29 de dez de 2016

CORINTHIANS 29/12/2016














Corinthians espera atacante Kazim para exames e 
avalia pedida alta por William Pottker 
Corinthians aguarda Kazim para firmar vínculo e ainda não se decidiu se investirá 10 milhões em William Potker pedidos pela ponte

Gabriel Carneiro
29/12/2016
16:22
Dois atacantes pretendidos pelo Corinthians para 2017 vivem estágios diferentes de negociação neste momento. Enquanto Kazim acerta os detalhes de sua rescisão com o Coritiba e já é aguardado pelo Corinthians para exames médicos, Willian Pottker ainda tem o nome discutido internamente. O Timão considera os dois jogadores eventuais concorrentes por espaço em 2017 e ficou desanimado com a alta pedida da Ponte Preta pelo artilheiro do Brasileirão: R$ 10 milhões por 100% dos direitos econômicos.

O Corinthians não dispõe do valor em caixa e estuda alternativas de negócio, como a compra de 50% ou 60% dos direitos pelos montantes correspondentes - R$ 5 milhões ou R$ 6 milhões. A Macaca ainda não sinalizou se aceita repartir os direitos econômicos que detém de William Pottker, mas o empresário Fernando Garcia é favorável à negociação e tem atuado nos bastidores para que seu jogador defenda o Timão em 2017.

Fernando Garcia (dono dos direitos de vários jogadores do Corinthians e envolvido em empréstimos ao clube que lhe dão direitos federativos de jovens jogadores) , aliás, também trabalha na intermediação das conversas entre Atlético-MG e Corinthians por Marlone (Corinthians pede R$ 6,5 mi por 50% a que tem direito) . Caso o camisa 8 seja negociado com o clube mineiro, parte do dinheiro será investido na compra de Willian Pottker. Já se não houver acordo, a maior probabilidade é que o Corinthians não concretize o interesse em mais um jogador para atuar como ponta ou atacante aberto.

Enquanto a negociação de Willian Pottker está em espera, as conversas com o inglês naturalizado turco Colin Kazim Richards estão praticamente concluídas. O Timão formalizou proposta na última quarta-feira e o Coritiba aceitou pouco mais de R$ 1 milhão pelos direitos econômicos do jogador de 30 anos. O próprio atacante foi ao Paraná acertar detalhes burocráticos da rescisão e é aguardado para exames médicos no Timão até o início da próxima semana.

Kazim é o terceiro reforço do Corinthians para 2017. Antes dele, os também atacantes Jô e Luidy já firmaram vínculo com o Timão.









Captação do Corinthians estará em todas as sedes da Copinha

A ideia é acompanhar o maior número de jogadores durante a Copinha e tentar a contratação de alguns destaques das equipes de menor expressão que participam da competição


17h00 29/12/2016 - Agência Corinthians


Alysson Marins é o coordenador de captação do Corinthians

© Divulgação


Em busca de novos valores para o Centro de Excelência em Formação de Atletas, o Corinthians contará com observadores em todas as sedes da Copinha Futebol Júnior em 2017. “A Copinha é um celeiro de novos talentos. Por se tratar do maior torneio sub-20, que é a categoria abaixo do profissional, clubes do mundo todo enviam olheiros para cá. Nós, por sermos um dos maiores clubes do mundo, não poderíamos deixar de dar uma atenção especial a esta competição”, explicou Alysson Marins, coordenador de captação do Alvinegro.

Segundo Marins, serão 15 pessoas – 13 funcionários do clube e mais dois contratados especificamente para a competição – espalhados pelas 18 sedes. Além disso, o CADI2 (Centro de Análise de Desempenho e Inteligência da Informação) contará com profissionais trabalhando especificamente nas sedes que terão clubes que podem cruzar com o Corinthians durante a Copinha.

“Como a Copinha envolve mais de 100 clubes, muitos deles nós não temos conhecimento, pois ficam muito longe, e os campeonatos regionais, muitas vezes, não são transmitidos”, comentou Marins. “Portanto, grande parte dos jogadores que entram em campo nunca foram vistos pelos grandes clubes. Ou seja, são jogadores de baixo custo e que podem render muitos frutos com a camisa do Corinthians”, completou.

