como, com uma perna... Tem que ganhar! É um campeonato à parte







ATUAÇÕES: Romero brilha em noite de boa atuação do Corinthians

Timão controlou a partida e venceu o Vitória com facilidade na noite desta quinta-feira na Arena pela Copa do Brasil. Paraguaio fez dois gols, enquanto Maycon, um

Corinthians 3x 1 Vitória

O Corinthians dominou o Vitória e venceu com tranquilidade, avançando às quartas de final da Copa do Brasil. Romero marcou duas vezes e teve atuação destacada, assim como os demais homens de frente, com menos brilho. Sidcley destoou e foi um pouco abaixo, enquanto Vitória só teve brilho com André Lima, que entrou no segundo tempo e deixou sua marca.

Atuações - Corinthians

6,0 - Cássio - Uma saída do gol equivocada, mas no geral teve tranquilidade, também sem culpa no gol apesar do erro de marcação.


6,5 - Mantuan - Garoto fez sua melhor partida no time profissional. Com tranquilidade, se apresentou e marcou quando foi necessário. Seguro.

6,5 - Balbuena - Tranquilo na defesa, ainda conseguiu armar jogadas com categoria. Assim, iniciou a jogada do segundo gol.

6,5 - Henrique - Uma partida muito segura, principalmente no primeiro tempo. Cochilou no gol do Vitória ao lado de Sidcley.


5,5 - Sidcley - Cruzou a bola do terceiro gol, mas a produção no geral foi pouca. Atrás, se atrapalhou na marcação no gol do Vitória.

7,0 - Gabriel - Vinha oscilando, mas melhorou muito, inclusive com a bola nos pés. Exemplo foi a chegada para o gol de Maycon e outros passes.

7,0 - Maycon - Boa partida, incrementada com o gol que abriu o placar, aproveitando a chegada no ataque.
Atuações - Corinthians - Romero

8,0 - Romero - O grande artilheiro da Arena deixou sua marca duas vezes e lutou muito, para delírio da torcida. Noite inspirada.

7,0 - Jadson - Ótimo primeiro tempo, bem no segundo, com participações importantes em gols ao iniciar as jogadas. Joga com categoria.

7,0 - Rodriguinho - Importante na construção das jogadas, articulando perto da área. O descanso no último domingo fez bem.


6,5 - Pedrinho - Muito habilidoso, criou boas oportunidades. Em uma delas, carimbou o travessão após entortar a defesa.

5,5 - Emerson Sheik - Primeiro a entrar, não conseguiu produzir muita coisa. Ainda voltou para buscar jogo, mas em vão.

6,0 - Mateus Vital - Não teve muito tempo, mas ainda conseguiu cavar uma expulsão com uma jogada de habilidade. O garoto tem talento.

Sem nota - Paulo Roberto - Entrou no fim da partida, pouco para ser avaliado.

6,5 - Carille - Time voltou a jogar com muita eficiência tática e fez os gols naturalmente pelo domínio. Chega forte para o clássico contra o Palmeiras.



 Corinthians bate o Vitória e avança na Copa do Brasil

Corinthians garante lugar nas quartas de final da Copa do Brasil. Romero marcou dois gols e homenageou os quatro anos da Arena Corinthians

Corinthians 3x1 Vitória
RODRIGO GAZZANEL/RM SPORTS IMAGE

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP

Corinthians 3x1 Vitória
Luis Moura / WPP


Guilherme Amaro
10/05/2018
21:23

O Corinthians está nas quartas de final da Copa do Brasil. Na noite desta quinta-feira, o Timão ganhou do Vitória por 3 a 1 e avançou na competição, já que o duelo de ida havia terminado empatado sem gols. Agora, o foco é no clássico contra o Palmeiras, no domingo, pelo Brasileirão, na mesma Arena Corinthians, em Itaquera.

Água mole em pedra dura...
O Vitória adotou a mesma estratégia do confronto de ida: se fechar para esperar o Corinthians e tentar surpreender no contra-ataque. Ciente disso, como Carille e os jogadores já haviam alertado, o Timão teve paciência para rodar a bola e criar as oportunidades.

O gol só apareceu aos 38 minutos. Mantuan cobrou lateral para Gabriel, que girou em cima de Neilton e cruzou rasteiro. O goleiro Caíque rebateu para o meio da área, e Maycon não teve trabalhos para mandar para o fundo da rede no rebote.

O artilheiro da Arena
Romero foi o dono do segundo tempo ao marcar duas vezes e aumentar sua vantagem na artilharia do estádio. Ele agora tem 23 gols, contra 20 de Jadson.

O primeiro gol do paraguaio saiu quando o Vitória pressionava em busca do empate. Aos 13 minutos, ele recebeu de Jadson e chutou em cima do goleiro, mas pegou o rebote e não desperdiçou. Na comemoração, ele fez o gesto de quatro com as mãos e apontou para a torcida, lembrando que a Arena teve seu jogo festivo inaugural há exatamente quatro anos, num "Corinthians contra Corinthians". A primeira partida oficial do estádio aconteceu no dia 18 de maio.

O "dono" da Arena ainda marcou de novo aos 20 minutos, também na segunda tentativa. Romero chutou de longe e viu Sidcley pegar o rebote e cruzar na medida para ele marcar.

E o Vitória?
A equipe adotou outra postura no segundo tempo, com a entrada de André Lima no lugar de Willian Farias, mas viu o Corinthians ampliar a vantagem. Mesmo assim, o Vitória não desistiu e tentou ao menos diminuir.

O gol de honra saiu apenas aos 31 minutos do segundo tempo, justamente com André Lima, que aproveitou cruzamento de Guilherme Costa. O Vitória, porém, não conseguiu forçar em busca do empate e ainda teve José Welison expulso.

Fim do jejum
O Corinthians não ganhava havia quatro jogos, maior jejum sem vitórias desde que Carille assumiu o comando da equipe. Fim da sequência negativa. Que venha o Dérbi!

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 3 X 1 vit

Coa do Brasil 2018 8as de final volta
Local: Arena Corinthians
Data-Hora: 10/5/2018 - 19h30
Árbitro: Sandro Meira Ricci, Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn (PR)
Público/renda: 29.625 pagantes/R$ 1.280.969,60
Cartões amarelos: Rhayner (VIT)
Cartões vermelhos: José Welison, aos 44'/2ºT (VIT)
Gols: Maycon (38'/1ºT) (1-0), Romero (13'/2ºT) (2-0), Romero (20'/2ºT) (3-0), André Lima (31'/2ºT) (3-1),

CORINTHIANS: Cássio; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon (Maycon, aos 39'/2ºT); Pedrinho (Mateus Vital, aos 29'/2ºT), Jadson (Emerson Sheik, aos 26'/2ºT), Rodriguinho e Romero. Técnico: Fábio Carille.

vit: Caíque; José Welison, Kanu, Ramon e Pedro Botelho; Willian Farias (André Lima, no intervalo) e Uillian Correia; Neilton (Luan, aos 24'/2ºT), Yago e Rhayner; Denílson (Guilherme Costa, aos 14'/2ºT). Técnico: Vágner Mancini.







