5 de jul de 2015

CORINTHIANS 05/07/2015





goias 0 X 0 CORINTHIANS
Data/Hora: 05/07/2015 - 16H (de Brasília)
Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil e Nadine Schramm Camara Bastos
Cartões Amarelos: Alex Alves, Clayton Sales, Fred (g), Bruno Henrique e Fagner (COR)
Público pagante:9.438 Renda: R$ 388.550,00. 

Gols: -

goias: 1-Renan; 2-Clayton Sales, 4-Fred, 3-Alex Alves, 6-Diogo Barbosa, 5-Rodrigo, 8-David (15-Juliano 28'/2T), 7-Liniker, 11-Murilo, 10-Felipe Menezes (19-Arthur 30'/2T) e 9-Wesley (17-Carlos 33'/2T). Técnico: Augusto César. + 12-Paulo Henrique , 13-Rafael Foster , 14-Felipe Macedo, 16-Ygor , 20-William Kozlowski,18-Jarlan

CORINTHIANS: 12-Cássio; 23-Fagner, 28-Felipe, 4-Gil e 13-Uendel, 25-Bruno Henrique, 7-Elias, 8-Renato Augusto (20-Danilo 28'/2T), 10-Jadson (26-Rodriguinho 37'/2T), 21-Malcom e 9-Vagner Love (11-Romero 27'/2T). Técnico: Tite + 27-Walter, 3-Yago, 17-Edu Dracena, 5-Ralf, 22-Marciel, 30-Mendoza






CORINTHIANS 20 PONTOS NO BRASLEIRO 2015 A 3 DO LIDER


05/07/2015 19h03

Tite aprova atuação do Timão, mas lamenta placar: "Resultado aquém"
Técnico do Corinthians destaca atuação do goleiro rival para explicar o 0 a 0


Por GloboEsporte.com








O técnico Tite deixou o estádio Serra Dourada lamentando o empate do Corinthians por 0 a 0 com o Goiás, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador entende que o Timão teve uma boa atuação, mas não conseguiu superar o goleiro Renan, responsável por duas defesas difíceis no primeiro tempo.


– Fico com dois sentimentos: desempenho bom, resultado aquém. Eu falo muito em merecimento, de construir mais, ter mais oportunidades. Acho que o goleiro foi o melhor em campo – afirmou.


Tite voltou a destacar o processo de reconstrução da equipe após a saída de três titulares e 2 reservas  Mesmo assim, o Timão já soma 20 pontos na classificação e encostou nos primeiros colocados.


– Tivemos um primeiro tempo impressionante contra a Ponte. Você tem 11 engrenagens. Dela saem três ou quatro peças, e não é o goleiro, que é fixo. As outras precisam encaixar. É esse processo que estamos procurando – disse.


Confira a entrevista coletiva de Tite:




Tite durante o empate sem gols do Corinthians com o Goiás (Foto: Francisco Stuckert/Agência O Dia/Estadão Conteúdo)

MALCOM
"Ele vai entrosando mais. Contra a Ponte, ele botou uma bola no Love e finalizou. O goleiro (Marcelo Lomba) fez uma baita defesa. É esse mecanismo, aquilo que falei de engrenagem, que aos poucos vai dando confiança ao atleta".

PARTIDA
"Do outro lado tem a qualidade do Goiás, com homens de frente de velocidade e finalização de média distância. A qualidade do passe do David é muito grande. Tem o outro lado também. Nosso primeiro problema foi o Goiás".

BRIGA PELO TÍTULO
"O campeonato está mais equilibrado pela reformulação que as equipes estão passando. Não tem mais uma equipe como o Cruzeiro do ano passado. Quem vai chegar vai ser a equipe que se consolidar durante a competição. As últimas 12 rodadas vão decidir o título e as vagas na Libertadores. Por isso, nosso objetivo é ficar no bloco de cima, para estarmos fortes nesses 12 jogos".

G-4
"Estamos no bolo também. Nas últimas cinco partidas, fizemos quatro vitórias. O jogo (na vilinha)foi bastante acidentado em termos de arbitragem . A equipe vem se consolidando. Estamos no bolo, nos mantendo no bloco de cima".



















05/07/2015 18h44

Atuações: Renato Augusto é destaque
Meia do Corinthians se movimenta bastante e só não marca graças à boa atuação do goleiro esmeraldino.




Renato Augusto
Foi o melhor jogador do Corinthians em campo. O armador teve boa movimentação no setor ofensivo, aproximou-se mais vezes da área e só não marcou graças à boa atuação de Renan. Parou duas vezes no goleiro adversário. Cansado, deu lugar a Danilo no segundo tempo. Nota: 7,5

Vagner Love
Foi prejudicado pelo posicionamento da equipe, mais recuada do que de costume. Distante dos meias, apareceu poucas vezes. Na única chance, chutou por cima em um contra-ataque. Saiu logo depois. Nota: 5,0

Jadson
Artilheiro do time no Brasileirão, com quatro gols, não conseguiu manter a média de atuações das últimas rodadas. E o Timão sentiu. Até tentou se movimentar no setor de criação, mas faltou poder de decisão. Nota: 5,5

AS NOTAS
Cássio [GOL]: 6,0
Fagner [LAD]: 7,0
Felipe [ZAG]: 6,0
Gil [ZAG]: 6,5
Uendel [LAE]: 6,5
Bruno Henrique [VOL]: 6,5
Elias [VOL]: 6,0
Jadson [MEC]: 5,5
(Rodriguinho [MEC]: Sem nota)
Renato Augusto [MEC]: 7,5
(Danilo [MEC]: 5,5)
Malcom [ATA]: 6,0
Vagner Love [ATA]: 5,0
(Ángel Romero [ATA]: 5,5)





ATUAÇÕES: Timáo faz jogo morno em Goiânia e não tem destaques

LANCEPRESS! - 05/07/2015 - 18:45


Vagner Love lamenta o empate com o Goiás (FOTO: Celio Messias)




Goiás e Corinthians fizeram uma partida morna no Serra Dourada e ficaram no 0 a 0. O desempenho do Timão não foi o mesmo das partidas recentes em casa. Renato Augusto poderia ter saído como o herói em campo, mas perdeu a chance de marcar o gol da vitória.


Corinthians e Goiás ficam no empate no Serra Dourada














6,0
Cássio
Ganha a média, já que não teve oportunidade de mostrar serviço. A bola não chegou nem para cobrar tiro de meta.

6,0
Fágner
Foi dominando a marcação no setor defensivo aos poucos e depois se soltou para atacar. Chegou fácil à linha de fundo.

5,5
Felipe
Um pouco lento em alguns combates, mas compensou no bom posicionamento. O adversário ajudou bastante.

5,5
Gil
Mesma avaliação do companheiro de zaga. Ficou fácil afastar o perigo com a falta de qualidade do ataque do Goiás.

5,0
Uendel
Teve um pouco mais de dificuldade do que Fágner para marcar e quase não subiu ao campo de ataque.

6,5
Bruno Henrique
Dominou com sobras a cabeça de área corintiana, desarmou com qualidade e buscou mais o toque de bola.

5,5
Elias
Um pouco sumido, quando apareceu criou boas jogadas e perdeu um gol feito. Poderia ter feito mais.

