11 de set de 2016

CORINTHIANS 11/09/2016






Cristóvão culpa cansaço e nega ter recuado o Corinthians

O técnico Cristóvão Borges apostou em uma escalação ousada hoje no Corinthians– com apenas Camacho como volante de origem, exatamente como no segundo tempo da vitória sobre o Sport. Foi recompensado com uma boa atuação e um gol de Marlone no primeiro tempo. No segundo, no entanto, o Corinthians se afastou do campo de ataque, passou a contar com Willians no lugar de Giovanni Augusto e acabou castigado com a virada por 2 a 1.

Com a sua habitual expressão serena após a partida, Cristóvão novamente precisou defender as escolhas que fez. O técnico negou que tenha recuado o Corinthians e ainda culpou o desgaste físico pela queda de rendimento.

“A orientação era para o time continuar do mesmo jeito, mas é difícil marcar sob pressão, em cima, durante os 90 minutos. Para marcarmos bem, precisávamos de mais posse de bola. A nossa defesa não conseguia subir. Perdendo o jogo, era natural que eles fossem para cima”, analisou Cristóvão.

O que não pareceu natural foi a postura do Corinthians. Para mudar o panorama do segundo tempo, o treinador apostou em sacar o centroavante Gustavo, que não fazia uma partida brilhante, porém prendia a defesa rival, e promover a entrada do meia Marquinhos Gabriel. Não adiantou. Mais tarde, o também armador Giovanni Augusto pediu para sair e cedeu espaço ao contestado volante Willians, tornando o time ainda mais defensivo.

“Tiramos o jogador de referência (Gustavo) para dar mobilidade à equipe, por causa do desgaste. Com isso, prenderíamos mais a bola. Só que a entrada do Marquinhos Gabriel fez a gente melhorar da metade para o final do segundo tempo, e precisávamos disso já no começo. Como não seguramos a bola,...”, explicou Cristóvão.

O técnico ainda lamentou o fato de o Corinthians não ter tirado mais proveito do momento em que estava bem no clássico. O time visitante criou chances para chegar ao intervalo com uma vantagem maior, mas as desperdiçou. “No futebol, isso sempre é decisivo. Se você fica com uma boa vantagem em um jogo equilibrado, as coisas se tornam menos difíceis. Poderíamos ter feito isso porque tivemos oportunidades”, disse Cristóvão Borges.



CORINTHIANS FICA NO 1X2 contra s7os e SEGUE 4º COLOCADO DO BRASILEIRO COM 40 PONTOS






CORINTHIANS

6,0
CÁSSIO
Sem grandes problemas embaixo das traves.

5,0
FAGNER
Abusou de faltas duras no campo de defesa e estava na marcação no segundo gol. À frente, colaborou bastante.

4,5
VILSON
Ganhou praticamente todas as bolas do ataque, mas fez pênalti bobo que prejudicou muito o Corinthians.

5,5
BALBUENA
Fazia boa partida Defesa passou a ficar acuada atrás e sofreu mais um gol

6,0
UENDEL
Deu bom cruzamento para Rodriguinho, tentou alguns lances no campo de ataque. Não teve problemas na marcação.

6,0
CAMACHO
Preocupado durante todo o jogo com a marcação e eficiente no que se propôs a fazer. Jogou bem recuado

6,5
RODRIGUINHO
Linda assistência para Marlone abrir o placar. Boa presença ofensiva e marcação consistente. Foi bem no jogo.

5,0
GIOVANNI AUGUSTO
Partida discreta do meia. Pouca presença ofensiva, ficou escondido na marcação no meio-campo. Colaborou pouco.

7,0
MARLONE
Autor do gol do Corinthians e autor também de ótimas jogadas no ataque. Fundamental para a equipe.

5,0
LUCCA
Discreto no ataque corinthiano, teve uma chance de cabeça, mas não conseguiu fazer o gol. Partida apagada.

5,5
GUSTAVO
Não teve nenhuma chance clara de gol. Isolado no comando do ataque, tocou pouco na bola durante o jogo.

5,0
MARQUINHOS GABRIEL
Não conseguiu criar nenhuma jogada perigosa no ataque, exceto quando isolou a bola em chute. Também discreto.

5,5
WILLIANS
Entrou para dar solidez defensiva ao Timão, mas quase se atrapalhou no meio-campo e não conseguiu brecar o rival.



