15 de jun de 2016

CORINTHIANS 15/06/2016


Corinthians joga contra flu em campo neutro
O Corinthians joga contra o Fluminense, às 20 horas (de Brasília) desta quinta-feira, no Mané Garrincha, o time passará a ser interinamente comandado por Fábio Carille.


“Existe a situação do Tite, mas estamos nos preparando para enfrentar o Fluminense”, priorizou o zagueiro paraguaio Fabián Balbuena, Precisamos da vitória”, disse

De volta da seleção paraguaia, Balbuena será uma das novidades do Corinthians para o compromisso do meio de semana. Ele herdará a vaga de Felipe, vendido ao Porto, de Portugal. O meio-campista Elias também estará de volta. Ficará com o lugar de Cristian, suspenso e com lesão muscular na coxa esquerda.

Essa formação precisa, de fato, preocupar-se mais com o Fluminense do que com o futuro profissional de Tite, como orientou Balbuena. O Corinthians com 13 pontos ganhos busca a reabilitação para se manter perto ou até já ser líder de novo

FICHA TÉCNICA
flu X CORINTHIANS
brasileirao 2016 8ª rodada
Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 15 de junho de 2016, quinta-feira
Horário: 20 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Pablo Almeida da Costa (MG)

flu: Diego Cavalieri; Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Edson, Douglas, Cícero e Gustavo Scarpa; Marcos Junior e Richarlison Técnico: Levir Culpi

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Balbuena, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano Técnico: Fábio Carille













15/06/2016 22h48
Corinthians chega com festa a Brasília;
Cerca de 100 alvinegros recepcionam elenco na cidade de jogo contra o Fluminense, nesta quinta. 
Por Fred Huber
O agitado dia do Corinthians terminou com o desembarque em Brasília na noite desta quarta-feira, palco do jogo desta quinta contra o Fluminense, às 20h, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Por volta das 22h, o elenco alvinegro chegou à cidade. A torcida fez festa, mas perguntou por alguém que não é mais funcionário do clube.
Cerca de 100 torcedores foram ao aeroporto recepcionar o time. Horas mais cedo, Tite confirmou seu desligamento do Corinthians para assumir o comando da seleção brasileira. Quem treina a equipe nesta quinta é o auxiliar Fábio Carille.
Corinthians chega a Brasília com festa da torcida; muitos perguntam pela presença de Tite (Foto: Fred Huber)
CORINTHIANS EM BRASILIA 23H












Corinthians amanhã contra flumin. em Brasília terá: Walter, Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique e Elias; Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gariel; Luciano. sob comando de Fábio Carille #trsccp





FOTOS DEPEDIDA DE TITE NO CORINTHIANS:







































15/06/2016 18h30
Presidente do Corinthians veta Mano e não descarta Diniz ou estrangeiro
Roberto de Andrade adota discurso duro quando perguntando sobre possível retorno de Mano: "Não vem trabalhar comigo aqui, não quero, não é o perfil que eu gosto
Por GloboEsporte.com


Com a saída de Tite para a seleção brasileira, o Corinthians parte agora atrás de um novo técnico. Contra o Fluminense, em Brasília, nesta quinta-feira, o time será comandado pelo auxiliar, Fabio Carille.
Na entrevista coletiva em que anunciou a saída de Tite, o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, disparou contra a CBF, inclusive com palavrões.
O dirigente já confirmou que o ex-lateral Alessandro herdará o posto de gerente de futebol, que vinha sendo ocupado por Edu Gaspar, que também foi para a CBF. Sobre o perfil do novo técnico, descartou, logo de cara, a possibilidade de retorno de Mano Menezes.
– Mano Menezes não vem trabalhar comigo aqui, não quero, não é o perfil que eu gosto – disse Roberto de Andrade.
– Respeito o Mano, foi vencedor no Corinthians, mas quero novidade, quero outras coisas – completou.
O presidente disse achar "difícil" a possibilidade de efetivar o auxiliar Fabio Carille. Alguns nomes já foram especulados no clube, como Eduardo Baptista, Abel Braga e Oswaldo de Oliveira.
– Não fala em nomes que vocês vão pegar todos os nomes e vão fazer relação. Não tem nome ainda, perfil, pessoal está indo viajar, precisamos dos três pontos, não vamos especular nomes de treinador. Vou falar que todos são bons – disse o presidente, que demonstra gosto especial por Eduardo Baptista.
– Excelente nome, gostamos muito.
Questionado sobre a possibilidade de contratar um treinador estrangeiro, Roberto respondeu:
– Não é a língua que vai definir, tudo pode. Vamos trazer por competência.
– Fernando Diniz é um grande nome também, vamos avaliar. Não tenho medo, é um treinador como outro qualquer. Se ninguém der oportunidade a um treinador jovem, como será.






Com Alessandro promovido a gerente, Timão descarta Mano e cogita Diniz

Presidente do Corinthians diz que ex-lateral será novo gerente de futebol, na vaga de Edu Gaspar, que vai à CBF. Questionado sobre três nomes, Roberto nega apenas o de Mano














Alessandro ajudará na escolha do novo treinador do Corinthians no lugar de Tite (Foto: Eduardo Viana/ LANCE!Press)
Bruno Cassucci e Gabriel Carneiro
15/06/2016
18:25


A saída de Tite deixará importantes lacunas no Corinthians para o restante da temporada. Além do treinador, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) também contratou dois auxiliares, Cléber Xavier e Matheus Bachi, e o gerente de futebol Edu Gaspar, que desempenhará função diretiva na Seleção Brasileira. Sem definição a respeito do substituto de Tite no comando técnico, o Timão já escolheu ao menos seu novo dirigente: Alessandro, ex-lateral direito campeão mundial pelo clube e que trabalhava como coordenador técnico do próprio Corinthians desde que pendurou as chuteiras.

