9 de abr de 2017

CORINTHIANS 09/04/2017





















Cássio comemora a defesa na cabeçada de Marcão, quando estava 0 a 0: "Foi bonita? Ainda quero ver na TV" #trsccp




Termina a entrevista coletiva do técnico alvinegro.


Fabio Carille: Para as semifinais, o Corinthians tem que continuar sólido no sistema defensivo e melhorar os passes simples. Estamos fazendo triangulações, mas há muitos erros. Quando crescermos nessa parte técnica, criaremos mais possibilidades de gols.


Carille: O Rodriguinho, na minha opinião, foi o melhor do Corinthians no segundo semestre do ano passado, assumindo a responsabilidade de armar e fazer gols. Neste ano, está sofrendo um pouco por não estar participando de tantos treinamentos. Tomara que ele pare de sentir essas dores, volte a treinar um pouco mais e nos ajude ainda mais.

Carille: O Arana vem jogando muito, muito mesmo. Estou muito satisfeito com o que ele está apresentando. Quando ele voltou da Seleção, eu falei para ele, hoje você é o titular do Corinthians, é você quem assume. Ele pegou a camisa e está jogando muito, tanto no setor defensivo, como no ofensivo



Marquinhos Gabriel diz que não recebeu proposta para sair: "Só coisas não oficiais. Eu quero ficar" #trsccp








Carille: A dupla de zaga é Balbuena e Pablo, não tem motivo para mudar. Eles vão errar, são seres humanos, faz parte. Mas é o 11º jogo que essa dupla não leva gol no ano.


Carille: Sobre a presença da torcida, melhorou muito depois da nossa vitória no Derby principalmente. A torcida comprou a ideia, já compareceu em bom número na nossa vitória sobre s7os. Eu faço meu melhor.


Carille: Aceleramos o processo de levar os jogadores da base a campo no ano passado. Com a saída de muitos jogadores, tivemos de acelerar. Tivemos casos de Paulinho e Castán que se adaptaram no banco, tiveram tempo. Esses jogadores estão conhecendo o clube, sabendo o que a torcida gosta... Com a volta desses jogadores, chegamos mais fortes na semifinal do Campeonato Paulista


Carille: Eu falo para os jogadores que eles podem ganhar de qualquer time, mas vocês (jornalistas) não podem criticar o Corinthians em momento algum no Campeonato Paulista. Vocês nos colocaram como quarta força, e chegamos entre os quatro. E podemos buscar muito mais.


Carille: Daqui para a frente é pedreira. Mas o que passou antes também foi pedreira. A equipe se portou bem, entendeu o posicionamento... O Botafogo era franco atirador, a responsabilidade era do Corinthians, que tinha que assumir isso. Talvez nosso time ficou acelerado na questão dos passes, tinha que saber equilibrar os passes para frente, ter um maior controle da bola, para ter feito um jogo melhor.




Carille: O Marquinhos Gabriel está participando de tudo, normalmente. Não só ele como o Giovanni (Augusto), daqui a pouco o Guilherme... Confio muito em todos eles porque já mostraram aqui o que podem fazer, e também em clubes anteriores. Todos terão oportunidade de jogar para ganhar confiança.



Carille: Sei que erramos muitos passes, e, quando a gente melhorar nessa parte técnica, o time vai crescer. Está organizado, todo mundo no lugar, mas um pouquinho acelerado. Isso se acerta com trabalho, mostrando vídeos... Se a semifinal for contra o São Paulo, é clássico... Se for contra a Ponte, também será difícil. Há 25% de chance de título entre os quatro que chegarem à semifinal.




Jô: "Não dá para escolher adversário. Todos são qualificados" #trsccp









Carille: Chegamos à semifinal, muito importante para esse grupo, um grupo novo, que trabalhou bastante, quietinho e sério, e vamos buscar muito mais. Não tem nada que poupar agora. Só vou tirar alguém se for pedido do departamento médico.



Maycon: "Temos de pensar mais o jogo, em alguns momentos não precisamos acelerar tanto" #trsccp













Giovanni Augusto: "Falei que queria ficar. Quero ser ídolo no Corinthians" #trsccp




Começa a entrevista coletiva do técnico Fábio Carille.






FALA, FAGNER!


Chegamos bem, muito bem, sabemos que há jogos que tem de errar o mínimo possível. Esse jogo deixou lições, principalmente quando temos a bola. No fim, tínhamos que ter calma e escolher melhor pra fazer mais gols, mas serve de lição para corrigir






FALA, PEDRINHO!


Estamos preparados para o que vier, vamos treinar na semana para que venha um clássico e a gente saia com a vitória.




FALA, CÁSSIO!


Não acho que foi abaixo, estamos correndo, lutando, batalhando, acho que erramos muitos passes. Isso poderia dar tranquilidade. Mas é normal, tem muitos jogadores novos, jogador novo quer pegar a bola e ir para cima. O time está organizado, tivemos chances, mas o importante é a classificação.






FALA, JÔ!



em início de trabalho você é criticado, cobrado, nossa equipe está correndo e batalhando. É hora de mostrar onde queremos chegar no campeonato. Vai ser difícil. Estamos sofrendo, erramos algumas bolinhas, passes que temos de acertar. Mas vamos melhorar.









ATUAÇÕES: Pablo ganha todas atrás e Jadson é decisivo com assistência

Zagueiro e meia ganharam as melhores notas do Corinthians, que bateu o Botafogo com um gol de Rodriguinho na Arena neste domingo


cardo Moreira / Fotoarena

Corinthians 1x0 Botafogo-rP
Ricardo Moreira / Fotoarena








Comandado por Pablo atrás e com a qualidade de Jadson na frente, o Corinthians foi seguro e eficiente ao bater o Botafogo-rp por 1 a 0 e garantir sua vaga na semifinal do Campeonato Paulista. Os dois foram os melhores em campo na Arena. Confira as notas do LANCE!:
CORINTHIANS

7,0
Cássio
Foi pouco acionado e mostrou segurança quando precisou. Fez grande defesa em cabeçada do atacante Marcão quando o jogo estava 0 a 0.




