10 de dez de 2017

CORINTHIANS 10/12/2017








 
 


Corinthians heptacampeão brasileiro 2017 segue recebendo premiações. Hoje foi a vez dos corinthianos goleiro Cássio, lateral direito Fágner, zagueiro Balbuena, volante Gabriel, atacante Jô e técnico Fábio Carille além do ex corinthiano zagueiro Pablo, receberem premiação do troféu mesa redonda









Sob frio intenso e expectativa de neve, Corinthians se despedia de Nagoya (JAP) há cinco anos

Alvinegro treinou pela última vez na cidade japonesa antes de enfrentar o Al Ahly (EGI) pelas semifinais do Mundial de Clubes da FIFA em 2012


10h00 10/12/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians


Já se passaram cinco anos desde que o Corinthians se despediu de Nagoya, no Japão. No dia 10 de dezembro de 2012, o Alvinegro treinou na cidade pela última vez, às vésperas de estrear no Mundial de Clubes da FIFA contra o Al Ahly (EGI), pelas semifinais da competição.

Mas antes de enfrentar o time egípcio, o Timão teve de superar o forte frio em solo japonês. Sob temperatura de 2°C, com sensação térmica abaixo de zero, os jogadores realizaram mais uma atividade comandada pelo técnico Tite.

Havia a expectativa de treinar sob neve, o que não aconteceu. Ainda assim, o frio se tornou o assunto principal do elenco, preocupado com as baixas temperaturas para os jogos, algo com que não estavam ambientados;

"Jogar com neve é complicado, foge do que a gente está acostumado durante toda a temporada no Brasil. Mas depois de certa temperatura, o pé congela do mesmo jeito, com ou sem neve", declarou o lateral esquerdo Fábio Santos na época.

Cássio foi ausência no treinamento devido a dores no ombro. A comissão técnica decidiu poupá-lo para o reconhecimento de gramado do Toyota Stadium, que aconteceria no dia seguinte.




Corinthians sub 20 despede-se de copa rs com empate por 0x0 contra bot rj 23h25





O adeus da mais corinthiana das nadadoras brasileiras


Por Silvinho, Globo Esporte,

10/12/2017 21h54
Poliana Okimoto, primeira brasileira a conquistar uma medalha olímpica na natação (ela foi bronze na maratona aquática 10 km nos Jogos do Rio - 2016) deu adeus às competições oficiais na manhã deste domingo de forma vitoriosa, como foi toda a sua carreira.

Poliana entrou em mar aberto pela última vez conquistando o Desafio Rei e Rainha do Mar, ao lado de Ana Marcela Cunha, Fernanda Ponte e Allan do Carmo.

Aos 34 anos, Poli decidiu encerrar sua carreira após perder seu principal patrocinador e ficar sem o apoio de uma equipe multidisciplinar composta de fisioterapeutas e nutricionistas.

Encerrar a carreira após o Rio 2016 já estava nos planos. Porém, após a conquista da medalha olímpica, acreditava-se que continuaria recebendo apoios e patrocínios, que a fariam permanecer por mais algum tempo nadando de forma competitiva. A perda destes apoios foi crucial para a decisão de abandonar as águas dos mares e piscinas.

Após ter passado pelo clube no início da sua carreira, foi contratada pelo Corinthians em 2010, permanecendo até 2013. Poliana foi apresentada ao torcedor corinthiano numa tarde em que vencemos o freguês do Jardim Leonor.

Mais do que medalhas, conquistou o respeito e o carinho de todos do departamento de esportes aquáticos. Principalmente dos jovens nadadores, que se inspiravam na sua dedicação nos treinos e na forma humilde e atenciosa que tratava a todos.

Em 2010 entrevistei Poliana, ao lado do seu marido e treinador, Cintra, na Rádio Coringão, uma das maiores audiências do Programa Corinthianismo com Credibilidade.

