20 de fev de 2018

CORINTHIANS 20/02/2018

Corinthians volta a treinar amanhã as 10h no CT Joaquim Grava
21/02 | Quarta-feira
10h | Treino no CT Dr. Joaquim Grava

















O Corinthians volta a treinar na manhã desta quinta-feira, às 10h.







Corinthians anuncia venda de 33 mil ingressos para o Dérbi na Arena

Bilhetes continuam à venda nesta quarta-feira e pela internet. Duelo no próximo sábado será o primeiro clássico na Arena Corinthians nesta temporada


LANCE!

20 FEV2018
18h07



O Corinthians informou nesta terça-feira parcial de 33 mil ingressos vendidos parao derby válido pelo Campeonato Paulista 2018, que será disputado neste sábado às 17h, na Arena Corinthians. As vendas continuam nesta quarta-feira


A Fiel pode comprar as entradas para a partida em cinco pontos físicos. Na Arena Corinthians e na loja Poderoso Timão da Rua Augusta, as bilheterias funcionam das 12h às 17h. No Parque São Jorge e nas lojas Poderoso Timão do Shoppping D e Tietê Plaza, os ingressos podem ser adquiridos das 12h às 19h.

Pela internet, as entradas estão à venda com 5% de desconto até as 9h de sábado (24) através do endereço ingressoscorinthians.com.

Para esta partida, a Arena Corinthians contará também com o Esquenta da Fiel. Torcedores com ingresso pro jogo já podem comprar a entrada para o evento no www.fieltorcedor.com.br e nas bilheterias.

Setores disponíveis

Leste Superior Central - R$ 98 (R$ 49 meia)

Oeste Inferior - R$ 178 (R$ 89 meia)

Veja os endereços dos pontos de venda físicos

Parque São Jorge

Rua São Jorge, 777 - Tatuapé -

Arena Corinthians

Avenida Miguel Ignácio Curi, 111 - Itaquera

Loja Poderoso Timão Rua Augusta

Rua Augusta, 1948, Cerqueira César

Loja Poderoso Timão Shopping D

Avenida Cruzeiro do Sul, 1100, Loja 2039 - Canindé

Loja Poderoso Timão Tietê Plaza

Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, 1465, loja 1056 - Vila Pirituba 









Corinthians reservas empata jogo-treino em 1x1 contra red bull
Gol feito por Mateus Vital após bela triangulação de Danilo, Jadson e Lucca
Após o empate entre os titulares dos dois times na segunda-feira, reservas fizeram um jogo-treino no CT do Timão nesta terça. Carille aproveitou para testar variações

Guilherme Amaro

20 FEV2018
17h34

Após o empate por 1 a 1 na noite de segunda-feira, pelo Paulistão, Corinthians e Red Bull Brasil voltaram a se enfrentar nesta terça. Em jogo-treino realizado no CT do Timão, os reservas das duas equipes repetiram os titulares e empataram novamente por 1 a 1.

O Corinthians do primeiro tempo teve: Caíque, Mantuan, Yago, Pedro Henrique e Maycon; Gabriel e Camacho; Mateus Vital, Jadson e Lucca; Danilo.

Assim como havia acontecido na segunda, o Timão abriu o placar. Lucca fez boa jogada pela esquerda, tabelando com Jadson e Danilo, e cruzou para Mateus Vital só empurrar para o gol.

Outro fator da partida válida pelo Paulistão repetiu-se no jogo-treino: a dificuldade que o Corinthians tem para criar as jogadas. Além do gol, teve só mais um bom lance, mas ninguém aproveitou cruzamento de Jadson.

No segundo tempo, o Corinthians teve: Filipe, Mantuan, Léo, Pedro Henrique e Guilherme Romão; Paulo Roberto e Mateus Vital; Pedrinho, Jadson e Emerson Sheik; Danilo.

Apesar das mudanças, a postura do Timão continuou a mesma. O Red Bull chegou ao empate com João Denoni, que aproveitou erro na saída de Paulo Roberto, avançou e chutou forte da entrada da área.