Com Alessandro na gerência de futebol, a diretoria do Corinthians passa a mapear o mercado em busca de um substituto para Tite. Roberto de Andrade, presidente do clube, foi questionado a respeito de três nomes na entrevista coletiva em que confirmou a saída de Tite para a Seleção Brasileira: Mano Menezes, Oswaldo de Oliveira e Fernando Diniz. A resposta mais firme foi sobre o primeiro profissional, que já passou pelo Corinthians entre 2008 e 2010 e 2014.

- Mano Menezes não vem trabalhar comigo aqui. Não gostaria, não quero, não é o perfil que gosto. Não dá em duas horas para eu definir perfil e treinador. Pessoal está indo viajar, temos um jogo importantíssimo amanhã (quinta-feira, contra o Fluminense), então não vamos especular, porque todos os nomes vou falar que gosto. Só não quero o Mano, quero novidade, quero outras coisas - argumentou o mandatário, definitivo a respeito do nome do ex-treinador da Seleção, hoje desempregado após a demissão do Shandong Luneng, da China.

Roberto de Andrade, conforme o LANCE! informou, admitiu um apreço pessoal pelo nome de Oswaldo de Oliveira, atualmente no comando do Sport. Ele disse, porém, que simpatiza "com um monte de gente, mas isso não quer dizer nada". A respeito de Fernando Diniz, técnico que eliminou o Corinthians do Paulistão no comando do Osasco Audax, o presidente mostrou um olhar positivo.

- Fernando Diniz é um grande nome, vamos avaliar. É um trabalhador como outro qualquer. Se ninguém der uma oportunidade a um treinador jovem quando ele vai ser um grande treinador? - questionou.

- Não deu tempo de pensar em novo técnico, estou mastigando a notícia. Quero colocar a cabeça no lugar. Perfil do Corinthians não é alternar treinador por qualquer resultado, então a escolha fica ainda mais difícil. Vamos tentar chegar muito próximos, para ter treinador por tempo grande - disse o presidente do Corinthians.

Enquanto não anuncia o nome do novo comandante, o Corinthians será dirigido interinamente por Fábio Carille, funcionário da comissão técnica permanente do clube. Ele já trabalha nesta quinta-feira, contra o Fluminense, na oitava rodada do Brasileirão.













Roberto de Andrade confirma saída de Tite do Corinthians para a Seleção Brasileira
Presidente do Corinthians informou que o treinador aceitou o convite da CBF e fez o seu último treino pelo Timão nesta quarta-feira (15 de junho)

Na tarde desta quarta-feira (15 de junho), o presidente do Corinthians Roberto de Andrade, enfim, colocou um ponto final nas especulações sobre a ida ou não de Tite para a Seleção Brasileira. O mandatário confirmou que o treinador recebeu o convite da CBF, informou a diretoria alvinegra e assumirá o time canarinho. O comandante contra o Fluminense, na quinta-feira, já será Fábio Carille, auxiliar efetivo do Timão.

Junto com Tite, vão para a Seleção Brasileira os auxiliares Cléber Xavier e Matheus Bacchi, além do gerente de futebol Edu Gaspar. Com isso, Alessandro, que era coordenador, assumirá a gerência.

Em seu comunicado, o presidente do Timão reclamou da forma como a CBF abordou o então treinador do clube. Segundo o mandatário, o Alvinegro só foi avisado pela entidade depois do convite já feito e aceito.

"Estou p*** com a CBF devido à maneira como eles vieram tirar o Tite daqui. Eu só fui comunicado depois de toda a reunião que eles tiveram com o Tite. O Tite merece a Seleção, mas a Seleção não merece o Tite. Eu graças a Deus, não preciso da CBF para nada, comigo eles não contam mais", disse Roberto de Andrade.


O dirigente também informou que o Timão ainda não procura um novo treinador, mas começará a busca a partir da despedida do seu técnico. "Fomos surpreendidos com a notícia que o Tite ia embora, então ainda não tivemos tempo de fazer qualquer tipo de contato ou pensamento. A vontade é que no domingo eu tenha um treinador novo, mas não dá para garantir isso".

Roberto de Andrade, entretanto, já descartou Mano Menezes, treinador que, segundo o mandatário, não se encaixa no perfil visto como adequado pela diretoria para a realidade do clube. Já um comandante estrangeiro é possível. "Não é a língua que vai determinar quem vai comandar o Corinthians, mas a competência".

No Timão, ao todo, Tite ficou praticamente oito anos à frente do clube, dividido entre três passagens. A primeira delas foi entre 2004 e 2005, quando o treinador não obteve muito sucesso. A segunda, a mais longa, foi de 2010 a 2013, quando o Timão viveu uma de suas fases mais vitoriosas de toda a história, quando a equipe conquistou, além de outras taças, a Libertadores e o Mundial de Clubes em 2012. O comandante ergueu também dois Campeonatos Brasileiros (2011 e 2015), Recopa Sul-Americana e Campeonato Paulista (2013). A terceira aconteceu entre 2015 e este ano, quando recebeu o convite da CBF.














Presidente do Timão se diz p... com a CBF e detona: 'Agem sorrateiramente'

Presidente do Corinthians ficou irado com postura da entidade que comanda o futebol brasileiro na contratação de Tite. Mandatário diz que está rompido com a confederação

Roberto de Andrade, presidente do Corinthians, nesta quarta

(Foto: Bruno Cassucci)













A ida de Tite para a Seleção Brasileira tirou do sério o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade. Irritado com a postura da Confederação Brasileira de Futebol, que segundo ele agiu sorrateiramente, o mandatário alvinegro disse estar "p..." e falou em ruptura com a entidade que comanda o futebol brasileiro.