Após vitoria e classificação do Timão, Romero vibra com primeiros gols na Arena em 2018 e explica comemoração


Por Bruno Cassucci
10/05/2018 23h00
O Corinthians se classificou com facilidade ao vencer o vit or 3x1 ela coa do brasil e o atacante Romero, artilheiro da Arena, marcou seu primeiros gols no ano em casa

– Graças a Deus hoje consegui marcar depois de muito tempo, já estava me incomodando isso. Para um atacante é muito ruim ficar um tempo sem fazer gol. Hoje consegui fazer dois – celebrou.



Romero festejou o gol homenageando o aniversário de quatro anos da Arena Corinthians (Foto: Marcos Ribolli)

Romero ampliou a vantagem na artilharia da Arena Corinthians, chegando a 23 gols na Arena Corinthians. O segundo colocado é Jadson, com 20.

O paraguaio, inclusive, homenageou o estádio na comemoração de seu primeiro gol:

– Foi pelos quatro anos da Arena. O pessoal falou para mim que hoje era aniversário do estádio, quis comemorar desse jeito. Fico feliz de voltar a marcar na arena, já estava incomodado por não fazer gols. Hoje, graças a Deus, fiz dois.

A casa corinthiana foi inaugurada dia 10 de maio em uma partida amistosa entre ídolos do Corinthians.

No Twitter, o Timão brincou com a artilharia de Romero e fez uma brincadeira com a série espanhola "La Casa de Papel", que faz sucesso no Brasil.



Corinthians
✔@Corinthians

Após a classificação na Copa do Brasil, o Timão volta a campo no domingo, no derby, as 16h, na Arena Corinthians









CORINTHIANS, class 3x1 vit
Atuações: artilheiro da Arena, Romero faz dois e garante classificação do Corinthians

Paraguaio é o destaque em vitória do Timão sobre o Vitória, nas oitavas de final da Copa do Brasil

Por Bruno Cassucci
10/05/2018 21h20

Romero: Artilheiro da Arena Corinthians, finalmente desencantou no estádio neste ano. Além dos dois gols, demonstrou a garra e aplicação tática habituais. Nota: 8,0

Gabriel: Deu o cruzamento que, após rebote, originou o primeiro gol. Também iniciou a jogada do segundo. Bem posicionado, foi bem na marcação e só errou um passe. Nota: 7,0

Mantuan: Fez a sua melhor partida pelo Corinthians. Apoiou com qualidade, quase marcou um belo gol e não comprometeu na marcação. Nota: 7,0



Jogadores titulares do Corinthians antes de vencerem o Vitória (Foto: Marcos Ribolli)


Veja as notas dos jogadores do Corinthians:

Cássio [GOL]: 6,0
Mantuan [LAD]: 7,0
Balbuena [ZAG]: 7,0
Henrique [ZAG]: 7,0
Sidcley [LAE]: 7,0
Gabriel [VOL]: 7,0
Maycon [VOL]: 7,5
(Paulo Roberto [VOL]: 6,0)
Pedrinho [MEI]: 6,5
(Mateus Vital [MEI]: 6,0)
Jadson [MEI]: 7,0
(Emerson Sheik [ATA]: 6,0)
Rodriguinho [MEI]: 6,5
Romero [ATA]: 8,0












Cássio diz que Corinthians elogia postura do Timão em classificação com boa vitoria sobre Vitória por 3x1 e mira Dérbi de domingo
Por Bruno Cassucci
10/05/2018 22h35

O goleiro Cássio elogiou a postura do Corinthians no vitoria por 3 a 1 sobre o Vitória, nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, que classificou o time às quartas de final da Copa do Brasil.
Cassio comemora a atenção que voltou a equie desde o inicio do jogo



–  Nos impomos dentro de casa. Quando perdemos, nos cobramos disso de entrar mais ligados. Dificilmente você vai pegar uma equipe aqui que vai jogar de igual para igual com o Corinthians. Vai ser difícil. Conseguimos neutralizar e sair com a vitória – comemorou.



Cássio concede entrevista coletiva após classificação do Timão na Copa do Brasil

Classificado na Copa do Brasil, o Corinthians volta as atenções ao Brasileirão. Domingo é dia de Dérbi, às 16h (de Brasília), também na Arena Corinthians

– A gente vai começar a estudar mais agora. Estávamos muito focados na Copa do Brasil para conseguir a classificação. Mas sempre foi muito difícil. É um clássico, mas temos a certeza que nossa arena vai estar lotada e ter o apoio de nossa torcida. Vamos tentar descansar ao máximo para fazer um grande jogo – destacou Cássio.



 Corinthians 3 x 1 Vitória pelas oitavas de final da Copa do Brasil

Com sete pontos, o Corinthians é terceiro colocado no Campeonato Brasileiro depois de quatro rodadas disputadas.


Cássio foi capitão do Corinthians na vitoria e classificação de hoje (Foto: Marcos Ribolli)










Corinthians faz 3 a 1 no Vitória e avança na Copa do Brasil
 Romero marcou dois gols e homenageou os quatro anos da Arena Corinthians

Guilherme Amaro

10 MAI2018
21h25
O Corinthians está nas quartas de final da Copa do Brasil. Na noite desta quinta-feira, o Timão ganhou do Vitória por 3 a 1 e avançou na competição, já que o duelo de ida havia terminado empatado sem gols. Agora, que venha o derby, domingo, pelo Brasileirão.


Romero marca duas vezes, classifica o Timão e homenageia a Arena (Foto: RODRIGO GAZZANEL/RM SPORTS IMAGE)Foto: LANCE!

Água mole em pedra dura...
O Vitória adotou a mesma estratégia do confronto de ida: se fechar para esperar o Corinthians e tentar surpreender no contra-ataque. Ciente disso, como Carille e os jogadores já haviam alertado, o Timão teve paciência para rodar a bola e criar as oportunidades.

O gol só apareceu aos 38 minutos. Mantuan cobrou lateral para Gabriel, que girou em cima de Neilton e cruzou rasteiro. O goleiro Caíque rebateu para o meio da área, e Maycon não teve trabalhos para mandar para o fundo da rede no rebote.

O artilheiro da Arena Corinthians
Romero foi o dono do segundo tempo ao marcar duas vezes e aumentar sua vantagem na artilharia do estádio. Ele agora tem 23 gols, contra 20 de Jadson.