6,5
Fágner
Fez boa partida indo bem na marcação e sendo sempre opção de jogo com os avanços pela direita. Faltou ser mais efetivo.

6,0
Balbuena
Falhou em dois lances, um deles ao não acompanhar o atacante Marcão que cabeceou com perigo. No restante foi firme na marcação.

7,5
Pablo
Mais uma excelente partida, ganhando praticamente todas as bolas que disputou e bom tempo de bola. para ganhar as jogadas.

7,0
Guilherme Arana
Foi muito bem, tanto na defesa quanto no apoio ao ataque. A jogada para o gol de Rodriguinho começou em uma arrancada sua pela esquerda.

6,5
Gabriel
Tomou conta do meio de campo com forte marcação e deu bons passes na saída de bola. Não fez faltas bobas como de costume.




6,5
Maycon
Participou do início da jogada do gol de Rodriguinho. No restante ajudou bem na marcação e deu opções chegando ao ataque.

7,5
Jadson
Com bons passes e boa distribuição da bola, foi o melhor jogador do time com destaque para a assistência que deu para o gol de Rodriguinho.

7,0
Rodriguinho
Perdeu duas boas chances de gol, uma delas na cara de Neneca. Mas foi o autor do gol ao cabecear no canto após assistência de Jadson.

6,0
Romero
Ajudou na marcação mas teve pouca participação ofensiva. Acabou sendo substituído no início do segundo tempo por Clayton.

6,0

Teve uma boa oportunidade logo no início mas desperdiçou. Sem a bola chegar, apareceu mais fora da área para dar opção de jogo.

6,0
Clayton
Não ficou tão preso na marcação quanto Romero e participou mais das jogadas de ataque. Mas errou muitos passes.

6,0
Marquinhos Gabriel
Voltando ao time, sentiu a falta de ritmo de jogo errando em alguns passes. Deve entrar mais nos próximos jogos.

6,5
Pedrinho
Nos poucos minutos que ficou em campo, deu um bom chute após a matar a bola no peito levando perigo ao gol adversário.

6,5
Téc: Fábio Carille
Apesar de ter mais posse de bola que no jogo contra a La U, o time falhou mais uma vez na criação de jogadas.
Volante corinthiano Gabriel não escolhe rival do Timão na semifinal: 'Prontos para quem vier'

Após vitória sobre o Botafogo-RP, volante do Corinthians valoriza forma como time avançou no Paulistão e considera equipe preparada para qualquer desafio que vier na próxima fase

Gabriel, em ação pelo Corinthians contra o Botafogo-rp

(Foto: Daniel Augusto Jr)

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e avançou à semi do Paulista 

Ricardo Moreira / Fotoarena


Não foi fácil, mas o Corinthians conseguiu superar mais um obstáculo deste Paulistão e está na semifinal da competição. Com a vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-RP, neste domingo, o Timão chega ao mata-mata tendo adquirido uma"'casca", que empolga os jogadores do time.

O volante Gabriel é um dos que viu no desempenho na primeira fase e nas quartas de final motivos para se animar. Para ele, a equipe está preparada para qualquer adversário na semi.

- Independentemente de quem vier, estamos prontos. Mostramos isso no primeiro turno, quando fomos bem em clássicos e jogos grandes - avisou o volante.

O Timão enfrentará ponte ou sp

Embora tenha ficado satisfeito com a classificação de seu time e com o objetivo atingido, Gabriel fez questão de alertar para os perigos que o Corinthians passou por desperdiçar tantas chances na partida.

- A gente estava controlando, mas chega um momento do jogo em que é mata-mata, em um descuido podemos tomar um gol e ir para os pênaltis. Foi um jogo tenso, mas a equipe controlou a maior parte do jogo, criou chances que deveria ter melhor aproveitado, mas estamos de parabéns pela luta - comemorou.


Gabriel também exaltou a fase pela qual está passando e a felicidade que carrega por jogar no Corinthians, porém não deixou de se cobrar pelos erros individuais.

- Eu fico feliz, estou preparado para tudo, para o que vier na minha carreira. A gente se prepara, luta. Estou vivendo um sonho aqui no Corinthians, procuro melhorar a cada dia, acredito que hoje errei mais passes do que de costume. Me cobro muito para melhorar. Não só eu, mas toda a equipe está de parabéns.

O Corinthians volta a campo nesta quarta-feira, contra o Internacional, às 21h45, em Porto Alegre, pelo confronto da Quarta Fase da Copa do Brasil.




Atacante corinthiano Jô atua em 21 dos 22 jogos do Timão, sente normais dores musculares  e garante que joga quarta, nada de ser poupado
Atacante sai com a mão na coxa após vitória do Corinthians sobre o Botafogo-RP, mas se garante estar nas partidas decisivas que a equipe fará. Ele só foi desfalque uma vez em 2017

Jô fez seu 21º jogo pelo Corinthians no ano contra o Botafogo-rp
Corinthians bateu o Botafogo-rp por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista

Ricardo Moreira / Fotoarena


Corinthians bateu o Botafogo-rp por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista


Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians bateu o Botafogo- rp por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista

Luis Moura / WPP


Corinthians bateu o Botafogo-SP por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista


Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians bateu o Botafogo-SP por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista

Ricardo Moreira / Fotoarena



Corinthians bateu o Botafogo-SP por 1 a 0 e foi à semifinal do Paulista


Ricardo Moreira / Fotoarena



ir à galeria
LANCE!
09/04/2017
18:46

Após o Corinthians vencer por 1x0 o botafogo rp e se classificar a semi do Paulista, o atacante Jô saiu com a mão na coxa, mas é apenas um desconforto muscular. Assim ele se garante para atuar quarta-feira, contra o Inter rs, fora de casa, pela Copa do Brasil.