ROMERO
Jogou pouco tempo. Fica sem nota.

4,5
CRISTÓVÃO BORGES
 Recuou o time






11/09/2016 17h52

Atuações do Corinthians: Rodriguinho e Marlone se destacam; Vilson vacila
Atacante marca lindo gol após toque de calcanhar do meio-campista no primeiro tempo. Zagueiro comete pênalti

Por Carlos Augusto Ferrari










Marlone
Foi uma boa alternativa para o ataque do Corinthians jogando pelos lados. Fez um lindo gol ao tabelar com Rodriguinho. Depois de a torcida tanto pedir a entrada dele, aos poucos o meia-atacante vai se firmando como titular. Nota: 7,5


Rodriguinho
Cresce de rendimento a cada rodada, mesmo recebendo tantas críticas dos torcedores. Ajudou Camacho na marcação e também foi importante na criação de jogadas. Deu um grande passe para Marlone marcar. Nota: 7

Vilson
Fazia uma boa atuação até cometer um pênalti bobo em Luiz Felipe no segundo tempo. Deu um empurrão desnecessário no zagueiro de costas na área. Nota: 5

AS NOTAS:

Cássio [GOL]: 6
Fagner [LAD]: 5,5
Vilson [ZAG]: 5
Balbuena [ZAG]: 6
Uendel [LAE]: 6
Camacho [VOL]: 6,5
Rodriguinho [MEC]: 7
Giovanni Augusto [MEC]: 6,5
(Willians [VOL]): Sem nota
Lucca [ATA]: 6
(Romero [ATA]): Sem nota
Marlone [ATA]: 7,5
Gustavo [ATA]: 6
(Marquinhos Gabriel [ATA]): 5,5





Fim de jogo: s 2 x 1 Corinthians. O Timão enfrenta o Coritiba fora de casa na próxima rodada do Brasileiro, na quarta, às 21h45.

2x1 Corinthians

Corinthians  
Substituição no Corinthians: sai Giovanni Augusto para a entrada de Willians

 1 x 1 Corinthians
 Corinthians ‏@Corinthians  
Substituição no Corinthians: sai Gustavo para a entrada de Marquinhos Gabriel.

 Corinthians ‏@Corinthians 
Bola em jogo para o segundo tempo de Santos 0 x 1 Corinthians


 Corinthians ‏@Corinthians  
Fim do primeiro tempo. Corinthians vai vencendo pelo placar de 1 a 0.

#VaiCorinthians 
 Corinthians ‏@Corinthians  
QUASE O SEGUNDO! Rodriguinho recebe cruzamento e bate de primeira, mas o goleiro defende!

#VaiCorinthians

 Corinthians ‏@Corinthians  
GOLAAAAAAAÇOOOOOOO!!!!!! Marlone tabela com Rodriguinho e acerta um chutaço no canto esquerdo do goleiro! #Timão 1 a 0!!!

 Corinthians ‏@Corinthians  
QUASEEEE!! Fagner acha Rodriguinho entre os zagueiros, que chuta da entrada da área, por cima do gol!

#VaiCorinthians 
 Corinthians ‏@Corinthians 
UUUUUUUUUUUUUUUUHHHH!! Depois de jogada pela direita, a bola sobra para Fagner dentro da área, que bate cruzado, ao lado do gol 
 Corinthians ‏@Corinthians  
Após escanteio, rebote fica com Fagner, que arrisca de fora da área. A bola passa por cima do gol.

#VaiCorinthians 
 Corinthians ‏@Corinthians 
Lucca cobra falta para a área adversária, mas a defesa santista afasta.

#VaiCorinthians 
 Corinthians ‏@Corinthians 
Nunca estaremos separados! Estamos lado a lado, apoiando sempre! Vai, Corinthians!