O primeiro gol do paraguaio saiu quando o Vitória pressionava em busca do empate. Aos 13 minutos, ele recebeu de Jadson e chutou em cima do goleiro, mas pegou o rebote e não desperdiçou. Na comemoração, ele fez o gesto de quatro com as mãos e apontou para a torcida, lembrando que a Arena teve seu jogo festivo inaugural há exatamente quatro anos, no Corinthians contra Corinthians. A primeira partida oficial do estádio aconteceu no dia 18 de maio.

O "dono" da Arena ainda marcou de novo aos 20 minutos, também na segunda tentativa. Romero chutou de longe e viu Sidcley pegar o rebote e cruzar na medida para ele marcar. No primeiro lance, o paraguaio estava em posição de impedimento quando recebeu de Gabriel.

E o Vitória?
A equipe adotou outra postura no segundo tempo, com a entrada de André Lima no lugar de Willian Farias, mas viu o Corinthians ampliar a vantagem. Mesmo assim, o Vitória não desistiu e tentou ao menos diminuir.

O gol de honra saiu apenas aos 31 minutos do segundo tempo, justamente com André Lima, que aproveitou cruzamento de Guilherme Costa. O Vitória, porém, não conseguiu forçar em busca do empate e ainda teve José Welison expulso.

Fim do jejum
O Corinthians não ganhava havia quatro jogos, maior jejum sem vitórias desde que Carille assumiu o comando da equipe. Fim da sequência negativa. Que venha o Dérbi!

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 3 X 1 vit
Coa do Brasil 2018  oitavas de final
Local: Arena Corinthians
Data-Hora: 10/5/2018 - 19h30
arb: Sandro Meira Ricci, Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn (PR)
Público/renda: 29.625 pagantes/R$ 1.280.969,60
Cartões amarelos: Rhayner (VIT)
Cartões vermelhos: José Welison, aos 44'/2ºT (VIT)
Gols: Maycon (38'/1ºT) (1-0), Romero (13'/2ºT) (2-0), Romero (20'/2ºT) (3-0), André Lima (31'/2ºT) (3-1),

CORINTHIANS: Cássio; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon (Maycon, aos 39'/2ºT); Jadson (Emerson Sheik, aos 26'/2ºT), 
Pedrinho (Mateus Vital, aos 29'/2ºT), Rodriguinho e Romero. Técnico: Fábio Carille.

vit: Caíque; José Welison, Kanu, Ramon e Pedro Botelho; Willian Farias (André Lima, no intervalo) e Uillian Correia; Neilton (Luan, aos 24'/2ºT), Yago e Rhayner; Denílson (Guilherme Costa, aos 14'/2ºT). Técnico: Vágner Mancini.










Corinthians bate Vitória por 3 a 1 e garante vaga nas quartas da Copa do Brasil
Adversário na próxima fase será definido em sorteio; Timão volta a campo domingo, às 16h, quando joga o derby pelo Brasileirão

 10/05/2018





Maycon e Romero, os autores dos gols corinthianos esta noite, comemoram na Arena Corinthians; Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Na noite desta quinta-feira (10), na Arena Corinthians, o Corinthians recebeu o Vitória pela segunda – e decisiva – partida das oitavas de final da Copa do Brasil de 2018. Após empate no primeiro jogo (0 a 0), em Salvador, o Timão garantiu a vaga nas quartas com uma vitória em casa por 3 a 1, com gols de Maycon e Romero (2).

Além da vaga nas quartas de final, a partida marcou o aniversário de quatro anos da Arena Corinthians, completados nesta quarta-feira, e ainda rendeu ao atacante Ángel Romero uma vantagem ainda maior na liderança da artilheira do estádio. Com os dois anotados nesta noite, o paraguaio foi a 23. Jadson, o segundo maior goleador, tem 20.



Timão escalado!

Com comando do técnico Fábio Carille, o Corinthians foi a campo com Cássio, Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel, Maycon, Jadson e Rodriguinho; Pedrinho e Romero. Iniciaram à disposição do treinador: Walter, Caíque, Pedro Henrique, Marllon, Juninho Capixaba, Paulo Roberto, Mateus Vital, Marquinhos Gabriel, Thiaguinho, Bruno Xavier, Emerson Sheik e Júnior Dutra.



Primeiro tempo

Logo no primeiro minuto, o Corinthians assustou o Vitória. Jadson tocou para Pedrinho, que lançou Rodriguinho. O meia bateu, mas o goleiro da equipe baiana fez boa defesa. Melhor em campo, o Timão voltou a levar perigo aos 19, quando Maycon, de fora da área, chutou forte para nova ação do arqueiro adversário

Aos 24 minutos, o Corinthians agrediu novamente a equipe baiana. O lateral direito Mantuan driblou um marcador, arrancou e, dentro da área, bateu para a defesa do goleiro do Vitória. Após tanto pressionar, o Timão finalmente conseguiu abrir o placar aos 38. Gabriel recebeu pela direita e cruzou rasteiro. O arqueiro adversário cortou e, na sobra, Maycon bateu firme para fazer 1 a 0.



Segundo tempo

Precisando empatar o jogo para levar a disputa da vaga para as quartas de final aos pênaltis, o Vitória começou a etapa final mais agressivo. No entanto, a tentativa de pressão não deu certo e o Corinthians logo chegou ao segundo gol. Aos 13 minutos, Balbuena tocou para Jadson. O camisa 10 fingiu que ia chutar, mas rolou para Ángel Romero. O atacante precisou bater duas vezes para balançar as redes da equipe baiana.

Aos 20 minutos, o paraguaio brilhou novamente. O camisa 11 arriscou de longe, o goleiro do Vitória rebateu e a bola sobrou para Sidcley. O lateral esquerdo cruzou e o próprio Romero anotou o terceiro do Corinthians. Com o gol, o atacante assumiu a liderança isolada da lista de artilheiros da Arena Corinthians.

Aos 25, Pedrinho quase fez o quarto do Corinthians. O camisa 38 fez uma linda jogada, passou por três marcadores do Vitória, invadiu a área e bateu cruzado. A bola caprichosamente bateu no travessão e saiu. No minuto seguinte, Fábio Carille fez a primeira alteração do jogo: saiu Jadson para a entrada de Emerson Sheik.

Aos 28, o Timão chegou com perigo mais uma vez. Pedrinho rolou para Rodriguinho na esquerda. O camisa 26 invadiu a área e chutou forte. O goleiro do Vitória fez uma grande defesa. Novamente no minuto seguinte, mais uma substituição no Alvinegro: Pedrinho deu lugar a Mateus Vital.

Aos 31, com André Lima, o Vitória descontou. A partir de então, a equipe baiana voltou a pressionar o Corinthians, mas sem levar grande perigo nos minutos seguintes. Aos 39, Fábio Carille promoveu a última troca no Corinthians: saiu Maycon para a entrada de Paulo Roberto.