Aos 30 anos, ele é um dos atletas do Timão que mais atuou na temporada, tendo ficado fora de apenas uma das 22 partidas do clube em 2017.

- É uma dor muscular, normal para o fim da partida após o desgaste físico. Depois de onze jogos seguidos, o cansaço acaba pegando – afirmou o atacante corintiano rechaçando a possibilidade de não atuar nos próximos jogos.

- A gente é guerreiro, neste mês de abril são várias finais e não podemos ficar de fora dos jogos. Quero jogar – comentou Jô.

O camisa 7 do Corinthians também apontou que a equipe está evoluindo e que a dificuldade encontrada para vencer o Botafogo-RP deve-se ao esquema defensivo do adversário.

- Essa equipe está correndo, batalhando, mostrou evolução, agora é hora de mostrar onde queremos chegar no campeonato. Estamos sofrendo pois as equipes que vêm jogar com a gente ficam atrás, é complicado, hoje erramos algumas bolinhas, último passe, mas a equipe está de parabéns pela classificação – completou o atacante corinthiano.








Após vitória e classificação corinthians, Técnico Fábio Carille mas exalta Timão e diz: não há 'direito' a críticas

Treinador do Corinthians lembrou que no início do ano o time era considerado a quarta força  e agora já está na semifinal. Ele reconhece excesso em erros de passes

Fabio Carille, técnico do Corinthians, na partida contra o Botafogo-rp

(Foto: Daniel Augusto Jr)

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena




Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão 


Ricardo Moreira / Fotoarena


Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena


Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena


Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Luis Moura / WPP

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Luis Moura / WPP


Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Luis Moura / WPP

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Ricardo Moreira / Fotoarena


Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Marco Galvão / Fotoarena

Corinthians venceu o Botafogo por 1 a 0 e foi à semi do Paulistão

Marco Galvão / Fotoarena



Bruno Cassucci
09/04/2017
19:04



Se o Corinthians não apresenta um futebol de encher os olhos em 2017, é inegável que seu estilo de jogo tem sido eficiente. A vitória e classificação do Timão  por 1 a 0 sobre o Botafogo-RP e a vaga garantida nas semifinais do Paulistão são exemplos disso. Apesar de admitir que o time ainda precise evoluir, o técnico Fabio Carille rechaçou críticas à equipe no estadual e prometeu mais conquistas.

Ele lembrou que o Timão era apontado como a quarta força  e agora já está entre os quatro melhores do Paulistão. Contudo, ele quer mais:

- Vocês não têm direito de criticar o Corinthians em momento algum no Campeonato Paulista. Colocaram a gente como quarta força, estamos entre os quatro. Mas vamos buscar coisas maiores, podem ter certeza - disse o comandante em entrevista coletiva após a partida deste domingo.

Para a próxima fase Carille não vê facilidade para os corintianos e revelou o que pediu para seus jogadores antes do jogo para enfrentar o Botafogo-rp Segundo o treinador, o Timão deveria ter o controle da situação desde o início.
- Daqui para frente são pedreiras, mas o que ficou para trás, também. Não teve moleza até agora, com clássicos, jogos difíceis. O Botafogo-rp era um franco atirador, a responsabilidade era toda nossa, falei isso na preleção, que tínhamos que assumir isso - declarou.

No entanto, apesar de comemorar a vaga e a façanha de seu time, Carille não deixa de diagnosticar os erros de passe (62 contra o Botafogo). Ele prevê melhora no quesito em breve.

- Não sei os números, mas sei que foi alto. Quando melhorarmos nessa parte técnica, nosso time vai crescer um pouco mais. Estamos um pouco acelerados na hora do passe, mas vamos trabalhar. Continuar sólido no sistema defensivo e melhorar os passes simples. Estamos fazendo triangulações, mas há muitos erros. Quando crescermos nessa parte técnica, criaremos mais possibilidades de gols - prometeu.

O Corinthians volta a campo nesta quarta-feira, quando enfrenta o Internacional, em Porto Alegre, às 21h45, em confronto válido pela Quarta Fase da Copa do Brasil.


NÚMEROS GERAIS DE CORINTHIANS 1X0 BOTAFOGO-rp
– Dados Footstats

Posse de bola do Corinthians: 54%
Posse de bola do Botafogo: 46%
Finalizações certas do Corinthians: 5
Finalizações certas do Botafogo: 2
Finalizações erradas do Corinthians: 2
Finalizações erradas do Botafogo: 9
Cruzamentos certos do Corinthians: 3
Cruzamentos certos do Botafogo: 4
Cruzamentos errados do Corinthians: 22
Cruzamentos errados do Botafogo: 11
Passes certos do Corinthians: 401
Passes certos do Botafogo: 226
Passes errados do Corinthians: 62
Passes errados do Botafogo: 53
Desarmes certos do Corinthians: 27
Desarmes certos do Botafogo: 23
Lançamentos certos do Corinthians: 18
Lançamentos certos do Botafogo: 21
Lançamentos errados do Corinthians: 13
Lançamentos errados do Botafogo: 22
Faltas cometidas pelo Corinthians: 14
Faltas cometidas pelo Botafogo: 21






Corinthians bate Botafogo-rp e vai à semi do Paulistão

Timão domina e ganha novamente por 1 a 0. Rival será conhecido nesta segunda: sp ou ponte

Corinthians 1x0 Botafogo-
Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians 1x0 Botafogo-
Ricardo Moreira / Fotoarena

Corinthians 1x0 Botafogo-
Luis Moura / WPP










Corinthians 1x0 Botafogo-

Luis Moura / WPP

Corinthians 1x0 Botafogo-
Luis Moura / WPP



Corinthians 1x0 Botafogo-

Marco Galvão / Fotoarena

Corinthians 1x0 Botafogo-
Marco Galvão / Fotoarena





Bruno Cassucci
09/04/2017
17:59



O corintiano já havia visto esse filme. Rodriguinho  decidiu! Assim como foi contra a Universidad de Chile, na última quarta-feira, o meia balançou as redes para o Timão neste domingo, contra o Botafogo-RP, na Arena, e garantiu a vitória por 1 a 0.

