22 de jun de 2016

CORINTHIANS 22/06/2016



23/06/2016 01h16

Cristóvão volta a pedir reforços para o Corinthians: "Já havia essa avaliação"
Técnico repete discurso de sua apresentação, diz que é preciso ter jogadores do mesmo nível em todas as posições e admite estilo Tite impregnado no seu trabalho


Por GloboEsporte.com
Cristóvão Borges voltou a falar sobre a necessidade da chegada de reforços para o restante da temporada. Assim como havia feito em sua apresentação, o técnico afirmou que o elenco carece de algumas peças de reposição. Segundo Cristóvão, a avaliação é anterior à sua chegada.


– O grupo que temos é pequeno para o que vamos encontrar. A temporada é longa e teremos competições simultâneas (Brasileirão e Copa do Brasil). Há a necessidade de jogadores de mesmo nível em todas as posições para manter a performance. Quando cheguei já havia essa avaliação. Trabalhamos para resolver isso.


Apesar do resultado adverso, o técnico viu pontos positivos na partida contra o Galo. Assim como ocorria com Tite e nos jogos com o interino Fábio Carille, a equipe vive fase de remodelagem.

– Eu havia assistido os dois últimos jogos do time. O trabalho é de remontagem de equipe, precisa de tempo e ajustes. Nesse processo, vemos o time dar passos adiante. É ruim perder, mas seguimos vendo a equipe caminhar bem – destacou.

Cristóvão Borges estreia com derrota no Timão
(Foto: RODNEY COSTA/ESTADÃO CONTEÚDO)

Herança de Tite, o Timão segue jogando no esquema 4-2-3-1, defendendo-se no 4-4-2. Para o novo técnico, o time seguirá por muito tempo com características do antigo comandante.


– Vai levar muito tempo com isso, é uma herança de grande qualidade, eu vou aproveitar tudo o que eu puder disso. Para a felicidade do Corinthians, Tite trabalhou aqui durante um tempo, é um grande treinador, consolidou muitas coisas, por isso a equipe ainda vai ter isso. O que eu puder usar do que ele deixou aqui, vou usar. São coisas benéficas, de alta qualidade – resumiu.

O Corinthians volta a São Paulo na quinta-feira pela manhã. O time volta a campo sábado, às 21h, na Arena Corinthians. Suspenso contra o Galo, o zagueiro Balbuena retorna ao time.


CONFIRA MAIS TÓPICOS DA ENTREVISTA:


O Atlético-MG encurralou a gente, mas era natural. Estávamos errando muito na saída, a gente sabia do jogo de transição ofensivo muito bom deles, muita movimentação, mas aí controlamos o jogo e ele foi equilibrado até o final.


ERRO DE PEDRO HENRIQUE
Conversamos com ele no vestiário. Uma coisa me tira preocupações: ele é muito talentoso. Se é talentoso, ele vai acontecer. Tirando a falha, que acontece, ele fez uma grande partida. Vi o jogo de domingo (contra o Botafogo) e ele jogou muito bem. Pela idade, joga de forma muito amadurecida. Vamos cuidar, tratar disso, mas ele será um grande futuro do Corinthians.


CHORO DE PEDRO HENRIQUE
Ao mesmo tempo, sentir é um ponto para reagir. Ele foi tocado por isso. Ele sabe que fez um grande jogo, e uma infelicidade resultou no gol. O sentimento é forte, ele ficou abatido por isso. É jovem, ele tem um futuro brilhante no Corinthians, é jogador de grande qualidade.


PONTOS A MELHORAR
A equipe se postou bem, mas é notável, até por características, a gente precisar de um pouco mais de peso ofensivo. Mas como a equipe tem equilíbrio grande, a gente consegue chegar, pois temos variação de jogo boa, jogo de lado de campo muito bom. Isso compensa durante parte do jogo. Mas pelos jogos que vi, vejo uma equipe caminhando, estamos andando bem.


PROBLEMA NA FINALIZAÇÃO
Pelas características dos jogadores que temos, não jogamos com jogador de área. Mas a criação sempre sobressai por causa disso. Mas é uma equipe que, mesmo assim, faz bastante gols pela variação que tem.














Cristóvão diz que precisa de tempo e reforços no Timão

 treinador do Corinthians fala em trabalho de remontagem, mas mostra confiança. Ele pede contratações, principalmente para o ataque



Cristóvão Borges, em seu primeiro jogo no comando do Corinthians (Foto:Daniel Augusto Jr/Corinthians)

Não foi a estreia que o técnico Cristóvão Borges esperava à frente do Corinthians. Na primeira partida como substituto de Tite, ele viu a equipe perder por 2 a 1 para o Atlético-MG, nesta quarta-feira, no Mineirão. Mesmo com o resultado negativo, o treinador demonstrou otimismo, mas já aproveitou para pedir tempo para trabalhar e reforços para qualificar o elenco.

Para o comandante alvinegro, a atuação diante do Galo não foi tão ruim e, apesar do tropeço, foi possível notar crescimento no Timão.

- Na primeira conversa que tive com eles (jogadores) falei dos jogos que assisti, os dois últimos. O trabalho que está se fazendo é de remontagem de equipe, e se necessita de tempo, ajustes. Nesse processo estou vendo a equipe dar passos adiante. Hoje o resultado não foi satisfatório, é ruim perder, mas continuamos a ver a equipe caminhar bem - declarou.

Cristóvão teve nove desfalques para este duelo, oito por lesões e um por suspensão. As baixas ressaltaram para o técnico a necessidade de aumentar o elenco.

- O grupo que temos é pequeno para o que vamos encontrar, porque a temporada é longa e daqui a pouco vamos jogar competições simultâneas. Uma equipe do nosso nível precisa ter jogadores para todas as posições. Quando eu cheguei já havia uma avaliação disso e trabalhamos para resolver - disse o treinador, que destacou o ataque como uma das posições mais carentes.

- (O time joga dessa forma) Pelas características dos jogadores que temos e não temos aqui. Não tem jogadores de área, mas a equipe faz gols pelas variações que tem - opinou.

Cristóvão buscará a primeira vitória no comando do Corinthians no sábado, às 21h, contra o Santa Cruz, na Arena Corinthians











23/06/2016 01h15

Jovem Pedro Henrique chora após falha, mas tem apoio até de rival do Corinthians
Zagueiro é consolado por companheiros e também ganha abraço de Robinho após derrota para o Atlético-MG; Cristóvão Borges e Cássio dizem que jogador tem futuro


Por GloboEsporte.com

A falha que resultou no segundo gol sofrido pelo Corinthians na derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG, nesta quarta-feira, em Belo Horizonte, foi um fardo pesado demais para o zagueiro Pedro Henrique, de 20 anos, que fazia apenas seu terceiro jogo como titular do Timão.


Claramente abatido depois do gol, aos 37 minutos do segundo tempo, Pedro Henrique foi abraçado pelos companheiros de time e continuou no jogo. Depois do apito final, porém, desabou no choro e não escondeu a tristeza pelo erro.


Até jogadores do Atlético foram consolar o garoto de 20 anos, que começa a aparecer com maior frequência nos jogos do Corinthians. Dátolo e Robinho, por exemplo, abraçaram Pedro e lhe deram palavras de incentivo. No Timão, o goleiro Cássio também assegurou apoio.

Conversamos com ele no vestiário. Tem uma coisa que me tira preocupações: ele é muito talentoso. Se é talentoso, vai acontecer. Tirando a falha, que acontece, ele fez uma grande partida

Cristóvão Borges, sobre Pedro Henrique


– Ele é novo, tem muito o que aprender, há tempos atrás era para ser dispensado, não estar mais no time, e agora tem total confiança. Não só a minha, de todos os goleiros, do treinador. São coisas que acontecem, a gente ganha experiência. É difícil, já chorei muito, estamos aí para apoiar ele, apoiar todo mundo. É como eu falei: quando perde, perde todo mundo; quando ganha, ganha todo mundo – afirmou Cássio.


O técnico Cristóvão Borges também isentou o zagueiro de culpa pela derrota.


