24 de fev de 2017

CORINTHIANS 24/02/2017







24/02/2017 20h02

Corinthians terá camisas especiais de Maycon e Gabriel contra o Mirassol
Clube volta a brincar com confusão na vitória no derby e reforça nomes nos uniformes dos dois jogadores. Jogo é neste sábado, às 19h30, no interior


Por GloboEsporte.com
Camisas de Maycon e Gabriel terão inscrições especiais neste sábado (Foto: Divulgação)

Um dia depois de ter produzido máscaras dos volantes Maycon e Gabriel, o Corinthians promoveu nova ação nesta sexta-feira.

Pivôs da expulsão equivocada do árbitro Thiago Duarte Peixoto na vitória corinthiana no derby, eles terão camisas personalizadas no jogo deste sábado contra o Mirassol, às 19h30 (horário de Brasília), no interior paulista.

Em uma rede social, o Timão postou fotos das camisas que eles vão usar. Maycon usará um uniforme com os dizeres #EuSouMaycon, e Gabriel terá a camisa #EuSouGabriel.

– Ó o carnaval aí, gente! Pra evitar confusão – ainda mais depois da máscara –, achamos melhor reforçar quem é quem amanhã – escreveu o perfil oficial do clube.

Gabriel, que nem estava na jogada que gerou a expulsão no clássico, teve seu cartão retirado após uma correção na súmula da partida. Por isso, ele será titular no jogo deste sábado.

Escalação provável: Cássio, Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Maycon e Léo Jabá; Kazim e Jô
Desfalques: Giovanni Augusto, Marlone e Guilherme























































24/02/2017 16h32

Timão tem uma alteração com relação a vitória no derby

O técnico Fábio Carille relacionou 19 jogadores do Corinthians para a partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30, no interior, pelo Campeonato Paulista.

O meia-atacante Guilherme está fora do grupo que viaja nesta sexta à tarde. Segundo a assessoria de imprensa, ele reclamou de dores em um dos joelhos. O jogador vinha sendo reserva da equipe e sequer treinou como titular depois das mudanças feitas nesta sexta.

Marlone também continua fora. Ele ainda não se recuperou totalmente de uma virose e segue em tratamento. A expectativa é de que o jogador seja liberado para enfrentar o Brusque, quarta-feira, em Santa Catarina, pela Copa do Brasil.

Já o meia Rodriguinho também está fora por desgaste físico. Ele sentiu dores musculares durante o derby, na última quarta, e, mesmo assim, seguiu atuando até o final. Agora, será preservado.

O lateral-direito Fagner, o zagueiro Balbuena e o atacante Romero, preservados na atividade pela manhã por conta do desgaste físico, estão com o grupo. Caso eles se recuperem, Carille pretende utilizá-los normalmente.


Veja os jogadores do Corinthians relacionados para a partida:

Goleiros: Cássio e Caíque
Laterais direito: Léo Príncipe 
e Fagner 
Laterais esquerdo: Moisés, Guilherme Arana
Zagueiros: Pablo, Balbuena, Vilson e Pedro Henrique
Meio-campistas: Gabriel, Fellipe Bastos, Marciel, Paulo Roberto e Maycon
Atacantes: Jô, Romero, Kazim e Léo Jabá 

Escalação provável: Cássio, Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Maycon e Léo Jabá; Kazim e Jô
Desfalques: Giovanni Augusto, Marlone e Guilherme 












Corinthians tem 19 concentrados que viajarão para Mirassol. Comissão técnica poupa meia Rodriguinho

O Corinthians tem 19 jogadores relacionados pelo
 técnico Fábio Carille  para a partida deste sábado, às 19h30 (de Brasília), contra o Mirassol, no estádio José Maria de Campos Maia. Após ensaiar uma equipe no treino da manhã desta sexta, ainda sem garantir a presença dos escolhidos na partida, ele só confirmou a ausência de um jogador titular na vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre no Derby: o meia Rodriguinho não viaja.

O lateral direito Fagner, o zagueiro Balbuena e o atacante Romero viajam com o elenco, mas não têm qualquer garantia sobre a atuação. Enquanto os dois defensores estiveram presentes em todas as partidas realizadas no ano, desde a pré-temporada até os seis duelos oficiais deste mês de fevereiro, o avante paraguaio se desgastou muito na vitória corinthiana no Derby e também deve receber descanso.

Ficam ausentes da lista os meias Giovanni Augusto, Guilherme e Marlone, todos vetados pela parte física. O primeiro ainda não está no estágio ideal após perder duas semanas de treino com um estiramento na coxa direita. O segundo, por sua vez, reclamou de dores no joelho após trabalhar sem problemas nos últimos dias, enquanto o terceiro tenta retomar seu peso normal após contrair uma virose.

Em campo, o Timão deve ter uma formação com Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos,
 Maycon e Léo Jabá ; Jô e Kazim. Em vez do 4-1-4-1 que vem sendo explorado até o momento, a formação será alternada para o 4-4-2.