Os jogadores de maior destaque terão uma atenção especial, de acordo com o coordenador de captação, para que o clube tente trazê-los o mais rápido possível. “Os atletas que a gente também avaliar positivamente, mas com um pouco menos de relevância, serão incluídos em um banco de dados. A partir daí, vamos monitorá-los para ter uma avaliação mais ampla de suas capacidades”, relatou.

Desde que iniciou trabalho no clube, há três anos, Alysson Marins já ajudou o clube a trazer diversos jogadores. “Léo Príncipe, que foi duas vezes eleito o melhor lateral-direito da Copinha e hoje está no profissional, é um exemplo”, lembrou o coordenador, que também auxiliou na vinda do goleiro Filipe, titular do técnico Osmar Loss desde a Copinha deste ano, o volante paraguaio Gustavo Vieira, autor do gol do título brasileiro sub-20 em 2014, o atacante Gabriel Vasconcelos, artilheiro e campeão da Copinha de 2015, o zagueiro Antônio Guilherme, que fez gols em duas finais importantes da categoria sub-17 – no Mundial de 2015 e na Copa do Brasil deste ano –, entre outros. “Além desses, há mais de 40 jogadores nas categorias Sub-13 e Sub-15 que, no futuro, serão de grande ajuda para nós”, finalizou.










RetrôTimão: Sub-17 do Corinthians conquista título inédito da Copa do Brasil da categoria em 2016


Meninos do Timão venceram sete de 10 jogos disputados, inclusive a partida decisiva contra o Sport no Pacaembu


19h00 29/12/2016 - Agência Corinthians






© Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians


O ano de 2016 rendeu um título inédito para as categorias de base do Corinthians. Em maio, a equipe Sub-17 do Timão foi campeã da Copa do Brasil da categoria pela primeira vez na história, após vencer o Sport por 2 a 0 no jogo de volta da final, no Pacaembu.

Na campanha geral, o Sub-17 do Corinthians obteve sete vitórias, dois empates e uma derrota em 10 jogos disputados, com 22 gols marcados e 12 sofridos.

A trajetória começou no Mato Grosso, onde o Timão empatou com o Luverdense por 3 a 3 na estreia pela competição, no jogo de ida da primeira fase. Na volta, em Limeira, o Alvinegro venceu por 2 a 1 e passou de fase.

Nas oitavas de final, o adversário foi o Coritiba. No primeiro jogo, vitória por 2 a 1 em pleno Couto Pereira, em Curitiba-PR. Na segunda partida, a única derrota na competição, 1 a 0 para o time paranaense em Limeira. Ainda assim, o Corinthians se classificou pelo critério de desempate de gols marcados fora de casa.

A partir daí, veio uma sequência de quatro vitórias consecutivas. Nas quartas de final, os meninos do Timão ganharam duas vezes da Chapecoense – 1 a 0 em Limeira e 3 a 0 em Chapecó-SC. Já nas semifinais, o Alvinegro fez uma exibição de gala no jogo de ida contra o Cruzeiro, em Sete Lagoas-MG: uma goleada por 5 a 3. Na volta, novo triunfo, por 2 a 1, e vaga garantida para a decisão.

A final foi disputada contra o Sport. A primeira partida foi realizada na Ilha do Retiro, em Recife-PE. As equipes empataram por 2 a 2, e o título foi decidido no Pacaembu. Jogando em casa com a Fiel presente, os garotos alvinegros fizeram 2 a 0, gols de Antônio Guilherme e Vitinho, e levantaram a taça.

Alguns nomes da equipe campeã da Copa do Brasil Sub-17 devem aparecer na Copa de Futebol Júnior de 2017, como os meias Fabricio e Vitinho.















Corinthians renova contrato de Léo Príncipe

O lateral assinou com o clube até o fim de 2019


16h20 29/12/2016 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


O Sport Club Corinthians Paulista renovou o contrato do lateral Léo Príncipe. O atleta, revelado pela base do Timão, estendeu o vínculo dele com o clube até dezembro de 2019.

Anteriormente, o contrato do jogador tinha duração até dezembro de 2017.