– Conversamos com ele no vestiário. Tem uma coisa que me tira preocupações: ele é muito talentoso. Se é talentoso, vai acontecer. Tirando a falha, que acontece, ele fez uma grande partida. Vi o jogo de domingo (contra o Botafogo) e ele jogou muito bem. Pela idade, joga de forma muito amadurecida. Vamos cuidar, tratar disso, mas ele será um grande futuro do Corinthians – destacou Cristóvão.

O Corinthians volta a São Paulo na quinta-feira pela manhã. O time volta a campo sábado, às 21h, na Arena Corinthians. Suspenso contra o Galo, o zagueiro Balbuena retorna ao time. O que significa que Pedro Henrique deve voltar para o banco de reservas.









atlmin 2 X 1 CORINTHIANS
​Braslileiro 2016 10ª rodada
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Cartões amarelos: Erazo, Marcos Rocha e Leandro Donizete (a), Pedro Henrique (COR)
Público e renda: 34.426 torcedores / R$ 757.300,00
Gols: Fred 21' 2ºT (1-0); Cazares 37' 2ºT (2-0); Lucca 44' 2ºT (2-1)

atl min: 1-Victor, 2-M Rocha, 3-L Silva, 4-Erazo e 6-D Santos; 5-R Carioca, 8-L Donizete, 11-Cazares, 7-Rabinho (10-Dátolo 9' 2ºT) e 23-Clayton (29-Patric 30' 2ºT); 99-Fred (13-Carlos 42' 2ºT). Técnico: Marcelo Oliveira  + 20Giovani, 32Uilson, 19-C Cesar, 26-Tiago, 31-Gabriel, 18-L Candido, 21-Jr Urso, 30-Eduardo, 17-Hyuri

CORINTHIANS: 12-Cássio, 23-Fagner, 15-Vilson, 34-Pedro Henrique e 6-Uendel; 25-Bruno Henrique, 26-Rodriguinho, 17-Giovanni Augusto (18-Luciano 39' 2ºT), 10-Guilherme (30-Lucca 27' 2ºT) e 31-Marquinhos Gabriel; 11-Romero. Técnico: Cristóvão Bórges + 40 Caique, 14-Leozão, 32-Léo Príncipe, 13-Guilherme Arana, 5-Willians, 22-Maycon, 29-Camacho,  8-Marlone, 19-Rildo,







Após erro, Pedro Henrique sai chorando e ganha apoio até de rivais

Zagueiro de 20 anos falhou feio no segundo gol do Atlético-MG. Na saída de campo, sentiu o peso do erro, desabou em lágrimas e foi consolado por colegas e adversários

Cristóvão Borges não conseguiu vencer na estreia pelo Corinthians

O garoto Pedro Henrique, de apenas 20 anos, errou feio em seu terceiro jogo como profissional do Corinthians, na noite desta quarta-feira, no Mineirão. Em tentativa de recuo para Cássio, o camisa 34 deu um passe fraco demais e viu Cazares ser veloz para marcar o segundo gol dos 2 a 1 a favor do Galo.

Após o apito final, o jovem deixou o gramado às lágrimas e foi consolado não apenas pelos companheiros alvinegros, mas pelos atletas do Atlético-MG, como Dátolo e Robinho. Comovido com a reação de Pedro, o Corinthians não demorou a sair em defesa do garoto formado na base alvinegra.

"#TamoJuntoPedroHenrique", postou o clube em sua conta oficial no Twitter.
A publicação foi rapidamente compartilhada pela Fiel.

No gramado, os jogadores corintianos também defenderam o garoto. Um dos mais experientes do time alvinegro, Cássio exaltou a personalidade de Pedro e garantiu que ele goza da "total confiança" do restante do elenco.

– Como sou canhoto sempre abro para a esquerda para facilitar, mas a bola veio curta e não cheguei. É um erro que acontece, a gente não pode culpar o Pedro. Ele é um moleque que treina bem, temos que dar confiança para ele no vestiário. Sei que é difícil, já chorei muito também. Essas coisas fazem amadurecer, vamos dar o respaldo – disse Cássio, ecoado por Uendel.

- Esse tipo de lance acontece, mas não tira a partida que ele fez. Pedro Henrique tem todo o crédito do mundo com a gente - assegurou o lateral.

Até mesmo o técnico Cristóvão Borges protegeu o zagueiro. Apesar da derrota em sua estreia pelo Timão, o novo comandante elogiou o garoto e avaliou que as lágrimas surgiram porque ele sabia que estava fazendo uma "ótima partida" até o momento do erro.

- Ele foi tocado por isso, mas sabe que fez um grande jogo que com uma infelicidade resultou em gol. O sentimento dele é muito forte, ficou realmente abatido. Mas em um momento desses não precisa ser jovem para as coisas acontecerem. Ele é novo, tem futuro brilhante aqui no Corinthians - projetou Cristóvão.

Pedro atuou diante do Atlético-MG por conta das ausências de Yago, que se recupera de um edema ósseo no tornozelo direito, e Balbuena, suspenso. Recentemente, o Timão perdeu Felipe, vendido ao Porto (POR).


CORINTHIANS 6º COLOCADO COM 16 PONTOS


atlmin 2 X 1 CORINTHIANS
​Braslileiro 2016 10ª rodada
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Cartões amarelos: Erazo, Marcos Rocha e Leandro Donizete (a), Pedro Henrique (COR)
Público e renda: 34.426 torcedores / R$ 757.300,00
Gols: Fred 21' 2ºT (1-0); Cazares 37' 2ºT (2-0); Lucca 44' 2ºT (2-1)

atl min: 1-Victor, 2-M Rocha, 3-L Silva, 4-Erazo e 6-D Santos; 5-R Carioca, 8-L Donizete, 11-Cazares, 7-Rabinho (10-Dátolo 9' 2ºT) e 23-Clayton (29-Patric 30' 2ºT); 99-Fred (13-Carlos 42' 2ºT). Técnico: Marcelo Oliveira  + 20Giovani, 32Uilson, 19-C Cesar, 26-Tiago, 31-Gabriel, 18-L Candido, 21-Jr Urso, 30-Eduardo, 17-Hyuri

CORINTHIANS: 12-Cássio, 23-Fagner, 15-Vilson, 34-Pedro Henrique e 6-Uendel; 25-Bruno Henrique, 26-Rodriguinho, 17-Giovanni Augusto (18-Luciano 39' 2ºT), 10-Guilherme (30-Lucca 27' 2ºT) e 31-Marquinhos Gabriel; 11-Romero. Técnico: Cristóvão Bórges + 40 Caique, 14-Leozão, 32-Léo Príncipe, 13-Guilherme Arana, 5-Willians, 22-Maycon, 29-Camacho,  8-Marlone, 19-Rildo,



22/06/2016 23h51

Atuações do Corinthians:


AS NOTAS:

Cássio [GOL]: 5

Fagner [LAD]: 5,5

Vilson [ZAG]: 5,5

Pedro Henrique [ZAG]: 4

Uendel [LAE]: 5,5

Bruno Henrique [VOL]: 5,5

Rodriguinho [MEC]: 5,5

Marquinhos Gabriel [MEC]: 5

Guilherme [MEC]: 5

(Lucca [ATA]): 6

Giovanni Augusto [MEC]: 5

(Luciano [ATA]): 5

Romero [ATA]: 5,5
























Corinthians perde para Atl-MG no Mineirão pelo Campeonato Brasileiro

Lucca fez o único gol do Timão na derrota fora de casa; na próxima rodada, o Alvinegro do Parque São Jorge recebe o Santa Cruz na Arena Corinthians



Neste sábado (25), às 21h, o Timão recebe o Santa Cruz na Arena Corinthians

© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
O Corinthians perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1 no Mineirão, em Belo Horizonte-MG, nesta quarta-feira (22), pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Com o resultado fora de casa, o Timão permanece com 16 pontos -- cinco vitórias, um empate e quatro derrotas em 10 jogos.

Na estreia do técnico Cristovão Borges no clube do Parque São Jorge, o primeiro tempo no estádio mineiro foi sem gols. O Corinthians buscou o ataque em algumas oportunidades, como em dois chutes para fora, de Guilherme e Romero. A primeira finalização ao gol veio no fim com Uendel, defendida pelo goleiro Victor.

