8 de jun de 2015

CORINTHIANS 08/06/2015



Corinthians/UNIP bate o Minas Tênis Clube
Diante da Fiel no ginásio do Parque São Jorge, o Timão voltou a vencer na LNF; Leandro Caires foi o destaque da noite, com dois gols no triunfo por 3 a 0
22h 08/06/2015 - FutsalAgência Corinthians

© Ronaldo OliveiraLuiz Gustavo fez sua estreia como titular no time adulto do Corinthians/UNIP


Nesta segunda-feira (08), o Corinthians/UNIP voltou a vencer na Liga Nacional de Futsal. No ginásio do Parque São Jorge, o Timão bateu o Minas Tênis Clube por 3 a 0, com dois gols de Leandro Caires, destaque da partida, que teve também boa atuação do goleiro Luiz Gustavo, em sua primeira partida como titular na equipe adulta do Alvinegro. O ala/pivô Deives fechou o placar.

Com o resultado, o Corinthians/UNIP chega aos 29 pontos, na quinta colocação da LNF, e mantém o melhor aproveitamento como mandante, com oito vitórias em 10 jogos. O próximo compromisso do Timão é nesta quarta-feira (10), às 19h30, diante do Taubaté, pela Liga Paulista de Futsal. No nacional, o Alvinegro volta à quadra no próximo dia 15 de junho, contra o Floripa.

A partida começou com o Corinthians/UNIP indo para cima em busca do resultado. Com apenas quatro minutos, o Alvinegro já havia obrigado o goleiro Thomaz a fazer ao menos três defesas difíceis. Aos sete minutos, a pressão deu resultado. Simi iniciou contra ataque e tocou a bola para Leandro Caires, que deixou o defensor para trás e bateu colocado no canto direito, abrindo o placar para o Coringão.

Com a vantagem do Corinthians/UNIP no placar, o Minas Tênis Clube foi para cima, mas esbarrou em grande noite de Luiz Gustavo, que fez duas defesas complicadas em sequência. Porém, a superioridade técnica alvinegra fez a diferença, e Leandro Caires voltou a balançar a rede. No último minuto da primeira etapa, Caio recebeu pelo meio e rolou para Leandro Caires no setor direito da quadra. Com força, o camisa 4 bateu cruzado e aumentou a vantagem.

O terceiro gol do Corinthians/UNIP saiu apenas a quatro segundos do fim da partida, quando o Minas atuava com goleiro linha. Neto iniciou contra ataque e rolou para Deives, que chutou colocado e fechou a conta no Parque São Jorge.

Estreante da noite, Luiz Gustavo celebrou o triunfo: “Substituir o Guitta não é fácil, ele é o melhor goleiro do mundo. Quero agradecer ao Patrick Sato (Preparador de goleiros), que me ajudou muito na preparação, tanto dentro de quadra, quanto psicologicamente. Estive sempre esperando a oportunidade e graças a deus ela surgiu e eu consegui sair de quadra sem sofrer gols”, disse. Já o ala Leandro Caires, autor de dois gols, projetou bons resultados na sequência do campeonato: “A equipe está de parabéns. Agora é viajar tranquilo para ter bons resultados fora de casa e decidir aqui no Parque São Jorge nas próximas fases”.

A equipe adulta de futsal do Sport Club Corinthians Paulista é patrocinada por UNIP-Universidade Paulista e Colégio Amorim.


08/06/2015 23h15

Corinthians anuncia o ala Pepita e fica próximo de um acerto com Marinho
Em quarto lugar na Liga Nacional de Futsal (LNF), Timão segue se reforçando para a temporada. Alvinegro vence Minas por 3 a 0 no Parque São Jorge pela 15ª rodada


Por GloboEsporte.comS



O Corinthians anunciou nesta segunda-feira a contratação do ala Pepita. O jogador de 27 anos estava atuando pelo Dínamo de Moscou, da Rússia, desde o início do ano. Na temporada passada, o atleta defendeu o Jaraguá, quando marcou 16 gols na Liga Nacional de Futsal, terminando em quinto na artilharia.





Pepita é o novo reforço do Corinthians para a temporada (Foto: Divulgação/Corinthians)

Ainda nesta segunda, o Timão ficou próximo de um acerto com o fixo Marinho. Com passagem marcante pelo Orlândia, o defensor estava atuando na Asif-RS. O anúncio oficial da contratação do jogador deve acontecer nos próximos dias.