Mensagem de fim de ano da diretoria do Sport Club Corinthians Paulista

"A torcida corinthiana pode ter certeza de uma coisa: estamos buscando o melhor possível para o nosso clube dentro das nossas condições"

12h35 29/12/2016 - Agência Corinthians

Caros corinthianos e corinthianas,

Mais um ano está prestes a terminar. Vamos celebrar a chegada de 2017 da mesma forma como fizemos anteriormente, desejando que a próxima temporada seja sempre melhor do que a que está por encerrar.

É fato que não tivemos o melhor dos anos, ainda mais comparado a 2015, quando mais uma vez mostramos a nossa força e conquistamos o hexacampeonato brasileiro. Não foi por falta de empenho. Tentamos e trabalhamos muito para que todos nós, corinthianos, pudéssemos celebrar mais uma temporada de conquistas no futebol. Mas o esporte é assim, você ganha em um dia e perde no outro. A vida é feita de acertos e erros.

Por isso, pedimos a compreensão do torcedor. Em um clube como o Corinthians, a meta é sempre o topo, nunca menos do que isso. Já estamos trabalhando bastante e vamos trabalhar ainda mais para iniciarmos 2017 da melhor maneira possível. Mas nada se constrói da noite para o dia. Paciência, determinação e foco são necessários para atingirmos nossos objetivos.

A torcida corinthiana pode ter certeza de uma coisa: estamos buscando o melhor possível para o nosso clube dentro das nossas condições. Não faremos nada que possa nos prejudicar lá na frente, mas com a certeza de que seremos fortes. Com essa receita, esperamos voltar a celebrar mais vitórias e conquistas ao lado de vocês, como de costume.

Obrigado por toda a força e apoio dados em 2016 – mais uma vez tivemos a maior média de público do futebol brasileiro – e esperamos continuar com a nossa parceria Fiel em 2017.


Diretoria do Sport Club Corinthians Paulista





29/12/2016 15h24
Corinthians não tem proposta por Balbuena e seu agente diz: "Fica no Timão por agora"
Dez dias depois de dizer que esperava uma proposta formal do Boca Juniors pelo zagueiro, empresário diz que nada chegou e que ele deverá seguir no Corinthians
Por Marcelo Braga


Apesar de ter manifestado interesse no zagueiro corinthiano Balbuena, o Boca Juniors ainda não formalizou uma proposta pelo zagueiro do Corinthians, segundo informações do empresário do paraguaio, Renato Bittar. Desta forma, a tendência é que o jogador inicie 2017 no Timão.
– Não há nada formal ainda. Ele fica no Corinthians por agora – afirmou o agente.
Há cerca de dez dias, o mesmo empresário afirmou à rádio ABC Cardinal, do Paraguai, que esperava uma proposta do clube argentino pelo jogador. Essa seria a segunda investida do Boca, que já teria sondado o atleta no mês de outubro.
Balbuena foi contratado em fevereiro e assinou por três temporadas – o vínculo acaba em 31 de dezembro de 2018. Por 100% dos direitos, o Timão pagou ao Libertad, do Paraguai, US$ 1,5 milhão (R$ 5,9 milhões na época). O Corinthians busca dois zagueiros como reforço.






Corinthians espera que preço despenque para poder contratar Rithely
O interesse do Corinthians em contratar em Rithely está mantido, mas a tendência é que haja novidades apenas após a virada do ano, quando os representantes do volante voltarão a se reunir com a diretoria do Sport. O clube pernambucano tem adotado postura irredutível em relação às condições de venda - a expectativa é receber mais de R$ 20 milhões por 50% dos direitos econômico do atleta, valor muito acima do que o Corinthians está disposto a pagar. 



Acertado com Rithely por quatro anos e com os investidores que detêm 50% dos direitos favoráveis à negociação, o Corinthians aguarda as próximas movimentações e confia em fisgar o volante. O clube vê em Rithely o nome capaz de resolver os problemas crônicos da posição em 2016.







Boatos dão conta de que CORINTHIANS recebeu sondagem por meia Marquinhos Gabriel, vinda do s7os. Corinthians contratou este jogador por 10 milhoes ano passado e especula-se que proposta possa chegar. lance globo terra