6,0
Jádson
Um pouco mais estático, foi produtivo com a bola no pé lançando os companheiros. Jogou com inteligência.

6,0
Renato Augusto
Oscilou entre bons e maus momentos, também teve a chance de balançar a rede, mas foi afobado na finalização.

5,5
Malcom
Quando recebeu aberto nas pontas e partiu para cima levou perigo, mas apareceu pouco para o time.

5,5
Vagner Love
Cansado nas arrancadas, teve que buscar muito o jogo longe da área, dificultando as chances.

6,0
Romero
Deu um pouco mais de mobilidade ao ataque e criou boa chance logo que entrou, mas chutou para fora.

6,0
Danilo
Entrou quando o time estava mais lento, tentou fazer o meio girar no toque de bola.


Rodriguinho
Pouco serviço em campo, fica sem nota.

5,5
Tite
A fragilidade do adversário não foi explorada por falta de velocidade de sua equipe.










Elias considera empate injusto, mas vê evolução do Timão: 'Caminho certo'
Volante do Timão destacou chances criadas no 0 a 0 com o Goiás, neste domingo


LANCEPRESS! - 05/07/2015 - 18:20 Goiânia (GO)

Elias pelo Corinthians em duelo contra o Goiás, no Serra Dourada (Foto: Célio Messias/LANCE!Press)

Apesar do ritmo lento e da queda de produção no segundo tempo, o Corinthians criou boas chances na etapa inicial e só não saiu vitorioso do duelo deste domingo, contra o Goiás, no Serra Dourada, graças a boa atuação do goleiro Renan. Na saída de campo, o volante Elias considerou o empate injusto e destacou a evolução corintiana.

- Por aquilo que a gente criou, e o que eles não criaram, a gente merecia a vitória. Eles jogaram pelo empate mesmo em casa - analisou o camisa 7 do Timão.

O Corinthians interrompeu uma série de duas vitórias consecutivas, obtidas contra Figueirense e Ponte Preta, ambas na Arena Corinthians. Com o empate sem gols, a equipe de Tite ainda não conseguiu voltar para o G4 do Brasileirão. Mesmo assim, o desempenho dos últimos jogos anima o volante.


- Estamos no caminho certo, vamos continuar nessa batalha. Confiança você perde com facilidade, mas para recuperar é um caminho longo, lento... Mas estamos trabalhando para isso - disse Elias.

O próximo compromisso do Timão será na quinta-feira, às 19h30, diante do Atlético-PR, na Arena Corinthians. Depois, haverá o duelo contra o Flamengo, domingo, no Maracanã.








05/07/2015 18h26

Para Elias, empate sem gols em Goiás foi injusto: "Merecíamos a vitória"
Volante diz que Corinthians foi superior e criou mais oportunidades do que o rival em duelo no Serra Dourada; igualdade manteve o alvinegro fora do G-4 no Brasileiro


Por GloboEsporte.com










O volante Elias não concordou com o empate por 0 a 0 entre Goiás e Corinthians, neste domingo, no Serra Dourada, pelo Campeonato Brasileiro. O meio-campista acredita que o Timão deveria ter vencido a partida pelas oportunidades que criou.


– Por aquilo que criamos, pelo o que eles não criaram, merecíamos a vitória. Eles jogaram pelo empate mesmo em casa. Estamos no caminho certo. Vamos continuar nessa batalha – afirmou.


Elias refere-se às boas defesas feitas por Renan no primeiro tempo. Renato Augusto, duas vezes, e o próprio volante pararam no goleiro alviverde. Nenhuma delas, porém, um grande susto. Os goianos reclamam de um pênalti de Gil em Carlos nos minutos finais.


O empate eleva o Corinthians para os 20 pontos, rondando o grupo dos quatro melhores do Brasileirão. O Timão vinha de duas vitórias consecutivas, sobre Figueirense e Ponte Preta. Na próxima rodada, enfrenta o Atlético-PR, quinta-feira, às 19h30, em Itaquera.


- Confiança você perde com facilidade, mas, para recuperar, é um caminho longo, lento. Estamos trabalhando para isso – disse Elias.

Para Elias, empate em Goiás foi injusto pelo desempenho do Corinthians (Foto: Ricardo Taves/Agência Corinthians)


FUTEBOL

Tite: “Fiquei feliz pelo jogo, mas descontente pelo resultado”
Treinador aprovou o desempenho do Timão contra o Goiás fora de casa e lamentou não ter vencido

19h00 05/07/2015 - Agência Corinthians



Com o empate, o Corinthians passou a somar 20 pontos no Campeonato Brasileiro,
© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians


O desempenho apresentado pelo Corinthians na tarde deste sábado (05) no empate em 0 a 0 com o Goiás, no estádio Serra Dourada, foi aprovado pelo técnico Tite. Mesmo fora de casa, o Timão dominou o meio de campo, teve maior volume de jogo e mais chances de gol. No entanto, o Alvinegro não conseguiu abrir o marcador.

“Fiquei feliz pelo jogo, pelo desempenho, mas descontente pelo resultado do jogo. No jogo do desempenho eu estou contente. O time foi agressivo na marcação, o Elias bem adiantado, junto com o Renato (Augusto). Fico com gosto de quero mais, mas sabendo da dificuldade que tem atuar fora de casa”, disse Tite.

Com o empate, o Corinthians passou a somar 20 pontos no Campeonato Brasileiro, avançou uma posição na tabela de classificação e agora está em quinto. O próximo compromisso do Timão no torneio nacional acontece quinta-feira (09), às 19h30, quando enfrenta o Atlético-PR na Arena Corinthians.


FUTEBOL

Elias: “Merecíamos a vitória”
Ainda no Serra Dourada, volante também falou sobre o trabalho para recuperar a confiança

18h40 05/07/2015 - Agência Corinthians

O Corinthians volta a entrar em campo nesta quinta-feira (09), às 19h30, quando enfrenta o Atlético-PR na Arena Corinthians.
© Ricardo Taves/Ag. Corinthians


Após o empate em 0 a 0 com o Goiás no estádio Serra Dourada, neste sábado (05), o Corinthians avançou uma posição na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. O Timão passou o Atlético-PR e agora está em quinto. O resultado igual, no entanto, não refletiu o que aconteceu dentro de campo, já que o Alvinegro teve domínio de posse de bola e criou muito mais chances do que o adversário.

“Por aquilo que criamos, pelo o que eles não criaram, merecíamos a vitória. Eles jogaram pelo empate mesmo em casa. Estamos no caminho certo. Vamos continuar nessa batalha”, disse o volante Elias. “Confiança você perde com facilidade, mas, para recuperar, é um caminho longo, lento. Estamos trabalhando para isso”, completou.

O Corinthians volta a entrar em campo nesta quinta-feira (09), às 19h30, quando enfrenta o Atlético-PR na Arena Corinthians. O jogo é válido pela 12ª rodada do Brasileirão.






05/07/2015 18h28

Em ritmo lento, Goiás e Corinthians empatam sem gols no Serra Dourada
Timão até cria algumas chances, mas para na boa atuação do goleiro Renan. Alviverde reclama de um pênalti de Gil em Carlos nos minutos finais da partida


Por GloboEsporte.com


Nem bem, nem mal. Goiás e Corinthians fizeram uma partida digna de um 0 a 0, neste domingo, no Serra Dourada. Com atuações apenas regulares, Alviverde e Timão jogaram em marcha lenta e não passaram de uma igualdade sem gols. Culpa também da boa exibição do goleiro Renan. O resultado é ruim para os dois no Campeonato Brasileiro. Os goianos, que reclamaram de um pênalti nos minutos finais, pelo menos seguram o tabu de não perder em casa para o clube paulista desde 2001.


