29 de set de 2016

CORINTHIANS 29/09/2016






29/09/2016 20h06 - Atualizado em 29/09/2016 20h06

Corinthians recebe seu ex jogador veterano Carlos Alberto para mantê-lo em forma
Meia ex-Corinthians em 2005 (quando Corinthians foi tetracampeão Brasileiro) e 2006 usa estrutura do CT Joaquim Grava para treinar nesta quinta


Por GloboEsporte.com


Sem clube, Carlos Alberto mantém a forma no Corinthians (Foto: Reprodução/Instagram)

Sem clube desde que deixou o Figueirense, há duas semanas, o meia Carlos Alberto utiliza a estrutura do Corinthians para manter a forma até achar uma nova equipe. Nesta quinta-feira, o jogador postou uma foto no CT Joaquim Grava.

– Bora trabalhar – disse o meia.


O Timão costuma receber jogadores lesionados e sem clube para trabalhos específicos no CT. Os últimos exemplos foram o volante Maldonado e o atacante Lincom, que tiveram passagens anteriores pela equipe.


Carlos Alberto defendeu o Corinthians entre 2005 e 2006 e deixou bons amigos no clube e integrou o Corinthians tetracampeão Brasileiro em 2005.



Corinthians maior ibope da tv no ano 
Vitoria do Corinthians de ontem, por 2x1pela Copa do Brasil. obtém média de 24 pontos no Ibope e iguala melhor marca de Copa do Brasil na temporada, do próprio Corinthians, na vitória sobre o florminenC por 1x0, que classificou o Corinthians 

Corinthians visitará Cuiabá/MS em jogo de mando de adversário 
A Arena Pantanal vai receber a partida entre Santa Cruz e Corinthians, dia 12 de outubro, às 21h45, pela 30ª rodada da Série A



29/09/2016 17h45

Reservas do Corinthians fazem treino pegado no CT; Bruno Paulo retorna
Jogadores que foram titulares na vitória do Coringão  sobre Cruzeiro não participaram do trabalho no gramado nesta quinta-feira à tarde. Atividade teve algumas divididas fortes


Por Marcelo Braga

Jean treino Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

Sem nenhum jogador de linha que foi titular na vitória por 2 a 1 contra o Cruzeir em campo, o Corinthians se reapresentou na tarde desta quinta-feira e realizou um trabalho técnico apenas com os reservas. Cheio de desfalques, o técnico Fábio Carille observou alguns atletas que podem entrar na equipe do Corinthians contra Botafogo, sábado, às 16h30, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.



Com nível alto de disputa, alguns jogadores acabaram entrando em divididas fortes, mas sem maiores vítimas. Lucca, em duas ocasiões, levou encontrões de companheiros e ficou caído no gramado. Em uma delas, o médico Júlio Stancatti até chegou a entrar no campo, mas não foi preciso fazer o atendimento.
Recuperado de uma lombalgia, o atacante Bruno Paulo participou de parte da atividade com bola. Na transição entre o departamento médico e físico, o jogador deve estar pronto para reforçar a equipe na próxima semana.

Isaac e Carlinhos disputam lance durante o treino desta quinta-feira à tarde (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)



Vetados do jogo deste sábado, Uendel (lesão na coxa direita), Vilson (estiramento muscular no posterior da coxa direita) e Guilherme (edema na panturrilha direita) nem foram a campo. Assim como Cássio, que se recupera de dores no ombro esquerdo e ainda é dúvida.

O Timão volta a treinar na manhã de sexta-feira, novamente no CT. O treino será decisivo para a definição da equipe por Fábio Carille. O time viaja para o Rio de Janeiro no fim da tarde
.