Caso Marinho seja anunciado, esta será a terceira contratação do Corinthians desde o início da temporada 2015 da LNF. Na última semana de maio, o Alvinegro fechou com o ala/pivô Thiago Carioca, ex-Joinville.


Nesta segunda, o Corinthians derrotou o Minas por 3 a 0 no Parque São Jorge, pela 15ª rodada da LNF. Os gols da partida foram marcados por Leandro (dois) e Deives. O Timão ocupa atualmente a quarta colocação na classificação da primeira fase, com 29 pontos.

Marinho foi ídolo no rival Orlândia (Foto: Márcio Damião/Divulgação)

O próximo compromisso do Timão é nesta quarta-feira, às 19h30, diante do Taubaté, pela Liga Paulista. No nacional, o Alvinegro volta à quadra no próximo dia 15 de junho, contra o Floripa.







Lesões podem fazer Ralf ganhar nova chance no Corinthians

Evandro Furoni
8 JUN2015
21h01


Parecia o fim de uma era. Ralf, jogador com mais partidas vestindo a camisa do Corinthians no atual elenco, perdeu a vaga para Cristian e poderia estar perto do adeus. No final, o destino pode mudar as coisas. Uma semana depois de ter a a vaga, antes incontestável, perdida, ele pode voltar entre os titulares contra o Internacional . Tudo por causa da sequência de lesões no elenco.


Bruno Henrique sofreu um entorse no tornozelo esquerdo e ficará fora por duas semanas. Já Petros é dúvida após um trauma na coxa durante a vitória do Corinthians por 1x0 sobre o Joinville , mesmo com chance de atuar no fim de semana. Apesar de Ralf ter a característica mais de marcação, ao contrário dos outros dois jogadores, seria a única solução no elenco caso o técnico Tite não arrisque promover alguém da base.

No treino de segunda, Ralf participou normalmente da atividade junto aos jogadores que não começaram o jogo no último sábado. O grupo fez uma partida em campo reduzido com a equipe Sub-17.

Ralf tem contrato apenas até o fim do ano, e a perda da titularidade formentou as especulações de que o volante sequer termine o ano no Parque São Jorge.
Mesmo que jogue contra o Internacional, ele ainda poderia defender outro clube no Campeonato Brasileiro . Seria a quinta partida na competição, sendo que o limite antes de se transferir é de seis jogos. "Não sei até que parte é verdade isso de que não querem renovar. Estou focado no meu objetivo. Se o Corinthians achar que não tem que contar mais com o Ralf, vou seguir minha vida, até porque tenho família que depende de mim", afirmou o atleta.


O que dificulta a situação do volante dentro do clube é o aspecto financeiro. Não só Ralf tem um salário considerado alto como também move na Justiça uma ação junto aos agentes cobrando R$ 2,8 milhões do clube, resultado de um acordo feito pelo Corinthians para comprar parte dos direitos dele em 2012.

Até o momento, o clube não tomou a mesma ação feita com outros atletas que tiveram a saída do clube confirmada. Emerson e Guerrero não foram mais relacionados a partir do momento em que foi decidido que não renovariam. O próprio técnico Tite manifestou apoio a Ralf, desejando que o seu vínculo fosse esticado.


"Sentam o atleta, a direção e o técnico e cada um coloca a sua posição", declarou o treinador após o jogo contra o Joinville. Resta saber como será a evolução de Petros durante a semana para descobrir a situação de Ralf dentro do Corinthians. Caso Tite não posar mesmo contar com o camisa 40, a briga ficará entre o experiente volante e Marciel, jovem atleta que nunca iniciou uma partida profissional pelo Corinthians.













CORINTHIANS FUTSAL VENCE  POR 3X0 NO PQ SAO JORGE JOGO CONTRA MINAS
DOIS GOLS DE LEANDRO E UM DE DEIVES, SOMA 29 PONTOS EM 4º LUGAR, TERÁ 4 JOGOS SEGUIDOS FORA DE CASA, JÁ CLASSIFICADO

S.C. Corinthians Paulista
5 iniciais Jogador
2 - Luiz
5 - Neto
9 - Elisandro
  10 - Deives 1
13 - Valdin


Banco Jogador
1 - Careca
  4 - Leandro 2
6 - Munin
  7 - Nene
8 - Caio
11 - Simi
12 - Arthur
15 - Charuto
19 - Rafael
Comissão Técnica
Fernando Ferretti