Ambos corinthianos fanáticos, apaixonados pelo clube.
Em outubro deste ano Poliana Okimoto foi eleita a primeira nadadora brasileira a integrar o Hall da Fama das Maratonas Aquáticas, um reconhecimento mundial da International Marathon Swimming Hall of Fame (IMSHOF). A cerimônia de introdução dos novos membros será no dia 31 de março de 2018, na Capela Beaumont Estate, Old Windsor, em Londres.

Que o Corinthians não faça por menos e homenageie Poliana na nossa Calçada da Fama, passando a integrar eternamente o nosso Memorial.

Sugiro aos presidenciáveis corinthianos que incluam Poliana Okimoto nos seus planos de governo, a partir de fevereiro de 2018.

Obrigado, Poliana.
Que você realize seu sonho de ser mãe e continue contribuindo para a natação brasileira.
#VaiPoliana
#VaiCorinthians 












Faculdade promove debate entre candidatos à presidência do Corinthians
A Universidade de Guarulhos (UnG) promoverá nesta segunda-feira, às 19h30, um debate entre os candidatos à presidência do Corinthians, o primeiro para o pleito de fevereiro de 2018. Confirmaram presença o advogado Felipe Ezabella, novidade entre os postulantes, além de Romeu Tuma Júnior e Antonio Roque Citadini, nomes mais conhecidos da política alvinegra.

Candidato da situação, Andrés Sanchez já informou que não comparecerá ao encontro, que contará com quatro jornalistas no questionamento aos postulantes ao cargo. Interessados em participar do debate podem se inscrever no site da entidade para ficar na plateia durante o bate-papo, que deve se estender de duas a três horas.

Marcada para o dia 3 de fevereiro, a eleição está centrada na herança de um time campeão brasileiro, mas com a dívida do estádio para pagar. Na última semana, surgiram polêmicas a respeito de uma “anistia” dada a alguns sócios pela administração, contestada pelo opositores. Dentre os nomes que podem ser eleitos, falta ainda Paulo Garcia, que não decidiu se concorrerá ou não.





Corinthians disputa V Mundialito de Clubes de Beach Soccer

Timão busca bicampeonato da competição. Alvinegro enfrenta Botafogo, Sporting (POR) e Lokomotiv (RUS) na primeira fase do torneio realizado em Vargem Grande Paulista-SP

12h10 10/12/2017 - Agência Corinthians



Timão foi campeão do Mundialito de Clubes de Beach Soccer em 2013

© Marcello Zambrana

A equipe de beach soccer do Corinthians disputará o V Mundialito de Clubes da modalidade na próxima semana, entre os dias 14 e 17 de dezembro. Realizada na arena montada em Vargem Grande Paulista.

O Timão vai brigar pelo bicampeonato do Mundialito de Clubes de Beach Soccer – a equipe alvinegra foi campeã da terceira edição, em 2013, disputada no Rio de Janeiro. O Coringão está no grupo A do torneio, ao lado de Botafogo, Sporting (POR) e Lokomotiv (RUS). Pelo sistema do campeonato, os clubes se enfrentam entre si dentro das chaves. Os primeiros colocados de cada grupo garantem vaga para a decisão.

O Corinthians estreia na competição contra o Botafogo no dia 14 (quinta-feira), às 13h (de Brasília). Depois, no dia 15 (sexta-feira), enfrenta o Sporting (POR), também às 13h (de Brasília). O Timão fecha a participação na fase de classificação diante do Lokomotiv (RUS) no dia 16 (sábado), às 11h15 (de Brasília). A entrada é gratuita.

SERVIÇO

V Mundialito de Clubes de Beach Soccer

Data: 14 a 17 de novembro

Local: Rua Serra da Mantiqueira (Rua da Feira), Vargem Grande Paulista

Entrada gratuita








Volta ao Pacaembu no início de 2018 agrada a Fagner: "Casa do Corinthians"

Lateral-direito diz que gramado da Arena já apresentava falhas nos últimos jogos


Por Marcelo Braga
10/12/2017 10h00
Diferentemente do que aconteceu no início das últimas três temporadas (2015 a 2017), o Corinthians não começará a próxima atuando em Itaquera. Por conta da troca do gramado, os primeiros jogos do time no Paulistão serão realizados no Pacaembu.