Veja abaixo os relacionados:

Goleiros: Cássio e Caíque
Laterais direito: Fagner, Léo Príncipe

Laterais esquerdo:Guilherme Arana e Moisés
Zagueiros: Balbuena, Pablo, Pedro Henrique e Vilson
Volantes: Gabriel, Paulo Roberto, Maycon, Fellipe Bastos e Marciel
Atacantes: Romero, Kazim, Jô e Léo Jabá




Corinthians segue venda de ingressos na internet para jogo do dia 4 contra s7os

Não-sócios do Fiel Torcedor tem 5% de desconto na compra pela internet das entradas para o clássico na Arena Corinthians válido pelo Paulistão Itaipava


16h00 24/02/2017 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agencia Corinthians


No próximo sábado (04), na Arena Corinthians, o Corinthians encara o s7os em jogo válido pela sétima rodada do Paulistão Itaipava 2017 no estádio corinthiano a partir das 18h30. Os ingressos para essa partida estão à venda na internet – para sócios e não sócios do Fiel Torcedor – pelo www.fieltorcedor.com.br/ingressos.

As entradas estarão disponíveis para compra na internet até as 13h45 do próximo sábado (04), dia do clássico. Quem não é sócio do Fiel Torcedor pode comprar com 5% de desconto.

































24/02/2017 15h57

Esposa relata superação de Jô e revela promessa feita por ele antes do Dérbi
"Hoje começa a mudança na minha vida profissional", disse o atacante do Corinthians para Cláudia

Por Lucas Strabko

Todo corintiano que vibrou com o gol de Jô, que decidiu o derbys na quarta-feira, queria ganhar aquela camisa 7 do atacante. Mas ela tinha destino certo. Assim que terminou o jogo, ele correu em direção à arquibancada e a entregou para Cláudia, com quem é casado há 10 anos. Foi a primeira vez que fez isso. A esposa, como o próprio jogador reconhece, foi fundamental na radical mudança de vida pela qual passou, após se perder com a bebida.

Jô, a esposa Claudia e o filho Pedro na renovação de votos do casamento (Foto: Arquivo Pessoal)

– Foi muito forte aquele momento. Ele disse que, do banco, só pedia a Deus uma oportunidade para entrar. Antes de começar o jogo, eu estava no culto. Saí correndo para me arrumar. O Jô me disse: "Vida, hoje começa a mudança na minha vida profissional". Ele falou tão convicto... Como estava no banco, comecei a gritar que o amava e pedi para ele entrar. Ele só ria. O treinador me ouviu. Eu não conseguia parar de chorar depois do gol – conta Cláudia

No vestiário da Arena Corinthians, Jô deixou claro a mudança profissional e familiar. Questionado sobre como comemoraria a vitória, o atacante foi direto:

– Se fosse antes, eu iria comemorar. Como... Aí já não sabia como seria (risos). Hoje, eu sei como começa e como termina. Em casa, com a família e com o filho maravilhoso. Certeza que antigamente eu não teria essa capacidade psicológica para sair do banco e ter essa frieza que eu tive para fazer o gol e dedicar primeiramente para Deus e depois para minha esposa.






Guilherme Arana afirma: “Chegou minha hora no Corinthians”

Lateral esquerdo é o titular da posição na equipe do técnico Fábio Carille


12h30 24/02/2017 - Agência Corinthians






Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Após o treino desta sexta-feira (24) no CT Dr. Joaquim Grava, o lateral esquerdo Guilherme Arana conversou com a imprensa e falou sobre o ótimo momento que vive no Timão, dizendo que se sente preparado para assumir de vez a lateral esquerda alvinegra.

“Chegou minha hora no Corinthians. Todo jogo pra mim é especial. Melhorei meu jogo defensivo e me sinto preparado’, disse.

Um dos destaques da vitória do Timão sobre o Palmeiras na última quarta-feira (22) na Arena Corinnthians, o lateral aplicou uma linda ‘caneta’ no meia Michel Bastos e disse que o lance gerou uma grande repercussão entre os amigos.

“Meus amigos estão falando muito do rolinho no Dérbi. Foi natural, eu brinco de fazer esses lances e ficou bonito mesmo”, falou Arana.

Por fim, o lateral falou que está à disposição do técnico Fábio Carille para o próximo duelo pelo Paulistão 2017, neste sábado, às 19h30, contra Mirassol. “O time para amanhã ainda não está definido, muitos jogadores estão se recuperando ainda. Eu estou bem pra jogar e raça não faltará.”








Desgaste pode desfalcar Corinthians e até mudar esquema

Fagner, Balbuena, Rodriguinho e Romero apresentam risco de lesão e são preservados em treino

Gabriel Carneiro

24 FEV 2017 12h07 atualizado às 12h14

O desgaste do Corinthians na vitória por 1 a 0 no Derby e a proximidade das partidas contra o Brusque, pela Copa do Brasil, jogo único decisivo e o s7os, novamente pelo Campeonato Paulista, devem fazer o técnico Fabio Carille poupar algumas peças para o jogo deste sábado, ás 19h30, contra o Mirassol.


Nesta sexta-feira, o lateral-direito Fagner, o zagueiro Balbuena, o meia Rodriguinho e o atacante Romero foram poupados do último treino antes da partida e são candidatos a serem poupados do jogo contra o melhor time do Paulistão. Os substitutos foram Léo Príncipe, Pedro Henrique, Fellipe Bastos e Jô.

Assim, a escalação que participou do treinamento tático foi a seguinte: Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos,
Maycon e Léo Jabá, Jô e Kazim. Ao contrário do 4-2-3-1 e do 4-1-4-1 usado nas primeiras partidas da temporada, desta vez foi testado o 4-4-2, com dois centroavantes de área. O time, porém, não está confirmado para o jogo contra o Mirassol, pois ainda haverá avaliações físicas nas próximas horas.


Os desfalques certos na partida contra o Mirassol são o goleiro Walter, que ainda trata uma lesão no tórax, o meia Marquinhos Gabriel, em recuperação de uma lesão na coxa direita, o meia Marlone, que trata de uma virose, e o volante Camacho, que segue no Rio de Janeiro uma semana após viver uma tragédia pessoal com a morte de seu pai. Recuperados de lesão,o zagueiro  Léo e o meia Giovanni Augusto treinaram em campo nesta sexta e podem ser relacionados contra o Mirassol.


Carille dirigiu um treino tático e de bolas paradas com os 11 titulares, enquanto os auxiliares Osmar Loss e Leandro Silva trabalharam com os reservas em atividade técnica de espaço reduzido. O treinamento foi curto por conta do desgaste dos seis jogos em 20 dias e também da viagem a Mirassol, que ocorre ainda na tarde desta sexta. O grupo já se concentra no fim da tarde no interior paulista.











Atacante corinthiano Léo Jabá quer aproveitar a oportunidade: ‘’Mostrando a cara do Corinthians ‘’

Atacante de apenas 18 anos foi titular na vitória no Derby na Arena Corinthians


12h00 24/02/2017 - Agência Corinthians




Léo Jabá é formado nas categorias de base do Timão

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians


Uma das principais revelações das categorias de base do Corinthians, o atacante Léo Jabá conversou com os jornalistas após o treino da manhã desta sexta-feira (24), no CT Dr. Joaquim Grava. Jabá comentou sobre as oportunidades que vem recebendo na equipe principal e disse que quer mostrar muita raça e vontade.

“A gente aguarda por esse momento, então por isso que a gente está aproveitando o máximo, correspondendo dentro de campo, mostrando a cara do Corinthians que é raça vontade”, disse o garoto.

O atacante também comentou sobre a pressão que é atuar pelo clube, mas disse que já está acostumado com isso desde as categorias de base. “A gente trabalha pra chegar aqui e ter esse momento. Não é que o Corinthians não use a base, é que nos últimos anos, o elenco contou com muitos atletas experientes. A gente que é criado na base sabe da pressão que é jogar pelo clube, vem desde a base”, finalizou.







Atacante corinthiano Léo Jabá é 'adotado' por Kazim no Corinthians
Atacante de 18 anos vive inédita sequência no Corinthians, mas aproveitando desfalques do técnico Fabio Carille. Provocado por turco durante entrevista, garoto tenta se firmar
Gabriel Carneiro
24 FEV 2017 13h31 atualizado às 13h31


A voz grossa e o pedido insistente gritado à distância preocuparam o garoto de 18 anos, que concedia entrevista coletiva a alguns metros de onde saíam os chamados. O atacante do Corinthians parou de falar e olhou na direção da voz. Extenuado após o treino desta sexta-feira, o turco Kazim apenas sorriu, fez um sinal de positivo e continuou caminhando em direção à parte interna do CT. Era só uma brincadeira, feita para tirar a atenção do companheiro e descontrair. 

- Esse é figura. Dizem que é meu pai aqui dentro - sorriu dizendo Léo Jabá, que tem encarado uma inédita sequência como titular do Corinthians e já foi "adotado" pelo companheiro mais experiente. 

- Acho que isso acontece porque eu sou bem simples, bem brincalhão, esse meu jeito. Acho que é por isso que esses caras se aproximam, pelo fato de eles serem humildes também. Eles veem que sou um moleque sonhador, que está aqui para ajudar. Desde que cheguei da seleção, ele (Kazim) se engraçou comigo, dá uns tapas, essas brincadeiras dos mais velhos - disse Jabá, que em outros tempos também tinha boa relação com Emerson Sheik. 

Em 2017, Léo Jabá já tem três jogos pelo Corinthians, contra Novorizontino, Audax e Palmeiras. Ele atuou 30 minutos no primeiro e foi titular nos outros dois, vencidos pelo Timão por 1 a 0. Recém-promovido das categorias de base, ele aproveita a brecha das lesões de jogadores de sua posição, como Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto e Marlone, e agarra as chances. No entanto, ele ainda não se vê como titular do Corinthians. 


- Sempre sonhei com esse momento, sempre trabalhei por isso, desde a base. Fico muito feliz pela oportunidade que me deram, mas sei que ainda tenho que trabalhar muito para virar titular. Estou recebendo a oportunidade e aproveitando ao máximo, ajudando meus companheiros.






Técnico corinthiano Fabio Carille testa time com quatro mudanças e dupla Jô/Kazim no ataque
Tomás Rosolino - 


O técnico do Corinthians, Fábio Carille, confirmou uma tendência adiantada desde a quinta-feira no CT Joaquim Grava e promoveu quatro mudanças na equipe titular no último treino da equipe antes da partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Ainda sem Marlone e Giovanni Augusto, a equipe pode ter até seis atletas oriundos das categorias de base alvinegras no embate.

A equipe, não confirmada devido à ausência de muitos titulares, cansados após o Derby de quarta-feira, treinou com Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Léo Jabá e Maycon; Kazim e Jô. Dos 11 escolhidos, passaram pelo “terrão” o zagueiro Pedro Henrique, os laterais Guilherme Arana e Léo Príncipe, o volante Maycon e os atacantes Léo Jabá e Jô.

Na movimentação, que durou cerca de meia hora a menos do que normalmente leva, Carille montou o time com duas linhas de quatro jogadores, algo que ele avisou que não faria em um futuro próximo. Além disso, posicionou Jô e Kazim como dois centroavantes na frente, outra coisa que ele dizia ser praticamente impossível neste início de trabalho. A necessidade visando ao sétimo jogo em 21 dias, porém, venceu as convicções do comandante.

Mesmo praticamente recuperado do estiramento na coxa direita que o tirou dos três últimos jogos, Giovanni Augusto fez apenas um treino técnico ao lado dos reservas, assim como Guilherme, que não teve chance como titular em 2017. O meia Marlone, ainda debilitado por causa de uma virose contraída na quarta-feira, nem sequer foi a campo e não será relacionado para a viagem ao interior.

Dentre os nomes que não foram a campo e podem ser aproveitados está o do meia Rodriguinho e o do atacante Romero, nomes que poderiam manter o esquema com dois pontas e um centroavante. Pelo histórico do clube e do próprio Carille, que segue à risca os ensinamentos de Tite, dificilmente o time que vai a campo neste sábado terá alguma coisa de diferente com relação ao que treinou pela manhã.

Fora de combate, o meia Marquinhos Gabriel foi a novidade em um dos campos do CT, fazendo treinamento específico e mostrando boa disposição, podendo ser uma opção para a partida contra o Brusque, na quarta-feira. Além dele, realizaram trabalho no gramado o goleiro Walter e o meia Danilo. A experiente dupla, no entanto, não tem previsão de retorno ao time.

Com 12 pontos conquistados, o Timão é o líder isolado do Grupo A da competição, com quatro a mais do que o vice-líder






No Corinthians, tecnico  Fabio Carille testa time com quatro mudanças e dupla Jô/Kazim no ataque
Tomás Rosolino
24 FEV 2017 12h01
O técnico do Corinthians, Fábio Carille, confirmou uma tendência adiantada desde a quinta-feira no CT Joaquim Grava e promoveu quatro mudanças na equipe titular no último treino da equipe antes da partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Ainda sem Marlone e Giovanni Augusto, a equipe pode ter até seis atletas oriundos das categorias de base alvinegras no embate.

A equipe, não confirmada devido à ausência de muitos titulares, cansados após o Derby de quarta-feira, treinou com Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Léo Jabá e Maycon; Kazim e Jô. Dos 11 escolhidos, passaram pelo "terrão" o zagueiro Pedro Henrique, os laterais Guilherme Arana e Léo Príncipe, o volante Maycon e os atacantes Léo Jabá e Jô.

Na movimentação, que durou cerca de meia hora a menos do que normalmente leva, Carille montou o time com duas linhas de quatro jogadores, algo que ele avisou que não faria em um futuro próximo . Além disso, posicionou Jô e Kazim como dois centroavantes na frente, outra coisa que ele dizia ser praticamente impossível neste início de trabalho . A necessidade visando ao sétimo jogo em 21 dias, porém, venceu as convicções do comandante.

Mesmo praticamente recuperado do estiramento na coxa direita que o tirou dos três últimos jogos, Giovanni Augusto fez apenas um treino técnico ao lado dos reservas, assim como Guilherme, que não teve chance como titular em 2017. O meia Marlone, ainda debilitado por causa de uma virose contraída na quarta-feira, nem sequer foi a campo e não será relacionado para a viagem ao interior.

Dentre os nomes que não foram a campo e podem ser aproveitados está o do meia Rodriguinho e o do atacante Romero, nomes que poderiam manter o esquema com dois pontas e um centroavante. Pelo histórico do clube e do próprio Carille, que segue à risca os ensinamentos de Tite, dificilmente o time que vai a campo neste sábado terá alguma coisa de diferente com relação ao que treinou pela manhã.

Fora de combate, o meia Marquinhos Gabriel foi a novidade em um dos campos do CT, fazendo treinamento específico e mostrando boa disposição, podendo ser uma opção para a partida contra o Brusque, na quarta-feira. Além dele, realizaram trabalho no gramado o goleiro Walter e o meia Danilo. A experiente dupla, no entanto, não tem previsão de retorno ao time.

Com 12 pontos conquistados, o Timão é o líder isolado do Grupo A da competição, com quatro a mais do que o vice-líder










Corinthiano lateral esquerdo Guilherme Arana celebra “rolinho” que meteu em rival, após treino com a família: “Ficou bonito mesmo”

Tomás Rosolino

24/02/2017 12:35:32

O lateral esquerdo corinthiano Guilherme Arana foi um dos personagens principais na vitória corinthiana no Derby da última quarta-feira, com boa atuação defensiva e até participação no gol, afastando a bola recuperada por Maycon antes do passe para Jô. Seu lance mais marcante, porém, foi um pouco antes, aos 31 minutos do segundo tempo, quando recebeu no ataque e, de costas para o gol, no lado esquerdo, deu um “rolinho” no meia Michel Bastos para delírio da torcida.

Após acompanhar a repercussão do drible durante toda a quinta-feira e até postar um vídeo lembrando disso nas suas redes sociais, o defensor abriu um sorriso ao ser perguntado sobre a passagem frente ao rival. Bastante sério, ele não escondeu a felicidade ao recordar da bola passando entre as pernas do adversário.

“Não tinha o que fazer (risos). Ele veio de frente, então foi natural, foi natural, um movimento que na hora era o certo. Felizmente deu certo e ficou bonito mesmo”, comentou o jogador, que disse praticar as suas habilidades nas “peladas” quando encara seus familiares.

“Às vezes eu treino, quando estou brincando com meus primos e meu irmão. Brinco de fazer esses lances. Me mandaram os vídeos, analisei e acabou ficando bem legal. Vou treinar mais, praticar bastante, vai que aparece mais alguma oportunidade”, avaliou o defensor corintiano.


Contente pelo lance de efeito e pelo desempenho, Arana lembrou também do gol marcado diante do arquirrival, no Derby disputado pelo segundo turno na campanha do Corinthians hexacampeão Brasileiro, em 2015. Naquela ocasião, ele recebeu de Malcom e tirou do goleiro para empatar o jogo em 1 a 1. No final, igualdade por 3 a 3 e Timão mais perto do título.

“Todo jogo é especial para mim, mas quando é clássico tem de entrar com mais vontade e concentração. Amanhã também vamos ter de entrar muito fortes contra o Mirassol. Fiz um gol em 2015, foi bastante marcante, e entrei forte para sempre ter uma marca cno derby”, avaliou o atleta, que deve ser titular na partida deste sábado, às 19h30 (de Brasília), na casa do adversário.

“O time não está definido ainda, muitos jogadores se recuperando lá dentro, na academia e piscina. Vamos ver o que o Carille tem para falar lá dentro. O time que entrar, vai jogar com muita raça. Se perguntar para mim, quero jogar. Se eu entrar jogando, pode ter certeza de que vontade não vai faltar”, encerrou.






Sem esquecer rolinho em vitória corinthiana no Dérbi, Guilherme Arana vibra no Corinthians: 'Minha hora'
Lateral-esquerdo de 19 anos teve boa atuação e deu bonito drible na vitória corinthana no deby na última quarta-feira. Agora, segue no time, corrige defeitos e quer destaque
Gabriel Carneiro
24 FEV 2017 12h54 atualizado às 12h54
Três temporadas após ser promovido ao elenco profissional do Corinthians, o lateral-esquerdo Guilherme Arana é o novo titular do setor. Após a saída de Uendel, o jovem camisa 13 superou a concorrência de Moisés e do improvisado Marciel e já tem duas partidas entre os 11 iniciais do Timão, incluindo a vitória no derby por 1x0 nesta quarta-feira. Do Dérbi, aliás, Arana traz uma boa lembrança: o rolinho aplicado no experiente Michel Bastos aos 31 minutos do segundo tempo na Arena Corinthians. Os amigos nem deixam o garoto de 19 anos esquecer o bonito lance.


- Meus amigos falaram também do lance, mas não tinha o que fazer ali. Ele veio de frente, então foi natural, foi natural. Às vezes eu treino, quando estou brincando com meus primos e meu irmão. Brinco de fazer esses lances, felizmente deu certo e ficou bonito mesmo. Me mandaram, analisei. Vou treinar mais, vai que aparece mais alguma oportunidade - disse o camisa 13.

Confortável com a confiança dedicada pelo técnico Fabio Carille, Arana tem procurado desenvolver novas habilidades desde que se apresentou ao grupo após a pré-temporada - ele estava a serviço da Seleção Brasileira sub-20.


- Ano passado tomamos alguns gols pelas minhas costas por eu atacar muito. Tive essa consciência e aprendi com os jogadores mais experientes. Estou procurando controlar mais minhas subidas. Estou melhorando na minha marcação - diz Arana, que tenta agarrar a chance entre os titulares.


- É um momento muito importante, tenho de aproveitar minhas oportunidades. Chegou minha hora agora, vou aproveitar, respeitando, claro, o Moisés. Todo jogador que entra em campo trabalha forte e com seriedade. Vou continuar focado, sério, porque quando chegar dentro de campo as coisas vão se desenvolver. - Muitos pediram pela base, agora estamos tendo essa oportunidade. Eu, Maycon, Jabá que está entrando. Estamos nos desempenhando bem. E dá um exemplo aos jogadores que estão lá ainda, que podem chegar aqui e ter uma oportunidade.








Corinthiano atacante Léo Jabá quer aproveitar a oportunidade: ‘’Mostrando a cara do Corinthians ‘’

Atacante de apenas 18 anos foi titular na vitória do deby na Arena Corinthians


12h00 24/02/2017 - Agência Corinthians




Léo Jabá é formado nas categorias de base do Timão

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians


Uma das principais revelações das categorias de base do Corinthians, o atacante Léo Jabá conversou com os jornalistas após o treino da manhã desta sexta-feira (24), no CT Dr. Joaquim Grava. Jabá comentou sobre as oportunidades que vem recebendo na equipe principal e disse que quer mostrar muita raça e vontade.

“A gente aguarda por esse momento, então por isso que a gente está aproveitando o máximo, correspondendo dentro de campo, mostrando a cara do Corinthians que é raça vontade”, disse o garoto.

O atacante também comentou sobre a pressão que é atuar pelo clube, mas disse que já está acostumado com isso desde as categorias de base. “A gente trabalha pra chegar aqui e ter esse momento. Não é que o Corinthians não use a base, é que nos últimos anos, o elenco contou com muitos atletas experientes. A gente que é criado na base sabe da pressão que é jogar pelo clube, vem desde a base”, finalizou.





Corinthians tira patrocinador da camisa por falta de pagamento, assim como ocorreu com anterior. Corinthians irá processar caloteiros e busca nova parceria





24/02/2017 12h12
Corinthiano Guilherme Arana vibra com chance e analisa drible em rival: "Ficou bonito"
Lateral-esquerdo fica marcado por caneta em jogador do rival na grande vitória Corinthians na última quarta-feira. Novo titular, ele avisa: “Chegou minha hora”


Por Diego Ribeiro

Novo titular da lateral esquerda do Corinthians, Guilherme Arana deixou sua marca na vitória por 1 a 0 no derby, quarta-feira, em Itaquera. O garoto de 19 anos virou destaque depois de um belo drible entre as pernas do rival Michel Bastos.

Em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira, Arana confessou que reviu o lance várias vezes desde a noite de quarta. E quer mais.

Guilherme Arana durante treino do Timão no CT (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

– Meus amigos falaram também, não tinha o que fazer ali. Ele veio de frente, então foi natural. Às vezes eu treino, brinco com meus primos e meu irmão. Brinco de fazer esses lances, felizmente deu certo e ficou bonito mesmo. Me mandaram, analisei. Vou treinar mais, vai que aparece mais alguma oportunidade no mano a mano... – disse o lateral.
Guilherme Arana será titular no jogo deste sábadono Corinthians contra o Mirassol, às 19h30 (horário de Brasília), no interior paulista. Ele ganhou a confiança do técnico Fábio Carille e se tornou titular desde que voltou da seleção brasileira sub-20, que disputou o Sul-Americano da categoria.

– Chegou minha hora, agora vou trabalhar forte e sempre respeitando o Moisés (novo reserva). Vou continuar focado, sério, no trabalho. Sei que quando chegar dentro de campo, as coisas vão se desenvolver – avisou o corintiano.

Com 12 pontos, o Corinthians é líder do Grupo A do Campeonato Paulista. O elenco viaja na tarde desta sexta-feira a Mirassol.







Corinthianos auxiliar Osmar Loss e gerente Alessandro são cotados para ser tecnico da seleção bras sub 20 e coordenador da CBF respectivamente









Guilherme Arana afirma: “Chegou minha hora no Corinthians”

Lateral esquerdo é o titular da posição na equipe do técnico Fábio Carille


12h30 24/02/2017 - Agência Corinthians






Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians


Após o treino desta sexta-feira (24) no CT Dr. Joaquim Grava, o lateral esquerdo Guilherme Arana conversou com a imprensa e falou sobre o ótimo momento que vive no Timão, dizendo que se sente preparado para assumir de vez a lateral esquerda alvinegra.

“Chegou minha hora no Corinthians. Todo jogo pra mim é especial. Melhorei meu jogo defensivo e me sinto preparado’, disse.

Um dos destaques da vitória do Timão no Derby na última quarta-feira (22) na Arena Corinnthians, o lateral aplicou uma linda ‘caneta’ no meia Michel Bastos e disse que o lance gerou uma grande repercussão entre os amigos.

“Meus amigos estão falando muito do rolinho no Dérbi. Foi natural, eu brinco de fazer esses lances e ficou bonito mesmo”, falou Arana.

Por fim, o lateral falou que está à disposição do técnico Fábio Carille para o próximo duelo pelo Paulistão 2017, neste sábado, às 19h30, contra Mirassol. “O time para amanhã ainda não está definido, muitos jogadores estão se recuperando ainda. Eu estou bem pra jogar e raça não faltará.”










Corinthians leva 19 jogadores para Mirassol
Jogadores estão com problemas físicos e desfalcam a equipe na partida deste sábado


Por GloboEsporte.com

Guilherme durante treino do Timão no CT (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

O técnico Fábio Carille relacionou 19 jogadores do Corinthians para a partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30, no interior, pelo Campeonato Paulista.

O meia-atacante Guilherme está fora do grupo que viaja nesta sexta à tarde. Segundo a assessoria de imprensa, ele reclamou de dores em um dos joelhos. O jogador vinha sendo reserva da equipe e sequer treinou como titular depois das mudanças feitas nesta sexta.

Marlone também continua fora. Ele ainda não se recuperou totalmente de uma virose que o tirou do derby e segue em tratamento. A expectativa é de que o jogador seja liberado para enfrentar o Brusque, quarta-feira, em Santa Catarina, pela Copa do Brasil.

O lateral-direito Fagner, o zagueiro Balbuena, o meia Rodriguinho e o atacante Romero, preservados na atividade pela manhã por conta do desgaste físico, estão com o grupo. Caso eles se recuperem, Carille pretende utilizá-los normalmente.