Corinthians TV

Confira os gols da classificação corinthiana e entrevistas exclusivas de Sidcley e Romero após a partida.


Sorteio

Classificado para as quartas de final da Copa do Brasil de 2018, o Corinthians ainda não conhece o próximo adversário na competição. A definição acontecerá em sorteio, que será realizado após a disputa de todos os confrontos das oitavas de final.


Próximo jogo

O Corinthians volta a entrar em campo neste domingo (13), às 16h, quando joga o derby  na Arena Corinthians. O jogo, válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, já tem venda de ingressos aberta. 











Corinthians bate o Vitória e avança na Copa do Brasil
Timão controla rival, faz 3 a 1, volta a vencer depois de quatro partidas e está nas quartas de final do torneio; adversário será conhecido por sorteio

Veja os melhores momentos de Corinthians 3 x 1 Vitória

VÍDEOS

DESTAQUE


DESTAQUE


31' 2º TEMPOGol


28' 2º TEMPOLance Importante


25' 2º TEMPOLance Importante


20' 2º TEMPOGol


13' 2º TEMPOGol


41' 1º TEMPOLance Importante


38' 1º TEMPOGol


36' 1º TEMPOLance Importante



RESUMÃO
O JOGO VAGA CARIMBADA!

O Corinthians encerrou a sequência de quatro partidas sem vencer, bateu o Vitória por 3 a 1, nesta quinta-feira, em Itaquera, e garantiu classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. Depois do empate sem gols no jogo de ida, em Salvador, o Timão se impôs em casa, não deu chances ao rival e viu Ángel Romero brilhar – Maycon abriu o placar, e o paraguaio marcou os outros dois gols. André Lima descontou, mas tarde demais. Alívio necessário ao Corinthians antes de um dérbi domingo, também em casa A cabeça, agora, é no clássico.


DESTAQUE COMO FICA?
O Corinthians, agora, aguarda seu adversário nas quartas de final, que só sai depois da definição de todos os classificados. Não há nem como prever quem será esse rival, já que ele sairá por sorteio a ser realizado na sede da CBF, depois da Copa do Mundo.



DESTAQUE ARTILHEIRO NO ANIVERSÁRIO

Romero parece saber exatamente como agradar à torcida na Arena Corinthians, ainda mais no dia em que o estádio completou quatro anos de seu primeiro jogo, um amistoso entre ídolos do clube. Além da raça de sempre, o paraguaio jogou muito bem, aberto pelo lado esquerdo, deixando as provocações de lado e focando no futebol – o resultado veio com dois gols, um após lindo passe de Jadson, outro de cabeça. Romero, agora, tem 23 gols no estádio: ele é o artilheiro absoluto de Itaquera. Jadson, segundo colocado na lista, marcou 20 vezes.







DESTAQUE PRIMEIRO TEMPO

O Corinthians entendeu o caráter decisivo da partida e começou marcando no campo de ataque, e com Romero e Pedrinho atuantes pelos lados – pela esquerda e pela direita, respectivamente. Naturalmente, as chances foram aparecendo, mas o gol só saiu quando os volantes Gabriel e Maycon entraram na área. Aos 38 minutos, Gabriel recebeu na linha de fundo, cruzou para trás, e Maycon aproveitou o rebote para abrir o placar. O Vitória até criou, mas levou pouco perigo para Cássio.



DESTAQUE SEGUNDO TEMPO

O ritmo do jogo diminuiu, mas o Corinthians continuou com o controle. A ponto de Gabriel e Balbuena terem armado a jogada do segundo gol – o zagueiro paraguaio conduziu a bola sozinho, rolou para Jadson, e Romero completou o lance nas redes. Pouco depois, Romero fez mais um e iniciou a festa na arena, com gritos de "eliminado" das arquibancadas. André Lima até diminuiu, de cabeça, mas o Vitória não teve qualquer poder de reação.



DESTAQUEPÚBLICO E RENDA

Público: 29.625 pagantes.
Renda: R$ 1.280.969,60.





DESTAQUEPRÓXIMOS JOGOS

O Corinthians joga o derby às 16h (de Brasília) do domingo, em casa, Arena Corinthians.


Com a vitória por 3 a 1, o Corinthians está classificado para as quartas de final da Copa do Brasil. O confronto da próxima fase será definido em sorteio.















Corinthians contrata zagueiro de 18 anos, Pablo Nereu, ex Capivariano

Por GloboEsporte.com
10/05/2018 20h28
O Corinthians contratou o zagueiro Pablo Nereu, de 18 anos, ex Capivariano, da Série A-3, será aproveitado na equipe sub-20 do Timão.

Em sua conta no Instagram, o jovem festejou o acerto com o Corinthians e disse ser "mais um para o bando de loucos".

Pablo Nereu assinou contrato com o Corinthians (Foto: Reprodução/Instagram)












Jadson exalta disputa com Romero pela artilharia da Arena: 'Orgulho'

Meia está a um gol de igualar o atacante na artilharia da Arena Corinthians. Nesta quinta, os dois serão titulares do Timão na partida contra o Vitória, pela Copa do Brasil


Guilherme Amaro

10 MAI2018
06h31
atualizado às 06h31


A Arena Corinthians recebe um confronto importante nesta quinta-feira, quando Timão e Vitória decidem uma vaga nas quartas de final da da Copa do Brasil (jogo de ida ficou no 0 a 0). O duelo pode ser ainda mais especial para Jadson, que tem a chance de tornar-se o artilheiro do estádio.


Jadson marcou 20 gols na ArenaFoto: Daniel Augusto Jr / LANCE!

Jadson marcou 20 vezes na Arena e está a apenas um gol de igualar Romero na artilharia. Nesta quinta, os dois serão titulares do Corinthians, e o meia exaltou a disputa com o atacante paraguaio.

- Não, não. Nunca falamos sobre isso. Até porque não tem vaidade entre a gente. É um assunto mais para a imprensa e torcedores. A gente fala das estratégias do time e de como podemos vencer os jogos - afirmou Jadson, em entrevista ao LANCE!.

- Sempre faço questão de dizer que o mais importante é o resultado coletivo. O que vale mesmo são as vitórias e os títulos do Corinthians, mas é claro que estar disputando a artilharia do nosso estádio é motivo de muito orgulho - acrescentou o meia.

Artilheiro geral do elenco corinthiano, com 39 gols, Jadson acirrou a disputa com Romero nesta temporada. Das quatro vezes que o meia marcou em 2018, duas foram na Arena. Já o atacante balançou a rede um vez neste ano, no Pacaembu.

Em 2018, a dupla viu um grande concorrente pelo posto de artilheiro deixar o Corinthians. Vendido ao Nagoya Grampus (JAP) no fim do ano passado, Jô é o terceiro maior goleador do estádio, com 17 gols.