FICHA DA PARTIDA
san
1 Vanderlei 
2 Luiz Felipe
6 Gustavo Henrique
37 Zeca
38 Daniel Guedes
8 Renato
18 Vitor Bueno
29 Thiago Maia
36 Copete
39 Jean Mota
22 Rodrigao

reservas
3 Caju
11 Elano
12 Vladimir
14 David Braz
16 Fernando Medeiros
17 Rafael Longuine
20 Emiliano Vecchio
25 Yuri
27 Leo Cittadini
28 Lucas Verissimo
30 Joel
45 Walterson




CORINTHIANS 
 Cassio 12
Balbuena 4
Uendel 6
Vilson 15
Fagner 23
Marlone 8
Giovanni Augusto 17
Rodriguinho 26
Camacho 29
Lucca 30
Gustavo 9
tec Cristovao Borges
reservas:
Matheus Vidotto 1
Willians 5
Angel Romero 11
Guilherme Arana 13
Leo 14
Cristian 16
Jean 21
Walter 27
Isaac 28
Marquinhos Gabriel 31

Leo Principe 32

RETROSPECTO HISTÓRICO CORINTHIANS TEM 128 VITÓRIAS CONTRA 103 DO RIVAL DE HOJE EM CONFRONTOS DIRETO










Corinthians joga hoje fora de casa

Atualmente, o Timão ocupa a quarta colocação do Campeonato Brasileiro com 40 pontos conquistados


10h00 11/09/2016 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


Neste domingo (11), o Corinthians tem mais um compromisso importante pelo Campeonato Brasileiro 2016. Às 16h, o Timão encara o Santos fora de casa, em duelo válido pela 24ª rodada do nacional. Embalado por uma vitória sobre o Sport na última quinta-feira (08), por 3 a 0, na Arena Corinthians, a equipe comandada por Cristóvão Borges busca a manutenção do G4. Atualmente, o Alvinegro de Parque São Jorge ocupa a quarta colocação, com 40 pontos conquistados.

No primeiro turno do Brasileirão, Corinthians e Santos se enfrentaram na Arena Corinthians. E quem levou a melhor foi o Timão. Com gol de Giovanni Augusto, o Alvinegro venceu por 1 a 0 o primeiro clássico disputado na casa corinthiana pelo torneio em 2016.

Apesar dos desfalques, Cristóvão Borges prevê que o duelo será difícil, mas afirma que o elenco do Timão está preparado para qualquer dificuldade.

"A gente não tem dúvida nenhuma da dificuldade. O jogo não vai mudar. Logicamente que são jogadores importantes, titulares da equipe, mas equipe desse nível, mesmo com as trocas, nós vamos ver lá. Um jogo dificílimo. É um adversário fortíssimo e nós temos certeza que isso vai acontecer. Estamos preparados para grandes dificuldades que devem acontecer no jogo", disse.

O retrospecto do clássico alvinegro traz vantagem ao Corinthians. Em 323 partidas, o Alvinegro venceu 128, empatou 92 e tropeçou em 103. Além disso, o Timão marcou 576 gols e sofreu 498.

Lista dos relacionados

Goleiros: Cássio, Walter e Matheus Vidotto;
Laterais: Fagner, Léo Príncipe, Uendel e Guilherme Arana
Zagueiros: Balbuena, Vilson e Léo Santos
Volantes: Camacho, Cristian, Willians e Jean
Meias: Marquinhos Gabriel, Marlone, Rodriguinho e Giovanni Augusto
Atacantes: Ángel Romero, Gustavo, Isaac e Lucca



Corinthians bate Bragantino pelo Paulistão Sub-20

Na volta à Fazendinha, Pedrinho, Carlinhos e Franklin fizeram os gols da vitória alvinegra


17h00 10/09/2016 - Agência Corinthians






© Fabio Mendes


Na tarde deste sábado (10), o Estádio Alfredo Schürig, a Fazendinha, voltou a receber o Sub-20 do Corinthians, em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Paulista da categoria. O Timãozinho venceu o Bragantino por 3 a 0 e alcançou a quinta colocação do Grupo 3, com 31 pontos em 16 partidas disputadas até agora.

Aos 11 minutos, Samuel tabelou com Gabriel Vasconcelos e cruzou rasteiro para Pedrinho. O camisa 10 dominou e tocou no canto direito do goleiro para abrir o placar na Fazendinha. O Alvinegro seguiu pressionando, mas o Bragantino se defendia bem. No finalzinho do primeiro tempo, Carlinhos anotou o segundo, aos 45 minutos, batendo cruzado, mesmo desequilibrado.

A etapa complementar foi equilibrada, com o adversário tentando atacar mais, já que estava atrás no placar, mas com o Corinthians consistente e com boas chances de ataque. Aos 42 minutos, Felipe Nascimento fez excelente jogada e tocou para Franklin dar números finais à partida – seu segundo gol em dois jogos seguidos.