No começo da segunda etapa, o Timão esboçou ameaçar o Atlético-MG com mais um chute fora de área de Guilherme, que deu muito trabalho a Victor, logo aos três minutos. Porém, o time mineiro abriu o placar com Fred aos 21 e passou a controlar a partida. Aos 37, Cazares ampliou para os donos da casa e praticamente definiu o duelo.

Lucca chegou a diminuir aos 44 minutos. O Timão ainda se lançou à frente em busca do empate, mas não conseguiu evitar a derrota fora de casa.

Na próxima rodada do Brasileirão 2016, a 11ª, o Corinthians volta a jogar em casa. Neste sábado (25), às 21h, o Timão recebe o Santa Cruz na Arena Corinthians.

Corinthians

Cassio; Fagner, Vilson, Pedro Henrique e Uendel; Bruno Henrique, Rodriguinho, Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto (Luciano) e Guilherme (Lucca); Romero.
Técnico: Cristovão Borges












CORINTHIANS ROUBADO EM BH
Em partida marcada pelos erros da arbitragem e do zagueiro Pedro Henrique











O Corinthians foi de novo prejudicado pela arbitragem neste Brasileiro

 Fabricio Vilarinho da Silva, um dos auxiliares da arbitragem, errou ao não assinalar impedimento de Marcos Rocha, que cruzou para Fred. O lance mudou a história do confronto, que era equilibrado até então e já havia tido pedidos de pênaltis dos dois lados na etapa inicial.

Cristóvão poderá lamentar o erro de Fred, culpar o bandeirinha ou mesmo apontar Fred como vilão. Mas não terá como argumentar que o Corinthians jogou bem. Com nove desfalques, o Corinthians criou pouco
Os donos da casa tinham a posse de bola, mas mostraram dificuldades para chegar ao gol adversário.

Cristóvão manteve a estrutura deixada por Tite e não ousou nas substituições. O Corinthians teve um penalti não anotado, levou um gol em lance irregular e outro em falha da zaga, no fim diminuiu e até criou chance para empatar

FICHA TÉCNICA
atlmin 2 X 1 CORINTHIANS
​Braslileiro 2016 10ª rodada
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Cartões amarelos: Erazo, Marcos Rocha e Leandro Donizete (a), Pedro Henrique (COR)
Público e renda: 34.426 torcedores / R$ 757.300,00
Gols: Fred 21' 2ºT (1-0); Cazares 37' 2ºT (2-0); Lucca 44' 2ºT (2-1)

atl min: Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete, Cazares, Rabinho (Dátolo 9' 2ºT) e Clayton (Patric 30' 2ºT); Fred (Carlos 42' 2ºT). Técnico: Marcelo Oliveira

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Vilson, Pedro e Uendel; Bruno Henrique, Rodriguinho, Giovanni Augusto (Luciano 39' 2ºT), Guilherme (Lucca 27' 2ºT) e Marquinhos Gabriel; Romero. Técnico: Cristóvão Bórges








O jogo


Jogo entre os atuais campeões, Corinthians e vicesatlmin, do Brasileiro era prenúncio de equilíbrio. Por mais que o Corinthians tivesse quase um time de desfalques, a equipe paulista tinha um trunfo que complicou bastante o jogo do Atlético-MG: o legado de Tite.

Com uma postura bem definida, com as linhas defensivas bem postadas, o Timão, agora de Cristóvão Borges, mostrou que é adversário duro a ser batido, seja em casa ou fora, seja completo e desfalcado. Robinho, Fred e cia, tinham dificuldades de incomodar o goleiro Cássio.


Principalmente Robinho, que não reeditou as boas atuações contra o tradicional adversário, e deixou o campo substituído por Dátolo no início do segundo tempo, Marcos Rocha, que estava impedido na hora que recebeu o passe, achou Fred na área
 Cazares aproveitou recuo errado de Pedro Henrique, o meia chegou primeiro na bola do que Cássioe  rolou para ampliar .

O Corinthians ainda teve tempo de diminuir com Lucca nos minutos finais. Na saída de campo, o zagueiro Pedro Henrique deixou o gramado chorando, por causa da falha no segundo gol











BRASILEIRO SÉRIE A 2016 - PRIMEIRA FASE (10ª RODADA)


22/06/2016 21:45

Mineirão - Belo Horizonte

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio

Atl-MG2 X1 CORINTHIANS






Fred - 21’ / 2º T

Juan Cazares - 36’ / 2º T


Lucca - 41’ / 2º T




atmin
Victor
Marcos Rocha
Leonardo Silva
Frickson Erazo
Douglas Santos
Leandro Donizete
Rafael Carioca
Cazares
Robinho
(Dátolo)
Fred
(Carlos)
Clayton
(Patric)
CORINTHIANS

Cássio
Fágner
Pedro Henrique
Vilson
Uendel
Bruno Henrique
Rodriguinho
Giovanni Augusto
(Luciano)
Guilherme
(Lucca)
Marquinhos Gabriel
 Romero


Treinadores
Marcelo Oliveira
Cristovão Borges

LANCE A LANCE
PARTIDA ENCERRADA

23:55Pós-jogo


Fala, Lucca! "O jogo estava se desenhando muito bom para a gente, mas o time acabou se desconcentrando em alguns minutos. Jogar contra equipe assim, como o Atlético-MG, se você se desconcentrar acaba sendo penalizado. A gente foi punido por jogar 10 ou 15 minutos abaixo. Não adianta lamentar. Vamos nos concentrar para tentar vencer em casa no sábado."


23:52Pós-jogo


Uendel sai em defesa de Pedro Henrique e fala sobre o choro do defensor: "A gente vê que é o sentimento dele, no momento era um lance difícil, o Cazares foi esperto também. É um menino, acontece. Às vezes acaba sentindo um pouco mais quando tem um lance desse, mas o erro não diminui a grande partida que ele fez, ele vinha tendo uma grande atuação até então. Vamos dar toda a força para ele. Ele tem todo o crédito do mundo com a gente. Sabemos o potencial dele."


23:51Pós-jogo


Bruno Henrique foi quem mais acertou passes, e Romero foi quem mais sofreu faltas. Confira as estatísticas de Atlético-MG 2 x 1 Corinthians no blog
23:45Pós-jogo


Goleiro Cássio fala: "Foi bom jogo, o Corinthians brigou, lutou, mas no último detalhezinho pecamos um pouco. Não faltou vontade, dedicação, mas é trabalhar forte, porque no próximo jogo temos de buscar a vitória."


23:44Pós-jogo


Garoto Pedro Henrique, que falhou no segundo gol , deixou o gramado chorando.


SEGUNDO TEMPO

Fim de jogo!

49'2º tempo


Luciano vira uma bicicleta no ataque e manda por cima do gol!


47'2º tempo


Lucca cobra falta perigosa e manda na barreira.

46'2º tempo
 | 

Cartão amarelo para Donizete, do Galo!

45'2º tempo


Romero cruza pela direita e Lucca pega de primeira na área, mandando no canto de Victor!


44'2º tempo
 | 

GOL! DO CORINTHIANS! LUCCA!


42'2º tempo Bobeira de Pedro Henrique ajudará o árbitro Wilton Pereira Sampaio, que validou gol ilegal do Galo e não deu pênalti p/ Corinthians
42'2º tempo
Carlos no lugar de Fred no Atlético!

42'2º tempo

Lucca tenta drible na esquerda, mas Leonardo Silva desarma.


40'2º tempo
 |

Luciano no lugar de Giovanni Augusto no Corinthians!


39'2º tempo


Pedro Henrique tenta voltar o jogo para Cássio e erra feio. Cazares aproveita, dribla o goleiro e manda para o fundo das redes!


38'2º teMPO Menino Pedro Henrique jogou bem contra o Botafogo e estava bem no jogo de hoje. Um pecado para ele esse erro no gol

38'2º tempo
gol do atl

37'2º tempo
Lucca tenta toque e erra,



36'2º tempo
Giovanni Augusto recebe no meio e sofre falta.


34'2º tempo
Falta de Lucca no ataque!