Veja as informações do Corinthians para a partida de sábado:
Próximo adversário: Botafogo
Local: Luso Brasileiro, Rio de Janeiro
Data e horário: sábado, às 16h30 (de Brasília)
Escalação provável: Walter, Fagner, Yago, Balbuena e Guilherme Arana; Willians; Camacho, Marquinhos Gabriel, Lucca (Gustavo) e Marlone; Romero.
Desfalques: Cássio, Uendel, Danilo, Bruno Paulo, Guilherme, Vilson, Giovanni Augusto e Rodriguinho
Pendurados: Balbuena, Vilson, Guilherme, Uendel, Pedro Henrique e Romero
Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN), Flavio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN)
Transmissão: TV Globo 





29/09/2016 17h27 - Atualizado em 29/09/2016 17h27
Goleiro Walter agradece carinho da torcida do Timão e exalta amizade com concorrente Cássio
Elogiado pelo preparador de goleiros após a vitória do Corinthians de ontem por 2x1 sobre o Cruzeiro, goleiro minimiza a briga pela posição e faz elogios ao companheiro, que estará à disposição em breve


Por Marcelo Braga
Walter em treino do Timão no CT Joaquim Grava 

(Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

O goleiro corinthiano Walter fez de novo uma grande apresentação na vitória corinthiana de ontem por 2x1 sobre cruzeiro pela Ida das oitavas da Copa do Brasil e recebeu do preparador de goleiros Mauri Lima uma série de elogios ao suplente do amigo Cassio  e dizer que ele seria titular em qualquer clube do Brasil
– Não tem batalha, a gente está sempre junto, um respeita o outro. Ele me mandou uma mensagem depois do jogo me parabenizando. Cria-se muito isso, o extracampo cria essa batalha, fica até ruim para nós, uma hora ou outra a gente acaba escutando, mas a gente apaga isso, deixa fora, mantendo uma amizade como a gente sempre teve – afirmou o camisa 27.

Cássio disputou 250 partidas com a camisa alvinegra e conquistou seis títulos, e o técnico Fábio Carille já avisou que Cássio reassumirá a vaga assim que estiver pronto fisicamente

– Fico feliz com os comentários, meus familiares acabam vendo mais, não fico pesquisando essas coisas. Feliz pelo carinho, eu trabalho, busco meu espaço. Tem de ter paciência, respeitar todos que estão no grupo. Matheus, Caíque e Douglas também querem jogar. Isso é bom, ajuda todos a evoluir, inclusive Cássio.

Concorrentes por uma vaga, os dois jogadores alternaram a titularidade no ano. 
– O Cássio é um baita goleiro. Ajudou muito o Corinthians, vai ajudar bastante, está em fase de melhora incrível. Todos querem jogar, a gente tem de ajudar quem está jogando – comentou.

Os amigos Cássio, Walter e Matheus durante treino do Corinthians no CT Joaquim Grava (Foto: Daniel Augusto Jr/ Agência Corinthians)

Vinculado ao Timão até dezembro de 2019, o jogador quer ficar no Corinthians, mas não descarta, porém, buscar novos ares na próxima temporada. Neste ano fez 13 jogos

– Fazendo um bom trabalho em campo, acaba pintando coisas, não tem como fugir disso. Você vê o tanto de jogadores que saíram do clube nesse ano. Faço meu trabalho. Se pintar algo, vou ouvir. Mas quero ficar aqui, sou muito feliz aqui dentro e posso crescer ainda mais. Não recebi nada (de proposta) – garantiu.


Como Cássio ainda faz tratamento contra as dores no ombro, a tendência é que Walter siga como titular neste sábado, quando o Corinthians joga  contra o Botafogo, no Rio de Janeiro.

















Fim da entrevista coletiva do goleiro Walter


Walter: "Para o time é excelente ter dois bons goleiros. Um machuca e quem entra vai bem. Ano passado joguei pouco, mas fiz grandes partidas quando entrei Se pintar (algo para sair), não temos bola de cristal, é dia após dia e deixar as coisas rolarem"
Walter, sobre uma vitória fora: "Sim, até pelas partidas que a gente fez, as três foram boas. Criou bastante, triangulou, jogo difícil, lá difícil jogar. Recuperar bem"

Walter fala dos elogios do Mauri: "Normal, de onde saí e onde estou hoje, tenho de agradecer. Passei por lesões sérias aos 18, 19 anos, hoje estou disputando posição aqui, junto do Cássio que ganhou n títulos pelo Corinthians. A declaração me deixa feliz, mas tenho de seguir em frente dentro ou fora de campo"

Walter: "Fico feliz pelo torcedor falar, mas não vai mudar. A gente procura fazer uma grande partida. Cássio está em excelente forma. A confiança está voltando, as coisas estão fluindo e vamos na Copa do Brasil o mais longe possível"

Walter comenta a decisão de Cristóvão:"Por como andava no Corinthians, com Tite e Mano, quem machucava voltava. Fiquei chateado, fiquei quatro jogos fora, fica um pouco de tristeza, mas a gente acata. Tentei dar dicas para ele, no trabalho a gente sempre cobrando vitórias. Somos passageiros no clube, temos de buscar vitórias e títulos"
Walter, sobre amizade com Cássio: "Continua da mesma forma, temos um carinho grande. A gente mantém, essa é nossa vida fora de campo"


Walter: "Não tem batalha não, a gente está sempre junto. Ontem ele me mandou uma mensagem parabenizando. Cria muito essa batalha, fica até ruim para nós, às vezes acaba escutando, mas a gente deixa fora, apagar, temos amizade lá dentro"


Walter, sobre sondagens neste ano:"Não houve nada, ouvi por vocês.não teve nada"


Walter, sobre aceitar o banco melhor que Cássio: "Não...Nem falei nada quando sai, fui para casa, comissão técnica que avalia. O Cássio é um baita goleiro. Ajudou muito o Corinthians, vai ajudar bastante, está em fase de melhora incrível. Todos querem jogar, a gente tem de ajudar quem está jogando"










Lucca já tomou duas pancadas no treino. Ritmo forte por aqui #trsccp
A maquininha de cabelo do Corinthians fez mais uma jovem vítima: Léo Príncipe #trsccp 





Fabio Carille comanda treino #trsccp









Gustavo iniciou ontem uma série se treinos em dois períodos. Quer se igualar fisicamente aos colegas #trsccp


Outra opção viável é Gustavo entrar na frente e Romero atuar no lado direito #trsccp


Palpite para sábado: Walter, Fagner, Yago, Balbuena e Arana; Willians; Camacho, Marquinhos Gabriel, Lucca e Marlone; Romero #trsccp

Time não terá Rodriguinho e Giovanni Augusto suspensos #trsccp


Quem fala com a imprensa hoje é Walter #trsccp 









Reservas fazem um treino técnico neste momento. Alguns jovens da base completam os times #trsccp

Bruno Paulo iniciou aquecimento no campo. Está na transição para o campo. Teve lombalgia #trsccp 







Cássio segue sem treinar no campo. Assim como Vilson, Uendel e Guilherme, já vetados #trsccp

Timão enfrenta o Botafogo no sábado #trsccp 







Reservas do Corinthians treinam nesta quinta #trsccp 












Corinthians acerta a contratação de Luidy, do CRB, para 2017.



O Corinthians ainda sonda contratar outro atacante e especula-se que seja entre estes:Marcelo Moreno, Sassá, Rafael Moura e Keno.