Formado no Corinthians, o lateral-direito Fagner acredita que o torcedor vai gostar de revisitar o Estádio Paulo Machado de Carvalho, que será palco dos jogos contra Ponte Preta, dia 17 de janeiro, Ferroviária, dia 24, e 5P, dia 28.


Fagner sabe que a torcida vai gostar de voltar ao Pacaembu (Foto: Marcos Ribolli)

– O Pacaembu foi por muitos anos a casa do Corinthians. O corintiano conhece muito bem, gosta muito de lá, não vejo nada de ruim ou de anormal – disse o jogador, que está suspenso para o jogo contra a Ponte já que foi punido pelo TJD

Na Arena Corinthians, o procedimento terá início no dia 18 de dezembro, após o evento "Monster Jam", marcado para o dia 16, que terá uma pista de terra no campo e colocará caminhões enormes no terreno. Por conta disso, o clube vende pedaços do campo (veja na imagem abaixo).


Gramado da Arena Corinthians está sendo vendido pelo clube (Foto: Divulgação)

Na visão de Fagner, era o momento certo para a reforma do campo da Arena.

– Tenho certeza de que o nosso campo vai voltar a ser o que era em 2015 e 2014. A gente sabe que no final ele já estava um pouquinho desgastado. E o torcedor vai ficar feliz com esses jogos no Pacaembu – afirmou o jogador.

Além dos três jogos já confirmados, há ainda a possibilidade de o estádio ser utilizado em outras partidas em fevereiro. A confirmação, porém, será feita na primeira quinzena de janeiro, de acordo com as informações passadas pela empresa responsável pela reforma.







Em Interlagos, goleiro do Corinthians conhece bastidores da Stock Car

Cássio é apresentado ao universo do automobilismo pelo piloto Diego Nunes


Mullticampeão pelo Corinthians, Cássio viveu um domingo diferente no Autódromo de Interlagos, palco da decisão do campeonato da Stock Car, que teve Daniel Serra como campeão
Acostumado a se esticar todo para defender as bolas chutadas contra o gol do Corinthians, o goleiro de 30 anos teve de se contorcer para conseguir entrar no carro do piloto Diego Nunes, da equipe Hero Motorsports.



Diego Nunes e Cássio, do Corinthians, nos bastidores da Stock Car (Foto: Alexander Grunwald)

Fã de automobilismo, o jogador de futebol já esteve no autódromo para acompanhar um GP de Fórmula 1. Desta vez, porém, teve a chance de conhecer o funcionamento de uma equipe antes da prova, acompanhado do piloto. Durante a corrida, o goleiro seguirá nos boxes com o rádio do time.


– Respeito muito o trabalho desses pilotos. Acho que é até mais difícil que o do jogador de futebol por conta do calor dentro do carro. O que dá para comparar entre os dois esportes é a pressão pela vitória. É difícil entrar num carro desse, um cara do meu tamanho não cabe (risos) – afirmou o jogador de 1,95m.



Emerson Fittipaldi e Cássio, do Corinthians, em Interlagos (Foto: Alexander Grunwald)



Após atender alguns fãs no autódromo, Cássio participou do anúncio dos vencedores do fan push – votação online na qual os fãs escolhem pilotos que poderão usar um botão de ultrapassagem extra, adicionando 100 cavalos no motor durante seu acionamento. Foram escolhidos Rubens Barrichello, Bia Figueiredo, Augusto Farfus, Átila Abreu, Thiago Camilo e Diego Nunes.


Durante a corrida, teve a companhia de Emerson Fittipaldi, que é torcedor do Corinthians.