O dirigente reforçou não estar incomodado com a postura do treinador, mas disparou contra a CBF em diversos momentos de sua entrevista coletiva

- Não me pergunte nada da CBF, eu não quero saber nada em relação à CBF. Estou p... com a CBF para falar a verdade. Não recebi um telefonema, esse é o respeito que a CBF tem pelos clubes. O Corinthians merecia um pouco mais de respeito. O Tite para mim merece Seleção Brasileira, mas a Seleção não merece o Tite, a CBF não está acostumada a lidar com gente com ética, pela forma sorrateira com que tiraram o Tite - declarou Roberto de Andrade.
- Se eles agissem de outra forma eu não iria mudar o final da história. Todos na vida trabalhamos para alguém, não sou eu que vou mudar o destino. Se eles querem respeito, e não falo porque é o Corinthians. É o mínimo que um presidente da CBF tem que fazer, mas eles agem sorrateiramente e eu não admito isso. Não preciso da CBF para nada, e espero continuar não precisando. Para que eu preciso da CBF? Eu não preciso dele para nada. Quero o Corinthians forte e respeito ao Corinthians. E foi o que faltou bastante. Mas não temo nada. Vão por juiz para apitar contra? Aí tem que fazer revolução, entrar lá e derrubar tudo - completou.

Roberto de Andrade rechaçou não ceder mais jogadores à Seleção, pois disse ser impossível e que isto seria uma forma de punição aos atletas, não à CBF. O presidente ainda falou que não se arrepende de ter votado em Coronel Nunes para a vice-presidência da CBF.



- Meu voto não ter sido no Coronel Nunes não ia mudar nada, nem lá eu fui. Foi voto na Federação - falou o cartola.

Por mais de uma vez Roberto de Andrade falou que torce para que Tite tenha sucesso, apesar de sua ira com a CBF:

- Eu espero que o Tite não se arrependa, mas vamos aguardar para ver. Quando o Felipão foi para a Seleção todos queriam e foi um fiasco. Agora todos querem Tite, mas vamos torcer para não ser assim.



Segundo técnico que mais comandou o Corinthians, Tite deixa clube com melhor campanha desde 2010

Presidente do clube anunciou nesta quarta-feira que treinador substituirá Dunga à frente da Seleção Brasileira, e que encerrou terceira passagem pelo time do Parque São Jorge


Cinco fatos de Tite no Corinthians

15/06/2016 17h58

Contratado pela Seleção Brasileira, o técnico Tite encerra passagem pelo Corinthians com números bastante positivos. Ele participou de seis títulos do Corinthians– dentre eles a inédita Libertadores da América, em 2012 – após 378 jogos à frente da equipe, somando as três passagens pelo Parque São Jorge (2004-2005, 2010-2013 e 2015-2016). Nesse período: 196 vitórias, 110 empates e 72 derrotas.


Curiosamente, desde que iniciou sua passagem vitoriosa pelo time, em 2010, Tite deixa o Timão no ano em que registrou uma das melhores campanhas no clube. Em 32 partidas nesta temporada, o treinador teve aproveitamento de 69,79% (20 vitórias, sete empates e cinco derrotas). O desempenho fica atrás justamente do realizado há seis anos. Na ocasião, o técnico teve 75%, mas comandou a equipe em apenas oito partidas.


Vale destacar que Tite é o segundo treinador com mais jogos na equipe, atrás somente de Oswaldo Brandão, que comandou o Alvinegro 435 vezes e conquistou o histórico Campeonato Paulista de 1977, encerrando um jejum de 22 anos sem títulos do time do Parque São Jorge.

No Corinthians, ajudou o time a ser campeão Brasileiro (2011 e 2015), a Libertadores da América e o Mundial de Clubes em 2012, e o Campeonato Paulista e a Recopa Sul-Americana de 2013.


Na Seleção, o treinador terá como desafio a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Atualmente, o Brasil é sexto colocado na disputa.











15/06/2016 18h07

Presidente do Timão anuncia saída de Tite do Corinthians para a Seleção Brasileira e dispara: "Estou puto com a CBF"

Dirigente reclama por não ter sido procurado pela entidade para tratar sobre interesse na contratação do treinador corintiano. Fábio Carille dirige equipe

Por Diego Ribeiro

Muito irritado, o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, anunciou em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, nesta quarta-feira à tarde, que o técnico Tite vai dirigir a seleção brasileira. Também deixam o Timão para trabalhar na CBF o gerente de futebol Edu Gaspar e os auxiliares Cleber Xavier e Matheus Bachi, filho do treinador. Alessandro Nunes, lateral campeão da Libertadores e do Mundial, assume a vaga de Gaspar.

– Tite a partir deste momento não trabalha mais conosco. Ele aceitou o convite da CBF. Hoje à tarde foi o último treino dele. No jogo de quinta e amanhã ele não dirige mais o time – afirmou o presidente corintiano.

Roberto de Andrade se mostrou muito irritado com a postura de Marco Polo Del Nero, presidente da CBF, durante a negociação com Tite. Segundo o dirigente do Timão, a entidade que controla o futebol brasileiro em nenhum momento procurou o clube para dizer que estava interessada na contratação do técnico.

– Estou puto com a CBF para ser bem exato, pela maneira que eles vieram. Não recebi um telefonema do presidente da CBF. Esse é o respeito. Hoje, (Marco Polo Del Nero) tentou falar comigo depois de tudo resolvido. O Corinthians merecia mais respeito. Tite merece a seleção brasileira, pelo seu trabalho. A CBF não merece uma pessoa como Tite, pela forma sorrateira que tiraram Tite – detonou Andrade.

Veja como foi a entrevista coletiva de Roberto de Andrade:

NOVO TÉCNICO

Não deu nem tempo de procurar. Para ser bem honesto, fui a primeira pessoa que Tite comunicou, há duas horas. Nem pensei nisso. Eu achava que ele não iria, mas fui surpreendido com a notícia de que ele irá. Não pensei em nomes, vou pensar a partir de agora"

CONVERSA COM TITE

Tite veio me comunicar, pela pessoa ética que é. Quem me informou foi Tite ontem

TEME REPRESÁLIA DA CBF?