32'2º tempo
Linha do futebol americano no gramado ajudou o bandeira no lance que, mesmo assim, não deu impedimento de Marcos Rocha

32'2º tempo
Patric no lugar de Clayton no Galo!


30'2º tempo  Globo mostrou o replay. Marcos Rocha muito impedido. #Corinthians teve ainda um pênalti não marcado no 1º tempo.

30'2º tempo
 | 

Cartão amarelo para Pedro Henrique, do Corinthians!


28'2º tempo Marcos Rocha estava impedido no primeiro lance do gol do Atlético-MG. Jogada irregular

28'2º tempo
Bruno Henrique lança na área, mas Victor fica com a bola.


27'2º tempo


Entra Lucca no lugar de Guilherme no Corinthians!


26'2º tempo
Rodriguinho recebe no ataque, mas perde a bola.

25'2º tempo
Dátolo arrisca na entrada da área e manda por cima do gol.

23'2º tempo
Marcos Rocha cruza pela direita e Fred completa na área, mandando para o fundo das redes!

22'2º tempo  Gol do Galo, Marcos Rocha parece ter recebido em impedimento. Fred também causa dúvida.

22'2º tempo
gol de fred

21'2º tempo Galo chega com perigo, mas já era marcado o impedimento de Clayton!

19'2º tempo
Galo troca passes na zaga.

18'2º tempo
Corinthians tenta o ataque pela direita, mas erra nos passes.

17'2º tempo
Amarelo para Marcos Rocha, do Atlético!

16'2º tempo
Marcos Rocha cruza pela direita e Fágner corta na área.

15'2º tempo
Corinthians tem falta pela direita.
14'2º tempo
Marquinhos Gabriel tenta passe na direita e erra.

12'2º tempo
Giovanni Augusto tenta toque no meio e erra.
11'2º tempo
Marcos Rocha tenta lançamento no ataque, mas manda para fora.

9'2º tempo Dátolo no lugar de Robinho no Atlético!

7'2º tempo Fágner tenta passe no ataque, mas erra.

6'2º tempo Amarelo para Erazo, do Atlético!

4'2º tempo Marquinhos Gabriel cruza pela esquerda e Victor fica com a bola.
3'2º tempoUH! Guilherme arrisca no gol, mas Victor faz boa defesa!

2'2º tempo Leonardo Silva tenta lançamento no ataque, mas pega forte demais.
1'2º tempo Romero tenta passe para Marquinhos Gabriel, mas erra.

0'2º tempo Começa o segundo tempo!

PRIMEIRO TEMPO

46'1º tempo  Romero não rende como centroavante. Perdeu sete bolas e criou pouco. Cristóvão pode colocar Luciano ou testar Guilherme avançado

46'1º tempo   Pelo Corinthians, Pedro Henrique, Vilson e Uendel não erraram um único passe no primeiro tempo. Defesa mostra segurança hoje

46'1º tempo  Corinthians fecha bem o espaço de Cazares, teoricamente o mais móvel do esquema do Galo, que aposta em lançamentos longos

46'1º tempo
Primeiro tempo do #Corinthians melhor do que eu esperava. Destaque para a dupla de zaga: Pedro Henrique e Vilson muito bem.

46'1º tempo Fim de primeiro tempo!

46'1º tempo Fim de primeiro tempo!

45'1º tempo Marquinhos Gabriel cruza pela esquerda, mas não tinha ninguém.

43'1º tempo Cazares avança pela direita, mas é desarmado.
43'1º tempo Cazares avança pela direita, mas é desarmado.

41'1º tempo  A bola bate e volta em Romero, que ajuda na armação, mas tem pouca presença de área

41'1º tempo Romero briga por bola na área, mas perde.

41'1º tempo  Marquinhos Gabriel cobra e Romero manda de cabeça para fora.

40'1º tempo  Rodriguinho tenta o cruzamento pela esquerda e ganha o escanteio.

39'1º tempo  Douglas Santos tenta drible pela esquerda e fica caído após choque com Fágner!

38'1º tempo  Primeiro em chute de Fágner pela direita, depois com Uendel pela esquerda! Salva o goleiro
36'1º tempo Pedro Henrique desvia de cabeça e a bola fica com Victor!
35'1º tempo Mão de Leonardo Silva. Pênalti não marcado para o Corinthians. Erro do árbitro agora é do outro lado

35'1º tempo  Rodriguinho tenta o chute pela esquerda e é bloqueado, ganhando o escanteio.

34'1º tempo  Romero recebe no ataque, mas é desarmado.

33'1º tempo Galo tenta o ataque, mas bola fica com o Cássio!

32'1º tempo  Marquinhos Gabriel tenta avançar, mas é desarmado por Erazo!

31'1º tempo  Robinho muito mal. Se apresenta bastante, é verdade, mas erra passes, fica impedido, perde bolas... Fred também apagado por ora

31'1º tempo  Romero recebe na esquerda, corta para o meio e bate no gol. A bola vai por cima!

30'1º tempo Robinho tenta lançamento no ataque, mas Vilson fica com a bola.

29'1º tempo  Marcos Rocha cruza pela direita e Robinho tenta de cabeça, mas não acerta o gol.

28'1º tempo  Cazares tenta o chute, mas acerta Bruno Henrique.
27'1º tempo  Corinthians com dificuldades de reter a bola no campo de ataque. Precisa errar menos passes para encaixar contra-ataques. Há espaço

27'1º tempo  Romero recebe na direita, mas Leonardo Silva manda para fora.

25'1º tempo Marquinhos Gabriel recebe na esquerda, mas não consegue dominar.

24'1º tempo
 Agora é o impedimento de Douglas Santos!


23'1º tempo
 Impedimento de Giovanni Augusto!
22'1º tempo Fagner e Uendel marcam bem e obstruem as tentativas

22'1º tempo
Uendel cruza pela esquerda, mas a bola fica com Victor!


21'1º tempo
Robinho cruza na área, mas Bruno Henrique corta.

20'1º tempo

Rodriguinho lança Romero no ataque, mas o atacante estava impedido!

19'1º tempo
 Impedimento de Robinho!


18'1º tempo
Galo usa jogada ensaiada e Fred cruza errado.

17'1º tempo
Falta para o Atlético no ataque.

16'1º tempo
Guilherme tenta passe no ataque, mas erra feio.

15'1º tempo
Robinho recebe no ataque e toca errado.

14'1º tempo
Uendel cruza na área, mas a zaga do Galo tira.

13'1º tempo
Falta de Vilson em cima de Fred no meio-campo.
12'1º tempo
Uendel cobra falta pela esquerda e a bola sobra para Guilherme, que arrisca o chute e manda para fora.

11'1º tempo
Cazares tenta o chute, mas acerta a zaga!

10'1º tempo
Giovanni Augusto cruza na área, mas zaga do Atlético corta.

9'1º tempo
Clayton cruza pela direita, mas Cássio fica com a bola.
8'1º tempo
Marquinhos Gabriel vem buscar a bola na zaga e sofre a falta.

7'1º tempo
Mão de Robinho no ataque!

6'1º tempo
Romero tenta o ataque, mas é desarmado.

4'1º tempo
Jogo começa preso no meio.
3'1º tempo
Fred tenta passe no ataque, mas manda para fora.

3'1º tempo
Fred tenta passe no ataque, mas manda para fora.

2'1º tempo
Romero tenta jogada pela esquerda e sofre a falta.

1'1º tempo
Marquinhos Gabriel tenta avançar pela esquerda, mas Marcos Rocha desarma,

0'1º tempo
Começa o jogo!
PRÉ JOGO

21:44Pré-jogo


Jogadores fazem a última reunião no gramado antes de a bola rolar.

21:39Pré-jogo
Times em campo. Hino Nacional sendo executado neste momento.




Alessandro Nunes, gerente de futebol do Timão também falou sobre reforços à Rádio Globo: "O Corinthians está atento. Conversamos com o presidente sobre algumas situações e vamos falar com Cristóvão também para saber se podemos evoluir ou não."