Sem fazer gols desde a Nike Academy Cup, disputada em abril, Pedrinho fala da felicidade de voltar a anotar. “Poder voltar a ajudar a equipe com gols é sempre importante”, disse o camisa 10, que ficou três meses parado por conta de uma lesão. “A gente está na final do Brasileirão, mas não podemos deixar o Paulista de lado”, complementou.

Na próxima rodada, o adversário do Timãozinho será o São José EC, fora de casa, no Estádio Vale do Sol, em São José dos Campos, no interior de São Paulo. A partida acontece na próxima sexta (17), às 15h. Antes, na terça (13), às 17h, o Sub-20 encara o Botafogo na primeira partida da final do Campeonato Brasileiro da categoria.

Corinthians

Zé Guilherme; Samuel (Dudu), João Victor, Franklin, Cesinha; Renan Areias, Renan Guedes, Geovani, Pedrinho (Felipe Nascimento); Carlinhos e Gabriel Vasconcelos (Rafael Bilu).

Técnico: Osmar LossHoje, a partir das 16h, fora de casa, o Corinthians tem um duelo que reúne rivalidade centenária, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro

O Corinthians quer usar os 16 emendar duas vitórias consecutivas e seguir na briga pelo título.
Com 40 pontos, os comandados de Cristóvão Borges mantiveram a quarta colocação, está a seis pontos da liderança e ainda abriu quatro pontos em relação ao  quinto no torneio. Após a vitória diante do time pernambucano, o goleiro Cássio minimizou os desfalques no rival para o clássico alvinegro.

O Timão não terá o zagueiro Yago, suspenso por levar o terceiro cartão amarelo, mas contará com o retorno de Balbuena à retaguarda. O paraguaio formará uma dupla com Vilson, atleta que se destacou na vitória corinthiana de quinta. A expectativa é pelos retornos de Fagner, recuperado de uma infecção gastrointestinal, na lateral direita e do meia Marquinhos Gabriel, 100% após um quadro gripal.

FICHA TÉCNICA
s7os X CORINTHIANS
Brasileiro 2016- 24ª rodada
Local: vilinha
Data: 11 de setembro de 2016, domingo
Horário: 16 horas (Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Danilo Ricardo Simon Manis.

s7os Vanderlei; Daniel Guedes, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago e Jean Mota; Vitor Bueno, Rodrigão e Copete
Técnico: Dorival Júnior

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Vilson e Uendel; Cristian (Willians), Camacho, Marquinhos Gabriel, Rodriguinho e Marlone; Gustavo (Lucca) Técnico: Cristóvão Borges
Histórico do confronto no Campeonato Brasileiro
(Unificado de 1959 a 2016)
JOGOS (59)

22 VITÓRIAS do CORINTHIANS
19 VITÓRIAS do rival
18 EMPATES
GOLS (153)

A MAIOR VITÓRIA CORINTHIANS SOBRE O RIVAL FOI EM 2005, DURANTE A CAMPANHA DO CORINTHIANS PENTACAMPEÃO BRASILEIRO

CORINTHIANS 7 x 1 s7os
6 de novembro de 2005
Campeonato Brasileiro (pontos corridos)
Local: Pacaembu
Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR)
Renda: R$ 323.254,00
Público: 21.918
Corinthians: Fabio Costa; Eduardo Ratinho, Wendel, Marinho e Hugo; Marcelo Mattos, Bruno Octávio (Wescley), Rosinei (Dinélson) e Carlos Alberto; Tévez (Jô) e Nilmar. Técnico: Antônio Lopes.
s7os 
Saulo; Paulo César, Halisson (Wendel), Rogério e Kléber; Fabinho (Matheus), Heleno, Ricardinho e Giovanni; Geílson e Luizão (Basílio). Técnico: Nelsinho Baptista..

Gols: Rosinei, a 1′, Geílson, aos 8´ e Tévez, aos 20´e aos 37´do 1º tempo; Tévez, aos 8´, Nilmar, aos 13´e aos 32´, e Marcelo Mattos-COR, aos 45´do 2º tempo.
Cartões amarelos: Carlos Alberto, Bruno Octávio e Rosinei (Corinthians). Wendel e Kleber (Santos)
Cartão vermelho: Rogério (Santos)