O Corinthians fez outras duas mudanças: Warian e Kazim nas vagas de Jadson e Danilo. Assim, Mateus Vital voltou a jogar mais avançado.

O jogo-treino estava perto do fim quando o Corinthians acordou, mas Kazim desperdiçou duas grandes oportunidades. Na primeira, Pedrinho driblou pelo meio e lançou para o centroavante, que passou pelo goleiro, ficou sem ângulo e mandou para fora. Depois, o gringo recebeu cruzamento de Warian e chutou em cima do goleiro adversário, praticamente no último lance do jogo-treino.
publicidade


Enquanto os reservas enfrentavam o Red Bull Brasil, os titulares realizavam trabalhos regenerativos na parte interna do CT. O Timão volta a treinar na manhã desta quarta-feira.

OS TESTES

O técnico corinthiano aproveitou o jogo-treino e testou algumas variações. O esquema tático da equipe continuou no 4-2-3-1.

Jadson centralizado na linha de três, lugar ocupado por Rodriguinho no time titular. Normalmente, Jadson atua pelo lado direito no esquema 4-2-3-1 ou por dentro no 4-1-4-1.

Mateus Vital chegou a atuar como segundo volante, no lugar de Camacho, no início do segundo tempo. Ele voltou a jogar mais avançado após a entrada de Warian.







Juninho Capixaba trata entorse leve e vira dúvida no Corinthians para o Dérbi. Maycon e Guilherme Romão são opções

Lateral-esquerdo se machucou na última segunda-feira em duelo contra o Red Bull Brasil no Moisés Lucarelli, em que marcou gol contra. Ele iniciou a fisioterapia


LANCE!

20 FEV2018


O lateral-esquerdo Juninho Capixaba, do Corinthians, é dúvida para o derby no próximo sábado, na Arena Corinthians. Ele sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo na partida de ontem, segunda-feira e nesta terça iniciou tratamento no CT Joaquim Grava.




Juninho Capixaba em treino do Corinthians Foto: Antonio Cicero/PhotoPress/Lancepress! / LANCE!

Em uma avaliação inicial feita pelo departamento médico do clube, o problema foi considerado de grau leve. No entanto, não o garante no clássico do próximo sábado. Juninho Capixaba iniciou a fisioterapia e será melhor avaliado nos dias seguintes.

Caso o lateral não possa atuar no clássico, o mais provável é que Carille escale o volante Maycon no setor. Ele entrou na posição quando o lateral machucou e participou assim de jogo-treino nesta terça contra o próprio Red Bull, que encerrou também 1x1












Ralf vê Gabriel como titular do Timão, mas avisa: 'Vou buscar meu espaço'

Apresentado nesta terça-feira, volante de 33 anos admite que dono da posição é Gabriel, desconversa sobre função preferida e vê concorrência sadia no Corinthians


Guilherme Amaro

20 FEV2018



Embora tenha conquistado seis títulos em sua primeira passagem pelo Corinthians, o volante Ralf sabe que não chegará como titular nesta volta ao clube. O jogador de 33 anos foi apresentado pelo Timão e admitiu que Gabriel é o dono da posição, mas fez um aviso: brigará pelo seu espaço.
publicidade




Ralf foi apresentado nesta terça Foto: Reprodução/Twitter / LANCE!

- Concorrência sadia. O Corinthians tem a ganhar com isso, é uma dor de cabeça para o Carille. Acompanhei o Gabriel, é um ótimo profissional, vou respeitá-lo, o momento é dele, tenho que trabalhar e buscar meu espaço. Se tiver que jogar junto, também não tem problema, vou procurar meu espaço - afirmou Ralf, que "não vê problema" em ser reserva.

- Não vejo nenhum problema, até porque você assina seu contrato e não vem falando que será titular. Tem que trabalhar e respeitar quem está jogando. Todo mundo tem que brigar pelo espaço, e o Carille cuida disso - declarou.