Depois de duas vitórias seguidas, o Corinthians não consegue entrar no G-4, mas segue encostado no grupo, agora com 20 pontos, em quinto lugar. Na quinta-feira, recebe o Atlético-PR, às 19h30, em Itaquera. O Goiás soma agora oito partidas sem vencer. O time soma dez pontos, em 16º lugar, um acima da zona do rebaixamento. Na quarta, pega o Santos, às 19h30, novamente no Serra Dourada.




O jogo
O Corinthians demorou mais da metade do primeiro tempo para fazer valer seu melhor momento e sua maior capacidade técnica no Serra Dourada. O Timão abriu mão da marcação avançada em função do tamanho do gramado, maior do que a arena em Itaquera, e permitiu que o Goiás controlasse praticamente todo o início da partida.


Faltou qualidade ao Goiás. A boa movimentação não foi o bastante para a equipe conseguir abrir vantagem no placar. Sem os atacantes titulares Erik e Bruno Henrique, o time da casa se limitou a trocar passes na entrada da área. Wesley, o mais avançado, ficou preso na marcação de Gil e Felipe, sem nenhuma chance para marcar.


Aos poucos, o Corinthians despertou. O Timão melhorou e passou a dominar o jogo quando os jogadores do meio de campo subiram de produção na construção das jogadas. As oportunidades surgiram, sobretudo em boas descidas do lateral Fagner pela direita. Malcom chutou mais grama do que bola e desperdiçou a primeira. Elias e Renato Augusto pararam em boas defesas do goleiro Renan, o melhor em campo.


O ritmo foi ainda mais lento no segundo tempo. O Corinthians continuou com a maior parte da posse de bola, mas com pouca objetividade na frente. As triangulações que Tite tanto pede passaram longe do Serra Dourada em virtude de um buraco na ligação entre o meio de campo e o ataque. Love e Malcom ficaram isolados na frente. Renato Augusto, de novo ele, conseguiu assustar em uma cabeçada que Renan pegou, outra vez.


O Goiás, vagarosamente, passou a se arriscar mais vezes. Liniker parou em Cássio após boa jogada pela esquerda. Love, em seu último lance, chutou por cima logo em seguida. Tite e Augusto César apostaram em mudanças. Arthur, Carlos e Juliano entraram no Alviverde. Romero, Danilo e Rodriguinho foram a campo pelo lado alvinegro. O Goiás reclama de um pênalti de Gil em Carlos nos minutos finais. Em seguida, Rodriguinho quase acertou o ângulo no último lance de perigo da partida.








Corinthians receberá grana na terça e libera Matheus Cassini para viajar
Clube brasileiro recebeu ordem de pagamento do Palermo (ITA) na sexta-feira



Felipe Bolguese - 05/07/2015 - 15:14

Matheus Cassini em treino no CT do Corinthians (Foto: Agência Corinthians)

Depois de cobrar o Palermo (ITA) na última semana, o Corinthians recebeu dos italianos na última sexta-feira à noite uma ordem de pagamento programada para a próxima terça-feira, 8 de julho. Com isso, a diretoria alvinegra liberou o meia Matheus Cassini para viajar em definitivo e o garoto partiu neste sábado à Itália para se apresentar ao novo clube.




O Palermo deveria ter pago cerca de R$ 5 milhões, dos quais R$ 3,5 milhões irão para o Timão, na última quarta-feira, 1º de julho. Sem o dinheiro, o clube brasileiro não havia assinado a rescisão do jogador, que chegou a usar nas últimas semanas a instalação do CT Joaquim Grava para manter a forma.

A transferência estava sacramentada desde o dia 26 de maio. Primeiramente, o Corinthians não aceitava o negócio porque o Palermo queria parcelar o valor. Depois, o acordo foi selado com o pagamento à vista.


Cassini, um dos destaques da Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano, conquistada pelo Timão, foi promovido ao profissional em janeiro. Sem espaço com Tite, deixou o clube sem nem sequer ter atuado pela equipe principal.




Tite culpa Renan 'iluminado' por sina mantida no Serra Dourada
Corinthians não vence Goiás em seu estádio pelo Brasileirão desde 2001

LANCEPRESS! - 05/07/2015 - 19:11

Love lamenta chance desperdiçada contra o Goiás (Foto: Celio Messias/LANCE!Press)

O Corinthians não conseguiu sair do empate por 0 a 0 com o Goiás, neste domingo, e interrompeu série de duas vitórias consecutivas no Brasileirão. Mais do que isso, manteve a "sina" no Serra Dourada, onde não vence o Esmeraldino pelo Nacional desde 2001. Segundo o técnico Tite, o motivo tem nome: Renan.




- O Corinthians não vencia aqui desde 2001, e eu tinha colocado como um desafio nosso. Sair na frente ia ser importante, mas o Renan estava iluminado. Sei do grande goleiro que ele é, ele estava em um dia especial. Nesses momentos decisivos, ele manteve o 0 a 0 - afirmou o corintiano.

A última vitória alvinegra no Serra Dourada foi no Brasileirão de 2001, por 3 a 2, gols de Ricardinho (duas vezes) e Deivid. De lá para cá, foram mais nove duelos pelo Brasileirão, incluindo o deste domingo, com sete empates e duas vitórias esmeraldinas.

Apesar do empate sem gols e das chances despediçadas, o treinador corintiano gostou da atuação de seus comandados neste domingo.


- Jogo do desempenho eu estou contente, muita triangulação, muita infiltração, homem que vem de trás... Finalização de média distância, agressivo na marcação, Elias bem adiantado com Renato, muita posse de bola... Adversário cansa, a gente com posse, rodando, adversário incha a perna. A equipe teve chances. Fico com gosto de quero mais, mas sabendo as dificuldades que temos - ressaltou Tite, em entrevista coletiva.

Corinthians domina Goiás, mas fica no 0 a 0 no Serra Dourada
Mesmo fora de casa, Corinthians criou mais, mas não conseguiu abrir o marcador; Alvinegro volta a entrar em campo na quinta (09), quando enfrenta o Atlético-PR na Arena Corinthians

18h00 05/07/2015 - Agência Corinthians


Próximo compromisso do Corinthians será contra o Atlético-PR, na quinta-feira, na Arena Corinthians
Na tarde deste domingo (05), o Corinthians voltou a entrar em campo pelo Campeonato Brasileiro de 2015. Pela 11ª rodada, o Timão enfrentou o Goiás, no estádio Serra Dourada, e empatou em 0 a 0. Com o ponto conquistado, o Alvinegro subiu uma posição e agora está em quinto no torneio.

Depois de conquistar duas vitórias consecutivas – contra Figueirense e Ponte Preta –, o Corinthians voltou a dominar um adversário. Mesmo atuando fora de casa, o Timão se impôs no meio de campo, teve domínio de posse de bola e criou muito mais chances do que o Goiás. O Alvinegro, no entanto, não conseguiu transformar as oportunidades em gol.