Cássio vê Corinthians na briga pelo título do Campeonato Brasileiro
Marcos Guedes
8 JUN 2015 20h32
A vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre o lanterna Joinville reacendeu o otimismo em ao menos um jogador do Corinthians. Satisfeito por não ter tomado gol em Santa Catarina, Cássio viu seu time ganhar espaço na tabela do Campeonato Brasileiro, com distância de cinco pontos para o líder

"A gente tem time para chegar. Com todo o respeito a todos os times do Brasileiro, estão na frente equipes que não eram colocadas como candidatas à liderança. Temos time para brigar pelo título", afirmou o goleiro.


O caminho apontado por Cássio passa por manter a consistência defensiva e evitar a perda de pontos em casa.

Para brigar pelas primeiras posições, apontou o guarda-metas, a equipe precisa de um bom comportamento durante a transformação pela qual está passando. Houve alterações em todos os setores desde o melhor momento na temporada, registrado entre fevereiro e março


"A gente está fazendo tudo o que pode. O time vem lutando, trabalhando, mas tem muitas coisas que... Não digo atrapalhando, mas há jogadores que não sabem se vão ficar, mudanças, trocas", disse Cássio.


Ainda assim, o herói das históricas conquistas de 2012 acredita na possibilidade de colocar o Campeonato Brasileiro de 2015 em sua galeria de títulos. Para ele, não há "ninguém se destacando" a ponto de tirar o Corinthians da disputa. "Temos time para brigar", repetiu.
























  • Confira imagens do treino do Corinthians desta segunda













O Corinthians teve o centroavante André oferecido pelo atlmin, mas não pretende abrir negociação













Cássio apresenta soluções alvinegras: "não tomar gol e, quando tem oportunidade, tem que matar",

Marcos Guedes

8 JUN 2015 20h26

O Tite supostamente ofensivo que voltou ao Corinthians após um ano sabático já faz parte do passado. A solução apresentada pelo gaúcho para o já duradouro momento de instabilidade alvinegra na temporada, contou Cássio, é voltar ao modelo de prioridade à defesa.

"Temos que manter nosso padrão de jogo. Muitas vezes, se você não consegue marcar, não pode tomar gol. Tem que segurar lá atrás. Falamos antes do jogo contra o Joinville: o primeiro passo é não tomar gol e nos manter sólidos lá atrás. Sempre foi assim. E, quando tem oportunidade, tem que matar", afirmou o goleiro.

A equipe não foi propriamente matadora na frente, mas a estratégia deu resultado diante do Joinville, no triunfo por 1 a 0, fora de casa - uma das substituições foi a entrada do cabeça de área Ralf no lugar do meia Renato Augusto. "A gente tomou cinco gols em dois jogos, não é bom. A defesa sempre se mostrou sólida, e nos cobramos sobre isso. A gente nunca foi um time que ganhou quatro seguidas de dois, três gols de diferença. A gente sempre teve a defesa forte e ganhava de 1 a 0, 2 a 0, nunca com placares elásticos", comentou Cássio.

Gaúcho como o chefe, o goleiro foi peça-chave nas conquistas históricas do Corinthians em 2012,ele espera mais placares como o dos triunfos sobre Al Ahly e Chelsea no Japão. "A parte defensiva sempre foi o ponto forte."




Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva










“Temos de trabalhar e evoluir cada vez mais”, afirma corinthiano Cássio
O goleiro alvinegro disse que o Corinthians tem time para disputar as primeiras posições do Brasileirão, mas não pode mais perder pontos em casa
18h36 08/06/2015 - FutebolAgência Corinthians



© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansPróximo compromisso alvinegro será no sábado contra o Internacional



Depois da vitória sobre o Joinville por 1 a 0 fora de casa no último sábado (06), o elenco do Corinthians se reapresentou nesta segunda-feira (08) no CT Dr. Joaquim Grava. Após o treino, Cássio falou com a imprensa. Na entrevista coletiva, o goleiro do Timão prometeu o crescimento da equipe alvinegra durante o Campeonato Brasileiro.

“Temos de trabalhar e evoluir cada vez mais”, afirmou o camisa 12. A semana será cheia de treinamentos, já que o Corinthians só volta a jogar neste sábado (13), contra o Internacional, na Arena Corinthians. “Temos uma semana boa para trabalhar, antes vínhamos de um jogo atrás do outro”, acrescentou.