O Corinthians busca uma vitória nesta quinta-feira para não depender dos pênaltis para avançar na Copa do Brasil. Nesta entrevista ao LANCE! , o meia analisou o confronto com o Vitória e a fase do Corinthians, que não vence há quatro jogos, e também disse que está melhor fisicamente após recuperar-se de lesão muscular na coxa direita sofrida em março. Confira:

Você já é o artilheiro geral do elenco. Ser o goleador do estádio é algo que você busca na carreira?
Olha, confesso que nunca pensei em ser o artilheiro do Corinthians. Desde o meu primeiro dia aqui no clube, deixei claro que iria trabalhar pra ajudar da melhor maneira. Sou um cara que costumo criar mais as chances para meus companheiros do que chegar pra fazer o gol, mas acabei fazendo muitos gols pelo time. Isso é algo que aconteceu de forma natural e que me deixa muito orgulhoso.

Após marcar o gol da vitória contra o Independiente na Argentina, você disse que ainda não estava 100%. Como está agora?
Eu tive uma lesão muscular meio chata, que atrapalhou a minha sequência na temporada. Comecei bem o ano, mas precisei parar para tratar e isso me prejudicou, mas agora já estou me sentindo melhor.

Como analisa esse momento de quatro jogos sem vitória?
Nosso elenco é muito experiente e sabemos lidar bem com essas situações. Sabíamos que, em algum momento, passaríamos por dificuldades, o que é normal quando você disputa campeonatos tão equilibrados. Assim como no ano passado, quando passamos por um momento mais complicado, iremos manter o foco é trabalhar muito pra voltar a vencer.

O que acha que faltou ao time nos últimos jogos?
Difícil apontar os erros assim porque são diversos fatores. Nosso time passou por uma maratona muito desgastante, tivemos lesões importantes nesse período e jogamos contra equipes bem postadas. Precisamos manter a tranquilidade e seguir trabalhando forte que os resultados voltarão a aparecer.

O que o Corinthians precisa fazer para bater o Vitória e avançar na Copa do Brasil?
Não tem um segredo. O que precisamos fazer é entrar ligados desde o primeiro minuto de jogo e impor nosso ritmo de jogo do começo ao fim para sair de campo com a classificação, mas será outro jogo bastante difícil.

Tem alguma estratégia diferente por ser jogo de mata-mata?
Jogo mata-mata é um pouco diferente porque você precisa saber jogar com o regulamento, ir com paciência, não se afobar.

Como tem sido sua preparação nessa maratona de jogos até a parada para a Copa do Mundo?
Como eu disse, a lesão me atrapalhou um pouco, mas agora já estou bem e realizando um trabalho intenso para poder desempenhar bem até a parada da Copa.

Acha que o elenco precisa de reforços para brigar em todas as competições?
Eu confio na força do nosso elenco. Todos nossos jogadores têm qualidade e já provaram isso, mas se alguém chegar pra reforçar nosso time, será muito bem-vindo.












Tour da Arena Corinthians completa um ano e o L! mostra os detalhes dessa visita

O Tour Casa do Povo completa um ano no dia 10 de maio de 2018. O LANCE! foi até a Arena, fez a visita monitorada na Arena e conta todos os detalhes


Vitor Chicarolli *

10 MAI2018
08h02
O Tour Casa do Povo, da Arena Corinthians completa um ano desde sua inauguração, dia 10 de maio de 2017. A visita guiada por monitores nos bastidores da Arena ultrapassou a expressiva marca de 60 mil visitantes no fim de abril e já foi visitada por pessoas de todas as regiões do Brasil e por mais de 30 nacionalidades diferentes como Alemanha, Inglaterra, Holanda e Japão. O Tour é visto como sucesso.


O Tour Casa do Povo completa um anoFoto: Divulgação / LANCE!

O torcedor pode conhecer durante o Tour, locais onde frequentemente são ocupados por jogadores, comissão técnica e pela imprensa, como o gramado, vestiários, zona mista, sala de imprensa e sala de coletiva, além de camarotes e a parte interna da Arena. A interação é tão grande que já contou com a presença de jogadores e ex-jogadores alvinegros. O tour acompanhado pelos ídolos costuma ter uma duração maior para que os torcedores possam conversar, tirar fotos e ouvir experiências dos atletas. Alguns exemplos são Zé Maria, Basílio, Wladimir, Edílson e Vampeta. E do elenco atual, Balbuena, Pedrinho e Clayson também marcaram presença.

Por conta do sucesso obtido pelo Tour, a Arena Corinthians ganhou 15 posições no site de turismo Trip Advisor durante esse primeiro ano. A casa do Timão estava na 23ª posição em maio do ano passado e hoje se encontra na oitava posição entre 762 atividades na cidade . Ainda de acordo com site, é a primeira atração esportiva da cidade, ultrapassando até mesmo o Museu do Futebol. Cerca de 200 pessoas visitam por dia a Arena Corinthians.

- Desde o começo, a ideia do Tour não era ser como uma visita a um museu ou apenas para mostrar os bastidores da Arena. O objetivo sempre foi ser um passeio interativo, visando o fácil entendimento do público e fazer com que cada visitante entenda como funciona a Arena e como ela ajuda o Corinthians a manter esse ótimo retrospecto dentro de casa. Os guias foram treinados, fizeram aulas de teatro e também tiveram aulas sobre a Arena, além de todos serem corintianos - disse a assessora do Tour Casa do Povo, Mariana

Outras ações tem atraído o público a conhecer o local. O visitante que fizer o Tour no dia do seu aniversário, tem entrada gratuita. Aniversariantes do mês e moradores da Zona Leste ganham 50% de desconto. Para os moradores da região, basta comprar o ingresso como meia-entrada e levar um comprovante de endereço.

Nesta quinta-feira, o Corinthians enfrenta o Vitória pelo jogo de volta da Copa do Brasil, na Arena Corinthians, às 19h30 e precisa vencer para avançar de fase. Em Salvador, a partida de ida terminou empatada em 0 a 0.

O Tour
Duração de 1h10 de visita aos camarotes, Átrio, Business Lounge, sala de imprensa e de coletiva, zona mista, sala de aquecimento, vestiários e campo. Além de conhecer cada ambiente, o visitante descobre o porquê de cada espaço e como eles são utilizados para que o Corinthians seja vencedor dentro e fora de campo.

Como comprar
O tour funciona de domingo à domingo, e os ingressos custam R$ 40 durante a semana e R$ 60 aos finais de semana e feriados, com desconto de 20% para membros do Programa Fiel Torcedor. Estudantes, idosos e crianças de quatro a 12 anos têm direito à meia-entrada. Menores de três anos não pagam.

*Sob supervisão de Marcio Monteiro

Tour da Arena Corinthians completa um ano e o L! mostra os detalhes dessa visita


O Tour Casa do Povo completa um ano
Foto: Divulgação / LANCE!












4 anos de Arena Corinthians: a Copa do Mundo foi nossa

Seis jogos do Mundial foram realizados na casa do Timão em 2014- 10/05/2018



 – JUNE 12: A general view during the 2014 FIFA World Cup Brazil Group A match between Brazil and Croatia at Arena don June 12, 2014  Brazil. (Photo by Dennis Grombkowski – FIFA/FIFA via Getty Images)

Quase duas bilhões de pessoas ao redor do mundo e cerca de 360 mil torcedores in loco. Em pouco menos de um mês, a Arena Corinthians brilhou aos olhos do planeta como um dos principais palcos da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014. Além de Brasil 3 x 1 Croácia, partida de abertura do torneio disputada em 12 de junho, o novo estádio corinthiano recebeu outros cinco duelos.

Pela Arena Corinthians, passaram também: Uruguai, Inglaterra, Holanda, Chile, Bélgica, Coréia do Sul, Argentina e Suíça. A organização, o atendimento e conforto da nova casa da Fiel marcaram os jogos emocionantes, que incluíram também uma oitavas de final (Argentina x Suíça) e uma semifinal (Argentina x Holanda), que atraíram a atenção do mundo.

A Arena Corinthians foi o segundo estádio da cidade de São Paulo a sediar jogos da Copa do Mundo FIFA. Antes do novo estádio corinthiano, apenas o Pacaembu, em 1950, havia tido a honra de receber partidas do evento esportivo de maior audiência em todo o planeta.

A Copa do Mundo de 2014 também deu à Arena Corinthians o seu recorde de público. Para o Mundial, arquibancadas provisórias foram construídas nos setores Norte e Sul. Com isso, a maior marca de torcedores foi atingida no dia 09 de julho daquele ano, quando 63.267 fãs acompanharam a semifinal entre Argentina e Holanda.

Os jogos da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 disputados na Arena Corinthians foram:

12 de junho

Brasil 3 x 1 Croácia

19 de junho

Uruguai 2 x 1 Inglaterra

23 de junho

Chile 0 x 2 Holanda

26 de junho

Coréia do Sul 0 x 1 Bélgica

01 de julho

Argentina 1 x 0 Suíça

09 de julho

Holanda 0 (2) x (4) 0 Argentina












Em 2016, Arena Corinthians trouxe os Jogos Olímpicos à cidade
10 partidas dos torneios de futebol dos Jogos do Rio foram realizadas na casa do Timão 

10/05/2018

Construída para receber a cerimônia de abertura e seis jogos da Copa do Mundo FIFA 2014, a Arena Corinthians viveu, em apenas dois anos, outro momento importante em sua história.

Em 2016, a casa do Timão recebeu 10 jogos dos torneios de futebol masculino e feminino dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Ao todo, as partidas receberam mais de 280 mil pessoas, atraindo à Itaquera torcedores de diversos países do mundo.

Entre as partidas realizadas na Arena Corinthians, destaque para o duelo entre Brasil e Colômbia, que repetiriam o duelo das quartas de final da Copa do Mundo, realizado dois anos antes. A vitória foi fundamental na caminhada da Seleção para o inédito ouro olímpico. Além desta, os jogos entre Alemanha e Nigéria, pela semifinal do torneio masculino, e Brasil e Canadá, pela disputa da medalha de bronze no torneio feminino, atraíram grande público à Itaquera.

Confira todos os jogos da Olimpíada realizados na Arena Corinthians:

03/08 – Canadá 2 x 0 Austrália – Fase de grupos do futebol feminino

03/08 – Zimbábue 1 x 6 Alemanha – Fase de grupos do futebol feminino

06/08 – Canadá 3 x 1 Zimbábue – Fase de grupos do futebol feminino

06/08 – Alemanha 2 x 2 Austrália – Fase de grupos do futebol feminino

10/08 – Colômbia 2 x 0 Nigéria – Fase de grupos do futebol masculino

10/08 – África do Sul 1 x 1 Iraque – Fase de grupos do futebol masculino

12/08 – Canadá 1 x 0 França – Quartas de final do futebol feminino

13/08 – Brasil 2 x 0 Colômbia – Quartas de final do futebol masculino

17/08 – Alemanha 2 x 0 Nigéria – Semifinal do futebol masculino

19/08 – Brasil 1 x 2 Canadá – Disputa do bronze futebol feminino

Além da Arena Corinthians, a Fazendinha também fez parte dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. O local foi escolhido como um dos Centros de Treinamentos para as seleções masculinas e femininas de futebol que jogaram em São Paulo. A estrutura da sede social alvinegra recebeu as seleções masculinas da Colômbia, Nigéria, África do Sul e Iraque e as femininas da Alemanha, Zimbábue, Canadá e Austrália.
Corinthians x Vitória – 10 curiosidades
10/05/2018





Na primeira partida entre Corinthians x Vitória na Arena, o Timão levou a melhor: 2 a 1, com gols de Marlone e Marquinhos Gabriel; Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Na noite desta quinta-feira (10), Corinthians e Vitória disputam o segundo – e decisivo – jogo das oitavas de final da Copa do Brasil de 2018. Na Arena Corinthians, a partida acontece a partir das 19h30. A transmissão ao vivo será feita pela Fox Sports para todo o Brasil. Confira 10 curiosidades sobre o duelo:



– Ao longo da história, Corinthians e Vitória se enfrentaram 44 vezes. O retrospecto é favorável ao Timão: 24 vitórias, 13 empates, sete derrotas, 79 gols marcados e 44 sofridos;



– A primeira partida entre Corinthians e Vitória foi um amistoso disputado no dia 28 de novembro de 1945. No Campo da Graça, em Salvador, o Timão venceu por 4 a 1, com gols de Baltazar, Maracaí (2) e Pipi;



– Na capital paulista, o primeiro jogo entre Corinthians e Vitória foi disputado apenas 33 anos depois. No Pacaembu, pela terceira fase do Campeonato Brasileiro, as equipes empataram em 2 a 2. Os gols corinthianos na noite de 20 de julho de 1978 foram marcados por Palhinha e Nobre;



– Na Arena Corinthians, palco da partida desta quinta-feira, o retrospecto entre Corinthians e Vitória é equilibrado: dois jogos, uma vitória e dois gols para cada clube;



– O primeiro jogo entre as equipes na Arena Corinthians foi disputado no dia 22 de agosto de 2016. Pelo Campeonato Brasileiro, o Timão venceu por 2 a 1, com gols de Marlone e Marquinhos Gabriel;



– O último jogo entre Corinthians e Vitória na Arena Corinthians marcou também a primeira derrota alvinegra no Campeonato Brasileiro de 2017. O Timão havia feito uma campanha recorde – e invicta – no turno inicial, com 47 pontos em 19 partidas. Logo na abertura do returno, a equipe do técnico Fabio Carille perdeu a invencibilidade;



– Antes do duelo deste ano, Corinthians e Vitória haviam se encontrado apenas uma vez na Copa do Brasil: pelas quartas de final, em 2004. No Pacaembu, o Timão ganhou o primeiro jogo por 1 a 0, com gol de Jô; No Barradão, o clube baiano venceu por 2 a 0;



– Como joga a Conmebol Libertadores, o Corinthians estreia na Copa do Brasil deste ano diretamente nas oitavas de final. Para alcançar esta fase, o Vitória eliminou anteriormente: Globo FC, Corumbaense, Bragantino e Internacional-RS;



– Ainda antes da Copa do Mundo, Corinthians e Vitória se enfrentarão novamente na Arena Corinthians. No dia 09 de junho (sábado), às 21h, as equipes jogam pelo Campeonato Brasileiro;



– De acordo com o portal Climatempo, a temperatura na capital paulista no horário do jogo deve variar entre 21°C e 19°C, sem chance de chuva.



Você encontra esta e outras informações no aplicativo oficial Almanaque do Timão e no aplicativo oficial do Sport Club Corinthians Paulista, ambos disponíveis em sistemas iOS, na Apple Store, e Android, na Google Play Store.


Em busca de vaga nas quartas, Corinthians enfrenta Vitória na Copa do Brasil
Com empate em 0 a 0 no primeiro duelo, uma vitória com qualquer placar leva o Timão para a próxima fase; novo placar igual leva o duelo para a disputa de pênaltis- 10/05/2018





Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

No início da noite desta quinta-feira (10), o Corinthians entra em campo pelo duelo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil 2018. Na Arena Corinthians, o Timão recebe o Vitória, às 19h30. A partida terá transmissão exclusiva do Fox Sports.



Provável escalação

Com comando do técnico Fábio Carille, o provável time do Corinthians apresenta: Cássio; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel, Maycon, Pedrinho, Jadson, Rodriguinho e Romero.



Fala, Rodriguinho!

Na última quarta-feira (09), no CT Dr. Joaquim Grava, o meia Rodriguinho concedeu entrevista coletiva e projetou a partida contra o Vitória.

“Cada jogo é uma história, mas acho que eles vão querer jogar fechadinho, explorando o contra-ataque. Acabaram fazendo o gol no começo, fizeram duas linhas de quatro, criando dificuldades. Vamos atacar com mais responsabilidade, com cuidado atrás, para fazer o gol e obrigar o adversário a sair”, disse o camisa 26.



Ingressos à venda

Até o fim da tarde da última quarta-feira (09), 23 mil ingressos haviam sido vendidos para o jogo entre Corinthians x Vitória. Nesta quinta, a venda continua pela internet até as 11h30, no www.ingressoscorinthians.com com 25% de desconto, e nas bilheterias da Arena Corinthians a partir das 12h.



Retrospecto positivo

Este será o 45º duelo entre Corinthians e Vitória em toda a história do confronto. O retrospecto é positivo para o Timão: são 24 vitórias, 13 empates, sete derrotas, 79 gols marcados e 44 sofridos.



Jogos do Corinthians na Copa do Brasil

Tricampeão do torneio nacional, o Corinthians fará o seu 141º jogo pela Copa do Brasil. O retrospecto corinthiano na competição é positivo: 73 vitórias, 34 empates, 33 derrotas, 240 gols marcados e 134 sofridos.



Quatro anos do primeiro jogo na Arena Corinthians

Coincidentemente no dia que o Timão faz o jogo decisivo com o Vitória pela Copa do Brasil, há quatro anos, o sonho do corinthiano se tornava realidade. Em 10 de maio de 2014, a Fiel pôde comparecer à Casa do Povo pela primeira vez. Na ocasião, a torcida alvinegra acompanhou um jogo amistoso entre ídolos da história corinthiana.

Com mais de 17 mil torcedores, o primeiro gol foi de Roberto Rivellino, que marcou de pênalti. Além do ‘Reizinho do Parque’, mais de 100 ídolos da história do Timão também participaram da celebração.



Retrospecto na Arena Corinthians

O duelo contra o Vitória marcará o 132º jogo da história do Timão na Arena Corinthians. O retrospecto do Alvinegro dentro da Casa do Povo é pra lá de positivo. São 88 vitórias, 31 empates e somente 12 derrotas, com 232 gols marcados e 82 sofridos.



Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy App


Arena Corinthians comemora 4 anos e papel fundamental nas conquistas recentes do Timão
Timão tem aproveitamento de 75% em 131 jogos oficiais em sua casa, inaugurada em 10 de maio de 2014



10/05/2018





Foto: Bruno Teixeira

Nesta quinta-feira, (10), a Arena Corinthians celebra 4 anos de sua inauguração e abertura oficial para a Fiel Torcida. Foi em um jogo comemorativo, Corinthians x Corinthians, reunindo ídolos de diversas gerações dentro de campo, que a Fiel pôde, enfim, sentir a emoção de cantar pelo Coringão em sua própria casa.

Desde então, foram quatro títulos conquistados e incontáveis momentos inesquecíveis para o bando de loucos. Entre goleadas, classificações e troféus, as alegrias vividas na Casa do Povo já estão gravadas para sempre na memória dos corinthianos.

A força demonstrada pelo time e o apoio incondicional da torcida se tornaram marcas registradas da Arena Corinthians. Não à toa, é encarada pelos adversários como um verdadeiro hospício.

Retrospecto

Até hoje, o Corinthians disputou 131 jogos oficiais na Arena. O Timão venceu 88 e empatou 31 dessas partidas, atingindo uma impressionante marca de 75% de aproveitamento em Itaquera. Os números fazem do clube, hoje, um dos mais temidos mandantes do Brasil.

“Ter o seu estádio, sua identidade junto com o torcedor e saber usar o seu campo é muito importante. Nosso gramado é rápido, é diferente dos outros. A gente precisa molhar, não para nos favorecer, mas porque ele é um campo no qual precisa se jogar assim e a gente sabe prevalecer em cima disso”, diz o técnico Fabio Carille.

O retrospecto positivo se deve, também, aos artilheiros alvinegros que já balançaram as redes 232 vezes em Itaquera, nesses 4 anos. Dentre eles, o paraguaio Angel Romero é o que mais vezes anotou um gol na Arena Corinthians, com 21 tentos marcados.

“É um sonho do torcedor corinthiano. Quatro anos de vida, com muitas histórias importantes e títulos conquistados. Sabemos da nossa força na Arena, porque temos o nosso jeito de jogar, a nossa identidade, aliada à força e proximidade com o torcedor, que faz com que o Corinthians se imponha e seja ainda mais respeitado quando joga dentro de casa”, completa o treinador corinthiano.