21:17Pré-jogo
FOTOMarquinhos Gabriel se preparando no vestiário do Mineirão para o jogo de logo mais.
Crédito: Daniel Augusto Jr/Ag Corinthians


21:15Pré-jogo
Corinthians está em quarto, com 16 pontos!


Fagner e Bruno Henrique são os corinthianos pendurados.

21:11Pré-jogo


Daqui a pouco tem  Corinthians pelo Brasileirão!
Corinthians escalado

Cristóvão mantém escalação de Fábio Carille. Balbuena (suspenso) dá lugar a Vilson; Giovanni Augusto volta após desconforto na cox

iGalo também escalado: Victor, M. Rocha, Leo Silva, Erazo e D. Santos; R. Carioca, L. Donizete, Cazares, Robinho e Clayton; Fred


Corinthians escalado: Cássio, Fagner, Vilson, Pedro e Uendel; B. Henrique, Rodriguinho, G. Augusto, Guilherme e M. Gabriel; Romero

20:40Pré-jogo


Alessandro Nunes, novo gerente de futebol do Corinthians, concede entrevista à Rádio Globo: "Quero agradecer muito ao presidente Roberto de Andrade pela confiança, decisões dessa grandeza mostram confiança em mim como profissional. O Edu Gaspar saiu (para a CBF) de maneira muito rápida. Espero retribuir essa confiança dando continuidade a um trabalho muito positivo que o Edu vinha fazendo. Vinha nesses dois anos e meio ao lado dele cumprindo uma rotina de trabalho no clube. Primeiro ano foi mais de conhecimento da rotina, reuniões, questões contratuais... Tudo que envolve o departamento de futebol. No segundo já tive mais autonomia, discuti renovações e rescisões contratuais. O Corinthians tem uma estrutura que te dá um suporte absurdo."



20:27Pré-jogo


Corinthians já chegou ao Mineirão. Cristóvão Borges faz mistério quanto a escalação, mas não deve promover mudanças drásticas.


20:23Pré-jogo


No Brasileirão do ano passado, em que Corinthians e Atlético-MG brigaram pelo título, o Timão levou a melhor nos dois confrontos. Ganhou na Arena por 1 a 0 e no campo do america mineiro por 3 a 0.

20:02Pré-jogo


Atlético-MG tem desfalques importantes esta noite. Técnico Marcelo Oliveira não poderá contar com Edcarlos, Mansur, Luan e Lucas Pratto.









FIM DE JOGO atlmin 2x1 CORINTHIANS














#TamoJuntoPedroHenrique

Fim de jogo: Atlético-MG 2 x 1 Corinthians. Na próxima rodada do Brasileirão, o Timão recebe o Santa Cruz na Arena Corinthians neste sábado.
Corinthians ‏@Corinthians

GOL DO CORINTHIANS! Lucca!

Corinthians ‏@Corinthians

atl 2x0 CORINTHIANS
Corinthians ‏@Corinthians

Primeira substituição no #Timão: sai Guilherme, entra Lucca

Atl 1 x 0 CORINTHIANS


Corinthians ‏@Corinthians
Guilherme arrisca de fora da área e dá muito trabalho a Victor. Mas o empate por 0 a 0 persiste. #VaiCorinthians

Corinthians ‏@Corinthians

Começa o segundo tempo no Mineirão. #VaiCorinthians #CAMxCOR

Corinthians ‏@Corinthians
Fim de primeiro tempo no Mineirão. Empate sem gols entre #Corinthians e Atlético-MG. #VaiCorinthians

Corinthians ‏@Corinthians

#Timão no ataque!! Cruzamento perigoso de Fagner e depois chute de Uendel que parou nas mãos de Victor. #VaiCorinthians
Corinthians ‏@Corinthians

UHHH! Rodriguinho invade a área e chuta. A bola desviou na defesa e foi para fora com perigo. #VaiCorinthians

Corinthians ‏@Corinthians
Mais um ataque do #Timão. Romero avança e chuta de fora da área. Bola foi por cima do gol. 0 a 0.  #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians

Mais da metade do primeiro tempo já se passou no Mineirão. Continua empate sem gols. #VaiCorinthians
Corinthians ‏@Corinthians

Primeira finalização do #Timão. Guilherme chuta para fora após confusão na área. 0 a 0 no Mineirão. #VaiCorinthians
Corinthians ‏@Corinthians
O #Timão dá a saída! A bola está rolando no Mineirão! #VaiCorinthians


Marquinhos Gabriel se prepara para o duelo de logo mais contra o Atletico-MG pelo Brasileirão 2016. #VaiCorinthians

Corinthians ‏@Corinthians

#Timão escalado! #VaiCorinthians












CORINTHIANS SUB 20 VENCE POR 1X0 o botafogo rj com gol de Laudier

Corinthians vence Botafogo rj em largada da segunda fase do Brasileiro Sub-20

Com gol de Lauder, aos 25 minutos da segunda etapa, Timãozinho assumiu a liderança do Grupo E


23h00 22/06/2016 - Agência Corinthians

Na noite desta quarta-feira (22), o Corinthians fez a estreia na segunda fase do Campeonato Brasileiro Sub-20. Diante do Botafogo na Arena Barueri, o Timão sub 20 venceu por 1 a 0 e assumiu a liderança do Grupo E,  com três pontos.

O primeiro tempo da partida foi bastante equilibrado, com as duas equipes atacando e buscando o gol. A melhor chance do Alvinegro do Parque São Jorge foi de Guilherme, que aproveitou uma bola rebatida e chutou para o gol. O arremate saiu mascado, e o goleiro do Botafogo fez a defesa.

Na etapa final, o Corinthians anotou o único gol da partida, aos 25 minutos. Lauder aproveitou bola espirrada dentro da área e bateu no canto inferior direito do gol, sem chances de defesa. “Como meu pai sempre diz, na cara do goleiro não é força, é jeito”, descreveu o camisa 7 após o fim do jogo.

Na próxima rodada da competição, o adversário do Corinthians será o atual campeão do Brasileirão Sub-20, o Fluminense. A partida acontecerá na próxima quarta-feira (29), às 15h, no Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro. Antes, no sábado (25), às 15h, na Arena Barueri, o compromisso do meninos do Timão será diante do São José EC, válido pelo Campeonato Paulista da categoria.

Corinthians

Zé Guilherme; Mantuan, Thiago, Del Amore e Carlo; Warian, Dahwan, Lauder (Renan), Rodrigo (Dudu) e Guilherme (Bilu); Carlinhos (Miullen).
Técnico: Dyego Coelho




CORINTHIANS ESCALADO!! 21h15

Cássio, Fagner, Vilson, Pedro Henrique e Uendel; Bruno Henrique, Rodriguinho, Marquinhos Gabriel e Giovanni Augusto; Guilherme e Romero.







Brasileirão Sub-20: Corinthians inicia segunda fase diante do Botafogo
Duelo entre os Alvinegros acontece às 19h30, na Arena Barueri, e a vitória é importante para o Timão buscar vaga nas semifinais

11h00 22/06/2016 - Agência Corinthians

© Agência Corinthians

Nesta quarta-feira (22), o Corinthians estreia na segunda fase do Campeonato Brasileiro Sub-20. Às 19h30, na Arena Barueri, o Timão encara o Botafogo em busca da vitória, fundamental para o bom início nesta etapa da competição.


Na primeira fase, a única derrota do Alvinegro ocorreu justamente contra os cariocas. Contudo, Dyego Coelho, auxiliar do técnico Osmar Loss (ausente, pois está participando de um curso na CBF) e que comandará a equipe logo mais, disse que não há clima de revanche. “É outro momento do campeonato e o que a gente passa para os jogadores é que eles iniciem bem esta fase, independentemente da anterior”, ressaltou.


O Corinthians está no Grupo E, ao lado de Fluminense, Grêmio e do próprio Botafogo. Nesta fase, os times jogam em turno e returno. O primeiro e o segundo colocados avançam à semifinal do Brasileirão. 