Voltando ao assunto da evolução do time durante a competição nacional, para Cássio, o Timão tem equipe com potencial para brigar pelas primeiras posições. O goleiro já designou uma meta para que o Alvinegro passe a figurar no topo da tabela.

"Tem time para chegar. Há times que ninguém comentava, caso do Atlético-PR, que é o líder. Temos o objetivo de chegar lá na frente, e o principal é não perder mais em casa", declarou Cássio. O Corinthians está atualmente na oitava posição do Brasileirão 2015, com dez pontos ganhos em seis rodadas.


Corinthians se reapresenta após vitória Lateral-esquerdo treinou mais avançado e se destacou

LANCEPRESS! - 08/06/2015 - 18:12

Uendel se destacou em treino do Corinthians (Foto: Miguel Schincariol/ LANCE!Press)

Após o Corinthians vencer o Joinville por 1 a 0 no último sábado e ganhar folga no domingo, o elenco se reapresentou nessa segunda-feira. Os titulares da equipe ficaram na academia

Em campo, o técnico Tite organizou um atividade na qual os jogadores reservas enfrentaram garotos do time sub-20. Era permitido dar apenas três toques na bola, a fim de valorizar a posse e acelerar a tomada de decisões. O destaque ficou por conta do lateral-esquerdo Uendel, que jogou mais adiantado, na linha de meias, mandou uma bola na trave e ainda fez um gol.

Vagner Love, por sua vez, segue ainda sem mostrar o que se espera dele. O atacante perdeu algumas oportunidades e ainda cometeu erros bobos de passes e finalizações.

O Timão volta a treinar na manhã dessa terça-feira, no CT Joaquim Grava.

Emerson Sheik, de saída do Timão, nem sequer apareceu no CT Joaquim Grava. O jogador foi dispensado para resolver "questões particulares", segundo a assessoria de imprensa do clube.







'Com certeza vamos brigar lá em cima', diz Renato Augusto

Meia falou sobre as influências dos salários atrasados e os motivos pela queda de desempenho da equipe em 2015

RADAR/LANCEPRESS! - 08/06/2015 - 18:06
Renato Augusto. O camisa 8 do Corinthians tentou explicar o porquê da equipe ter caído tanto tecnicamente.

- Foram vários pequenos fatores. A gente começou a temporada tendo que dar uma resposta muito alta, em alto nível, a gente já tinha jogos decisivos de Libertadores. Talvez a gente tenha chegado em um nível top muito rápido e talvez tenha caído. Quando a gente caiu um pouco foi em um momento muito decisivo, que era oitavas de final da Libertadores e as finais do Paulista. A gente oscilou em um momento ruim, e quando você acaba sendo eliminado num clube como o Corinthians, que a pressão acaba sendo maior, por tudo que a gente falou aqui sobre final de contrato com alguns jogadores, a saída de alguns jogadores, então a oscilação acabou descendo até demais. A gente subiu muito rápido e na hora da queda a gente também caiu muito. Agora é tentar achar um novo padrão tático, um novo time, pra poder encaixar e jogar bem. A gente está começando a achar algumas soluções, acredito que nos últimos dois jogos a gente voltou a fazer um jogo bom. Não é um jogo ainda de alto nível, mas acredito que a evolução vai ser natural - disse, ao Seleção SporTV.

Renato Augusto faz parte do grupo de atletas que está com direitos de imagem atrasados. Na carteira de trabalho, que corresponde à 60% dos seus vencimentos, o Corinthians está em dia. Apesar das promessas de Roberto de Andrade e Edu Gaspar, os vencimentos ainda não caíram. O meia garante que os salários não influenciam dentro de campo.

- Acredito que não, mas por outro lado é ruim porque atrapalha um pouco entrar em campo sem saber muito o que vai acontecer em pouco tempo. Pra quem não está na situação, não atrapalha muito. Alguns jogadores que estão com contrato acabando ou que talvez devam ser vendidos, acaba atrapalhando um pouco. Ninguém nunca entrou no campo não fazendo o máximo, não jogando 100%, devido ao qualquer tipo de problema, tanto de salário quanto de renovação de contrato. Então acho que tem que ser valorizados os profissionais que estão aqui dentro, porque mesmo com os problemas continuamos fazendo de tudo para ganhar. É claro que em alguns momentos a vitória não veio, mas o trabalhou continuou e com certeza vamos voltar a brigar lá em cima - afirmou Renato Augusto.