Para que preciso da CBF? Organiza para todo mundo, vão tirar o Corinthians? Não preciso deles para nada. Quero que respeite o Corinthians, é o que exijo. Isso faltou. Não tenho medo de nada, vão colocar juiz para apitar contra? Isso não existe.


TENTOU FAZER PROPOSTA PARA TITE?

Não existe contraproposta numa situação pessoal. Não está saindo por dinheiro. É o objetivo de qualquer jogador chegar ao topo da pirâmide

COMO FICA O CORINTHIANS?

Não posso dizer que o Corinthians é prejudicado. Não ia mudar o final da história. Sabemos que todos trabalhamos para alguém e você tem o direito de fazer. Mas se eles querem respeito, tem de fazer isso com qualquer clube. É o mínimo que um presidente da CBF tem que fazer, é a maneira que trabalham, fazer tudo sorrateiramente. Não admito. Eu não preciso da CBF para nada.



O QUE ACHA QUE VAI ACONTECER COM TITE NA SELEÇÃO?

Não quero ser leviano, sei do trabalho de Tite, o tempo vai responder como será lá

QUEM SERÁ O PRÓXIMO TÉCNICO?

Recebi a notícia há duas horas, queremos o melhor possível. Vamos traçar um perfil e tentar trazer alguém. O Corinthians é grande, se deixar faz fila aqui na frente.

VOLTA DE MANO MENEZES?

Mano Menezes não vem trabalhar comigo aqui, não quero, não é o perfil que eu gosto.

ESTÁ ROMPIDO COM A CBF?

Não ceder jogadores é prejudicar o jogador e não a CBF. E o voto no Coronel Nunes é voto pela federação. Meu voto não ia mudar, nem lá eu fui. Não sei se chamo de ruptura, mas satisfeito não estou. Podemos chamar de ruptura, sim.

PERFIL DO NOVO TÉCNICO

Simpatizo com um monte de gente, mas não quer dizer nada. Oswaldo (de Oliveira) também. Mas não deu tempo ainda, estou mastigando a notícia ainda. É uma decisão que vamos tomar. Não temos perfil de alternar treinador, a escolha fica difícil.

PODE SER UM TÉCNICO ESTRANGEIRO?

Não é a língua que vai definir, tudo pode. Vamos trazer por competência.

FERNANDO DINIZ AGRADA?

Fernando Diniz é um grande nome também, vamos avaliar. Não tenho medo, é um treinador como outro qualquer. Se ninguém der oportunidade a um treinador jovem, como será?

PODE MANTER FÁBIO CARILLE NA VAGA DE TITE?

Acho difícil. É um grande profissional, mas acho que neste momento é difícil.





CORINTHIANS TEVE QUE LIBERAR técnio Tite, auxiliar Cleber Xavier, o dirigente Edu Gaspar e Matheus Bacchi para Seleção Brasileira







Tite sai do Corinthians e é confirmado como novo técnico da Seleção Brasileira

Pedro Cardoso Petrachini

15 JUN 2016 18h21

Tite é o novo técnico da Seleção Brasileira. O anúncio não foi feito por ele nem pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), mas por Roberto de Andrade, presidente do Corinthians, no CT Joaquim Grava, nesta quarta-feira. O agora ex-comandante corinthiano aceitou o convite e será o substituto de Dunga, demitido após a fraca campanha na Copa América Centenário, na qual o Brasil caiu na primeira fase. Juntamente com o treinador, vão à Seleção o auxiliar Cleber Xavier, o dirigente Edu Gaspar e Matheus Bacchi, filho do novo comandante.

O acordo com a CBF determina o fim da terceira passagem de Tite pelo Corinthians. Campeão brasileiro no ano passado, o técnico havia retornado à equipe no final de 2014 e tinha contrato até dezembro de 2017. Ele já havia dirigido o Timão entre 2004 e 2005 e 2010 e 2013 - período em que foi campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes da Fifa, entre outras conquistas. Tornou-se o segundo treinador que mais vezes comandou o Timão, atrás apenas de Oswaldo Brandão (435 jogos contra 378).












15/06/2016 17h55

Tite levará para a Seleção boa parte da comissão técnica do Corinthians

Edu Gaspar, Cleber Xavier e Fábio Mahseredjian integrarão grupo de trabalho do treinador na CBF. Anúncio do acerto foi feito ainda nesta quarta-feira

Por GloboEsporte.com
Anunciado como novo técnico da seleção brasileira, o técnico Tite levará para a CBF seu grupo de confiança no Corinthians. O gerente de futebol Edu Gaspar fará parte do novo departamento de futebol da entidade, provavelmente na vaga de coordenador, antes ocupada por Gilmar Rinaldi.

Cleber Xavier, fiel escudeiro desde o início da carreira de Tite, seguirá como auxiliar técnico. A dúvida na comissão é a presença do preparador de goleiros Mauri Costa Lima. Isso deve ser decidido nos próximos dias.

O preparador físico Fábio Mahseredjian continuará conciliando o cargo na seleção brasileira e no Timão. Há também a possibilidade de que Fábio Carille, auxiliar da comissão técnica permanente do Corinthians, ocupe a vaga de observador.

Desde os primeiros contatos da CBF, Tite deixou claro que não abria mão de levar pessoas de confiança para trabalhar. O treinador, por exemplo, não aceitava a presença de Gilmar Rinaldi, que acabou demitido com Dunga. O presidente Marco Polo Del Nero concordou com as exigências na reunião de terça-feira à noite, no Rio de Janeiro.

A saída de Tite foi anunciada pelo presidente do Corinthians, Roberto de Andrade. Em entrevista coletiva, ele disparou contra a CBF, inclusive com palavrões.







PRESIDENTE DO CORINTHIANS ROBERTO ANDRADE ANUNCIA QUE TECNICO TITE SAI DO CORINTHIANS PARA SERVIR A SELEÇÃO


Fim da entrevista coletiva de Roberto de Andrade.