No primeiro tempo, o Corinthians teve chances com Malcom, Renato Augusto, Elias e Bruno Henrique. No segundo, a melhor oportunidade esteve nos pés de Ángel Romero, que deu bela arrancada e bateu forte. A bola desviou na zaga do Goiás e saiu por muito pouco. Com uma atuação segura do setor defensivo, o Timão não sofreu grandes sustos no duelo.

Com o resultado, o Corinthians passa a somar 20 pontos no Campeonato Brasileiro. O Timão passou o Atlético-PR, ganhou uma posição na tabela de classificação e agora está em quinto.

O próximo compromisso do Corinthians no Brasileirão acontece quinta-feira (09), contra o próprio Atlético-PR. A partida será disputada na Arena Corinthians a partir das 19h30.

GOIÁS 0 X 0 CORINTHIANS
Campeonato Brasileiro, 11ª rodada
Data: 05/07/2015
Local: Serra Dourada, Goiânia
Árbitro: Héber Roberto Lopes (SC)
Cartões amarelos: Fagner e Bruno Henrique (COR), Clayton Sales, Alex Alves e Fred (GOI)

GOIÁS: Renan, Clayton Sales, Alex Alves, Fred e Diego Barbosa; Rodrigo, David (Juliano), Liniker e Felipe Menezes (Arthur); Murilo Henrique e Wesley (Carlos). Técnico: Augusto César

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique; Elias, Renato Augusto (Danilo), Jadson (Rodriguinho) e Malcom; Vagner Love (Ángel Romero). Técnico: Tite







Corinthians não supera goleiro Renan e empata sem gols com o Goiás
Esmeraldino foi o destaque do primeiro tempo do duelo deste domingo, no Serra Dourada, pelo Brasileirão. No segundo tempo, ritmo caiu e empate foi confirmado

LANCEPRESS! - 05/07/2015 - 17:53
O Corinthians fora de casa empatou sem gols com o Goiás na tarde deste domingo, no Serra Dourada, em Goiânia. Não houve futebol bonito, o ritmo caiu no segundo tempo, mas o grande "culpado" pelo placar foi o goleiro esmeraldino Renan, que fechou o gol com boas saídas e defesas.


Empolgado pelas vitórias em casa sobre Figueirense e Ponte Preta, o Timão conseguiu repetir a equipe titular diante do Goiás. Passados os 15 minutos iniciais, começou a tomar conta das ações e a trocar bons passes perto da área rival. O primeiro lance de perigo foi um chute de Renato Augusto de longa distância.



Elias e David observam bola em disputa no duelo de domingo (Foto: Célio Messias/LANCE!Press)

Renato apareceu de novo, desta vez na cara de Renan. Uma boa triangulação com Jadson e Elias deixou o camisa 8 livre, na área, mas o goleiro saiu bem. Poucos minutos depois, Jadson rolou uma falta para Elias, que apareceu na cara de Renan e... Ele, de novo, não deixou passar.
No segundo tempo, o Corinthians percebeu que poderia fazer o gol se melhorasse a pontaria - o que não ocorreu. Malcom, em chute cruzado, e Renato Augusto, em cabeçada após escanteio, defendida por Renan, deram os primeiros sustos. Em contra-ataque, Love recebeu de Jadson, fintou e bateu de esquerda, colocado. A bola raspou o travessão. Até Romero e Rodriguinho, que entraram no segundo tempo, tiveram chances.


O Goiás, coadjuvante nas ações, contou com tarde pouco inspirada de Felipe Menezes. Wesley brigava sem sucesso em disputas com Felipe e Gil. Liniker, com velocidade no meio, e Diogo, com boa saída pela esquerda, foram os que mais deram trabalho. Nos minutos finais, Carlos, que também entrou na etapa final, enroscou-se com o zagueiro Gil, após jogada pela esquerda, e pediu pênalti. O árbitro Heber Roberto Lopes mandou seguir.


O Timão comemora que Sport e Flu, equipes do bolo de cima, também somaram apenas um ponto na rodada. O Esmeraldino conseguiu sair da zona da degola, empatado em pontos com o Santos, mas superando o rival no critério de desempate pelo saldo de gols.



FICHA TÉCNICA

goias 0 X 0 CORINTHIANS
Data/Hora: 05/07/2015 - 16H (de Brasília)
Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil e Nadine Schramm Camara Bastos
Cartões Amarelos: Alex Alves, Clayton Sales, Fred (g), Bruno Henrique e Fagner (COR)
Público pagante:9.438 Renda: R$ 388.550,00.

Gols: -
goias: 1-Renan; 2-Clayton Sales, 4-Fred, 3-Alex Alves, 6-Diogo Barbosa, 5-Rodrigo, 8-David (15-Juliano 28'/2T), 7-Liniker, 11-Murilo, 10-Felipe Menezes (19-Arthur 30'/2T) e 9-Wesley (17-Carlos 33'/2T). Técnico: Augusto César. + 12-Paulo Henrique , 13-Rafael Foster , 14-Felipe Macedo, 16-Ygor , 20-William Kozlowski,18-Jarlan

CORINTHIANS: 12-Cássio; 23-Fagner, 28-Felipe, 4-Gil e 13-Uendel, 25-Bruno Henrique, 7-Elias, 8-Renato Augusto (20-Danilo 28'/2T), 10-Jadson (26-Rodriguinho 37'/2T), 21-Malcom e 9-Vagner Love (11-Romero 27'/2T). Técnico: Tite + 27-Walter, 3-Yago, 17-Edu Dracena, 5-Ralf, 22-Marciel, 30-Mendoza







Goiás 0
1-Renan            GOL
2-Clayton Sales   LAD
3-Alex Alves     ZAD
4-Fred                 ZAE
6-Diogo Barbosa  LAE
5-Rodrigo             VOL
8-David               VOL
(15-Juliano              VOL)
7-Liniker             MEC
10-Felipe Menezes  MEC
(19-Arthur               MEC)
11-Murilo Henrique    ATA
9-Wesley                 ATA
(17-Carlos ATA)
Augusto CésarTEC

RESERVAS
12-Paulo Henrique   GOL
13-Rafael Foster 
14-Felipe Macedo      ZAD
16-Ygor                       VOL
20-William Kozlowski  MEC
18-Jarlan                      ATA




Corinthians   0
COR
4-4-2
12-Cássio           GOL
23-Fagner           LAD
28-Felipe             ZAD
4-Gil                 ZAE
13-Uendel              LAE
25-Bruno Henrique  VOL
7-Elias                    VOL
10-Jadson               MEC
(26-Rodriguinho       MEC)
8-Renato Augusto      MEC
(20-Danilo            MEC)
21-Malcom          ATA
9-Vagner Love      ATA
( 11-Romero   ATA)
Tite   TEC

RESERVAS
27-Walter         GOL
3-Yago           ZAD
17-Edu Dracena  ZAD
5-Ralf                VOL
22-Marciel         VOL
30-Mendoza     ATA
ARBITRAGEM
Héber Roberto Lopes, Kleber Lucio Gil, Nadine Schramm Camara Bastos




FIM DE JOGO CORINTHIANS EMPATA POR 0X0 FORA DE CASA , É O 5º COLOCADO AGORA COM 20 PONTOS
 A 3 DO LIDER
ACABOU!