Bruno Henrique espera sequência de trabalho no Corinthians com chegada de Cristovão Borges

Volante do Timão afirmou que novo técnico do Corinthians está passando confiança ao grupo para que o elenco faça o melhor dentro de campo


18h50 21/06/2016 - Agência Corinthians






© Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


Nesta terça-feira (21), o Corinthians realizou o último treino antes do duelo contra o Atlético-MG, que acontecerá nesta quarta-feira (22), às 21h45, no Mineirão, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Após o trabalho no CT Dr. Joaquim Grava, o volante Bruno Henrique concedeu entrevista coletiva e comentou o início de trabalho com o novo técnico do Timão, Cristóvão Borges.

“Um cara próximo, centrado, muito bacana. Tivemos dois dias só com ele, mas ele passa confiança ao grupo para fazermos o melhor. Vai continuar o bem estar que temos no clube. Chegou um grande treinador para dar sequência. Vamos entrar nessa filosofia para crescer cada vez mais”, afirmou Bruno.

O camisa 25 do Timão falou sobre a rivalidade que existiu com a equipe mineira em 2015, já que ambos os times duelaram pelo título brasileiro do ano passado, que foi conquistado pelo Timão com três rodadas de antecedência – inclusive com uma vitória do Alvinegro do Parque São Jorge por 3 a 0 em pleno estádio Independência na reta final.

“Ano passado foi diferente aquele jogo, nós e o Atlético-MG brigávamos pelo título naquele momento. Hoje é diferente, mas os dois times vêm criando uma rivalidade legal no campo. Esperamos fazer um grande jogo. Queremos somar em campo”, explicou o volante.












22/06/2016 12h00

Na Seleção sub-20, atacante corinthiano Léo Jabá torce por espaço com Cristóvão no Corinthians
Léo Jabá realiza período de treinos na Granja Comary ao lado do goleiro Filipe. Sem contar com André, novo técnico pode ter de olhar para a base para reforçar o ataque


Por GloboEsporte.com
Léo Jabá torce por chance no Corinthians
(Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com)

A saída de Tite e a chegada de Cristóvão Borges no comando do Corinthians renovou a esperança de vários garotos da base em ter oportunidades entre os profissionais. O novo técnico já pediu reforços, mas pode ter de passar a usar jovens da base diante das lesões do elenco.

Atualmente, a seleção brasileira sub-20 que realiza um período de treinos na Granja Comary conta com dois jogadores do Timão: o goleiro Filipe e o atacante Léo Jabá. O zagueiro Léo Santos, que também havia sido convocado, foi liberado por conta dos desfalques do time profissional na defesa. Ele viajou com o elenco para MG.


Goleador nas categorias de base, Léo Jabá é um dos jogadores mais novos convocados pelo técnico Rogério Micale para o período de testes. Apesar dos 17 anos, ele sonha com voos mais altos dentro do Corinthians. No ano passado, estreou em amistoso diante do ABC, em Natal.

– Estou me sentindo muito bem e creio que estou evoluindo. O próximo passo passa a ser subir ao profissional. É meu grande objetivo e tenho me sentido bem para poder começar a treinar com o elenco. Não digo jogar, pois sei que preciso trabalhar muito ainda. Mas já me sinto preparado para integrar o elenco, elevar meu nível de treinos e conhecer a nova comissão – disse o jovem.

Sem André, que operou uma hérnia inguinal e para por 30 dias, Cristóvão Borges vai escalar Romero diante do Atlético-MG, nesta quarta, às 21h45, pelo Brasileirão. A outra opção para a função é Luciano, que ainda não conseguiu desencantar na temporada.








22/06/2016 13h12
Corinthians 3x0 em bh deixou time perto do título em 2015; relembre
Malcom, Vagner Love e Lucca fizeram os gols da vitória por 3 a 0 sobre Atlético-MG, no Horto. Daquele time titular, oito jogadores tiveram propostas irrecusáveis e foram negociados


Por GloboEsporte.com

Uma partida contra o Atl-MG em especial dificilmente vai sair da memória da torcida do Corinthians. Com uma atuação magnífica, o Timão venceu o Galo impiedosamente por 3 a 0, no estádio Independência, dia 1 de novembro de 2015, e colocou uma das mãos na taça do Campeonato Brasileiro.

Malcom, Vagner Love e Lucca fizeram os gols que deixaram o Corinthians com 73 pontos, 11 acima do Atl-MG, restando cinco rodadas para o término da competição. Era a confirmação do grande momento alvinegro.


Do time titular do Timão que entrou em campo naquela ocasião, oito jogadores já foram embora: Edilson, Felipe, Gil, Ralf, Jadson, Renato Augusto, Malcom e Vagner Love.

Malcom e Vagner Love anotaram gols para Corinth
ians 3x0 atl-MG (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)






















Atacante Rildo diz que volta melhor ao Timão e sonha em ter contrato renovado

Jogador pode voltar a atuar depois de quase dez meses. Com vínculo com o Corinthians até dezembro, atacante espera por chance, agradece torcida e conta detalhes da recuperação

Rildo não atua desde setembro do ano passado

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians


Há 282 dias Rildo não atua em uma partida oficial. Desde 13 de setembro de 2015, o jogador teve três problemas clínicos diferentes, passou por duas cirurgias e fez inúmeras sessões de fisioterapia. Mas ele não quer olhar o passado. Com mais seis meses de contrato com o Corinthians, o atacante mira o futuro, espera a chance de voltar a jogar e sonha em mostrar trabalho e seguir no clube em 2017.

Plenamente recuperado de luxação no ombro e de fratura no pé esquerdo, ele foi relacionado para o duelo contra o Botafogo, domingo, e ficará na reserva do Timão esta noite, contra o Atlético-MG.

– Eu acredito no trabalho. Tenho seis meses para mostrar meu valor. Joguei 13 jogos ano passado pelo Corinthians. Se for ver os minutos, não deu nem três partidas completas. E mesmo assim consegui a minha oportunidade como titular. vou trabalhar firme e forte. Agora depende de mim, tenho certeza que vou ter oportunidade, cabe a mim aproveitá-la – afirmou

O jogador, que diz não ter rancor de Edílson, responsável por machucá-lo em treino, tenta aproveitar a troca de comando da equipe e os vários desfalques que têm o novo técnico alvinegro, Cristóvão Borges. Na noite desta quarta, em Minas, serão nove baixas.

Ansioso pela volta aos campos, o camisa 31, de 27 anos, agradece ao apoio que recebeu da Fiel no período mais difícil da sua carreira.

– Quando saio na rua o pessoal fala para eu voltar logo e ajudar o Corinthians. Sou muito grato à torcida. Joguei 13 jogos, mas foram os mais felizes da minha vida. Independentemente de ser fora ou em casa, a torcida compareceu e incentivou. Quero agradecer e falar que vou voltar mais forte, melhor que antes. As dificuldades me deram incentivo!

Confira a entrevista exclusiva com Rildo:

Como você está se sentindo?
"Não vejo a hora de poder ajudar o Corinthians de novo"

Voltei a trabalhar com bola semana passada, estou apto a jogar. Não atuo há dez meses, mas sempre vou ao estádio ver as partidas. Não vejo a hora de poder ajudar o Corinthians de novo.

Qual foi o momento mais difícil nestes quase dez meses fora?
Foi o jogo contra o Joinville, pois tinha conseguido minha oportunidade como titular e em dois minutos e meio tudo aquilo foi por água abaixo. Mas nunca desisti, sempre trabalhei forte com o apoio dos companheiros e do Tite, que conversava comigo para eu ter fé... Foi difícil para mim, todo mundo viu que eu estava entrando bem nos jogos, mas quando virei titular, logo machuquei e tive que operar. Depois passei por mais cirurgias por conta da infecção (no ombro esquerdo), mas nunca desisti, trabalhei firme, não faltei nas sessões de fisioterapia, fazia dois períodos e às vezes até de domingo. Estou voltando, estou feliz.
"Cheguei em final de campeonato em todos os times que passei, mas nunca tinha ganhado título"

Houve algum momento feliz?
O momento mais bacana, mesmo não estando em campo, foi o jogo contra o Vasco, quando fomos campeões brasileiros. Cheguei em final de campeonato em todos os times que passei, mas nunca tinha ganhado título. Fui duas vezes vice com o Vitória, vice paulista com o Santos, vice da Sul-Americana com a Ponte, vice da A3 com a Ferroviária... Então o momento mais gratificante foi aquele dia em que fomos campeões brasileiros.