O meia também falou sobre a influência que os salários atrasados causam na vida dos atletas.

- Você se programa para uma coisa e depois não entra, não acaba acontecendo, você tem que dar um passo para trás. Segurar em algumas coisas, evitar alguns gastos desnecessários, e rezar para que caia as imagens, mas eu sempre tive minha vida controlada, então não é uma coisa que acabe me prejudicando tanto, porque eu tento diminuir os gastos caso ocorra alguma coisa assim e eu esteja preparado. Por outro lado, a parte de salários está em dia. Só a parte das imagens que estão algumas parcelas atrasadas. Procuro me fixar mais na parte dos salários pra não ter que sofrer tanto - contou o meia.






Dinei conversa com o LANCE! no metrô e diz: 'Aqui é Corinthians, mano!'
Ídolo da torcida corintiana tem dia de cidadão comum na capital paulista e vai de metrô buscar seu carro quebrado em oficina

Bruno Grossi - 08/06/2015 - 17:25

Claudinei Alexandre Pires, aos 44 anos, deixou sua casa na região do Tatuapé, Zona Leste paulistana, pouco depois do almoço desta segunda-feira. fez o que outros milhares de paulistanos fazem diariamente: embarcou em um trem da Linha 3-Vermelha do Metrô e rumou para o outro extremo da cidade de pé, equilibrando-se nas barras de apoio do vagão.

A cada estação no trajeto até a Zona Oeste da capital paulista, mais olhares miravam Claudinei dos pés à cabeça. "É ele?", foi pergunta frequente enquanto alguns passageiros mais corajosos arriscavam cumprimentos e até pedidos por uma foto. Pacientemente, Claudinei abria um largo sorriso com os apertos de mão e, aos poucos, deixava de ser um cidadão comum para ser Dinei, personagem rico na história do Corinthians.

- Sou gente igual todo mundo, irmão... Não tem essa de não andar de ônibus ou metrô. Fiz isso minha vida toda até virar profissional e comprar um carro, por que não faria agora? - respondeu, em meio a riso contido, o único tricampeão brasileiro com a camisa do Timão (1990, 1998 e 1999).

Aposentado há 11 anos, Dinei sabe que hoje consegue circular de transporte público sem enfrentar tanta euforia de torcedores. Mas sabe também que agora pode encarar um novo tipo de fã, como algumas mulheres que o estigmatizam como o participante de uma das edições do reality show "A Fazenda", exibido pela TV Record.

Dinei e Claudinei, juntos, fazem todo o esforço para que a fama não tenha os mesmos efeitos que tiveram na década de 1990, quando a alegria e os gols deram lugar ao drama das drogas. As duas faces de quem também foi campeão mundial pelo Corinthians em 2000 tentam ser resistentes aos deslumbramentos e pregar pela humildade.

- Não tem problema nenhum andar de metrô. Primeiro porque aqui é Corinthians, mano! Depois, porque tem horários aqui em São Paulo que fica mais fácil deixar o carro em casa mesmo. Como o meu quebrou no fim de semana e deixei em uma oficina na Barra Funda, vim de metrô. Sempre fui humilde e não gosto de ver o que vejo quando vou a jogos e treinos do Corinthians... É muita máscara! - lamentou.

Após agradecer a conversa com a reportagem do LANCE!, jornal que ele assegura acompanhar, Dinei avisou que não subiria a escada convencional da estação BarraFunda (que ironia!). O motivo? "Meus joelhos não aguentam mais!". A caminhada até a escada rolante garantiu mais alguns segundos de conversa e uma foto posada.

O vagão parado no "cenário" da fotografia exibia adesivo com a indicação "18º trem modernizado pelo Metrô". Uma coincidência simples, quase insignificante, com o camisa 18 usada por Dinei nos tempos de xodó da Fiel.















Corinthiano Cássio confia no ataque, mas ve importância em focor a defesa

Cássio disse que Corinthians sempre priorizou defesaFoto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians


“Desde que cheguei aqui, a parte defensiva sempre foi um ponto forte. A gente acompanha estatísticas, até para bater os objetivos, sempre aparecemos entre as melhores defesas. Nossa defesa sempre se mostrou sólida e teve uma série em que tomou cinco gols em dois jogos. Até nos cobramos sobre isso. A gente sempre ganhou jogos por 1 a 0, 2 a 0, nunca ficamos marcados por placares elásticos”, comentou o goleiro Cassio.

“A gente confia no Love e nos outros atacantes. Se você ver, o Romero ficou um tempo fora e entrou. Não fez gols, mas teve boas partidas. Ele ajuda muito, corre muito e taticamente faz o que é pedido. Já o Love entra faltando 20 minutos para acabar o jogo, e é difícil ate entrar no ritmo de jogo”, analisou o goleiro.

Apesar do voto de confiança, o Corinthians corre atrás de novos nomes para o ataque. O favorito é o colombiano Téo Gutiérrez, que joga no River Plate. Dado o momento de transição do elenco, Cassio pede paciência para o torcedor.

“Há muitas coisas acontecendo, jogadores que não sabem se vão ficar, saída de jogadores. É um momento de mudança”, afirmou Cassio.

O ponto positivo é que a defesa voltou a funcionar na vitória contra oJoinville . Apesar de ter sofrido pressão no final, o Corinthians voltou a vencer e não tomou gols. Ultimamente, Tite tem tentado soltar o time com as entradas de Cristian no meio e Mendoza no ataque. Os resultados, contudo, ainda não apareceram.

Ralf agora é opção do Corinthians nos últimos dois jogosFoto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians


“Temos que manter padrão de jogo. Se não conseguir marcar tem que segurar lá atrás. Falamos muito sobre isso contra o Joinville, que temos que segurar lá atrás. Nosso time sempre foi de não criar muitas chances, mas quando chegar lá tem que matar o jogo”, explicou Cassio.


Isso não quer dizer que o Corinthians vai apelar para um futebol feio para seguir em recuperação no Campeonato Brasileiro. Na visão de Cassio, o elenco tem totais condições de usar a semana cheia de trabalho para mostrar um futebol mais vistoso contra o Internacional .

“Temos uma semana boa para trabalhar, antes vínhamos de um jogo atrás do outro, a pressão vinha aumentando de acordo com a falta de resultados positivos. Querer ganhar a qualquer custo não existe, temos que trabalhar e evoluir cada vez mais”, disse.


Cássio põe Timão na briga pelo título: 'Não vejo ninguém se destacando'
Goleiro destaca a força do Corinthians e afirma que é preciso não perder mais pontos em casa para brigar pelo Nacional. Baixo número de gols precisa mudar segundo ele
LANCEPRESS! - 08/06/2015 - 17:56

Cássio confia na força do Corinthians (Fotos: Eduardo Viana/LANCE!Press)

 Na reapresentação do elenco alvinegro nessa segunda-feira, o goleiro Cássio concedeu entrevista coletiva e exaltou a força da equipe e disse que o Timão tem força para brigar pelo título brasileiro e uma vaga na Copa Libertadores do ano que vem.

Oitavo colocado após seis rodadas, o clube tem dez pontos, cinco a menos que o líder Atlético-PR, e está no oitavo lugar. Para subir na classificação, Cássio diz que o time precisa fazer prevalecer a sua força na Arena:


- Temos time para chegar, com todo respeito aos outros times, não vejo ninguém se destacando até agora. Há times que ninguém comentava, caso do Atlético-PR, que é o líder. Temos o objetivo de chegar lá na frente - afirmou.

Na conversa com os jornalistas, o arqueiro também mencionou algumas mudanças na equipe, que segundo ele dificultam o entrosamento. Ele também foi questionado sobre a possível contratação do colombiano Teo Gutiérrez, do River Plate (ARG), mas preferiu não entrar em detalhes e disse confiar nos atacantes do elenco corintiano.

Cássio também falou que o time precisa mais calma para finalizar e, assim, fazer mais gols. Até o momento, o Corinthians marcou quatro vezes no Nacional.


- É preciso ter esse cuidado agora. Temos o objetivo de chegar ao título ou à Libertadores, então temos de buscar os resultados já agora, nesse último jogo, por exemplo, poderíamos ter tido um placar mais elástico - analisou.