Ralf também desconversou ao ser questionado sobre a posição preferida no meio de campo. O Corinthians tem atuado no 4-1-4-1 ou 4-2-3-1, com um ou dois volantes.

- A escolha é do Carille. Ele que vai ter a dor de cabeça. Eu tenho de estar bem fisicamente, independentemente da posição que vou jogar, se vou jogar... Tenho que estar bem preparado para dar conta do recado. O marco aqui foi jogar de primeiro volante. Como eu falei: respeito o Gabriel, fez grandes exibições ano passado e agora está dando conta do recado. Vou buscar meu espaço - disse Ralf.

Além do volante, outro jogador dos títulos da Libertadores e Mundial de 2012 voltou ao clube nesta temporada: Emerson Sheik. Ainda há no elenco Cássio e Danilo, também campeões naquele ano histórico.

- Sempre é bom repatriar jogadores que tiveram Mundial e Libertadores na carreira, jogadores experientes. Mas não tem essa de que vai ser titular. Temos de brigar pelo nosso espaço, não é da noite para o dia, tem que brigar pelo espaço - declarou Ralf.

- Vejo como um retorno, mas vou começar do zero. A história ninguém apaga, mas tenho que escrever um novo capítulo. Estou aqui para escrever uma nova história - disse.

O elenco do Corinthians atualmente conta com oito voltantes: Ralf, Gabriel, Renê Júnior, Paulo Roberto, Maycon, Camacho, além de Jean e Warian (não inscritos no Paulista e liberados para negociações com outros clubes).

Ralf chega para sua segunda passagem pelo Corinthians. Na primeira, o volante disputou 352 partidas, marcou oito gols e  e integrou o Corinthians campeão dos títulos Brasileiro (2011 e 2015), Paulista (2013), Libertadores da América (2012), Mundial (2012) e Recopa Sul-Americana (2013).









Apresentado no Corinthians, volante Ralf elogia titular da posição, Gabriel, sabe que no mmento é reserva e se vê em forma na semana que vem


20 FEV2018
15h02
atualizado às 15h02

O volante Ralf, integrante do Corinthians multicampeão entre 2011 e 2015, foi apresentado como novo reforço do clube para a temporada nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava. Elogioso a Gabriel, titular da posição em que ele próprio se destacou nas seis temporadas como corintiano, o meio-campista explicou não ter problema com a condição de reserva no setor e projetou uma participação em jogos oficiais já na próxima semana.

"Os últimos jogos foram em meados de novembro, claro que eu sinto um pouco a parte física, mas daqui a pouco melhoro. Estava fazendo a parte de academia, mas não é a mesma coisa. Estou voltando agora, está no começo do Paulista. Aos poucos a gente vai se condicionando", explicou, surpreendendo ao se colocar à disposição para encarar até o Millonarios-COL, na próxima quarta-feira, em Bogotá.

"Creio que sim, ontem (segunda) já fiz um trabalho com bola, ritmo com bola já fica mais fácil. Não quero atropelar etapas também, não dá para só voltar porque tenho que voltar a qualquer preço", avaliou o antigo camisa 5, ainda sem ideia de qual número usar daqui para frente. A antiga pertence justamente a Gabriel.

"É uma concorrência sadia, quem tem a ganhar é só o Corinthians. Admiro o trabalho do Gabriel, vinha acompanhando, um ótimo jogador e excelente profissional. Tem qualidade, fez bons jogos agora, o momento é dele. Se tiver que jogar junto não vejo problema também, vou batalhar para buscar meu espaço", observou, descartando qualquer questão interna se for suplente.

"Não vejo problema, quando você faz seu contrato, não está escrito que tem que ser titular. Ninguém tem cadeira cativa, todo mundo tem que brigar pelo seu espaço", continuou Ralf. Conhecido do técnico Fábio Carille desde 2008, quando estava no Barueri, ele ainda deixou claro que, se o treinador precisar, pode fazer outras funções no meio-campo.