"No lugar do Edu Gaspar vai ficar o Alessandro"


Apostar no Carille? "Acho difícil. É um grande profissional, mas acho que neste momento é difícil"

"Respeito o Mano, foi vencedor no Corinthians, mas quero novidade, quero outras coisas"


"Não fala em nomes que vocês vão pegar todos os nomes e vão fazer relação. Não tem nome ainda, perfil, pessoal está indo viajar, precisamos dos três pontos, não vamos especular nomes de treinador. Vou falar que todos são bons."

"Corinthians apoia o melhor ao futebol, se é liga, se não é, tudo que for melhor para o futebol vamos apoiar"
"Fernando Diniz é um grande nome também, vamos avaliar. Não tenho medo, é um treinador como outro qualquer. Se ninguém der oportunidade a um treinador jovem, como será?"


TÉCNICO ESTRANGEIRO? "Não é a língua que vai definir, tudo pode. Vamos trazer por competência"

"Não ceder jogadores é prejudicar o jogador e não a CBF. E o voto no Coronel Nunes é voto pela federação. Meu voto não ia mudar, nem lá eu fui. Não sei se chamo de ruptura, mas satisfeito não estou. Podemos chamar de ruptura sim"

"Vamos começar a trabalhar já. Corinthians não dá tempo de esperar nada. Quero que domingo a gente tenha um treinador novo. Pode ter empecilhos. Não temos um nome"



"Não dá para responder por ele (Tite), sabe o que está fazendo. Espero que não se arrependa, que tenha sucesso lá. Achamos isso quando o Felipão foi, todos queriam, e foi aquele fiasco que vocês sabem. Vamos aguardar"

"Mano Menezes não vem trabalhar comigo aqui, não quero, não é o perfil que eu gosto"\\



Nomes como Fábio Mahseredjian e Mauri Costa Lima continuam no Corinthians. Não serão 100% da Seleção. #trsccp


Tite, 55, gaúcho de Caxias do Sul, é o novo técnico da seleção brasileira -]trsccp -


"Mano Menezes não vem trabalhar comigo aqui", avisa Roberto. #trsccp


"Simpatizo com um monte de gente, mas não quer dizer nada. Oswaldo (de Oliveira) também. Mas não deu tempo ainda, estou mastigando a notícia ainda. É uma decisão que vamos tomar. Não temos perfil de alternar treinador, a escolha fica difícil"


"Triste a gente fica porque vai perder o convívio diário com uma pessoa que você admira, mas a gente fica feliz porque ele vai para um lugar que sempre almejou. Não torço para a seleção, mas sim para o Corinthians. Torço para que ele faça um bom trabalho, não é fácil trabalhar na CBF. É um fardo"


"Eu não quis (Tite na quinta-feira). Tenho que pensar no Corinthians. Entendo que seria um desgaste grande para o Tite aqui com anúncio de ter saído. Desde que fomos avisados, não faz mais parte. Preferi dessa forma"


"Grupo é o mesmo, sabe o que precisa fazer, nossos objetivos não vamos mudar, almejamos o título"


"Acabei de reunir todos os atletas, todo grupo e funcionários e comuniquei a todos"


"Especulam faz dois anos, o nome dele é ventilado não é de hoje. Não temos um nome preferido"


"Faz duas horas que recebemos a notícia que ele foi embora. Não sei se vai ter despedida"


"Tite não dirige mais o time, a partir de amanhã teremos Fábio Cariille até trazermos outro. Faremos sempre o melhor, o torcedor pode ficar tranquilo"


"De forma nenhuma (magoado com Tite), temos de agradecê-lo, evoluímos muito com ele, só temos a agradecê-lo"


Discurso fortíssimo do presidente do Corinthians contra a CBF. Vamos ver se o mantém na prática. #trsccp


"Recebi a notícia há duas horas, queremos o melhor possível. Vamos traçar um perfil e tentar trazer alguém. O Corinthians é grande, se deixar faz fila aqui na frente"


"Não quero ser leviano, sei do trabalho de Tite, o tempo vai responder como será lá"


"Para que preciso da CBF? Organiza para todo mundo, vão tirar o Corinthians? Não preciso deles para nada. Quero que respeite o Corinthians, é o que exijo. Isso faltou. Não tenho medo de nada, vão colocar juiz para apitar contra? Isso não existe"


Roberto de Andrad diz que a CBF não pode mais contar com o Corinthians para nada. Sempre contou... #trsccp #trbrasil


"Não posso dizer que o Corinthians é prejudicado. Não ia mudar o final da história. Sabemos que todos trabalhamos para alguém e você tem o direito de fazer. Mas se eles querem respeito, tem de fazer isso com qualquer clube. É o mínimo que um presidente da CBF tem que fazer, é a maneira que trabalham, fazer tudo sorrateiramente. Não admito. Eu não preciso da CBF para nada"


Sala de imprensa do Corinthians lotada para ouvir Roberto de Andrade. #trsccp




























Perto do adeus, Tite define escalação do Corinthians para jogo em Brasília

Helder Guimaraes Junior

15 JUN2016
17h22
De volta a capital paulista após uma longa reunião na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro, onde discutiu a proposta para suceder Dunga no comando da Seleção Brasileira, o técnico Tite trabalhou normalmente na tarde desta quarta-feira. O gaúcho ensaiou no CT Joaquim Grava a formação que levará a campo em Brasília na noite de quinta-feira, contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro.

Por mais que Tite quisesse exercer a sua atividade como se nada tivesse acontecido, contudo, era inegavelmente um dia atípico. Toda a cúpula diretiva do Corinthians - o presidente Roberto de Andrade, o diretor Eduardo Ferreira, o gerente Edu Gaspar e o coordenador Alessandro - acompanhou a movimentação da equipe com atenção.