O árbitro apita aos 48 minutos do segundo tempo e encerra a partida no Serra Dourada.


47'2º TEMPO

FagnerLATERAL

Cartão amarelo para Fagner
47'2º TEMPO
Elias toma a bola de Juliano dentro da área do Goiás e rola para Romero. O paraguaio tenta devolver, mas toca mal.

46'2º TEMPO
Rodriguinho rouba a bola perto da área do Goiás e bate colocado, mas a ela passa sem assustar Renan.
45'2º TEMPO

POLÊMICA

Carlos se enrosca com Gil dentro da área do Corinthians e cai. O time do Goiás pede o pênalti, mas Heber Roberto Lopes não marca!

44'2º TEMPO
Bruno Henrique faz longo lançamento na direção de Romero, mas o paraguaio não consegue dominar.

41'2º TEMPO
Malcom e Danilo tabelam, Fred acaba com a brincandeira e manda para escanteio.


37'2º TEMPO

SAIJadsonMEIO-CAMPO
ENTRARodriguinhoMEIO-CAMPO



36'2º TEMPO

CORINTHIANS

Malcom se adianta e rouba a bola no meio de campo. Ele toca para Romero, que avança e bate forte. Renan evita o gol do Corinthians.





34'2º TEMPO
Danilo passa para Fagner na linha de fundo e o lateral cruza, mas Fred corta.


33'2º TEMPO

SAI  WesleyATACANTE
ENTRA  CarlosATACANTE

31'2º TEMPO
Uendel recebe de Malcom na esquerda e cruza, mas a zaga do Goiás chega primeiro e afasta.

30'2º TEMPO

SAI   Felipe MenezesMEIO-CAMPO
ENTRA   ArthurMEIO-CAMPO



28'2º TEMPO

SAI   DavidMEIO-CAMPO
ENTRA JulianoMEIO-CAMPO


28'2º TEMPO

SAIRenato AugustoMEIO-CAMPO
ENTRADaniloMEIO-CAMPO



27'2º TEMPO

SAIVagner LoveATACANTE
ENTRAÁngel RomeroATACANTE

26'2º TEMPO
Jadson puxa contra-ataque e lança Vagner Love. O camisa 9 entra na área, limpa a marcação e bate por cima do gol de Renan.



25'2º TEMPO
Liniker responde e arrisca de fora da área, obrigando Cássio a fazer difícil defesa.

24'2º TEMPO
Malcom tenta a jogada individual, mas é travado por Fred ao entrar na área do Goiás.

23'2º TEMPO
Renato Augusto lança Malcom para disputar na velocidade com a zaga do Goiás. Renan sai da área e tira com o pé.


19'2º TEMPO

Bruno HenriqueMEIO-CAMPO

Cartão amarelo para Bruno Henrique

17'2º TEMPO
FredZAGUEIRO

Cartão amarelo para Fred


17'2º TEMPO
Clayton SalesLATERAL

Cartão amarelo para Clayton Sales

Falta em Malcom, no campo de defesa do Corinthians.


16'2º TEMPO
O Corinthians fica com a bola, troca passes, mas tem dificuldade de entrar na defesa do Goiás, que se segura bem.
13'2º TEMPO
Jadson bate escanteio, Renato Augusto sobe e cabeceia. Renan fica com a bola.





13'2º TEMPO
Malcom recebe na linha de fundo e cruza para trás. Sem ninguém do Corinthians, Alex Alves manda para escanteio.
09'2º TEMPO
Malcom entre na área do Goiás pela esquerda, dribla o marcado e bate cruzado, para fora.



07'2º TEMPO
Clayton Sales cruza a área do Corinthians, Cássio sai do gol e afasta de soco.
05'2º TEMPO
Vagner Love toca para trás, Renato Augusto arrisca e a bola desvia na defesa do Goiás antes de sair pela linha de fundo.

04'2º TEMPO
Clayton avança pela direita, corta Uendel e rola para Felipe Menezes. Elias chega e evita o perigo.

01'2º TEMPO
Liniker bate de fora da área, a bola desvia na zaga e Cássio defende.


01'2º TEMPO

ROLANDO!

Bola em jogo para a etapa final do duelo em Goiânia.

INTERVALO
O Goiás também já está pronto para o segundo tempo do confronto.

INTERVALO
O Corinthians já voltou ao gramado do Serra Dourada.
INTERVALO
Os alvinegros dominaram o primeiro tempo. A equipe de Tite teve maior posse de bola (59% a 41%), finalizou mais (8 a 2) e três chances de gol.



INTERVALO

CORINTHIANS ESBARRA EM RENAN

O Corinthians foi melhor no primeiro tempo do jogo contra o Goiás. A equipe paulista teve as melhores chances, mas esbarrou em Renan. O goleiro foi o melhor do time da casa e responsável por manter o placar inalterado no Serra Dourada, por enquanto.

46'1º TEMPO

APITOU!

Fim da primeira etapa em Goiânia.

45'1º TEMPO
MAIS UM
O primeiro tempo vai até os 46 minutos no Serra Dourada.

45'1º TEMPO

Fagner levanta a bola na área do Goiás, Fred se antecipa e corta.

42'1º TEMPO

CORINTHIANSRENAN, OUTRA VEZ!

Renato Augsuto faz bom lançamento para Vagner Love, o camisa 9 alcança a bola, mas Renan, mais uma vez, evita o gol do Corinthians.


40'1º TEMPO
Bruno Henrique entra na área e recebe de Fagner. Ele bate cruzado, mas muito mal.




39'1º TEMPO
Gil completa de cabeça após cobrança de escanteio, mas Renan segura sem sustos.


38'1º TEMPO
Felipe Menezes ganha de Elias e puxa o contra-ataque para o Goiás. Ele toca para Wesley, que deixa Gil para trás. O atacante rola a bola, mas Cássio fica com ela.




37'1º TEMPO

CORINTHIANSUHHH

Em jogada ensaiada, Jadson rola para Elias por fora da barreira, mas o camisa 7 bate em cima do goleiro e perde nova chance.




35'1º TEMPO
Héber Roberto Lopes dá uma bronca em Gil e Alex Alves, que se estranharam antes da cobrança de falta.


34'1º TEMPO
Alex AlvesZAGUEIRO

Cartão amarelo para Alex Alves

O zagueiro para com falta o atacante Vagner Love, que puxava contra-ataque perigoso do Corinthians.

32'1º TEMPO

CORINTHIANSBOM MOMENTO!

Jadson puxa o contra-ataque, toca para Elias na meia-lua, e o camisa 7 rola para Renato Augusto. O meia, então, bate, mas vê o goleiro Renan fazer boa defesa para evitar o gol do Corinthians.


28'1º TEMPO
Renato Augusto recebe em boas condições dentro da área e arrisca a finalização. Outra vez a bola explode na zaga.
25'1º TEMPO
Primeira boa chance do Corinthians! Malcom rola para Fagner, que vai até a linha de funda e toca para trás, de volta para Malcom. O garoto, livre, bate mal e a bola fica na defesa.


24'1º TEMPO
Vagner Love pressiona Alex, que é obrigado a recuar para Renan. O goleiro manda a bola para frente.

21'1º TEMPO
Jadson bate mal, o Goiás se livra do perigo sem problemas.