"Como sempre joguei, o Carille que vai definir. Tenho que estar preocupado em estar bem fisicamente. Tenho de estar preparado, hora que surgir a oportunidade preciso dar conta do recado. O marco aqui foi de primeiro volante, mas eu já falei, respeito o Gabriel, vem dando conta do recado. Se tiver de jogar de volante, vou buscar o meu espaço", concluiu.










No sábado, Arena Corinthians terá Esquenta da Fiel antes do Derby
No sábado, Arena Corinthians terá Esquenta da Fiel antes do Derby - 20/02/2018


No próximo sábado (24) a Arena Corinthians recebe o primeiro Derby de 2018 e, antes da bola rolar, a Fiel pode chegar mais cedo à Itaquera para aproveitar a 13ª edição do Esquenta da Fiel, a festa oficial da torcida corinthiana na área externa da Arena.

A bola rola às 17h, mas a festa começa às 12h, com food trucks, cerveja e atrações musicais. A comercialização de bebidas alcoólicas acontecerá até a abertura dos portões da Arena Corinthians para a partida.

O primeiro lote de ingressos para o Esquenta da Fiel, para sócios do Fiel Torcedor, custa R$ 10, já incluindo a primeira cerveja e um novo copo colecionável do evento. A venda estará aberta às 13h desta terça-feira (20) para todos os sócios-torcedores que já tem ingresso confirmado para o Derby.

O Esquenta da Fiel é uma realização da Arena Corinthians, em parceria com a Estrella Galícia, a cerveja oficial do Timão e da casa do Corinthians. A Meu Copo Eco é a fornecedora dos copos personalizados reutilizáveis, que reduzem o uso de descartáveis e contribuem para a gestão de resíduos.

O Fiel Torcedor pode garantir o seu lugar no Esquenta pelo www.fieltorcedor.com.br Para comprar, basta acessar a conta e clicar na opção “Experiências”, no menu lateral.








Com reservas, Corinthians tem novo empate em jogo-treino contra RB Brasil e segue sua pré temporada

Após 1 a 1 na segunda-feira, pelo Paulistão, Timão recebe mesmo rival nesta terça, no CT

Por Marcelo Braga

20/02/2018 17h03

Menos de 24 horas depois do empate por 1 a 1 com o RB Brasil, em Campinas, pela oitava rodada do Campeonato Paulista, o Corinthians repetiu o resultado contra o rival em jogo-treino realizado nesta terça-feira, no CT Joaquim Grava.

Em duelo disputado com jogadores reservas das duas equipes, Timão e RB voltaram a ficar no 1 a 1: Mateus Vital marcou para os corintianos, enquanto João Denoni igualou o placar.

Sem os titulares do empate de segunda-feira, o Timão iniciou o duelo com Caique, Mantuan, Pedro Henrique, Yago e Maycon; Gabriel e Camacho; Mateus Vital, Jadson e Lucca; Danilo. Estes venceram o primeiro tempo de 30 minutos por 1x0.


Corinthians empatou jogo-treino contra o RB (Foto: Marcelo Braga) 


Corinthians empata jogo treino 30’ x 30’ contra red bull por 1x1. Matheus Vital fez gol no Primeiro tempo


Corinthians cede empate

Corinthians volta com mudanças. Filipe, Mantuan, Leo, Pedro Henrique e Guilherme Romão; Paulo Roberto e Mateus Vital; Pedrinho, Jadson e Emerson Sheik; Danilo
16:23 - 20 de fev de 2018

Corinthians abre placar com Matheus Vital


Corinthians escalado para o jogo-treino: Caique, Mantuan, Pedro Henrique, Yago e Maycon; Gabriel e Camacho; Mateus Vital, Jadson e Lucca; Danilo
15:40 - 20 de fev de 2018






 



Ralf projeta data para reestrear e sonha em encerrar carreira no Timão

Apresentado nesta terça-feira, volante diz que espera estar à disposição do técnico Fábio Carille na semana que vem, quando o Timão estreia na Libertadores da América


Guilherme Amaro

20 FEV2018
15h01
atualizado às 15h01


Aos 33 anos, Ralf foi apresentado nesta terça-feira pelo Corinthians. Integrante do Corinthians multicampeão em sua primeira passagem pelo clube, o volante espera ficar pronto para reestrear na próxima semana e diz que sonha em encerrar a carreira no Timão.