Também havia muito mais profissionais de imprensa no CT do que o habitual. O acúmulo de profissionais à beira do gramado, alguns deles com os telefones celulares em punho para registrar a atividade (Tite não permite filmagens quando está ajustando o time titular do Corinthians) , fez a assessoria do clube pedir que todos se recolhessem momentaneamente na sala de imprensa.

Desta vez, entretanto, o interesse não estava voltado para o time que Tite pretende utilizar contra o Fluminense e a sua estratégia de jogo. A atenção era exclusiva ao comandante, que escalou esta equipe para o compromisso em Brasília: Walter; Fagner, Balbuena, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano.

As novidades ficam por conta dos retornos do zagueiro paraguaio Balbuena e do meio-campista Elias, eliminados com as suas seleções ainda na primeira fase da Copa América. O volante Cristian, desfalque também por suspensão, ficará cerca de um mês afastado em virtude de uma contusão muscular na coxa esquerda.








No dia do adeus, Tite define escalação do Corinthians para jogo em Brasília

Cotado para assumir como técnico da Seleção Brasileira, comandante anuncia equipe do Timão que enfrenta o Fluminense, na próxima quinta-feira (15 de junho). Balbuena e Elias são as novidades

15/06/2016 16h28

De volta a São Paulo após uma longa reunião na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro, onde discutiu a proposta para suceder Dunga no comando da Seleção Brasileira, o técnico Tite trabalhou normalmente na tarde desta quarta-feira (15 de junho). O gaúcho ensaiou no CT Joaquim Grava a formação que levará a campo em Brasília na noite de quinta-feira, contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro.

Por mais que Tite quisesse exercer a sua atividade como se nada tivesse acontecido, contudo, era inegavelmente um dia atípico. Toda a cúpula diretiva do Corinthians – o presidente Roberto de Andrade, o diretor Eduardo Ferreira, o gerente Edu Gaspar e o coordenador Alessandro – acompanhou a movimentação da equipe com atenção.

Também havia muito mais profissionais de imprensa no CT do que o habitual. O acúmulo de profissionais à beira do gramado, alguns deles com os telefones celulares em punho para registrar a atividade (Tite não permite filmagens quando está ajustando o time titular do Corinthians), fez a assessoria do clube pedir que todos se recolhessem momentaneamente na sala de imprensa.


Desta vez, entretanto, o interesse não estava voltado para o time que Tite pretende utilizar contra o Fluminense e a sua estratégia de jogo. A atenção era exclusiva ao comandante, que escalou esta equipe para o compromisso em Brasília: Walter; Fagner, Balbuena, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano.

As novidades ficam por conta dos retornos do zagueiro paraguaio Balbuena e do meio-campista Elias, eliminados com as suas seleções ainda na primeira fase da Copa América. O volante Cristian, desfalque também por suspensão, ficará cerca de um mês afastado em virtude de uma contusão muscular na coxa esquerda.




Timão é definido para encarar o Fluminense

Tite comanda atividade tática e define Corinthians para o duelo desta quinta-feira, no Mané Garrincha, em Brasília. Dupla que disputou a Copa América vai para a partida
Em treino que teve o técnico Tite como o centro das atenções, o Corinthians foi definido para enfrentar o Fluminense, nesta quinta-feira, pela oitava rodada do Brasileirão. A equipe contará com as voltas do zagueiro Balbuena e do volante Elias, que estavam disputando a Copa América.

Antes de anunciar a sua decisão sobre a proposta para comandar a Seleção Brasileira, Tite organizou um trabalho tático e confirmou duas mudanças. Na zaga, o paraguaio volta no lugar de Felipe, que foi vendido ao Porto (POR), enquanto o camisa 7 ocupará o lugar de Cristian, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Assim, o Corinthians irá a campo no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, com: Walter, Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel; Luciano.
Primeiro, com todo o elenco, Tite comandou um treino técnico, em campo reduzido. Depois, apenas com os titulares, ele ensaiou a saída de bola da defesa para o ataque e trabalhou o posicionamento em jogadas de bola parada.




Apesar da expectativa pela saída do treinador do clube, não houve nenhuma conversa com os jogadores em público nem nenhum outro indicativo de que a passagem dele pelo Timão está perto do fim.

Tite não se despediu dos jogadores do Corinthians no CT. Não tocou no assunto Seleção. Falou apenas do jogo de contra o Fluminense #trsccp


Tite continua em campo. Observa de longe o treino de finalizações. Chances de falar hoje. #trsccp














16h55

Matheus Vidotto treina pela primeira vez desde cirurgia de hérnia. #trsccp

16h54


Bruno Paulo se recupera de lesão nos ligamentos do pé direito. Chegou a ser reprovado no primeiro exame com o Corinthians. #trsccp


Atacante ex-Audax faz leve treino físico sob supervisão de Fábio Mahseredjian. Deve levar mais um mês até ter condições de jogo. #trsccp 16h50
3 retweets4 curtiram

Novidade! Bruno Paulo em campo pela primeira vez desde tratamento de lesão. #trsccp


Treino de bolas paradas continua. Comissão técnica do Corinthians está toda em campo. #trsccp

Tite e Cléber Xavier trabalham jogadas ensaiadas com os titulares.

16H20Diretoria do Corinthians completa no CT: Roberto de Andrade, Edu Ferreira, Edu Gaspar e Alessandro. #trsccp

Segue o treino tático dos titulares. Imagens a partir desta etapa do trabalho são proibidas. #trsccp


Elenco do Corinthians viaja a Brasília esta noite. Tite deve comandar o time, mas não é certo que ele estará no mesmo voo. #trsccp


Na defesa: Yago na direita, Balbuena na esquerda. No meio: Giovanni na direita, Marquinhos na esquerda. #trsccp






Corinthians: Walter, Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; B. Henrique e Elias; Giovanni, Guilherme e Marquinhos; Luciano. #trsccp


Tite reúne os 11 titulares para o famoso treino "fantasma". #trsccp












RESUMO DO DIA - VERSÃO 16H






- Tite comanda o treino do Timão. Antes, fez reunião com a diretoria e falou da proposta da CBF. Está próximo de sair...