20'1º TEMPO
Malcom parte para cima de Fred e sofre a falta perto da lateral direita do Goiás.

16'1º TEMPO
Na cobrança, a bola volta para Jadson, que levanta novamente para a área do Goiás. A zaga afasta.

16'1º TEMPO
Renato Augusto é acionado na intermediária e arrisca dali mesmo. Renan espalma para escanteio.


15'1º TEMPO
Murilo recebe na entrada da área do Corinthians, limpa a marcação e bate de direita, mas a bola sai à esquerda de Cássio.


14'1º TEMPO
Diogo bate para frente, Liniker divide com Uendel e sofre falta na lateral direita.

11'1º TEMPO
Murilo faz boa jogada pela esquerda, deixa Fagner para trás, e cruza. A defesa do Corinthians tira para escanteio.

10'1º TEMPO
Fred cobra falta perto da área do Corinthians, mas a bola explode na barreira alvinegra.


08'1º TEMPO
Jadson, outra vez, toca para Vagner Love pelo alto, dentro da área. O camisa 9 tenta ajeitar de cabeça para Renato Augusto, mas a zaga do Goiás tira.

07'1º TEMPO
Jadson toca para Uendel, mas o lateral, desatento, deixa a bola passar.

05'1º TEMPO
Jadson tenta lançamento para Malcom. A defesa do Goiás, bem postada, corta o passe.

02'1º TEMPO
Malcom recebe na direita e tenta passar por Claton Sales, mas o lateral evita o drible.

01'1º TEMPO
Renan dá um chutão para frente, mas Felipe chega antes de Wesley e toca para a lateral.

01'1º TEMPO

VALENDO!

O Corinthians rola a bola e inicia a partida em Goiânia.

PRÉ-JOGO
Quase tudo pronto no Serra Dourada! A bola já vai rolar.

PRÉ-JOGO

TIMES NO CAMPO

Corinthians e Goiás já estão no gramado do Serra Dourada! Os visitantes com suas camisas pretas, com listras brancas. A equipe da casa está toda de branco.


PRÉ-JOGO

NO APITO

Héber Roberto Lopes comanda o trio de arbitragem, auxiliado por Kleber Lucio Gil e Nadine Schramm Camara Bastos.

PRÉ-JOGO

NA BRIGA

A boa sequência do Corinthians, que conquistou 12 pontos nos últimos cinco jogos, animou o meia Jadson. "O campeonato está aberto", disse o camisa 10.
PRÉ-JOGO

SEM SURPRESAS

Tite confirmou o Corinthians que pega o Goiás nesta tarde: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique; Elias, Renato Augusto,Jadson e Malcom; Vagner Love.

No banco: Walter, Edu Dracena, Yago, Marciel, Ralf, Danilo, Rodriguinho, Ángel Romero e Mendoza.

PRÉ-JOGO

RETROSPECTO RECENTE

. Nas últimas cinco partidas, o Corinthians venceu quatro e perdeu uma.
PRÉ-JOGO

CLASSIFICAÇÃO

O confronto desta tarde é válido pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Corinthians entre em campo como o sexto colocado do torneio, com 19 pontos,
PRÉ-JOGO
Boa tarde! Iniciamos agora a transmissão do duelo entre Goiás e Corinthians, que se enfrentam no Serra Dourada a partir das 16h.
CORINTHIANS ESCALADO
Cássio         GOL
Fagner         LAD
Felipe         ZAD
Gil             ZAE
Uendel          LAE
Bruno Henrique   VOL
Elias    VOL
Jadson   MEC
Renato Augusto  MEC
Malcom        ATA
Vagner Love   ATA
Tite   TEC

RESERVAS
Waler   GOL
Yago   ZAD
Edu Dracena  ZAD
Ralf   VOL
Marciel    VOL
Danilo    MEC
Rodriguinho   MEC
Mendoza   ATA
Romero   ATA











Corinthians ‏@Corinthians
O próximo jogo do Timão acontece quinta-feira, às 19h30, contra o Atl-PR na @A_Corinthians.


Corinthians ‏@Corinthians
Fim de jogo no Serra Dourada: 0 a 0. Com o resultado, o Timão passa a ser quinto no #Brasileirão com 20 pontos ganhos. #GOIxCOR


Corinthians ‏@Corinthians
Quase!! Rodriguinho bate de fora da área e quase acerta o gol do Goiás. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians
Três minutos de acréscimo no segundo tempo. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians

Corinthians ‏@Corinthians
Terceira alteração no Timão. Saiu Jadson, entrou Rodriguinho. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians
Uuuuuhhhhh! Romero deu uma bela arrancada, bateu, mas a bola foi desviada pela zaga do Goiás e saiu por pouco. #GOIxCOR


Corinthians ‏@Corinthians
Aos 28 minutos do segundo tempo, mais uma substituição no Timão. Saiu Renato Augusto, entrou Danilo. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians




Corinthians ‏@Corinthians
Alteração no Corinthians. Sai Vagner Love, entra Romero. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians
Uuuuhhh! Jadson bateu escanteio, Felipe subiu mais alto e cabeceou. Renan defendeu. #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians
Quase mais uma vez! Malcom recebeu lindo lançamento, foi pra cima do zagueiro e bateu cruzado. A bola passou perto do gol do Goiás. #GOIxCOR



Corinthians ‏@Corinthians
Começou o segundo tempo no Serra Dourada! #GOIxCOR #Brasileirão #VaiCorinthians


Corinthians ‏@Corinthians
Fim de 1º tempo. O Timão teve mais posse de bola e chegou mais vezes ao gol adversário, mas não conseguiu abrir o placar: 0 a 0. #GOIxCOR




Corinthians ‏@Corinthians

Um minuto de acréscimo. #Brasileirão #GOIxCOR #VaiCorinthians



Corinthians ‏@Corinthians
Mais uma chegada com perigo! Desta vez, Bruno Henrique bateu de dentro da área, mas a bola foi pra fora. #Brasileirão #GOIxCOR




Corinthians ‏@Corinthians
Quase de novo! Em jogada ensaiada, Jadson tocou pra Elias. Dentro da área, o volante bateu para mais uma defesa de Renan. #GOIxCOR




Corinthians ‏@Corinthians
Uuuuuhh! Jadson fez boa jogada, passou pra Elias, que rolou pra Renato Augusto. Dentro da área, o meia foi neutralizado por Renan. #GOIxCOR




Corinthians ‏@Corinthians

Quase! Após bela tabela com Jadson, Malcom recebeu dentro da área e bateu. A bola pegou em cima do zagueiro do Goiás. #Brasileirão #GOIxCOR




Corinthians ‏@Corinthians
Que chute! Após receber passe de Jadson, Renato Augusto bateu de longe para defesa de Renan. #Brasileirão #GOIxCOR #VaiCorinthians



Corinthians ‏@Corinthians

Bola rolando no Serra Dourada! #Brasileirão #GOIxCOR #VaiCorinthians





Corinthians ‏@Corinthians

Timão escalado! #CORxGOI #Brasileirão #VaiCorinthians
Escalação - Goiás x Corinthians


Corinthians ‏@Corinthians

O último duelo foi pelo #Brasileirão em 2014, no triunfo por 1 a 0 do #Corinthians em Belém-PA. #CORxGOI @almanaquetimao











Corinthians visita Goiás no Serra Dourada pelo Campeonato Brasileiro
Com quatro vitórias nos últimos cinco jogos, Timão está na sexta colocação, a somente um ponto do G4

10h00 05/07/2015 - Agência Corinthians


No último confronto, o Corinthians venceu por 1 a 0 em Belém-PA
© Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians


Embalado, o Corinthians volta a campo pelo Campeonato Brasileiro neste domingo (05) às 16h, diante do Goiás no Serra Dourada, em Goiânia-GO. A apenas um ponto do G4, o Timão pode terminar a 11ª rodada dentro do grupo de classificação para a Libertadores da América.