Tirou algum aprendizado desse período?
Todo mundo passa por momentos difíceis, e essas duas lesões foram consecutivas... Mas temos que tirar lições desses lados negativos e aprender a dar valor às mínimas coisas, como cada dia treinamento, cada hora no clube sem lesão. A gente tem que ver esse lado.

Você acha que foi só azar ou tem alguma outra explicação para os problemas?
O pessoal brinca que tenho que ir para Aparecida (no Santuário de Nossa Senhora), fala que é azar... Toda segunda-feira eu vou na igreja, na Comunidade da Graça, no Carrão. Acredito em Deus, faço minhas orações, e tenho fé que vou dar a volta por cima quando estiver à disposição.

Como foi sua rotina neste tempo sem jogar?
Quando a gente está treinando dificilmente trabalha em dois períodos. Na fisioterapia, não, são dois períodos todo dia, é bastante cansativo. Você chega 8h, sai quase meio-dia. Vai para casa, almoça, e 14h volta e fica até o fim da tarde. Você fica praticamente o dia todo no clube. Mas isso é para melhora. Graças a Deus estou bem, agora é esperar minha oportunidade.

"Tenho certeza que todo mundo terá a sua chance. Cabe a mim aproveitar quando tiver minha oportunidade."

Quando se machucou, você era titular. Acha que dá para retomar a vaga?
Tenho na cabeça que quero ficar à disposição do Cristóvão. Tem jogadores de qualidade, a concorrência é grande, mas o Corinthians só tem a ganhar. Tenho certeza que todo mundo terá a sua chance. Cabe a mim aproveitar quando tiver minha oportunidade.

Ficou com alguma mágoa do Edílson, que te machucou?
O Edílson é parceiro, não teve maldade, aquilo acontece. Todos estamos sujeitos. Infelizmente em 2014 eu tive uma dividida com o Vanderlei, goleiro do Santos, e acabei o machucando. Todo mundo conhece o meu caráter e sabe que não fiz isso na maldade, até fui no hospital visitá-lo. Isso é do futebol. Como machuquei o Vanderlei, o Edílson me machucou. Ele me ligou, pediu desculpa. Confio no caráter dele, sei que não foi na maldade.

Acha que o Corinthians é favorito ao título brasileiro?
Acho que o Corinthians briga por título em todos os campeonatos que entra. Estamos no G4, mas temos jogos muito difíceis. Saíram jogadores de qualidade, chegaram outros... Estamos trabalhando com humildade, mas tenho certeza que, com pés nos chão, temos tudo para chegar no final e sermos campeões de novo.

22/06/2016 10h05

Amadurecido no Corinthians, Giovanni Augusto ganhou moral com Tite e será mantido por Cristóvão


Por Marcelo Braga

Giovanni Augusto volta a BH em alta
(Foto: Daniel Augusto Jr)
 Giovanni Augusto chegou ao Corinthians em janeiro. O meio-campista de 26 anos decidiu aceitar a proposta corintiana or questões pessoais. O jogador e sua família não desejavam mais viver em Belo Horizonte.


–  um problema particular que tive em Belo Horizonte pesou para que eu fechasse com o Corinthians – disse ele, na ocasião

– O problema é em Belo Horizonte. Não vai me atrapalhar em outra equipe. Não foi no Atlético-MG, foi na cidade – afirmou, na chegada ao CT Joaquim Grava.

Nesta quarta-feira, no seu primeiro reencontro com o ex clube, às 21h45 (de Brasília), no Mineirão, pela 10ª rodada do Brasileirão, o jogador retorna à capital mineira bastante amadurecido.

Na capital paulista ao lado da esposa Izabel Kullamp e do filho Vittorio, vive momento muito mais família. Natural de Belém, ele já admitiu por diversas vezes que abusou das baladas quando surgiu no Galo em 2010. Emprestado a vários clubes, só estourou no Figueirense, em 2014.

Com Tite no Corinthians, Giovanni Augusto acumulou 25 jogos e quatro gols. Titular no Brasileirão, formando a linha criativa do 4-2-3-1 com Guilherme, centralizado, e Marquinhos Gabriel, no lado oposto, tem mostrado muita movimentação. Escalado na maioria das vezes pelo lado direito, mostra bom entrosamento com o lateral Fagner – seu vizinho de prédio.

Os gols na competição, porém, ainda são poucos. Fez só o da vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre s7os. Mantém média de 1,25 finalização por partida, após oito jogos disputados.


Desfalque na vitória do Corinthians por 3 a 1 contra o Botafogo, domingo, em casa, na Arena Corinthians, quando deu lugar a Lucca horas antes do jogo, ele se recuperou de dores musculares e treinou sem limitações na terça. A tendência é que seja mantido como desafogo da equipe, hoje comandada por Cristóvão Borges.









22/06/2016 07h30

Cristóvão Borges mantém legado de Tite em estreia pelo Corinthians
Novo técnico do Timão quer transição lenta, sem sustos, para novo trabalho


Por Diego Ribeiro


Cristóvão assume o Timão em situação tranquila (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Acostumado a assumir o comando de clubes em má fase, o técnico Cristóvão Borges encontra cenário diferente em sua estreia pelo Corinthians, nesta quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), contra o Atlético-MG, no Mineirão, pela 10ª rodada do Brasileirão.


Com um time montado e uma ideia de jogo trabalhada por Tite há um ano e meio, o novo comandante tem como objetivo inicial manter boa parte do legado do colega, que só deixou o Corinthians porque aceitou convite da CBF para dirigir a seleção brasileira.

Por isso, o primeiro jogo de Cristóvão no Timão terá muito de Tite. As únicas duas mudanças previstas são a entrada de Vilson no lugar de Balbuena, suspenso, e a volta de Giovanni Augusto depois de se recuperar de lesão muscular. A estrutura tática, inclusive, deve ser a mesma das últimas partidas.

Cristóvão tem mentalidade ofensiva e já estava acostumado a trabalhar com times que jogam no 4-2-3-1, tal qual o Corinthians passou a fazer no Campeonato Brasileiro. Ele quer colocar suas ideias no time, mas aos poucos, sem deixar os jogadores perderem características e movimentos que aprenderam durante o período de Tite.

Cristóvão quer que a gente se solte em campo, está passando confiança. Esperamos crescer muito com ele"
Bruno Henrique, volante do Corinthians


Bruno Henrique, por exemplo, será peça-chave no novo esquema. Autor de dois gols na vitória por 3 a 1 sobre o Botafogo, neste domingo, ele vai continuar com liberdade para subir ao ataque e se infiltrar na área adversária. Mesmo jogando como primeiro volante – Rodriguinho, mais uma vez, vai atuar ao seu lado no meio-campo.


– Tivemos pouco tempo, mas ele (Cristóvão) quer que a gente jogue solto no campo. Aqui tem muita pressão, mas ele quer que a gente se solte em campo, está passando confiança. Esperamos crescer muito com ele – elogiou Bruno Henrique.

O sistema defensivo ficará mais forte quando Cristóvão tiver elenco completo à disposição – nesta quarta, ele não terá os titulares Balbuena e Yago. A maior preocupação é com o setor ofensivo, com quem joga mais perto do gol adversário.

O trio de meias formado por Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto tem funcionado bem, mas a posição mais avançada do ataque será alvo de testes. Romero e Luciano são os nomes da vez, enquanto André se recupera de uma cirurgia de hérnia.

Cristóvão pediu reforços para o elenco e, tal qual Tite, tem um centroavante como prioridade. Com a abertura da janela internacional, as opções aumentam. Aos poucos, o novo técnico vai tentar dar sua cara ao Corinthians, mas sem deixar de lado o legado de seu antecessor.