- Elias voltou a treinar e vai para o jogo.


- Time escalado para o jogo com o Fluminense: Walter, Fagner, Balbuena, Yagho e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Giovanni Augusto, Guilherme e Marquinhos Gabriel; Luciano.

Possibilidade de diretoria do Corinthians na entrevista coletiva de hoje. A confirmar. #trsccp




Fim da breve atividade tática sem goleiros. Tite falou bastante e orientou o time. #trsccpWalter treina com os goleiros em outro campo. #trsccp








































No departamento médico: Vilson, Danilo, Cristian e Matheus Vidotto. #trsccp 16H

Tite mexe o mínimo possível no time. Com Elias, Bruno Henrique volta a ser primeiro volante. #trsccp


Na zaga, acostume-se a Balbuena e Yago. Felipe assinou com o Porto por cinco temporadas. #trsccp



Elias volta ao time depois de participação com a Seleção na Copa América. #trsccp




Elias se reapresentou hoje ao CT do Corinthians. A presença no jogo contra o Flu, porém, não está confirmada #trsccp














































Tite, Matheus e Cleber Xavier estão no CT neste momento conversando com a diretoria do Corinthians sobre a proposta da CBF #trsccp 15H13:56


Tite já está no CT Joaquim Grava. Ele terá uma conversa com o Corinthians e pode alinhar saída. Ou ser convencido a ficar. Veremos

13:28


O Corinthians treinará logo mais com Tite no comando. Expectativa é se vai haver ou não coletiva do técnico hoje. Ele ainda não anunciou se aceita assumir a Seleção Brasileira.


Informação é de que Tite já está no CT Joaquim Grava #trsccp


13:28

O Corinthians treinará logo mais com Tite no comando. Expectativa é se vai haver ou não coletiva do técnico hoje. Ele ainda não anunciou se aceita assumir a Seleção Brasileira.











Restrospecto do Corinthians contra flu, adv de amanhã, em Brasileiros

49j 18v 17e 14d













































Laterais corintianos se empolgam com chance de acompanhar Tite na Seleção


15 JUN2016
09h01
A possibilidade do corinthiano Tite ser anunciado como técnico da Seleção Brasileira não provocou somente lamentações no Corinthians. Entre os jogadores, já há até aqueles que vislumbrem uma oportunidade de convocação com a ascensão do técnico à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).


"É mesmo. Como ele já conhece o meu trabalho, pode mudar um pouco a situação", sorriu o lateral esquerdo Uendel, quando dizia à Gazeta Esportiva que não alimentava muitas esperanças de defender o Brasil. "Existem vários bons jogadores na minha posição: o Filipe Luís, o Marcelo, que está há anos no Real Madrid, o Alex Sandro, que vem de boas temporadas, o Wendell, fazendo um bom trabalho no Bayer Leverkusen…", havia listado.

Concorrente de posição de Uendel no Corinthians, o jovem Guilherme Arana se mostra mais ambicioso quando o assunto é Seleção. O garoto de 19 anos ganhou projeção sob o comando de Tite, sendo importante para a conquista do último Campeonato Brasileiro, e poderia aparecer como uma alternativa para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

"Todo jogador quer vestir a camisa da Seleção. Não aconteceu para mim nem nas categorias de base. Ainda não tive o prazer de colocar a camisa amarela", comentou Arana, espontaneamente, com brilho nos olhos.

A feição do novato, contudo, mudou quando ele ouviu que Tite era o favorito da CBF para assumir a Seleção Brasileira. "Isso aí… Já não sei se ele vai para lá ou não", esquivou-se, virando os olhos para os assessores de imprensa do Corinthians. Depois, permitiu-se abrir um sorriso esperançoso. "É… Vamos trabalhar, né?", disse.

Uendel é uma espécie de tutor de Guilherme Arana no Corinthians. Já experiente aos 27 anos - rodou por aí -, o lateral esquerdo titular se posicionou com mais naturalidade sobre a Seleção que poderá ser de Tite. "Vontade de ir, a gente sempre tem. Vamos ficar de olho", concluiu.













Roberto de Andrade confia em permanência de Tite no Corinthians


15 JUN2016
10h01

Tite chegou ao Rio de Janeiro na noite desta terça-feira para uma reunião com o presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Marco Polo del Nero. Após a demissão de Dunga, o treinador corintiano é unanimidade entre torcedores e imprensa para assumir a vaga no comando técnico da Seleção Brasileira. O acerto acabou não acontecendo, pelo menos por enquanto, mas a tendência é que o comandante alvinegro aceite a oportunidade de treinar o Brasil.

Ao que tudo indica a saída de Tite do Corinthians está cada vez mais próxima ao passo que os rumores sobre seu sinal positivo em relação ao convite aumentam. No entanto, o presidente do Timão, Roberto de Andrade, prega otimismo para manter o treinador no clube.

"Ele foi ao Rio de Janeiro no fim do dia para conversar, mas por enquanto foi só na conversa. A imprensa está colocando o Tite na seleção e uns dez treinadores no Corinthians. Então vamos aguardar ele responder para depois pensar no passo seguinte", comentou em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Ainda sobre a possível despedida de Tite no Corinthians, Roberto de Andrade acredita que há chances de segurar o treinador e declarou que ainda não começou a estudar possíveis nomes para assumir o clube caso a saída do atual campeão brasileiro aconteça.

"Não quero pensar nisso, sou muito positivo na minha vida e tenho convicção que o Tite irá permanecer conosco. Enquanto o Tite não olhar para mim e disser que aceitou o convite, não quero pensar em outro treinador. Agora, se acontecer, a partir daí vou pensar. Por enquanto o treinador do Corinthians é o Tite até ele me avisar que está saindo", completou.