Com o resultado, o Corinthians, que havia empatado o duelo de ida sem gols, se classificou para a semifinal do Campeonato Paulista. O adversário na próxima fase, contudo, só será descoberto na noite de segunda-feira. Será ponte ou 5P, com segundo jogo na Arena Corinthians

A vaga entre os quatro melhores do estado veio com alguns sustos, apesar do controle alvinegro durante toda a partida. Quando Rodriguinho marcou aos 36 minutos do primeiro tempo, Cássio já havia feito uma linda defesa em cabeceio de Marcão. O Botafogo-RP chegou poucas vezes, mas quase sempre com perigo.

Por outro lado, o Timão criou inúmeras chances, mas voltou a esbarrar nos erros de finalizações e também nos de passes. Foram nada menos do que 59 toques errados. Rodriguinho esteve envolvido em muitos destes lances e parecia novamente limitado pelas dores no joelho esquerdo. Entretanto, se com o pé não estava dando certo, com a cabeça funcionou extremamente bem. Jadson deu cruzamento preciso, e o meia não deu chances a Neneca.

Com o apoio de mais de 33 mil torcedores na Arena Corinthians, o Timão vai sendo fatal de 1x0 em 1x0, sendo a oitava vitória com este plcar no ano...


FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 bot rp 
Local: Arena Corinthians
Data-Hora: 9/4/2017 - 16h
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza 
Auxiliares: Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo e Luiz Alberto Andrini Nogueira.
Público/renda: 33.847 total (33.491 pagantes e 356 nao pag) /R$ 1.681.481,10
Cartões amarelos: Rodriguinho (COR), Marcão Silva, Gualberto, Samuel Santos e Fernandinho (BOT)
Cartões vermelhos: -
Gols: Rodriguinho (37'/1ºT) (1-0)

CORINTHIANS: 12- Cássio; 23- Fagner, 4-Balbuena, 3-Pablo e 13- Guilherme Arana; 5-Gabriel e 8-Maycon; 10- Jadson (38-Pedrinho, aos 41'/2ºT), 26- Rodriguinho (31- Marquinhos Gabriel, aos 28'/2ºT) e 11- Romero (9-Clayton, aos 21'/2ºT); 7-Jô. Técnico: Fabio Carille.+ 27-Walter, 14-Léo, 2-Léo Príncipe, 22-Marciel, 21-Fellipe Bastos, 28-Paulo Roberto, 29-Camacho, 17-Giovanni Augusto 37-Léo Jabá
botrp 1-Neneca; 2-Samuel Santos, 3-Gualberto, 4-Matheus Mancini e 6-Fernandinho (21-Kauê, aos 13'/2ºT); 5-Marcão Silva, 7-Bileu, 8-Diego Pituca e 16-Rafael Bastos (10-Bernardo, aos 32'/2ºT); 11-Francis (19- Wesley, aos 20'/2ºT) e 9-Marcão. Técnico: Moacir Junior.+ 12-Joao Lucas, 13-Caio, 14-Carlos Henrique, 15-Rodrigo Thiessen, 17-Fernando Medeiros, 18-Serginho 20-Vitinho, 21-Kaue 22-Isaac



Mais de 33 mil, Corinthians 1 a 0 e vaga: as imagens da vitória do Timão

Corinthians venceu o Botafogo pelo placar mínimo e garantiu vaga na semifinal do Campeonato Paulista de 2017


Corinthians 1x0 Botafogo-RP: jogadores festejam gol de Rodriguinho. Público pagante de 33.491 na Arena Corinthians, que arrecadou R$ 1.681.481,10 neste domingo. Timão está na semifinal do Paulistão e espera para saber se enfrenta sp ou ponte
Ricardo Moreira / Fotoarena




Giovanni Augusto fala em ser ídolo do Timão; Marquinhos Gabriel quer apoio

Bruno Cassucci
09/04/2017
20:18


O meia Giovanni Augusto falou neste domingo pela primeira vez sobre a recusa de se transferir do Corinthians para o Internacional por empréstimo. Depois da partida contra o Botafogo-SP, neste domingo, quando voltou a ser relacionado após um mês, devido a lesão, o jogador confirmou que não aceitou ser trocado por Valdívia.

Giovanni, que foi contratado por R$ 15 milhões em 2016, mostrou confiança em dar a volta por cima, reconquistar a titularidade no Timão e cair nas graças da Fiel Torcida:

- É normal em uma negociação a diretoria conversar com você e perguntar se você quer sair. Eu fui claro, falei que queria ficar no Corinthians, é um sonho de criança que virou realidade, sei que um dia posso virar ídolo, estou muito feliz aqui - disse o jogador.

O meia ponderou que ano passado foi prejudicado pela má fase da equipe e que neste ano sofreu duas lesões musculares:

- Estou muito feliz de poder voltar agora, infelizmente tive lesões que me atrapalharam quando eu estava começando a ter uma sequência de jogos, isso acabou me atrapalhando um pouco. Estou com a consciência tranquila, só vou recuperar meu espaço com o trabalho, o importante é que o time está vencendo. Tenho que ter paciência, há jogadores na frente, preciso trabalhar para reconquistar o espaço - comentou.