Ralf foi apresentado nesta terça no TimãoFoto: Reprodução/Twitter / LANCE!

Questionado se estaria pronto na semana que vem, Ralf explicou que já treina com bola e deve ficar à disposição do técnico Fábio Carille. O Corinthians fará sua estreia na Libertadores, na quarta-feira (dia 28), contra o Millonarios (COL), na Colombia, e depois o Timão enfrenta stos na Arena Corinthians pelo paulista, domingo (dia 4 de março)

- Creio que sim. Ontem já fiz trabalho com bola, vou treinar dois períodos hoje. Quando treina com bola, fica mais fácil Quero voltar o quanto antes, mas sem atropelar as coisas - disse Ralf, que não atua desde novembro, quando ainda defendia o Beijing Guoan (CHN).

- Claro que sente a parte física, estava fazendo academia, mas não é a mesma coisa que treinar em campo com o grupo. Aos poucos, vou recondicionando. Lá (na China) era difícil, não tinha jogo no meio de semana, os treinos eram mais leves. Não vejo a hora de poder ajudar meus companheiros - acrescentou o volante, que ainda não escolheu o número da camisa.

Em sua primeira passagem pelo Timão, do fim de 2009 até 2015, Ralf somou 352 jogos e oito gols, e integrou o Corinthians nos títulos Brasileiro (2011 e 2015), Paulista (2013), Libertadores da américa (2012), Mundial (2012) e Recopa Sul-Americana (2013). Agora, o volante assinou contrato por dois anos e diz que sonha em encerrar a carreira no Corinthians.

- É difícil falar do futuro, estou pensando no hoje, no amanhã eu deixo para depois. Se tiver que sair, não vejo problema, mas tenho dois anos de contrato. Se for possível, claro que é um sonho encerrar a carreira aqui no Corinthians - afirmou o volante.

Durante a apresentação, Ralf também falou que volta mais experiente, admitiu que foi para a China por causa do lado financeiro e contou que ficou "sem assunto" no almoço com Carille. Veja abaixo:

Como é a sensação de voltar ao Corinthians?
Estou feliz de estar aqui novamente, a casa que me abriu as portas. Estou treinando há uma semana, estou dando meu máximo. Foram dois anos importantes na minha vida, só me acrescentou, foi uma experiência muito boa. Volto em um momento muito bom. Espero estar em breve preparado para dar conta do recado e ajudar meus companheiros.

Acha que o elenco é forte para brigar pela Libertadores?
O Corinthians sempre foi assim, correndo por fora e dando conta do recado. Quando eu estava fora, falavam que era a quarta força, mas deu conta do recado e foi campeão. Sabemos da nossa responsabilidade, ainda está no início. Claro que Libertadores tem essa ansiedade, essa catimba, mas o pessoal da comissão vai trabalhar nosso psicológico.
Como foi a experiência na China? Mudou muita coisa?
São dois anos, não dois dias ou duas semanas. Muda muito. Lá eu tive que me esforçar mais na parte física. Não tinha tanta intensidade. Sempre gostei de trabalhar, e tinha dia que eu treinava em dois períodos. Isso me ajudou muito. Nesses dois anos eu ganhei experiência, fiquei mais cascudo. Lá eu estava sozinho. Espero que volte em bom momento, da mesma forma que eu saí ou melhor.

Por que decidiu não ficar no Corinthians e ir para lá após o título brasileiro de 2015?
Não sou hipócrita. Foi o lado financeiro que falou mais alto, que pesou. Eu já estava seis anos aqui, vi uma oportunidade. Não só eu que saí daqui. A oportunidade que tinha não podia desperdiçar.

O que te fez voltar?
As conquistas, a grandeza, foi o clube que me abriu as portas. A torcida que tem, o elenco... Todo mundo sonha em jogar no Corinthians. Vejo como um retorno, mas vou começar do zero. A história ninguém apaga, mas tenho que escrever um novo capítulo. Estou aqui para escrever uma nova história.

Como foi o reencontro com o Carille, que era auxiliar na sua primeira passagem?
Conheço o Carille desde o Barueri em 2008. Ele foi fundamental para eu vir para o Corinthians. Sentamos para almoçar essa semana e não tinha nem assunto (risos). Eu saí com ele auxiliar, agora ele ganhou o Paulista e Brasileiro. Não chegou a esses títulos à toa, ele deu conta do recado. Tenho muito respeito por ele.

Ralf projeta data para reestrear e sonha em encerrar carreira no Timão
5 fotosver galeria


Ralf foi apresentado nesta terça
Foto: Reprodução/Twitter / LANCE!




Corinthiano Ralf: “Temos que trabalhar e buscar nosso lugar”
Ralf: “Temos que trabalhar e buscar nosso lugar”

20/02/2018



© Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Na tarde desta terça-feira (20), Ralf se apresentou no CT Dr. Joaquim Grava e concedeu coletiva de imprensa. De volta ao clube, o volante, que atuou 352 jogos vestindo o manto alvinegro entre 2009 e 2015, retorna ao Alvinegro em um contrato de dois anos. Logo no início, disse aos jornalistas qual é a sensação de retornar ao clube.

“Estou feliz de estar aqui novamente. Estou feliz de estar de novo com meus companheiros, estou treinando desde o começo da semana, junto com os meus companheiros. Estou voltando para um clube que abriu as portas para mim, que abriu a porta para outros desafios e para a Seleção”, declarou.

Campeão brasileiro duas vezes, 2011 e 2015, da Libertadores e do Mundial, ambos em 2012, Ralf retorna ao Timão com seu nome marcado na história do time. Junto de Emerson Sheik, Cássio e Danilo, compõe um grupo de atletas que já viveu grandes momentos com o Alvinegro.

“Cara, sempre é bom repatriar jogadores do Mundial, da Libertadores, são jogadores experientes. Mas todos tem que lutar pelo seu espaço, não é porque já ganhou que tem vaga. Temos que trabalhar e buscar nosso lugar, o Corinthians só tem a ganhar”, disse o volante.

Comandado pelo treinador Fábio Carille, Ralf chega e dará uma nova cara à formação tática do Timão. Além disso, o atleta volta ao Brasil e à Fiel Torcida. Questionado sobre seu espaço dentro de campo e o apoio das arquibancadas, foi bem claro.

“Tenho que estar preparado para onde ele [Carille] quiser que eu atue, seja com um ou dois volantes. Só entrar em campo você vai ver. O Bando de Loucos vai tá ali e arrepia, onde você vai eles estão lá e arrepia”, concluiu.






Apresentado no Corinthians, Ralf vê Gabriel como titular e diz que "brigará por espaço"

Volante, de 33 anos, volta ao Timão com contrato de duas temporadas e afirma não ver problema em ficar na reserva: "Tem que respeitar quem está jogando, ninguém tem cadeira cativa"
Por Marcelo Braga
20/02/2018 14h23


O volante Ralf, 33 anos, foi apresentado nesta terça-feira com a camisa do Corinthians. Neste seu retorno ao clube, após passagem pelo futebol chinês (cumpriu contrato de duas temporadas com o Beijing Guoan e estava livre no mercado), Ralf terá vínculo de dois anos. Ele já havia defendido o Corinthians entre 2009 e 2015, com 352 jogos (oito gols) e títulos importantes, como a Libertadores da América e o Mundial de Clubes de 2012.

Por tudo isso, a sensação para o volante é de volta para casa.

– Estou feliz de estar aqui novamente. Estou feliz de estar de novo com meus companheiros, estou treinando desde o começo da semana, junto com os meus companheiros. Estou voltando para um clube que abriu as portas para mim, que abriu a porta para outros desafios e para a Seleção – disse Ralf.




Ralf, em sua apresentação no Corinthians (Foto: reprodução)

Humilde, Ralf deixou claro que não chega com status de titular absoluto e que vai respeitar o momento de Gabriel, titular e um dos xodós da torcida no time atual.

– Concorrência sadia, só tem a ganhar. Admiro o trabalho dele, desde o Botafogo, quando dava acompanhava lá também. O momento é dele, tenho que trabalhar e buscar meu espaço. Vou trabalhar e buscar meu lugar – disse Ralf.

– Todo mundo sonha jogar pelo Corinthians. Mas agora é hora de reescrever um novo capítulo, não é por causa do que ganhei que tenho vaga. Não vejo nenhum problema. Até porque quando você assina não tem nada que diga que você será titular, tem que respeitar e buscar seu espaço. Quem tem que tomar conta disso é o Carille – completou.

Sobre a posição em que gostaria de jogar, Ralf comentou:

– Isso cabe ao Carille, tenho que estar preparado para onde ele quiser que eu atue, seja com um ou dois volantes. Claro que o eu fiquei marcado por jogar aqui como primeiro volante. Se tiver que jogar como volante, vou buscar meu espaço.


O jogador será inscrito no Campeonato Paulista, mas ainda não tem data para reestrear com a camisa alvinegra. Sem atuar desde o fim do ano passado, Ralf precisa readquirir condicionamento físico e ritmo de jogo. O volante ainda não trabalhou com bola.

– Os últimos jogos foram em novembro. Claro que você sente um pouco do físico. Claro que na academia é diferente do jogo. Lá quase não tinha jogo durante a semana, então era um por semana, tinha mais treino e menos jogos – disse Ralf, sobre sua condição física.





Ralf foi apresentado pelo diretor de futebol Duílio Monteiro Alves, que também está de volta ao Corinthians (Foto: reprodução)

Ralf é o segundo integrante do Corinthians campeão da Libertadores da América de 2012 a voltar ao Timão - o primeiro havia sido Emerson Sheik. Nos últimos dias, a comissão chegou à conclusão de que é preciso encorpar o elenco com nomes mais experientes. Assim, Ralf retornou à pauta para fazer sombra a Gabriel. O volante disputou 352 jogos pelo Corinthians entre 2009 e 2015, com oito gols e seis títulos, dentre eles dois Brasileiros, uma Libertadores e um Mundial.

– Cara, sempre é bom repatriar jogadores do Mundial, da Libertadores, são jogadores experientes. Mas todos tem que lutar pelo seu espaço, não é porque já ganhou que tem vaga. Temos que trabalhar e buscar nosso lugar, o Corinthians só tem a ganhar – disse Ralf.


Agora, o elenco do técnico Fábio Carille passa a ter nove volantes. Além do titular Gabriel, outras opções são Paulo Roberto, Renê Júnior, Camacho e Maycon. Mantuan tem sido alternativa para a lateral direita, ao passo que Jean e Warian estão de saída.


Veja mais alguns tópicos da entrevista com Ralf:

Sobre a disputa da Libertadores.


– O Corinthians sempre foi assim, correndo por fora, mas sempre dando conta do recado. Claro que tem grandes clubes que estão lutando. Quando eu estava de fora era a quarta força e foi campeão, a gente sabe onde pode chegar. Claro que a Libertadores tem que se preparar e a comissão vai nos preparar, mas vamos tentar chegar bem.


Sobre o aprendizado na China?
– Foram dois anos, não dois dias né?! Lá eu tive que me esforçar muito na parte física, os chineses tem menos intensidade. Tinha dia que só tinha um período e eu fazia dois, ou chegava antes, treinava no prédio. Aqui tinham ótimos profissionais que trabalhavam, mas lá era só eu e Deus, era sozinho mesmo.

Número de camisa
– Não pensei ainda, mas vamos preparar um número que seja legal, mas agora a prioridade é aprimorar a parte física, voltar.
  

– Estou pensando no hoje, no amanhã eu deixo para depois. Se for possível, claro que é um sonho encerrar a carreira aqui no Corinthians.

Sobre a relação com o Carille e a carreira do treinador


– Claro que você respeita. Conheço ele desde de o Barueri em 2008, mas a gente sentou pra almoçar e não tinha nem assunto para conversar. Cheguei aqui e ele é treinador né (risos). Mas tenho muito respeito por ele, que merece tudo.






Corinthians Futebol Feminino se apresenta quarta-feira no CT Joaquim Grava
Com a presença do elenco e comissão técnica, Timão Feminino será apresentado oficialmente nesta quarta-feira (21), em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava

 - 20/02/2018





Corinthians

A equipe de futebol feminino do Corinthians será apresentada aos jornalistas nesta quarta-feira. No CT Joaquim Grava, pela manhã, uma entrevista coletiva marcará o anúncio oficial da equipe, que já se prepara para a temporada há um mês.

Estarão presentes na sala de imprensa as 19 atletas que realizam os trabalhos de pré-temporada. As únicas ausências serão as goleiras Lelê e Tainá, a meio-campista Gabi Zanotti e as atacantes Adriana e Millene. As cinco estão na Granja Comary, servindo a Seleção Brasileira. Além das jogadoras, também participarão da apresentação todos os integrantes da comissão técnica.

Durante a coletiva, representarão o time na mesa de entrevista o treinador Arthur Elias, além da meio-campista Grazi e a zagueira Alline Calandrini. A primeira, capitã da equipe na última temporada, conta com 74 jogos com a camisa do Timão e uma vitoriosa história na modalidade. Já a segunda, também experiente e com passagem pela Seleção Brasileira, é uma das 11 contratadas para 2018.

Treinando há mais de um mês, as meninas do Timão seguem em ritmo forte a preparação para a abertura da temporada, que acontece no final do mês de março com a estreia do Campeonato Paulista Feminino.











Corinthiano técnico Fábio Carille gostou do futebol do Corinthians e vê melhora com dois volantes


O Corinthians empatou ontem o jogo contra o red bull por 1x1 e foi prejudicado por um erro de arbitragem que anulou gol legal do Timão. Fabio Carille promoveu mudança tática, atuou com 2 volantes e gostou do desempenho

“Para a equipe jogar com Rodriguinho e Jadson, tinha que criar mais. Sabíamos que sofreríamos um pouquinho defensivamente, mas deveríamos chegar mais ao gol. Isso não estava acontecendo, mesmo nas nossas vitórias. Era o grande objetivo do 4-1-4-1. Hoje, com dois volantes, achei o time mais consistente, concentrado, rodando melhor a bola. É o que busco”, aprovou.

Carille fez diversos elogios à atuação do Corinthians A melhora vista por ele deverá assegurar a manutenção do esquema com dois volantes no derby, sábado, na Arena Corinthians, 16h.

“É muito provável que a equipe passe a jogar com dois (volantes) por trás. Temos jogadores para isso. A partir de amanhã (terça-feira), começaremos a esboçar o time para o derby”, programou.

Ontem, os dois volantes do Corinthians inicialmente foram o recém-chegado Renê Júnior e Camacho, xodó de Carille. Gabriel foi preservado do primeiro tempo porque – tal qual Jadson – estava pendurado por cartão amarelo e corria risco de suspensão. Maycon também entrou em campo após o intervalo e agradou ao treinador.

“De uma forma geral, gostei do time hoje”, insistiu Fábio Carille






Corinthians hoje 20/02 | Terça-feira
15h30 | titulares fazem recuperação física

16h reservas do Corinthians jogo treino contra redbull, que será transmitido ao vivo pela Corinthians TV