Timão vence Vitória e garante vaga na próxima fase do Brasileirão Sub-20

Com gols de Carlinhos e Léo Jabá, Corinthians espera sorteio da próxima rodada, que acontece na quinta-feira (15)


09h40 15/06/2016 - Agência Corinthians
Nesta terça-feira (14), o Corinthians entrou em campo pelo Campeonato Brasileiro Sub-20 com um único resultado possível para chegar à segunda fase: a vitória. Jogando no Barradão, em Salvador (BA), o Timãozinho fez a lição de casa, venceu o Vitória por 2 a 1 e garantiu vaga na segunda fase da competição nacional.

O atacante Carlinhos fez o primeiro gol do jogo ainda na primeira etapa. Já no segundo tempo, os baianos empataram. Léo Jabá recolocou o Alvinegro na frente e deu números finais à partida.

Agora, a CBF espera o fim da primeira fase nesta quarta (15) para, na quinta (16), realizar o sorteio da segunda fase do Brasileirão Sub-20. Serão dois grupos com quatro clubes em cada e eles jogarão partidas de ida e volta. Os dois primeiros colocados de cada grupo avançam às semifinais.









Corinthians tem três jogadores convocados para Seleção Brasileira Sub-20

Goleiro Filipe, zagueiro Leozão e atacante Léo Jabá serão os representante do Alvinegro durante uma semana de treinos na Granja Comary


09h50 15/06/2016 - Agência Corinthians

Na noite da última terça-feira (14), o técnico da Seleção Brasileira Sub-20, Rogério Micale, convocou três jogadores do Corinthians para um período de treinamentos na Granja Comary: o goleiro Filipe, o zagueiro Leozão e o atacante Léo Jabá. Eles estarão com o grupo entre os dias 19 e 24 de junho.

Filipe e Jabá participaram do triunfo do Timão Sub-20 diante do Vitória, por 2 a 1, no Barradão, em Salvador (BA). O atacante, inclusive, fez o segundo e decisivo gol da partida.

Já Leozão está treinando com a equipe profissional há duas semanas e vem sendo convocado pelo técnico Tite para as duas últimas partidas

“Essa convocação é muito importante para mim, pois foi a minha primeira como Sub-20”, disse Leozão. “O Micale é um treinador com quem eu nunca trabalhei, então, serão novas ideias, novas características de jogo... Isso só vai me aprimorar como atleta”, complementou.

Léo Jabá agradeceu a Deus e ao Corinthians por mais essa conquista. “Essa convocação vem em um momento bom: acabamos de vencer o Vitória, nos classificamos, pude ajudar com uma assistência e um gol e, depois do jogo, quando olhei o celular, vi que tinha sido convocado novamente”, revelou. “Mantenho meus pés no chão, pois sei que ainda tenho muito a conquistar. Quero continuar trabalhando para ser lembrado mais vezes”, comentou.

Os três atletas se apresentam junto com a delegação na manhã do próximo domingo (19), no Rio de Janeiro, e, de lá, seguem para a Teresópolis, onde fica a Granja Comary.








Caso Tite aceite a Seleção, Oswaldo Oliveira é nome que agrada dirigente do Timão

Campeão do mundo pelo Corinthians em 2000, treinador do Sport está na lista de desejos caso perca Tite. Eduardo Baptista, Mano Menezes e Sylvinho também são bem vistos


O Corinthians tem chances de trocar um campeão mundial por outro nos próximos dias. Perto de perder Tite, que é alvo da CBF para assumir a Seleção Brasileira, o clube passa a planejar a difícil reposição do treinador, que tem contrato até o fim de 2017. Em uma prévia relação de possibilidades e desejos elaborada pela cúpula de futebol do clube, um nome agrada ao presidente Roberto de Andrade: Oswaldo de Oliveira, campeão mundial pelo próprio Timão em 2000 e atualmente no comando do Sport.
Oswaldo tem contrato até o fim do ano no clube pernambucano, mas alguns fatores o aproximam do Corinthians, especialmente o desejo do presidente. O fato de o treinador de 65 anos já ter trabalhado no clube, conhecer o ambiente e administrar o dia a dia sem declarações fortes ou grandes polêmicas agrada ao mandatário, que não deseja uma reposição arrastada.

A princípio, o Corinthians está disposto a dar uma importante sequência de trabalho a seu eventual novo treinador, assim como foi com os profissionais anteriores.
Apesar de agradar ao presidente, Oswaldo de Oliveira não é o único nome na lista de prioridades do Corinthians para repor a eventual saída de Tite. Pessoas próximas de Roberto indicam dois nomes em especial como preferências: Eduardo Baptista, hoje na Ponte Preta, e o velho conhecido Mano Menezes, dispensado há duas semanas do Shandong Luneng, da China, e atualmente livre no mercado - em 2014, porém, ele não foi um nome de agrado a Roberto, que decidiu trazer Tite de volta.

Outro profissional com boa aceitação, principalmente por parte do gerente de futebol Edu Gaspar, seria uma aposta no Parque São Jorge: Sylvinho, que já foi auxiliar de Mano e Tite no Corinthians e hoje trabalha na comissão técnica da Inter de Milão. O ex-lateral jamais dirigiu uma equipe profissional e está na Itália desde dezembro de 2014. É um nome que corre por fora.

Oswaldo de Oliveira iniciou sua carreira profissional no Corinthians, em 1999, após deixar de ser auxiliar de Vanderlei Luxemburgo. Ele foi campeão paulista, brasileiro e deixou o clube em junho de 2000. A outra passagem foi em 2004, com apenas cinco meses de trabalho. Eduardo Baptista foi preparador físico do Timão em 2007, época da última passagem de seu pai, Nelsinho Baptista, como treinador. Já Mano também teve duas passagens como técnico, entre 2008 e 2010 e 2014. Curiosamente, deixou o Timão para assumir a Seleção em 2010, exatamente como pode ocorrer com Tite seis anos depois.

CORINTHIANS HOJE 15/06 - Quarta-feira

15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava