30 de dez de 2016

CORINTHIANS 30/12/2016



Corinthians campeão Mundial de futsal sub 18


Futsal Sub-18 do Corinthians vence Barcelona e conquista título da Copa do Mundo da categoria

Em jogo emocionante com duas viradas, Timão superou a equipe espanhola e levou a taça com uma campanha perfeita: quatro vitórias em quatro jogos


13h30 30/12/2016 - Agência Corinthians



Meninos do futsal do Corinthians comemoram a conquista do título mundial da categoria

© Divulgação


Campeões mundiais! A equipe Sub-18 de futsal do Corinthians venceu o Barcelona por 3 a 2 na manhã desta sexta-feira (30), em Barcelona (ESP), na final da Copa do Mundo da categoria. Os gols do Alvinegro foram marcados por Lucas Perin, Higor e Gian.

Foram quatro vitórias até a conquista do título mundial. Depois de golear o Asti (ITA) por 11 a 0 e o City (EUA) por 8 a 2, na última quarta-feira (28), o Coringão garantiu o primeiro lugar do Grupo A e passou às semifinais da competição.

Já na última quinta-feira (29), o Timão venceu o Bardral (JAP) de virada por 3 a 2 e garantiu uma vaga na final do torneio internacional. No último e decisivo jogo, o Corinthians também mostrou poder de superação. Após abrir o placar com o gol de Perin, o Barcelona fez dois gols e passou à frente.

Contudo, a raça e determinação dos jovens atletas do Timão prevaleceram, e a vitória veio depois da segunda virada do jogo, dessa vez a favor da equipe alvinegra. Higor e Gian fecharam o placar que deu o título mundial Sub-18 de futsal ao Corinthians.










Corinthians define lista de 25 jogadores para Copinha de Futebol Júnior 2017

Elenco comandado pelo técnico Osmar Loss contará com uma equipe jovem, mas com 10 atletas que participaram da Copinha em 2016


12h00 30/12/2016 - Agência Corinthians




Fabricio é um dos destaques da equipe do Corinthians para a Copinha

© Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians


O técnico Osmar Loss definiu a lista dos 25 atletas que representarão o Corinthians na Copinha de Futebol Júnior de 2017, em que o Corinthians é o maior campeão com 9 títulos. O grupo conta com uma baixa média de idade e 10 atletas que disputaram a Copinha de 2016: Filipe (goleiro), Luan (goleiro), Guilherme Romão (lateral esquerdo), Del’Amore (zagueiro), Renan Areias (volante), Mantuan (volante), Fabricio Oya (meia), Pedrinho (meia) e Carlinhos (atacante).

“A torcida pode esperar uma equipe compacta, agressiva e rápida nas transições”, disse o comandante do sub-20 alvinegro, em entrevista coletiva, na última quarta-feira (28).

“A gente vem trabalhando com uma reformulação grande de elenco, tivemos um ano muito proveitoso em relação à promoção de atletas. Temos uma equipe nova, mas que já conhece o Corinthians, a torcida e a tradição da Copinha”, completou.

Confira a lista completa:

Goleiros: Diego Riechelmann, Filipe e Luan
Zagueiros: Del’Amore, Franklin, João Victor e Thiago
Laterais: Carlos, Guedes, Guilherme Romão, Lucas Minele e Samuel
Volantes: Luisinho, Mantuan, Ralo, Renan Areias e Roni
Meias: Fabricio Oya, Marquinhos, Pedrinho e Vitinho
Atacantes: Carlinhos, Lucas Amorim, Matheus e Zé Gabriel







Elenco do Corinthians finaliza preparação em 2016 para Copinha

Antes de estrear na Copinha, o grupo alvinegro comandado pelo técnico Osmar Loss ainda fará mais dois treinos em 2017


12h30 30/12/2016 - Agência Corinthians




Zagueiro Thiago, um dos 25 jogadores do Corinthians para a Copinha 2017

© Divulgação


O elenco do Corinthians para a Copinha jr 2017 praticamente não teve descanso neste fim de ano. Os comandados do técnico Osmar Loss estão se preparando para a principal competição de futebol de base do país e tiveram folga dos treinos apenas no fim de semana do Natal. O treinador quer a equipe pronta para a estreia no torneio, que será contra o Pinheiro-MA no dia 4 de janeiro, às 18h45, no Estádio Joaquim de Morais Filho, o Joaquinzão, em Taubaté (SP). Vale destacar que os treinamentos visando a competição começaram em outubro.

Na manhã desta sexta-feira (30), os atletas realizaram a última atividade do ano, no Centro de Excelência em Formação de Atletas, ao lado do CT Dr. Joaquim Grava.

Agora, os jovens descansam sábado e domingo e se reapresentam nesta segunda-feira (02), às 15h, no Parque São Jorge, para o último treino antes da viagem a Taubaté. Na terça-feira (03), a equipe vai para a cidade do interior e treinará no Estádio Joaquinzão na última atividade antes do início na competição.










CORINTHIANS NEGOCIA VINDA DE MEIA NENÊ
ELE TEM 35 ANOS, QUER MORAR PRÓXIMO AOS FILHOS NA CAPITAL PAULISTA. SEU CONTRATO COM v.asco VAI ATÉ DEZ. DE 2017. EX PRES., CONS. ANDRÉS SANCHEZ INICIOU AS TRATATIVAS. ESPECULA-SE QUE GIOVANNI AUGUSTO INTERESSE EM POSSÍVEL TROCA








Cássio e Walter devem manter duelo no Timão
Concorrentes a uma vaga em 2016, quando se alternaram na meta alvinegra, dupla de goleiros do Timão deve seguir no clube no ano que vem. Decisão será do técnico Fábio Carille


Por Marcelo Braga
Cássio (à esq.) e Walter brigaram por posição em 2016 (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

Um dos fatos que marcaram o ano do Corinthians foi a disputa entre Cássio e Walter no gol. E, como nenhum dos dois recebeu proposta para sair do clube até agora, a tendência é que a briga por posição siga em 2017, cabendo ao técnico Fábio Carille escolher seu goleiro titular.

Ídolo desde a ajuda ao Corinthians campeão da Libertadores da América e do Mundial em 2012, Cássio passou por fase difícil e Walter virou titular nesta temporada, ainda sob o comando do técnico Tite.

Ao longo dos meses, entre as passagens de Cristóvão Borges, Fábio Carille e Oswaldo de Oliveira, eles se alternaram mais duas vezes. Walter terminou o Brasileiro como titular, mas Cássio prometeu retomar a vaga.

– Não posso trabalhar e recuperar minha posição? Essa é a minha meta. Vou voltar, trabalhar bem e recuperar a minha posição. Tenho mais três anos de contrato e fiz toda a minha carreira aqui – afirmou Cássio, na última rodada do Brasileirão.

Com 252 jogos e cinco títulos pelo Corinthians, Cássio atuou 45 vezes neste ano, sofrendo 44 gols. Walter, por outro lado, fez 24 das suas 55 partidas pelo clube em 2016 – levou 22 gols.

Ainda com os jovens Matheus Vidotto e Caíque França no elenco, a tendência é que Douglas Friedrich seja novamente emprestado, como aconteceu no primeiro semestre do ano passado, quando ele acabou cedido ao Grêmio. O goleiro é avaliado pela Chapecoense.






Técnico tenta controlar ansiedade de destaque corinthiano na Copinha

Helder Júnior

30 DEZ 2016 08h42 atualizado às 08h42


Aos 17 anos, Fabrício Oya chama as atenções do time do Corinthians que disputará a Copinha jrs em 2017. E parece não se importar. O habilidoso meia costuma falar com entusiasmo sobre a sua participação no principal torneio de base do País.

"O Fabrício está dentro do rol de jogadores com entendimento do jogo acima da grande maioria", apoiou o técnico Osmar Loss, que deverá ascender a auxiliar de Fábio Carille na equipe profissional após a Copinha. A promoção de Fabrício Oya, ao contrário, é vista com cautela.

"Ele tem apenas 17 anos e está jogando no time sub-20 desde o meio do ano. Existe limitações de estatura e força. Também é importante a gente controlar a ansiedade. Às vezes, ele comete erros que não cometia no sub-17. Isso é fruto de mudança de jogo, de ansiedade. Então, vamos acalmando o atleta, para que não ande muito à frente. A profissionalização não precisa ser daqui a 30 dias ou seis meses. Pode ser em um período mais longínquo, ainda que nada impeça que seja rápida", ponderou Osmar Loss.

A ideia do Corinthians é que Fabrício Oya e outros atletas com potencial transitem entre treinamentos com os profissionais e compromissos com a equipe sub-20 ao longo da temporada - assim, estarão mais bem ambientados e preparados quando receberem uma promoção definitiva. O próprio meia da equipe que jogará a Copinha já teve a oportunidade de trabalhar com os comandados de Fábio Carille no CT Joaquim Grava.

"O jogador com menos de 20 anos está muito consciente de que poderá vir à base uma hora ou outra, seja por lesão, por competitividade ou para melhorar o seu nível técnico. Estamos trabalhando muito bem isso", bradou Osmar Loss, para quem as suas revelações devem estar sempre prontas para um chamado de Carille. "Existem lesões, vendas de jogadores… Isso não é planejado. O Corinthians tem dado espaço para que quem está na base cresça", acrescentou.

Em relação ao espaço reservado para Fabrício Oya no futuro, Osmar Loss precisa controlar a sua própria ansiedade. Quando questionado sobre os grandes destaques do Corinthians na Copinha, ele não citou o armador "com entendimento do jogo acima da grande maioria", que se diz um bom batedor de faltas, nem qualquer outro atleta.

"Temos dois jogadores que, quando o jogo apertar, considero que farão o time respirar. Mas não posso comentar agora para não jogar uma responsabilidade grande nas costas desses caras", sorriu Osmar Loss.



Corinthians espera atlmin ter dinheiro (5 milhões para o Corinthians) para acertar venda de meia Marlone. Corinthians lucraria 1,5 milhões
O meia-atacante do Corinthians só não teve a venda ao Atlético-MG concretizada até agora porque o clube mineiro não tem recursos em caixa para pagar os 3 milhões de euros (R$ 10,4 milhões) da multa rescisória à vista. Esta é a única exigência do Timão, que até recusou uma oferta com o pagamento parcelado ainda na semana passada. A ideia é que o dinheiro da possível venda de Rafael Carioca seja reinvestido na compra de Marlone, com o pagamento à vista dos pouco mais de R$ 5 milhões aos quais o Corinthians tem direito.

Além da compra de 50% dos direitos econômicos de Marlone, o Atlético-MG também vai perdoar uma dívida pouco superior a R$ 500 mil do Corinthians pela compra de Giovanni Augusto, ainda no início do ano. A empresa Elenko Sports e o empresário Reginaldo Duarte são donos dos outros 50% dos direitos e também receberão R$ 5 milhões pela operação.

Marlone defende o Corinthians desde o início da temporada e custou aproximadamente R$ 4 milhões por 50%. Ele realizou 42 partidas, com nove gols marcados e quatro assistências.







Corinthians 'escala' observadores e buscará talentos na Copinha
Corinthians terá analistas em todas as cidades-sede do principal torneio de base do futebol nacional em janeiro. Ideia é buscar promessas de baixo custo e banco de dados

LANCE!
30/12/2016
07:30
O Corinthians deve apostar no uso de mais jovens em seu elenco profissional na próxima temporada. Aliado ao processo de transição dos garotos da base, o departamento de formação do clube escalou um time de observadores para entrar em ação na Copinha 2017, quando busca o décimo título e é o maior campeão. Assim, haverá analistas do Timão em todas as cidades-sede da competição em 2017 com o objetivo de garimpar novos talentos. De baixo custo, claro.

- Como a Copinha envolve mais de cem clubes, muitos deles nós não temos conhecimento, pois ficam muito longe, e os campeonatos regionais, muitas vezes, não são transmitidos. Portanto, boa parte dos jogadores que entram em campo nunca foram vistos pelos grandes clubes. Ou seja, são jogadores de baixo custo e que podem render muitos frutos com a camisa do Corinthians - explica Alysson Marins, coordenador de captação do Corinthians.

Além da busca por reforços jovens e de baixo custo, o Timão pretende montar um banco de dados com informações dos destaques da Copinha. Neste caso, a ideia é monitorar a evolução dos jogadores que o clube entender como capacitados nos outros clubes que vierem a defender futuramente.

Haverá 15 profissionais na "missão Copinha", sendo 13 funcionários do clube e mais dois contratados especificamente para a competição nas 18 cidades-sede. Além disso, o CADI2 (como o clube chama o "Centro de Análise de Desempenho e Inteligência da Informação") contará com profissionais nas sedes que terão clubes que podem cruzar com o Corinthians durante a Copinha.

O Corinthians está no Grupo 17 da Copinha de 2017, com sede na cidade de Taubaté. A equipe enfrentará o Taubaté, o Operário-MS e o Pinheiro-MA na primeira fase, em que dois avançam. Técnico do time profissional, Fabio Carille acompanhará todos os jogos do Timão na cidade.