08/06/2015 16h30

Renato Augusto vê luta do Corinthians pelo topo
Meia reconhece que problemas financeiros e de contratos prejudicam o trabalho, mas garante que elenco se dedica e afirma que o Corinthians voltou a fazer bons jogos


Por SporTV.com



O meia Renato Augusto reconhece que as dúvidas sobre o futuro de alguns jogadores do Corinthians estão atrapalhando o desempenho da equipe. No entanto, o meio-campista acredita que nenhum de seus companheiros deixou de se dedicar por problemas internos, como a renovação de contrato ou atraso nos pagamentos. Assim, o jogador espera que o Timão lute pelo título brasileiro.


- É ruim, atrapalha um pouco, o jogador entrar em campo sem saber muito o que vai acontecer com ele em pouco tempo. Para quem não está nessa situação, não atrapalha muito. Para os jogadores têm contrato acabando ou que podem ser vendidos, atrapalha um pouco. Mas ninguém nunca entrou em campo sem dar o máximo, sem jogar 100%, por causa de problema de salário ou de renovação de contrato. Temos que valorizar os profissionais aqui dentro. Mesmo com todos os problemas, continuamos fazendo de tudo para ganhar. Claro que em alguns momentos a vitória não veio, mas o trabalho continuou e vamos brigar lá em cima - disse o jogador, em entrevista ao "Seleção SporTV".

Renato Augusto comemora com Jadson gol sobre o Joinville (Foto: Ricardo Taves / Ag. Corinthians)

Renato Augusto afirmou que a diretoria ainda não acertou totalmente seu pagamento, mas mostrou confiança na direção do clube.


- Não está em dia, mas a gente vem conversando bastante. Conversei com o Roberto (de Andrade, presidente) e com o Edu (Gaspar, gerente de futebol). Confiamos bastante neles e sabemos que, dentro de poucos dias, as coisas serão normalizadas. Se Deus quiser, esse assunto vai acabar.


Depois de fazer a melhor campanha da primeira fase do Paulistão e terminar em primeiro lugar no seu grupo na Libertadores, o Corinthians acabou eliminado das duas competições. Renato Augusto acredita que a equipe está reencontrando seu caminho depois do momento de turbulência.


- Foram vários pequenos fatores. A gente começou a temporada tendo que dar uma resposta muito alta, já tínhamos jogos decisivos de Libertadores. Talvez a gente tenha chegado ao nível top muito rápido e caiu um pouco. Quando a gente caiu um pouco, era um momento decisivo, com oitavas da Libertadores e finais do Paulista. A gente oscilou em um momento ruim. Quando você é eliminado em um clube como o Corinthians, (...) a gente acabou descendo até demais. A gente subiu muito rápido e, na hora da queda, também caiu muito. Temos que achar um novo padrão tático, um novo time, para encaixar e voltar a jogar bem. Isso está acontecendo, estamos começando a encontrar algumas soluções. Nos últimos dois jogos, voltamos a jogar bem. Não foi no mais alto nível, no top, mas acredito que a evolução vai ser natural.


Depois de vencer o Joinville por 1 a 0, o Corinthians ocupa a oitava posição da Série A, com 10 pontos. Na próxima rodada, o Timão vai receber o Internacional, no próximo sábado, na Arena Corinthians

















Lesão no tornozelo tira Bruno Henrique do Corinthians por duas semanas
8 JUN2015
16h41

Os exames feitos por Bruno Henrique detectaram uma entorse de grau dois no tornozelo direito. O volante do Corinthians se machucou em entrada de Renato, ainda no primeiro tempo da vitória sobre o Joinville, no último sábado, e está fora das próximas rodadas do Campeonato Brasileiro.

Petros, que o substituiu em Santa Catarina, ainda não sabe se terá condições de enfrentar o Internacional, no próximo sábado, na Arrena Corinthians. O baiano também se machucou no Sul, sofrendo pancada na coxa direita, e será reavaliado pelo departamento médico alvinegro.

O técnico Tite já está sem o titular da posição, Elias, a serviço da Seleção Brasileira. Assim, se não tiver Petros à disposição para o confronto do final de semana, deverá adiantar Cristian para a vaga de segundo volante e promover o retorno de Ralf à cabeça da área.

O gaúcho também seguirá sem o atacante Luciano, em recuperação de lesão muscular na coxa direita há mais de um mês. São possíveis novidades na frente, porém, com a entrada de Vagner Love no lugar de Romero.