A força da Fiel

O Corinthians sempre carregou a Fiel, seja em São Paulo, no Rio de Janeiro, na Argentina ou no Japão, mas o sucesso de público nos jogos em Itaquera é inegável. Em quatro anos, a Fiel abraçou a Arena Corinthians e fez dela um verdadeiro caldeirão para os adversários.

Até o momento, considerando todos os jogos oficiais realizados pelo Corinthians, a Arena registra média de 32.500 torcedores por jogo. No Brasileirão do ano passado, vencido pelo Timão, a Arena Corinthians alcançou a impressionante média de 40.007 torcedores nos 19 jogos realizados em casa pelo nacional.

Entre todos os jogos marcantes, foi justamente o Derby contra o Palmeiras, na campanha do heptacampeonato brasileiro, que registrou o maior público da história da Arena em jogos do clube. Foram 46.090 loucos que empurraram o time à vitória por 3 a 2, fundamental na conquista do sétimo título brasileiro.

O recorde de público geral da história da Arena Corinthians, porém, foi registrado no duelo da semifinal da Copa do Mundo de 2014, entre Holanda e Argentina, quando 63.267 torcedores assistiram à classificação dos “hermanos” para a final do Mundial. Esse número não pode ser batido, já que a Arena contava com duas arquibancadas provisórias que aumentaram a sua capacidade de público para receber os seis jogos da Copa – um capítulo à parte nesses 4 anos de Arena Corinthians.

Momentos marcantes

Nesses quatro anos, alguns momentos ficaram marcados na memória do torcedor corinthiano em Itaquera. Apesar de derrota para o Figueirense (a primeira, de apenas 12 tropeços em sua casa), o primeiro jogo oficial do Timão na Arena Corinthians será lembrado pelos torcedores corinthianos, acostumados a sofrer e nascidos para a superação.

Não poderia ser diferente com a história da Arena Corinthians. Da derrota, a casa do Timão se reergueu, tornou-se uma fortaleza para a Fiel e, em pouco tempo, coleciona momentos inesquecíveis. Os primeiros duelos contra os principais rivais do Estado ficaram marcados por três vitórias do Timão.

Em 27/07/2014, o Timão derrotou o Palmeiras por 2×0, no primeiro Derby da história da Arena Corinthians. Pouco depois, em 21/09/2014, o Corinthians bateu o São Paulo no primeiro Majestoso disputado em Itaquera. No clássico Alvinegro, disputado em 09/11 do mesmo ano, vitória de 1 a 0 para o Timão, que começava a mostrar a sua força em sua nova casa.

Não demorou para o Corinthians dar a primeira volta olímpica em seu estádio. No Brasileirão de 2015, vencido matematicamente pelo Timão em duelo com o Vasco da Gama, em São Januário, a volta olímpica com a taça foi realizada na Arena Corinthians, depois de uma histórica goleada de 6×1 contra o São Paulo. O #6x1doHexa!

No ano passado, o Timão sagrou-se campeão pela primeira vez jogando em sua Arena. Contra a Ponte Preta, na reedição da final que ocorrera 40 anos antes e marcava o fim do jejum da torcida corinthiana, a Fiel comemorou o 28º título Paulista em Itaquera, e a consolidação como #PrimeiraForça do estado. No mesmo ano, em novembro, o Corinthians confirmou o Heptacampeonato Brasileiro no estádio, derrotando o Fluminense por 3×1. Era o #Hep7aDeRespeito e o segundo campeonato nacional comemorado pela Fiel, em 4 anos de Arena Corinthians.









Corta para esquerda e bate: joia da base do Corinthians tem jogada proria pra gols

Rafael Bilu é o autor de um dos gols da vitória  do Corinthians sobre o Botafogo na Copa do Brasil Sub-20;


Por Danilo Sardinha
10/05/2018 10h06

O canhoto meia-atacante Rafael Bilu, da equipe sub-20 do Corinthians, quando arranca pela direita, já tem a jogada pronta em mente: corta para a esquerda e chuta para o gol. Uma jogada característica do jovem de 19 anos, mas que se tornou marca registrada de um dos grandes jogadores do futebol mundial: Arjen Robben, do Bayern de Munique. E isso não é uma coincidência. O holândes é uma das principais inspirações de Bilu, que sonha trilhar carreira semelhante.

– Ele tem as características iguais as minhas, de jogar com a perna esquerda e ter a qualidade de cortar com a perna esquerda e chutar. Essa é uma qualidade que eu tenho também. Espero um dia chegar onde ele chegou – disse.



Bilú foi o autor do primeiro gol do Corinthians contra o Botafogo na Copa do Brasil Sub-20 (Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com)

– Assisto aos jogos do Bayern, amistosos da Holanda... É um cara que vou me espelhar sempre. Até quando se aposentar, vai ser um cara que vai continuar sendo meu ídolo e vou me espelhar. Se Deus quiser, vou chegar em um Bayern também, ser o novo Robben lá – acrescentou o atleta, que também tem o atacante Neymar como inspiração.

Bilu foi o autor do primeiro gol do Corinthians Sub-20 na vitória sobre o Botafogo por 2 a 0, nessa quarta-feira, 9, pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil da categoria. A partida de volta está marcada para a próxima quinta-feira, 17, às 18h30, no estádio Nilton Santos (assista abaixo).


– É uma vantagem boa, mas não podemos entrar confortáveis. Sabemos que cada jogo é uma história. Do mesmo jeito que fizemos dois gols aqui, eles podem fazer dois gols lá. Precisamos chegar lá focados, entrar como se estivesse 0 a 0, fazer os gols para aumentar a vantagem e sair de lá classificado – comentou o atleta.



Goool do Corinthians! Rafael Bilu chuta de fora da área e abre o placar contra o Botafogo

Rafael Bilu chegou ao Corinthians com 11 anos. Cresceu nas categorias de base do clube e já teve chances de treinar com o time profissional. O contrato do atleta com a equipe está perto do fim. Vence em 31 de agosto. O meia-atacante, que sonha chegar ao profissional, deixa essa renovação nas mãos dos empresários.

– Em relação ao contrato, estou deixando isso de lado e deixando meus empresários resolverem. Estou só trabalhando, pensando na Copa do Brasil e pensando em melhorar a cada dia – afirmou.




Timão vendeu 23 mil ingressos antecipadamente para a partida contra o Vitória, nesta quinta-feira

A média de público do Corinthians em 2018 é de 30.545. O clube já arrecadou R$ 22 milhões em bilheteria nesta temporada, valor destinado integralmente ao fundo responsável pelo pagamento do financiamento da obra da Arena