Quem também falou foi Marquinhos Gabriel, outro contratado em 2016 que está na reserva nesta temporada. Recuperado de cirurgia de hérnia inguinal, o meia entrou no segundo tempo da partida na vitória do Corinthians sobre Botafogo-RP e disse que sente desconfiança de parte da torcida em relação a ele e pediu apoio.

- Metade gosta, mas metade ainda tem desconfiança. É como eu falei, vou continuar trabalhando no dia a dia para adquirir a confiança de todo mundo. Da diretoria eu já tenho, mas quero cada vez mais. Agora, falando no geral, é a hora de trazer a torcida para o nosso lado. Precisamos dela junto, somos muito fortes aqui dentro da Arena. Corinthians










Giovanni Augusto: "Sei que posso ajudar o Corinthians"

Meia quis ficar mo Timão e não aceitou ir para time de série b. De volta aos planos, ele admite: "Tem jogadores à frente"

Por Diego Ribeiro e Marcelo Braga

09/04/2017 19h38

De volta ao banco de reservas do Corinthians depois de três semanas se recuperando de estiramento na coxa direita, o meia Giovanni Augusto falou pela primeira vez sobre não aceitar ir para o rebaixado Internacional em troca por Valdívia. O não de Giovanni fez a conversa melar. 


Depois da vitória do Corinthians  por 1 a 0 sobre o Botafogo rp, neste domingo, na Arena Corinthians, resultado que confirmou a classificação do Timão à semifinal do Paulistão, o meia confirmou o não ao Inter e explicou suas razões para essa decisão. 


– Sim, é normal numa negociação a diretoria vir conversar com você e perguntar se tem algum desejo de sair. Eu fui claro, falei que não, que queria ficar no Corinthians, porque é um sonho de criança que virou realidade. Sei que posso ajudar, posso um dia virar ídolo. Com certeza, estou muito feliz aqui – disse Giovanni. 


O meia prefere não falar mais sobre o que passou: 


– Não gosto mais de falar sobre isso, já faz parte do passado e defini meu futuro. Quero deixar bem claro que estou pensando exclusivamente em jogar no Corinthians. Sei que posso ajudar muito a equipe esse ano. 



Giovanni Augusto não quis sair do Timão (Foto: Marcos Ribolli) 

De volta aos planos do Corinthians, Giovanni Augusto sabe que está no fim da fila por uma vaga no meio-campo da equipe de Fábio Carille. Ciente de sua situação no elenco, ele está tranquilo. Quer recuperar seu espaço nos treinos, sem lamentações. 

– Infelizmente, tive uma lesão que me atrapalhou. Eu estava começando a ter sequência... Mas estou com a consciência tranquila, só vou conseguir recuperar meu espaço com trabalho. Importante é que o time está bem, está vencendo. Agora é ter paciência, porque tem jogadores que estão à frente. Tem de trabalhar e, aos poucos, conquistar a confiança novamente – receitou Giovanni Augusto. 


O Corinthians volta a campo nesta quarta-feira, mas pela Copa do Brasil. O time viaja a Porto Alegre para enfrentar o Inter de poa, às 21h45 (horário de Brasília), no Beira-Rio, pela quarta fase do torneio.







CORINTHIANS PRORROGOU CONTRATO DE LATERAL ESQUERDO GUILHERME ARANA ATÉ 2019 E SEGUE COM 40% DOS DIR FEDERATIVOS DELE

Gaviões driblou fiscalização da PM e levou sua faixa a Arena


Atuações do Corinthians com vitória e classificação: Rodriguinho decide mais uma vez; defesa se segura

Meia faz o gol da classificação para a semifinal do Paulista em vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo. Cássio faz grande defesa no primeiro tempo




Por Diego Ribeir

09/04/2017 18h04

Rodriguinho: apesar de ter perdido a segunda chance do Corinthians no jogo, cara a cara com Neneca, mostrou que é decisivo mesmo quando não está tão bem. Suas infiltrações levaram perigo mais uma vez. Numa delas, marcou de cabeça seu quarto gol no ano – sempre em mata-mata. Merece crédito por estar jogando com dores no joelho esquerdo. Nota: 7,5



Cássio: mais uma vez, foi muito bem quando exigido. Num jogo em que o Botafogo teve poucas finalizações, brilhou ao afastar cabeçada de Marcão que entraria no ângulo esquerdo do gol. Recuperou a confiança (dele próprio e do resto do time). Nota: 7


Jadson: adapta-se melhor a cada jogo pelo Timão. Apesar de ter errado 11 passes neste domingo (maior número do time), encontrou Rodriguinho livre na área para o colega fazer o gol da vitória. Costuma se arriscar mais, mas, em uma bola, pode mudar o jogo. Nota: 6,5


Jô: o centroavante se esforça muito pelo time, mas não tem aparecido tanto no ataque, quase sempre com dificuldades entre os zagueiros. Pesa o fato de ele ser o corintiano com mais jogos no ano – nada menos do que 22. Sequência desgastante. Nota: 5,5



Jô teve trabalho para se livrar da marcação (Foto: Marcos Ribolli)


Veja as notas dos jogadores do Corinthians:
Cássio [GOL]: 7
Fagner [LAD]: 6
Balbuena [ZAG]: 6
Pablo [ZAG]: 6,5
Guilherme Arana [LAE]: 6,5
Gabriel [VOL]: 6,5
Maycon [VOL]: 6,5
Rodriguinho [MEI]: 7,5
(Marquinhos Gabriel [MEI]): 6
Jadson [MEI]: 6,5
(Pedrinho [ATA]): sem nota
Romero [ATA]: 6,5
(Clayton [ATA]): 5,5
Jô [ATA]: 5,5







Corinthiano Fagner: "Esse jogo deixou lições"

Na semifinal, Corinthians enfrentará ponte ou 5p

19h40 09/04/2017 - Agência Corinthians


© Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians


Na tarde deste domingo (09), na Arena Corinthians, o Corinthians venceu o Botafogo-rp por 1 a 0, com gol de Rodriguinho, e garantiu vaga na semifinal do Campeonato Paulista de 2017. Após a partida e ainda no gramado do estádio corinthiano, o lateral direito Fagner concedeu entrevista.

"Chegamos bem, muito bem, sabemos que há jogos que tem de errar o mínimo possível. Esse jogo deixou lições, principalmente quando temos a bola. No fim, tínhamos que ter calma e escolher melhor pra fazer mais gols, mas serve de lição para corrigir", disse o camisa 23 do Timão.

O Corinthians conhecerá o adversário na semifinal nesta segunda-feira (10). O Timão enfrentará 5p ou ponte
Antes do duelo pela semifinal, no entanto, o Corinthians entra em campo nesta quarta-feira (12) pela Copa do Brasil. Em Porto Alegre, o Timão enfrenta o Internacional rs pela quarta fase do torneio. Para a partida de volta, que acontece no dia 12 na Arena Corinthians, os sócios do Fiel Torcedor já podem garantir presença pelo www.fieltorcedor.com.br










Cássio analisa vitória corinthiana: "Estamos correndo, lutando, batalhando"


A definição do próximo adversário do Timão acontece nesta segunda-feira; Alvinegro enfrentará 5p ou ponte na semifinal do Paulista


18h30 09/04/2017 - Agência Corinthians







© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


Neste domingo (09), o Corinthians assegurou vaga na a semifinal do Paulistão Itaipava. Com gol de Rodriguinho, o Timão superou o Botafogo-RP por 1 a 0 na Arena Corinthians. Após o duelo, o goleiro Cássio fez uma análise sobre a partida corinthiana.



"Não acho que foi abaixo. Estamos correndo, lutando, batalhando, acho que erramos muitos passes. Isso poderia dar tranquilidade. Mas é normal, tem muitos jogadores novos, jogador novo quer pegar a bola e ir para cima. O time está organizado, tivemos chances, mas o importante é a classificação", comentou.

O Timão volta a entrar em campo já nesta quarta-feira (12), mas desta vez pela Copa do Brasil. O Corinthians enfrentará o Internacional, no Beira-Rio, às 21h45, pela quarta fase do torneio nacional.
Corinthiano técnico Fábio Carille projeta próxima fase do Paulistão: "Vamos buscar muito mais"

O treinador também elogiou a fase do lateral esquerdo Guilherme Arana. "O Arana vem jogando muito, muito mesmo"


19h00 09/04/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


Neste domingo (09), o Corinthians assegurou vaga na semifinal do Paulistão Itaipava. Com gol de Rodriguinho, o Timão superou o Botafogo-RP por 1 a 0 na Arena Corinthians.
Após o duelo, o treinador Fábio Carille concedeu entrevista coletiva na sala de imprensa do estádio corinthiano e projetou a próxima fase do estadual.

"Chegamos à semifinal, muito importante para esse grupo, um grupo novo, que trabalhou bastante, quietinho e sério. Vamos buscar muito mais. Não tem nada que poupar agora. Só vou tirar alguém se for pedido do departamento médico", analisou.

"Daqui para a frente é pedreira. Mas o que passou antes também foi pedreira. A equipe se portou bem, entendeu o posicionamento... O Botafogo era franco atirador, a responsabilidade era do Corinthians, que tinha que assumir isso. Talvez nosso time ficou acelerado na questão dos passes, tinha que saber equilibrar os passes para frente, ter um maior controle da bola, para ter feito um jogo melhor", continuou Fábio Carille.

Um dos destaques do Corinthians em 2017, Guilherme Arana foi muito elogiado pelo treinador Fábio Carille. O jogador é peça fundamental no sistema defensivo e ofensivo do Timão.

"O Arana vem jogando muito, muito mesmo. Estou muito satisfeito com o que ele está apresentando. Quando ele voltou da Seleção, eu falei para ele, hoje você é o titular do Corinthians, é você quem assume. Ele pegou a camisa e está jogando muito, tanto no setor defensivo, como no ofensivo", disse.
Corinthians enfrenta 5P ou ponte na semi.

O Timão volta a entrar em campo já nesta quarta-feira (12), mas desta vez pela Copa do Brasil. O Corinthians enfrentará o Internacional, no Beira-Rio, às 21h45, pela quarta fase do torneio nacional.






Corinthians faz 1 a 0 no Botafogo e se classifica para as semifinais do Paulistão

Na arena, Rodriguinho decide para o Timão com gol de cabeça no primeiro tempo. Time do interior chega a criar perigo, mas sem força para empatar

Por GloboEsporte.com,

09/04/2017 17h54

Com uma vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo na tarde deste domingo, na arena de Itaquera, o Corinthians se classificou para as semifinais do Campeonato Paulista.


O gol decisivo, diante de 33.491 pagantes (renda e R$ 1.681.481,10), foi marcado por Rodriguinho – em Ribeirão Preto, o jogo de ida tinha terminado 0 a 0.
O Corinthians pode enfrentar ponte ou sp
Jadson abraça Rodriguinho: cruzamento do primeiro, gol de cabeça do segundo (Foto: Marcos Ribolli)


O jogo


Em casa, o Corinthians tentou se impor no ataque deste o início do primeiro tempo. Logo com 1 minuto, Jô perdeu um chance, defendida por Neneca. Aos 8, Rodriguinho também ficou na frente do goleiro do Botafogo, mas demorou a se decidir e perdeu a bola.


Mas esse ímpeto ofensivo foi diminuindo, e o time do interior passou a se aproximar da área alvinegra. Aos 22, em cabeçada de Marcão, Cássio teve que espalmar a bola no ângulo. O jogo começava a ficar chato para o Timão, mas a sensação durou pouco: aos 37, após cruzamento de Jadson, Rodriguinho abriu o placar de cabeça.

No segundo tempo, a bola também esteve mais com o Corinthians, mas, sem criar chances de perigo, o risco do empate que levaria a decisão para os pênaltis voltou a rondar a arena. Então, Carrille mexeu na frente: tirou Romero e Rodriguinho, colocou Clayton e Marquinhos Gabriel.


Até o fim, o Timão manteve a vantagem, mas errando muitos passes e chegando sem tanto perigo. Pedrinho ainda entrou no lugar de Jadson. E as três mudanças de Moacir Júnior também não surtiram efeito no Bota, que atacou esporadicamente, sem força para empatar.






No embalo da Fiel! Corinthians vence Botafogo-RP e está na semifinal do Paulistão 2017

Após vitória por 1 a 0, Timão espera último confronto de semi para saber adversário


18h00 09/04/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


Com a força da Fiel – que marcou o recorde de público da Arena Corinthians em 2017, de 33.847 –, o Corinthians está classificado para a semifinal do Paulistão Itaipava 2017. Na tarde deste sábado (09), na Arena Corinthians, o Alvinegro bateu o Botafogo-SP por 1 a 0 – com gol de Rodriguinho. A primeira partida das quartas de final havia terminado 0 a 0, em Ribeirão Preto, portanto, o agregado dos dois jogos ficou 1 a 0 para o Timão.

Timão em campo: O técnico Fábio Carille mandou a campo a escalação que considera a ideal atualmente, com Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo, Guilherme Arana; Gabriel; Jadson, Rodriguinho, Maycon, Romero; e Jô. A formação variava durante o jogo entre o 4-1-4-1 e o 4-2-3-1 – esta segunda, com Maycon descendo para compor a segunda linha ao lado de Gabriel e Jadson mais centralizado.

Começo com força total: Com menos de um minuto de jogo, o Corinthians já criou a primeira chance. Jô aproveitou uma bola espirrada – após boa jogada de Fagner e Rodriguinho – e chutou, mas a bola parou nas mãos de Neneca. Pouco depois, aos oito minutos, Rodriguinho recebeu passe de Jadson e, após falha da zaga do Botafogo, saiu na cara do goleiro. Ele tentou tocar por cima, mas o chute não saiu como o esperado e Neneca teve tempo de se recuperar e fazer a defesa.

Cássio e sistema defensivo seguros: O Botafogo pouco atacou nos primeiros 45 minutos. Quando chegava próximo ao gol, o sistema defensivo protegia a área de Cássio, que não precisou trabalhar muito. Contudo, em um contra-ataque do Botafogo, aos 22 minutos, o camisa 12 corinthiano fez uma grande defesa, no canto superior esquerdo, após cabeçada do atacante Marcão.

Pressão até o gol sair: Apesar do susto na defesa de Cássio, o Timão seguiu com o controle da partida – a posse de bola foi de 57% para o Alvinegro na primeira etapa. Aos 29 minutos, Maycon arriscou chute de fora da área e o goleiro Neneca se esticou todo no canto esquerdo para fazer a defesa. A pressão deu resultado aos 37 minutos. Jadson recebeu passe de Maycon pela direita e cruzou para Rodriguinho, que, de cabeça, desviou para o fundo da rede botafoguense.

Chapéu para começar: O segundo tempo iniciou mais tranquilo e sem grandes chances para nenhuma das equipes. Jadson foi o protagonista do lance mais bonito dos primeiros 10 minutos da etapa complementar: aos oito minutos, ele recebeu um toque de cabeça de Rodriguinho e aplicou um bonito chapéu no lateral Fernandinho.

Corinthians no ataque e substituições: Aos 14 minutos, o Timão criou sua primeira boa oportunidade no segundo tempo. Jadson cobrou falta na cabeça de Jô, mas o desvio do atacante corinthiano foi nas mãos de Neneca. Fábio Carille colocou Clayton no lugar de Romero, aos 21 minutos. Pouco depois, aos 29, o autor do gol, Rodriguinho, deu saiu para a entrada de Marquinhos Gabriel, que não atuavadesde 11 de fevereiro, por conta de uma operação de hérnia inguinal.

Partida controlada: Assim como na primeira etapa, o goleiro Cássio praticamente não teve trabalho. O Alvinegro manteve a superioridade na posse de bola e criava algumas chances, mas sem muito perigo ao gol de Neneca.

Semifinal do Paulistão: Corinthians enfrentará 5P ou ponte





Mudança de foco: O Timão vira a chave agora para o duelo de ida da quarta fase da Copa do Brasil, diante do Internacional. O confronto de ida acontece nesta quarta-feira (12), às 21h45, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS. Será uma reedição da final que ocorreu em 2009, quando o Alvinegro, com Ronaldo e cia venceram os gaúchos – 2 a 0 no Pacaembu e 2 a 2 no Beira-Rio.


Em busca da vaga para semifinal do Paulistão, Corinthians recebe Botafogo-RP na Arena Corinthians

Este será o 102º duelo entre as equipes com vantagem para o Timão, que possui 52 vitórias, 39 empates e 10 zebras


10h00 09/04/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Neste domingo (09), o Corinthians decide a vaga para a semifinal do Paulistão Itaipava. Na Arena Corinthians, o Timão recebe o Botafogo-RP às 16h. Com empate em 0 a 0 no primeiro duelo, apenas a vitória interessa ao Alvinegro para avançar à próxima fase do torneio estadual.

Após o treinamento da última sexta-feira (07), o treinador Fábio Carille concedeu entrevista coletiva e falou sobre mais uma decisão que o Corinthians terá neste mês de abril.

"Botafogo não vem para os pênaltis. Vem para jogar no nosso erro e tentar vencer. Francis jogador de velocidade, fazem muita ligação direta. Estão pensando mais do que levar para os pênaltis".

"Maior preocupação é estarmos concentrados na parte defensiva. Fazem ligação direta e vão forçar nosso erro. Não podemos ser surpreendidos no contra-ataque", continuou.

Corinthians e Botafogo se enfrentarão pela 102ª vez em toda história. Em 101 jogos disputados, o retrospecto é positivo para a equipe do Parque São Jorge. São 52 vitórias, 39 empates e 10 derrotas. 180 gols anotados para o Coringão contra 90 sofridos.

Perto do seu 100º jogo, a Arena Corinthians também traz ao Corinthians um retrospecto pra lá de positivo. Em 96 jogos até o momento, o Timão venceu 68 vezes, empatou 21 e perdeu apenas em sete oportunidades, com 78% de aproveitamento dos pontos disputados na casa corinthiana.














"Casamento perfeito" na defesa é a arma do Corinthians contra o Botafogo por vaga

Atento às ligações diretas do adversário nas quartas de final do Paulistão, Timão tem em Pablo e Balbuena uma forte segurança defensiva. Dupla só sofreu três gols em 2017
Por GloboEsporte.com

09/04/2017 06h58
Com apenas duas derrotas em 2017, o Corinthians enfrentra o Botafogo neste domingo, às 16h (de Brasília), em Itaquera, no segundo jogo das quartas do Paulistão, a fim de se impor ofensivamente, mas sem abrir mão de sua segurança defensiva. 

Na visão do técnico Fábio Carille, o time de Ribeirão Preto não irá para a arena só em busca de um novo empate que leve a decisão para os pênaltis – o jogo de ida terminou 0 a 0. 

– Eles fazem muita ligação direta e vão forçar nosso erro – alertou o treinador, que considerou os 54 passes errados no jogo de ida como fator fundamental para a atuação ruim no interior. 

Para não ser surpreendido e chegar à semifinal estadual, o Timão conta com números favoráveis de sua fortaleza defensiva. Juntos, os zagueiros Pablo e Balbuena sofreram apenas três dos 10 gols sofridos pelo time em jogos oficiais em 2017, em 12 jogos disputados. 


Pablo (à esq.) e Balbuena: segurança defensiva do Timão rumo à semifinal (Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians) 

Nos outros sete gols sofridos, ao menos um dos dois jogadores não estava em campo. Nas dez partidas do ano em que o time não foi vazado, o brasileiro e o paraguaio foram titulares.

– É um casamento perfeito até agora. Jogadores de imposição física e bola aérea muito boa – destacou Carille, que também foi zagueiro quando jogador.

Segundo dados do Footstats, o Corinthians tem 61% menos finalizações certas sofridas quando a defesa é formada por Pablo e Balbuena. O elenco alvinegro ainda conta com o jovem Léo Santos e com a dupla Pedro Henrique e Vilson, que se recupera de lesões. 

Escalação: Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô
Desfalques: Pedro Henrique e Kazim

Pendurados: Fagner, Jô e Gabriel










Corinthians volta a usar escalação "perfeita" diante do Botafogo-rp

No primeiro jogo da série de mata-matas que o Corinthians terá pela frente que realmente pode causar uma eliminação da equipe, contra o Botafogo-SP, às 16h (de Brasília), no estádio de Itaquera, o técnico Fábio Carille pode contar, enfim, com a equipe considerada ideal por ele dentro de campo. Até o momento presente em apenas duas partidas, o time conquistou o treinador pela intensidade adquirida neste início de ano e a capacidade de criação com a dupla Rodriguinho e Jadson

Do goleiro ao centroavante, o Timão já é escalado há algum tempo pelo torcedor com Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, 
Maycon,  Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô. Com relação ao time que ganhou da Universidad de Chile, a única novidade é o lateral direito Fagner, que deu lugar ao garoto Léo Príncipe na competição sul-americana para cumprir suspensão imposta pela Conmebol.

Nas duas vezes em que a equipe ideal de Carille entrou em campo, ainda no começo do mês passado, o resultado foi empolgante para a comissão técnica. Vitória por 1 a 0 no clássico contra o Santos, no estádio de Itaquera, em uma das poucas vezes em que o time mais propôs o jogo do que esperou o adversário fazê-lo. Três dias depois, triunfo por 2 a 0 sobre o Luverdense, encaminhando a classificação na Copa do Brasil.
Essa foi, por sinal, foi a única vez na temporada em que Carille conseguiu repetir um time em duas ocasiões consecutivas na atual temporada, algo que ele pretende fazer tendo em vista os perigosos confrontos frente ao Inter de POA, pela Copa do Brasil. Para que isso aconteça, além da questão física, o comandante conta com a disciplina do lateral direito Fagner, pendurado no Estadual com dois amarelos.

Desde os bons experimentos, porém, a comissão técnica optou por rodar o elenco e evitar que alguns jogadores se desgastassem demais antes da série de duelos eliminatórios que o Timão teria pela frente. Dessa forma, garotos como Pedrinho e Léo Jabá puderam ser testados e agora são considerados prontos para ajudar na fase decisiva.

Para avançar de fase, o Timão terá que vencer o Botafogo-SP por qualquer diferença. Caso o time de Ribeirão Preto saia vencedor, a vaga vai para a equipe do interior. Um empate, assim como ocorreu no duelo de ida, no estádio Santa Cruz, leva a decisão para os pênaltis. Não há diferenciação nos gols marcados dentro ou fora de casa no Paulista.