Veja as informações do Corinthians para o jogo desta quarta:
Próximo adversário: Atl-MG
Local: Mineirão, Belo Horizonte
Data e horário: quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília)
Escalação provável: Cássio, Fagner, Vilson, Pedro Henrique e Uendel; Bruno Henrique, Rodriguinho, Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel; Romero
Desfalques: Matheus Vidotto, Balbuena, Walter, Yago, André, Bruno Paulo, Cristian, Danilo e Elias
Pendurados: Bruno Henrique e Fagner
Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO), Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Transmissão: TV Globo para MG (menos Belo Horizonte), SP (menos Santos), RS, SC, PR, ES, GO, TO, MS, MT, BA, SE, AL, PE, CE, MA, PA (menos Santarém) (com Cleber Machado, Casagrande e Leonardo Gaciba) e Premiere (com Rogério Corrêa e Bob Faria)
Tempo real: no GloboEsporte.com, a partir das 20h30














Timão, atual campeão, estreia Cristóvão contra atlmin, atual vice, em Belo Horizonte

Gustavo Aleixo e Tomás Rosolino -


22/06/2016 08:45:06 — 22/06/2016 08:48:38

Cristovão terá sua primeira missão no banco de reservas do Corinthians (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

O Corinthians passou por uma semana histórica e agora começa a viver os primeiros passos da era Cristóvão Borges no comando da equipe. Nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), o Corinthians encara o Atl-MG, no estádio do Mineirão, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, em duelo que marca a estreia do comandante pelo clube do Parque São Jorge.

Apresentado na segunda-feira e com apenas dois dias de trabalho, o comandante já deixou claro que fará o mínimo de mudanças até ter tempo de treinamento com os atletas. “Não dá para fazer muitas mudanças, praticamente não treinaremos nos próximos dias. É uma situação que temos de nos adaptar rapidamente”, apontou o treinador.

O problema para Cristóvão é que, além de novato, ele terá de encarar uma incomum sequência de lesões no elenco. No total, são oito desfalques, incluindo os titulares Walter, Yago, Cristian e Elias, todos contundidos. Balbuena, outro que tem vaga na equipe, terá de cumprir suspensão por causa do terceiro cartão amarelo, levado na vitória do Corinthians sobre o Botafogo.

A boa notícia fica por conta da presença do goleiro Cássio, recuperado de uma sinusite que o tirou de combate no intervalo do jogo contra os cariocas, e o meia Giovanni Augusto, 100% após perder o embate em Itaquera devido a um desconforto muscular na perna direita. Vilson, fora há quatro jogos, também retorna e formará dupla defensiva com o jovem Pedro Henrique.
.

FICHA TÉCNICA
atlmin X CORINTHIANS
brasileiro 10ª rodada
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 22 de junho de 2016, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Fabrício Carlos Vilarinho (Fifa-GO) e Ivan Carlos Bohn (PR)
atlmin: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso (Rafael Carioca) e Cazares; Clayton, Fred e Robinho Técnico: Marcelo Oliveira

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Vilson e Uendel; Bruno Henrique, Rodriguinho, Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel; Romero
Técnico: Cristóvão Borges






Na estreia do técnico Cristovão Borges, Corinthians enfrenta Atl-MG fora de casa


Com novo comandante, Timão reencontra a equipe que foi a principal adversária na disputa pelo título do Brasileirão 2015, que acabou com o hexacampeonato brasileiro do Alvinegro do Parque São Jorge



10h00 22/06/2016 - Agência Corinthians


Sob novo comando, agora do técnico Cristovão Borges, o Corinthians enfrenta o Atlético-MG fora de casa, no Mineirão, em Belo Horizonte-MG, nesta quarta-feira (22), às 21h45, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016. Uma vitória manterá o Timão no G4 e pode levar a equipe alvinegra ao segundo lugar, dependendo dos resultados da rodada.


Depois da ida de Tite para a Seleção Brasileira, o Timão fez dois jogos com Fabio Carille no comando da equipe -- derrota para o Fluminense por 1 a 0 e vitória sobre o Botafogo por 3 a 1. Agora, terá a estreia de Cristovão Borges, que fechou grande parte do último treino no CT Dr. Joaquim Grava antes da partida e não deu nenhuma pista da equipe titular que enfrentará o Atlético-MG.


Autor de dois gols na vitória sobre o Botafogo, Bruno Henrique falou sobre o início de trabalho de Cristovão. "Ele quer que a gente jogue solto no campo. Aqui tem muita pressão, mas ele quer que a gente se solte em campo, está passando confiança. Esperamos crescer muito com ele", afirmou o volante.


Na lista de relacionados que viajaram para Belo Horizonte, duas novidades: Vilson e Giovanni Augusto. O zagueiro esteve afastado dos últimos jogos por conta de um edema na coxa direita. Já o meia foi desfalque de última hora contra o Botafogo devido a um desconforto muscular também na coxa direita. Ambos os jogadores serão opção para Cristovão Borges.


Ainda assim, Cristovão Borges não terá alguns jogadores à disposição na estreia. São os casos dos goleiros Walter e Matheus Vidotto, o zagueiro Yago, os volantes Cristian e Elias, o meia Danilo e o atacante André, todos lesionados, e o zagueiro Balbuena, suspenso.


No retrospecto histórico contra o Atlético-MG, a vantagem é corinthiana. Em 93 partidas disputadas entre as equipes, o Corinthians venceu 38, empatou 25 e perdeu 30, com 136 gols marcados e 120 sofridos.


Em 2015, os times alvinegros protagonizaram a principal disputa pelo título brasileiro. Na reta final, as equipes se cruzaram em um duelo que praticamente definiu o futuro do Brasileirão. Jogando fora de casa, no estádio Independência, o Timão venceu o clube mineiro por 3 a 0 e deu um passo decisivo para posteriormente conquistar o hexacampeonato brasileiro.


Lista de relacionados para o jogo contra o Atlético-MG


Goleiros: Cássio (12) e Caique França (40)

Laterais: Uendel (6), Guilherme Arana (13), Fagner (23) e Léo Príncipe (32)
Zagueiros: Leo Santos (14), Vilson (15) e Pedro Henrique (34)
Volantes: Willians (5), Maycon (22), Bruno Henrique (25) e Camacho (29)
Meias: Marlone (8), Guilherme (10), Giovanni Augusto (17), Rodriguinho (26) e Marquinhos Gabriel (31)
Atacantes: Romero (11), Luciano (18), Rildo (19) e Lucca (30)










Corinthians realiza oficina de desenhos para associados nas férias de julho


Com vagas limitadas, Departamento Cultural oferecerá oficina de desenhos sobre o Timão



17h40 21/06/2016 - Agência Corinthians






Aproveitando o período de férias escolares neste mês de julho, o Corinthians oferecerá aos associados (entre 6 e 12 anos) aulas de desenhos na Oficina Corinthiarte. Nesta edição especial, o Corinthiarte irá propor aos alunos desenharem os principais troféus conquistados pelo Timão. As inscrições são limitadas para associados alvinegros e devem ser enviadas para o e-mail cultural@sccorinthians.com.br, com nome e número de carteirinha.


As atividades serão ministradas nas quartas-feiras de julho (dias 06, 13, 20 e 27), às 14h. Para mais informações sobre o curso, entre em contato pelo telefone (11) 2095-3000 – ramal 3083.


O projeto, que consiste no aprendizado e formação intelectual de crianças e jovens, empregando a temática de arte multidisciplinar. O Sport Club Corinthians Paulista busca discutir questões e realizar atividades pedagógicas de arte, educando e contribuindo para a formação de uma nova geração consciente e participativa socialmente.


A Oficina Corinthiarte, que começou em 2012, tem como plano de trabalho a apresentação do livros Corinthiarte aos educandos, seguindo-se o debate sobre a história apresentada, à construção coletiva e participativa através da escrita e do desenho.









Corinthians recebe, mas ctb ainda lhe deve
O Corinthians recebeu R$ 189.867,04 do coritiba após ganhar na Justiça uma cobrança antiga junto ao Coritiba pela contratação de Éverton Ribeiro.
No entanto, a diretoria corintiana alega que o valor pago pelo Coritiba considerou apenas o débito existente no mês da distribuição da ação, isto é, maio de 2015. Ou seja, sem a correção monetária do período. Assim, pelas contas alvinegras, faltam R$ 24.921,28.
























Hoje é dia de Corinthians! Bom dia, Fiel! #VaiCorinthians


Mais


Corinthians ‏@Corinthians