Veja os jogadores relacionados para a partida:

Goleiros: Cássio e Caíque
Laterais: 
  Fagner e Léo Príncipe, 
Laterais esquerdo: Moisés, Guilherme Arana
Zagueiros: Pablo, Balbuena, Vilson e Pedro Henrique
Meio-campistas: Gabriel, Fellipe Bastos, Marciel, Paulo Roberto e Maycon
Atacantes: Jô, Romero, Kazim e Léo Jabá


Local: Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol
Escalação provável: Cássio, Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Maycon e Léo Jabá; Kazim e Jô
Desfalques: Giovanni Augusto, Marlone e Guilherme


19h30 Mirassol x Corinthians

Transmissão: Premiere, Premiere HD e PFCI 











Novo titular do Timão vibra: 'Esse é o Maycon que a torcida pode esperar'

Volante de 19 anos ganhou a posição de Fellipe Bastos e foi um dos destaques do Corinthians na vitória sobre o Palmeiras. Ele já havia previsto afirmação nesta temporada


Bruno Cassucci e Gabriel Carneiro

24 FEV2017
08h09

Ainda no fim de 2016, o volante Maycon previu que 2017 seria o ano de sua afirmação. Apesar da confiança, certamente ele não esperava que isso acontecesse tão rapidamente. O garoto de 19 anos ganhou a titularidade do Corinthians justamente no clássico contra o Palmeiras e teve grande atuação, sendo o responsável por dar o passe para o gol de Jô.

Esbanjando felicidade, o jogador mandou um recado para a Fiel:

- Fiz uma Copinha (em 2016) muito boa, marcando e chegando na frente para fazer gols. Na vitória do Corinthians no Derby consegui dar um passe. Esse é o Maycon que a torcida pode esperar, aguerrido, marcando, mas com chegada na frente!

Maycon retorna ao Timão nesta temporada depois de ser emprestado. Ele também defendeu a Seleção Brasileira Sub-20 no início deste ano, no Sul-Americano disputado no Equador.

- Vivi momento mágico, jogar um Dérbi como esse é indescritível. Saí daqui falando que ia voltar melhor. Fiz meu melhor na Ponte. Agora, poder voltar num clássico desse é o sonho para qualquer jogador do Corinthians. Todos os clássicos são importantes, mas o derby tem algo a mais. Graças a Deus consegui corresponder à altura - declarou o garoto.

O garoto ganhou a posição de Fellipe Bastos, que foi para a reserva, e também de Camacho, que foi dispensado depois da morte de seu pai.

Demonstrando personalidade, Maycon ainda comentou sobre a postura dos jogadores do Palmeiras, que não informaram o árbitro Thiago Duarte Peixoto sobre a expulsão injusta de Gabriel.

- Se o árbitro não conseguiu analisar com certeza, os jogadores do Palmeiras também não, mas alguns viram, principalmente o banco de reserva. Não sei, é dignidade. É dignidade como o Tite sempre falava, o Fabio também fala isso, sobre ser leal. O jogo seria mais bonito. A gente se retrancou, mas no 11 contra 11 não seria assim. A gente foi recompensado com a vitória - afirmou.


Técnico corinthians Fabio Carille testa time com quatro mudanças e dupla Jô/Kazim no ataque
Dupla pode atuar pela primeira vez como titular em um jogo oficial (foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)


O técnico do Corinthians, Fábio Carille, confirmou uma tendência adiantada desde a quinta-feira no CT Joaquim Grava e promoveu quatro mudanças na equipe titular no último treino da equipe antes da partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Ainda sem Marlone e Giovanni Augusto, a equipe pode ter até seis atletas oriundos das categorias de base alvinegras no embate.

A equipe, não confirmada devido à ausência de muitos titulares, cansados após o Derby de quarta-feira, treinou com Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Léo Jabá e Maycon; Kazim e Jô. Dos 11 escolhidos, passaram pelo “terrão” o zagueiro Pedro Henrique, os laterais Guilherme Arana e Léo Príncipe, o volante Maycon e os atacantes Léo Jabá e Jô.

Na movimentação, que durou cerca de meia hora a menos do que normalmente leva, Carille montou o time com duas linhas de quatro jogadores. Além disso, posicionou Jô e Kazim como dois centroavantes na frente, por necessidade de evitar desgastes devido ao sétimo jogo em 21 dias.

Mesmo praticamente recuperado do estiramento na coxa direita que o tirou dos três últimos jogos, Giovanni Augusto fez apenas um treino técnico ao lado dos reservas, assim como Guilherme, que não teve chance como titular em 2017. O meia Marlone, ainda debilitado por causa de uma virose contraída na quarta-feira, nem sequer foi a campo e não será relacionado para a viagem ao interior.

Dentre os nomes que não foram a campo e podem ser aproveitados está o do meia Rodriguinho e o do atacante Romero, nomes que poderiam manter o esquema com dois pontas e um centroavante. Pelo histórico do clube e do próprio Carille, que segue à risca os ensinamentos de Tite, dificilmente o time que vai a campo neste sábado terá alguma coisa de diferente com relação ao que treinou pela manhã.

Fora de combate, o meia Marquinhos Gabriel foi a novidade em um dos campos do CT, fazendo treinamento específico e mostrando boa disposição, podendo ser uma opção para a partida contra o Brusque, na quarta-feira. Além dele, realizaram trabalho no gramado o goleiro Walter e o meia Danilo. A experiente dupla, no entanto, não tem previsão de retorno ao time.

Com 12 pontos conquistados, o Timão é o líder isolado do Grupo A da competição, com quatro a mais do que o vice-líder







Corinthians pode ter quatro mudanças em Mirassol
24/02/2017 06:29:34
O técnico Fábio Carille quer preservar os jogadores após a entrega total no Derby (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O Corinthians pode ter até quatro mudanças no seu time para a partida contra o Mirassol, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), no estádio José Maria de Campos Maia. com relação à escalação que venceu o Derby da última quarta-feira. Preocupada com a intensidade apresentada pelos jogadores no clássico, jogando a maior parte do tempo com um a menos, a comissão técnica quer rodar o elenco, principalmente no setor ofensivo.

Dentre os nomes cotados para aparecerem entre os novos titulares está o meia Giovanni Augusto, que já treina normalmente ao lado dos companheiros, recuperado de um desconforto muscular na coxa direita. Ele trabalhou ao lado de Guilherme e Jadson no treino técnico ministrado para os reservas nesta quinta-feira, com Jô fazendo a função de centroavante.

Tirando o camisa 77, Jadson, que só vai reestrear no Corinthians contra Brusque ou s7os, os outros dois também têm grandes chances de ganharem uma vaga. No caso de Jô, o camisa 7 entraria para dar descanso a Kazim, que jogou no sábado e fez gol, na vitória do Corinthians sobre osasco Audax, por 1x0, lá, pediu para sair após sentir um incômodo na coxa e atuou por quase todo derby, dando lugar ao auto do gol da vitória corinthiana: Jô. A ideia é dar descanso ao turco.

Já Guilherme, entraria na vaga de Rodriguinho, que atuou no meio de semana reclamando de um problema na coxa esquerda. Giovanni Augusto seria o substituto ou do garoto Léo Jabá ou do paraguaio Romero, que também jogaram as duas últimas partidas. Na parte mais recuada, Gabriel e Maycon devem ser mantidos.

Apesar de ter sido praticamente igual neste início de ano, apenas com trocas pontuais na lateral esquerda entre Moisés, Marciel e Guilherme Arana, a defesa deve ser mantida por causa da linha de trabalho do técnico Fábio Carille, que vê necessidade de continuidade entre os defensores para manter o padrão estabelecido e a defesa menos vazada.

Com 12 pontos conquistados, o Timão é o líder isolado do Grupo A da competição, com quatro a mais do que o vice-líder e tem conrfonto direto para obter melhor campanha geral, no momento.











Corinthians vê em Gabriel carrapato ideal e tenta fazer dele um 'novo Ralf'
Volante contratado este ano chegou para cobrir necessidade de reforçar a marcação, dectada por departamento de análise e tem treinado até algumas novas funções no Timão
Bruno Cassucci e Gabriel Carneiro
24 FEV 2017 06h51 atualizado às 06h51
O volante Gabriel foi uma das novidades de 2017 que caiu mais rapidamente nas graças do Corinthians, pela sua entrega no jogo e marcação, fato levantado pelo Cifut (Centro de Inteligência do Futebol do clube), para melhorar o time neste aspecto.

Em outras palavras: Gabriel chegou para marcar mais firme, como explica o técnico Fabio Carille, em entrevista exclusiva ao LANCE! :

- No segundo semestre do ano passado, nossa análise concluiu que 90% dos gols sofridos foi porque faltou pressão ao portador da bola, do cara erguer a cabeça e ter a tranquilidade de fazer um desarme e achar o melhor passe. Essa foi a nossa busca, por jogadores com essas características. O Gabriel é o jogador que a gente buscava, acompanhávamos ele desde o Botafogo e essa característica dele de ser o cara chato, o carrapato que não deixa os adversários pensarem, é o que nos convenceu - detalhou o treinador.

Curiosamente, a temporada passada foi a primeira do Corinthians após a venda de Ralf ao Beijing Gouan, da China. O cão de guarda dos grandes títulos recentes, como a Libertadores e o Mundial de 2012 e o Brasileirão de 2015, deixou saudades. Bruno Henrique até foi bem no primeiro semestre, mas saiu para o Palermo (ITA) e deixou uma lacuna que ninguém preencheu. Willians, Cristian, Camacho e até Jean tiveram chances, mas ninguém agarrou.

- Enquanto o Bruno Henrique entrou no lugar do Ralf deu uma resposta à altura, jogando muito bem, acima do que a gente esperava. Depois da saída dele é que a gente sofreu. E sofreu mesmo com esse setor - explica o treinador, que ano passado auxiliou Cristóvão Borges e Oswaldo de Oliveira na tentativa de encontrar soluções para a posição.

Apesar de estar convencido de que Gabriel é o homem certo para a posição, Carille ainda trabalha por ajustes na rotina de treinamentos do CT Joaquim Grava. Após nove partidas consecutivas como titular, o camisa 5 do Corinthians é trabalhado para ser mais marcador ainda O próprio treinador explica o que ainda falta para o reforço se estabelecer de vez.


- O nosso jeito de jogar aqui é diferente do que ele estava acostumado, que era de marcação individual, enquanto aqui ele tem que trabalhar posicionado em frente à linha de quatro. Estamos trabalhando isso com ele, falando para ele não deixar livre o setor, isso tem melhorado, e o Gabriel também tem qualidade de saída. Quando rouba a bola, tem visão e sabe o que fazer. Estamos trabalhando - sintetiza o satisfeito comandante.