– É muito legal estar ao lado do Cássio, falei para ele que sou corinthiano desde os três anos de idade, só eu e Emmo (filho dele de oito anos) na família – disse o ex-piloto. 







Crinthans bicampeão Mundial
Sob frio intenso e expectativa de neve, Corinthians se despedia de Nagoya (JAP) há cinco anos

Alvinegro treinou pela última vez na cidade japonesa antes de enfrentar o Al Ahly (EGI) pelas semifinais do Mundial de Clubes da FIFA em 2012


10h00 10/12/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians


Já se passaram cinco anos desde que o Corinthians se despediu de Nagoya, no Japão. No dia 10 de dezembro de 2012, o Alvinegro treinou na cidade pela última vez, às vésperas de estrear no Mundial de Clubes da FIFA contra o Al Ahly (EGI), pelas semifinais da competição.

Mas antes de enfrentar o time egípcio, o Timão teve de superar o forte frio em solo japonês. Sob temperatura de 2°C, com sensação térmica abaixo de zero, os jogadores realizaram mais uma atividade comandada pelo técnico Tite.

Havia a expectativa de treinar sob neve, o que não aconteceu. Ainda assim, o frio se tornou o assunto principal do elenco, preocupado com as baixas temperaturas para os jogos, algo com que não estavam ambientados;

"Jogar com neve é complicado, foge do que a gente está acostumado durante toda a temporada no Brasil. Mas depois de certa temperatura, o pé congela do mesmo jeito, com ou sem neve", declarou o lateral esquerdo Fábio Santos na época.

Cássio foi ausência no treinamento devido a dores no ombro. A comissão técnica decidiu poupá-lo para o reconhecimento de gramado do Toyota Stadium, que aconteceria no dia seguinte.









Corinthiano lateral direito heptacampeão brasileiro 2017, Fagner conta com bom início de temporada para ir à Copa do Mundo
Presença frequente nas convocações do técnico Tite para a Seleção Brasileira, o lateral direito Fagner, do Corinthians, melhor do Brasil neste ano,  já se preocupa em ter bom início de temporada em 2018 para ir Copa do Mundo da Rússia.

“Precisarei estar bem no meu clube. É importante começar o ano bem, da mesma maneira como terminei, sem lesões. Não adianta eu sonhar com a Seleção se não estiver bem preparado para a pré-temporada. Tenho que me cuidar”, disse Fagner

Aos 28 anos, o lateral direito corinthiano admite que nem sempre foi cauteloso em suas férias. “De uns anos para cá, já venho me cuidando para sofrer menos. Conforme você fica mais velho, é mais difícil. Precisei me conscientizar. São coisas que você, amadurecendo, aprende”, comentou.

Já de olho em 2018, Fagner também não consegue deixar de pensar em 2017. Afinal, a serviço do Corinthians, o lateral direito conquistou o Campeonato Paulista e o Campeonato Brasileiro e acumulou prêmios de destaque em sua posição no futebol nacional.

“Sempre acreditamos no trabalho e sabíamos que poderíamos ter um ano muito bom. É uma felicidade imensa começar uma temporada desacreditado e, com muito trabalho e sabedoria, conseguir reverter. Mostramos o nosso valor dentro de campo e conquistamos dois títulos muito importantes”, celebrou o postulante a defender o Brasil no Mundial.






Corinthiano técnico Fábio Carille manterá linha de trabalho e iniciará formação do time pela zaga. Espera que todos reforços estejam contratados já para trabalhar na pré temporada
O técnico Fábio Carille tem como prioridade primeiro acertar o sistema defensivo para depois pensar no ataque. E o treinador pretende manter essa ideia para 2018,
O treinador pretende ter o grupo definido o mais rápido possível para decidir a forma de trabalhar, como o esquema que adotará em 2018- Pelo Paulista começando no dia 17 de janeiro, o ideal seria ter o elenco definido no dia 3, na apresentação, porque seriam 14 dias de trabalho.