Nas últimas cinco partidas, o Alvinegro venceu quatro: 1 a 0 sobre o Joinville, 2 a 1 sobre Internacional e Figueirense e 2 a 0 sobre a Ponte Preta. O meia Jadson, artilheiro do Timão no Brasileirão, balançou a rede em todos os triunfos.

O Corinthians leva vantagem no retrospecto dos confrontos com o Goiás na história. São 17 vitórias, 17 empates e 13 derrotas, com 72 gols pró e 52 contra. O primeiro duelo foi em amistoso, no estádio Avelino Parnaíba, em 1968. Com três gols de Rivellino e um de Paulo Borges, o Timão saiu com a vitória por 4 a 1.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps.






Em título inédito e invicto do Corinthians da Libertadores da América, antigos campeões pelo Timão viraram torcedores
Elias, Cristian, André Santos e Gamarra estiveram no Pacaembu para assistir ao lado da Fiel a final histórica de 2012

11h00 05/07/2015 - Agência Corinthians



Hoje jogador do Timão, Elias esteve presente no vestiário alvinegro na decisão
© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
O título inédito da Copa Libertadores da América em 2012 fez com que antigos campeões pelo Corinthians mudassem de papel. De jogadores e ídolos a torcedores ao lado da Fiel. Foi o que aconteceu com Elias, Cristian, André Santos e Gamarra há três anos.

No dia 4 de julho de 2012, o elenco do Timão que estava prestes a fazer história recebeu apoio de jogadores que já tinham sido campeões pelo Alvinegro. Elias, por exemplo, já tinha ido a La Bombonera e esteve no Pacaembu para torcer novamente pela conquista inédita. Cristian foi além: ficou com todas as camisas usadas no dia da decisão.

Além dos dois, que voltaram a jogar pelo Corinthians, quem também passou pelos vestiários do Pacaembu para dar apoio aos jogadores foi André Santos. Ao lado de Elias e Cristian, o lateral foi campeão paulista e da Copa do Brasil em 2009.

Já na torcida, quem deu as caras foi Gamarra. Conhecido por ser um zagueiro técnico e que cometia poucas faltas, o paraguaio virou ídolo da Fiel e assistiu à final das arquibancadas, sendo bastante ovacionado e parado pelos torcedores presentes no Pacaembu.













Memória Fiel: em 2008, Corinthians atropelou Goiás em 30 minutos pela Copa do Brasil

Depois de perder por 3 a 1 na partida de ida em Goiânia, Timão garantiu a vaga nas quartas de final com goleada por 4 a 0 no Morumbi

10h00 05/07/2015 - Agência Corinthians






Diogo Rincón foi um dos destaques da noite no Morumbi, com dois gols em 17 minutos de bola rolando

© Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Neste domingo (05), o Corinthians visita o Goiás pelo Campeonato Brasileiro, às 16h, no estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO. Em 2008, as equipes se enfrentaram pelas oitavas de final da Copa do Brasil, e o Timão teve de se superar no jogo de volta para seguir na competição. Foram necessários apenas 30 minutos para o Alvinegro reverter uma desvantagem e enlouquecer a Fiel
Duas semanas antes, na partida de ida, o Goiás venceu por 3 a 1 no estádio Serra Dourada. Na primeira vez em que o Bando de Loucos entoou na arquibancada o canto “Não para, não para, não para / Vai para cima, Timão”, o Alvinegro ouviu a Fiel e foi com tudo em busca da virada no confronto.

Com apenas cinco minutos de bola rolando, Diogo Rincón aproveitou o rebote de Harlei após jogada de Herrera e empurrou para o fundo da rede, abrindo o placar no Morumbi. Mais 12 minutos se passaram, e o homônimo do capitão da primeira conquista mundial voltou a brilhar. Novamente em rebote do goleiro do Goiás em finalização do argentino Herrera, Diogo Rincón chutou com força e fez o segundo do Corinthians.

Mesmo com a diferença que já classificava o Timão, a blitz alvinegra não parou, e o terceiro saiu aos 23 minutos, com André Santos. O camisa 27 entrou na área tabelando com Herrera, driblou Harlei e empurrou para o gol. Aos 30, o Corinthians fechou o placar com os mesmos personagens. Em cobrança de falta, André Santos levantou na cabeça de Herrera, que estufou a rede.

O Timão ainda teria um gol anulado no primeiro tempo, mas nada atrapalhou a festa da Fiel que lotou o local com 50 mil pessoas e saiu do estádio com uma vitória que embalaria o Alvinegro para as fases seguintes da Copa do Brasil de 2008.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 4 x 0 goias
Copa do Brasil 2008, quartas de final, volta
Data: 30/04/2008
Local: Morumbicha
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden
Gols: Diogo Rincón (COR) aos 5 e 17, André Santos (COR) aos 23 e Herrera (COR) aos 30 minutos do primeiro tempo.

CORINTHIANS: Felipe; Carlos Alberto, Chicão, William e André Santos; Perdigão (Nílton), Fabinho, Diogo Rincón (Acosta) e Lulinha (Éverton Ribeiro); Dentinho e Herrera. Técnico: Mano Menezes
goias Harlei; Vitor (Alex Ferreira), Ernando, Paulo Henrique e Fabinho; Amaral, Ramalho, Evandro e Paulo Baier (Anderson Aquino); Alex Terra e Alex Dias (Schwenck). Técnico: Caio Júnior








CORINTHIANS CLASSIFICADO
8ªs definal Copa do brasil volta
CORINTHIANS 4 X 0 GOIÁS
Morumbicha, 30/4/2008 - 21h45 Árb: Leandro Vuaden..Marcelo Barison e PauloConceição (RS)
50.773 pagantes / R$ 576.065.000
Cartões am: Perdigão (C); Vitor, Paulo Henrique, Paulo Baier (G)Cartão Ver: Fabinho (G)
GOLS: Diogo Rincón, 4'/1ºT (1-0); Diogo Rincón, 16'/1ºT (2-0); André Santos, 22'/1ºT (3-0); Herrera, 29'/1ºT (4-0)
CORINTHIANS:1-Felipe,20-Carlos Alberto,3-Chicão,4-William e 27-André Santos;32-Fabinho,8-Perdigão (28-Nilton, 12'/2ºT),15-Diogo Rincón (25-Acosta, 29'/2ºT) e 19-Lulinha (6-Éverton Ribeiro, 37'/2ºT);31-Dentinho e 17-Herrera. Téc: Mano Menezes.22-JúlioCésar2-FabioFerreira18-L­ima9-Finazzi
GOIÁS:1-Harlei,2-Vitor (14-Alex, 33'/1ºT),3-Ernando,4-Paulo Henrique e 6-Fabinho;5-Amaral, 8-Ramalho,11-Evandro e 10-Paulo Baier;9-Alex Terra e 7-Alex Dias(18-Schwenck 17'2ºt) Téc: Caio Júnior.+12RodrigoCalaça13RafaelMArques15­julioCesar16Fernando17AndersonAquino












Após Corinthians campeão da América, fiel torcida tomou as ruas e time foi comemorar no Anhembi
Jogadores levaram a taça inédita para a celebração com torcedores que acompanharam o jogo histórico por dois telões instalado no local
11h30 05/07/2015 - Agência Corinthians

Antes do apito final, a torcida alvinegra fez a festa no Pacaembu
© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
A festa do Corinthians varou a madrugada no dia 4 de julho de 2012. A torcida tomou as ruas da cidade de São Paulo após o apito final da vitória do Timão sobre o Boca Juniors por 2 a 0. No Anhembi, quase 30 mil torcedores acompanharam o jogo por dois telões instalados.

Foi justamente no Anhembi em que a celebração dos jogadores se estendeu. Algumas horas depois da partida, o elenco do Timão foi ao local com a taça inédita para comemorar os torcedores presentes.











Corinthians joga para entrar no G-4

Por GloboEsporte.com
Uma vitória no Serra Dourada terá muito valor parao Corinthians, a partir das 16h deste domingo Colado no G-4, o Timão tenta pôr fim a um longo tabu para mostrar que tem forças para brigar pelo título nacional. A equipe dirigida por Tite obteve quatro vitórias nas últimas cinco partidas, atingiu os 19 pontos e ganhou força em meio ao processo de reformulação do elenco

Heber Roberto Lopes apita a partida. Kleber Lucio Gil e Nadine Schramm Camara Bastos são os assistentes. A TV Globo transmite a partida para SP e PR (menos Curitiba) (com Cléber Machado, Casagrande e Leonardo Gaciba). Você assiste também pelo Premiere (com Linhares Júnior e Belletti) e acompanha, em Tempo Real com vídeos, no GloboEsporte.com.

 escalacoes
 O Goiás está escalado com Renan; Clayton Sales, Fred, Alex Alves e Diogo Barbosa; David, Rodrigo, Liniker e Felipe Menezes; Murilo e Wesley.

Corinthians: Tite não deve fazer alterações em relação ao time que venceu a Ponte Preta por 2 a 0 na última quinta-feira.

 Assim, o Corinthians deve começar a partida com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique; Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love.

quem esta fora

Goiás: o atacante Bruno Henrique está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Péricles tem lesão muscular, e Everton está em fase de transição.

Corinthians: o volante Cristian, em recuperação de um problema muscular na panturrilha direita, segue em tratamento e não foi relacionado.


pendurados:

Goiás: Alex Alves, Felipe Macedo, Felipe Menezes, Patrick e William Kozlowsk.

Corinthians: Edilson, Gil e Jadson.










05/07/2015 09h45

Jadson vê briga aberta pelo título e pede "pés no chão" ao Corinthians

Timão pode entrar no G-4 se vencer o Goiás no Serra Dourada. "Temos de mostrar jogando, ganhando para ter confiança. Ninguém disparou", diz o meio-campista

Por Carlos Augusto Ferrari

Jadson Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

Jadson afirma que o favoritismo se constrói em campo (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

Com quatro vitórias nas últimas cinco partidas, o Corinthians voltou a alimentar o sonho de conquistar o título do Campeonato Brasileiro. Apesar de evitar colocar o Timão como um dos favoritos ao troféu, o meia Jadson lembra que nenhuma outra equipe conseguiu abrir vantagem na classificação do torneio.

– Em todas as competições que entra, o Corinthians é favorito. Mas o favoritismo se constrói em campo. Temos de mostrar jogando, ganhando para ter confiança. O campeonato está aberto, ninguém disparou. Temos de manter os pés no chão, com muita pegada e dedicação – afirmou.

Com a boa sequência de resultados, o Corinthians atingiu os 19 pontos, subiu na tabela e encostou no grupo dos quatro melhores que se classificam para a Libertadores de 2016.

Mesmo passando por um período de reformulação do elenco, o Timão não permitiu que os rivais colocassem uma grande vantagem na tabela sobre ele. O líder, que na abertura da 11ª rodada era o Sport, tem três pontos a mais.

Em todas as competições que entra, o Corinthians é favorito. Mas o favoritismo se constrói em campoJadson

A ordem no clube, aliás, é de adotar muita cautela. Tite e a diretoria temem que a empolgação possa atrapalhar a equipe, como aconteceu no primeiro semestre. O Corinthians começou 2015 voando, com grandes exibições, mas despencou nos momentos decisivos. Acabou eliminado nas semifinais do Campeonato Paulista e disse adeus ao sonho do segundo título da Libertadores logo nas oitavas de final.

Para entrar no G-4, o Corinthians precisa vencer o Goiás, neste domingo, às 16h, no Serra Dourada. O adversário vive um jejum de sete partidas e precisa reagir para deixar a zona do rebaixamento.

– Sabemos da importância desse jogo. Não podemos achar que o Goiás é uma equipe boba por não estar vencendo. Jogando em casa, é uma equipe bastante complicada. Temos de respeitar. Essa vitória vai ser muito importante – ressaltou o meio-campista.









Elias tem recomeço com moral no Corinthians. Feliz, ele ficará no clube
Volante foi para a Seleção Brasileira, voltou como titular, diretoria garantiu fico e ele deu assistência em gol com vitória do Corinthians

Felipe Bolguese - 05/07/2015 - 09:30

Elias foi aplaudido no último duelo do Timão (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

A volta da Seleção Brasileira teve um cenário ideal para Elias. Tite o escalou como titular na vitória do Corinthians por 2x0 diante da Ponte Preta, a diretoria reforçou que não iria negociá-lo e, de quebra, ele deu uma assistência para Jadson abrir o caminho da vitória sobre a Macaca na Arena Corinthians...


Os fatos marcam um recomeço para o camisa 7, que tem mais um capítulo no duelo deste domingo, às 16h, Corinthians contra o Goiás, no Serra Dourada, pelo Brasileirão. Agora, ele se sente com o moral recuperado no clube alvinegro.

– Nunca demonstrei infelicidade aqui. Pelo contrário, estou em casa. O pessoal sabe da minha vontade, eu sei da vontade do Corinthians. É claro, se aparecer uma proposta irrecusável, a gente pensa. Mas sair para um time aqui do Brasil, é quase impossível este ano. Minha cabeça está aqui no Corinthians – ressaltou.
Neste Brasileirão, ele disputou apenas três partidas







Corinthians ‏@Corinthians

O último duelo foi pelo #Brasileirão em 2014, no triunfo por 1 a 0 do #Corinthians em Belém-PA. #CORxGOI @almanaquetimao


Corinthians ‏@Corinthians

O primeiro confronto entre as equipes aconteceu em 1968, na vitória por 4 a 1 do #Timão com três gols de Rivellino. #CORxGOI @almanaquetimao
Corinthians ‏@Corinthians

Em 47 jogos contra o Goiás, o #Corinthians venceu 17, empatou 17 e perdeu 13. #CORxGOI @almanaquetimao

Corinthians ‏@Corinthians

De olho no G-4 #DiadeCorinthians Bom dia, Fiel!