Walter, sobre a torcida: "Não, me parabenizam pelos jogos que fiz, há um carinho bem legal, fico feliz. Um jogo você está no céu e no outro pode estar no inferno. Não tem meio termo aqui"

Walter:"Gosto, tento ajudar de alguma forma. Mesmo fora do campo, não fico lá quieto. Gosto de cobrar dos meninos, do Marlone e Marquinhos, que têm de marcar lateral. Dou uns berros, xingo às vezes. É meu jeito, tento ajudar de alguma forma"






Walter comenta suas defesas:"Foram três grandes defesas. A do Cruzeiro (do Manoel), com campo molhado, bola lisa, a bola vai bem alto. E peguei bem esticada a bola. Das três, acho que foi a mais difícil"

Walter: "Não fico pensando no futuro, tenho que fazer o meu todo dia, venho treinar, me dedico, não sei o dia de amanhã. Tem mais dois meses de campeonato, a gente não descarta futuras negociações, pode ser que tenha ou não, muita coisa pode rolar. Mas lutei para chegar aqui e quero ficar"


Walter: "Eu fazendo um bom trabalho em campo, acaba pintando coisas, não tem como fugir disso. Você vê o tanto de jogadores que saíram esse ano. Faço meu trabalho. Se pintar algo, vou ouvir. Mas quero ficar aqui, sou muito feliz aqui dentro e posso crescer ainda mais. Não recebi nada (de proposta)"

Walter lembra sua saída do time: "Procurei evoluir no trabalho, nos treinamentos, fiquei chateado por sair machucado. Foi a linha do Cristóvão manter o Cássio, eu sempre procuro ajudar, estou sempre gritando nos jogos"




Walter: "A gente deixa essa parte extracampo de vocês falando bastante para lá, a gente ajuda um ao outro. Ele lesionou, eu entrei, ele deve voltar porque saiu por lesão, vou acatar, trabalhar e quando precisar eu vou estar pronto"


Walter: "Fico feliz pelo Mauri (preparador de goleiros) ter falado o que ele achava, mas ele sempre respeitou o Cássio, os meninos, a comissão técnica. Sempre respeitamos todos, não foi nada de polêmico, nada além disso"



Walter, há limite para ser reserva?: "Não tenho, sai do XV de Jaú, Noroeste, estou hoje em uma grande equipe disputando posição com um campeão mundial que é o Cássio. Claro que a gente quer estar em campo, mas é trabalhando, se dedicando, fazendo trabalhos de potência e aos poucos vamos melhorando as coisas"
Walter fala dos pedidos para ele ser titular:"Fico feliz com os comentários, meus familiares acabam vendo mais, eu não fico pesquisando essas coisas. Feliz pelo carinho, trabalho, busco meu espaço. Tem de ter paciência, respeitar todos que estão no grupo. Matheus, Caíque e Douglas querem jogar. Isso é bom, ajuda todos a evoluir, inclusive o Cássio






Walter vem aí PARA A ENTREVISTA  COLETIVA!


















29/09/2016 16h32 - Atualizado em 29/09/2016 17h01

Corinthians acerta a contratação do atacante Luidy, revelação do CRB
Timão comprará 70% dos direitos econômicos do jogador de apenas 20 anos


Por Carlos Augusto Ferrari


O Corinthians fechou sua primeira contratação para a temporada 2017. Trata-se do atacante Luidy, revelação do CRB, de Alagoas, na Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador se apresentará ao Timão no fim do ano.

O clube comprará 70% dos direitos econômicos do atacante de 20 anos. Inicialmente, o Timão pagará por 40% e, após alguns meses, quitará os outros 30%. Os valores não foram revelados pela direção.


Autor de seis gols na Série B, Luidy chegará ao Corinthians como uma aposta de sucesso para o futuro e será colocado em um processo de adaptação ao novo clube. Ele chamou a atenção da comissão técnica e dos dirigentes pela movimentação pelos lados do campo e pela boa capacidade de finalização.

O Corinthians corre para encontrar reforços visando o próximo ano. A ideia da diretoria é contratar um centroavante renomado até o fim do ano para servir de referência no elenco.

O Timão buscou na última janela o centroavante Gustavo, autor de 11 gols pelo Criciúma na Série B. O jogador vem passando por um período de adaptação e iniciou nesta semana treinos em dois períodos para evoluir fisicamente. O atacante Romero deve seguir titular, pois é o artilheiro do Corinthians no ano e fez 2 gols na vitória corinthiana de ontem