Gazeta Esportiva


Corinthians tem desfalque de Bruno Henrique por 20 dias; Petros sem problemas, deve ser substituto. Corinthians ainda sem Elias, com Seleção brasileira e Luciano, também contundido
Lancepress


8/06/15 16:00 Atualizado em08/06/15 16:00 



Bruno Henrique ficou apenas 19 minutos no gramado da Arena Joinville. E a lesão que tirou o volante do jogo no último sábado à noite não foi tão leve como a comissão técnica do Corinthians esperava. Após exames, ficou constatada uma entorse grau 2 no tornozelo esquerdo do camisa 25, que ficará de molho por cerca de 20 dias.

A lesão de Bruno chega no momento em que ele substitui Elias, convocado para a Copa América. A sequência de jogos tão esperada pelo camisa 25 não será aproveitada, já que seu retorno aos gramados deve coincidir com a volta do titular ao CT Joaquim Grava.

A boa notícia ficou por conta do problema na perna esquerda de Petros, que não conseguiu terminar a partida contra o Joinville. O camisa 40, porém, teve apenas um trauma no local e ficará sob observação. Com isso, ele ficará à disposição de Tite para o duelo do próximo sábado, Corinthians x vicinter, na Arena Corinthians.

Já o atacante Luciano, que se recupera de uma lesão muscular na coxa direita, ainda não estará apto a jogar contra os gaúchos. Apesar de já estar liberado para trabalhar a parte física, o camisa 18 ficará à disposição para o duelo do Corinthians contra san7os na vilinha dia 20







CORINTHIANO MEIA RENATO AUGUSTO DIZ QUE ELENCO FAZ O SEU MELHOR E SITUAÇÃO SÓ MELHORA COM VITÓRIAS. PENDENCIAS FINANCEIRAS DO CORINTHIANS NÃO TIRAM VONTADE DO GRUPO. CRE NA VOLTA DO BOM FUTEBOL. CONFIAM NA DIRETORIA PARA RECEBER EM BREVE. CRE QUE QUEDA DE RENDIMENTO OCORRA DEVIDO AO NIVEL ALTO TER CHEGADO ANTES DO NECESSARIO, DEVIDO A PREPARAÇÃO ANTECIPADA POR PRIMEIRA FASE DA LIBERTADORES DA AMÉRICA. CORITHIANS BUSCA NOVO PADRÃO TATICO, NOVO TIME PARA VOLTAR A ATUAR BEM E CRE ESTAR NO CAMINHO PARA ISSO EM EVOLUÇÃO NATURAL








Negociação com Gutiérrez avança e Corinthians agenda viagem para a Argentina
Por Jorge Nicola
6 de junho de 2015 12h21min
Blog do Jorge Nicola
Atacante do River Plate quer jogar no Brasil e conversa com o Timão desde a semana passada
As chances de Teófilo Gutiérrez  ser do Corinthians aumentaram consideravelmente nos últimos dias. A ponto de o clube estudar a possibilidade de enviar um dirigente na segunda-feira para Buenos Aires, onde estão o advogado Alberto Fochi Moreno e o empresário Luis Alberto Azerrad, que representam o atacante do River Plate.
Gutiérrez também fica em Buenos Aires até terça-feira, quando a seleção colombiana embarca para Santiago, no Chile, palco da Copa América - a primeira fase de preparação da Colômbia ocorreu na capital argentina.
“Eu e o atleta sabemos da importância mundial do Corinthians. Qualquer tipo de oferta formal será olhada com muito orgulho e respeito”, afirma Azerrad, responsável por levar o nome de Gutiérrez ao Corinthians, conforme o Blog revelou com exclusividade em 27 de maio. “Estamos buscando uma negociação que agrade ao Corinthians, ao jogador e ao River Plate”, acrescenta.
Gutiérrez assinou nesta semana uma ratificação dando a Fochi Moreno e a Azerrad a exclusividade para negociá-lo ao Corinthians. Um dos trechos do documento afirma que “desautoriza qualquer outra pessoa que não sejam Moreno e Azerrad a contratar, negociar, participar e ou intervir em qualquer negociação e ou gestão relativa à minha transferência ao Sport Club Corinthians Paulista”.
Eleito o melhor jogador das Américas no ano passado, o artilheiro tem contrato com o River Plate até junho do ano que vem. O time argentino é dono de 50% dos direitos econômicos e aceita negociá-lo após sua participação na Libertadores da América por aproximadamente R$ 7 milhões. Vale lembrar que o River está na semifinal
A intenção alvinegra é contratar Gutiérrez Ao Blog, Gutiérrez revelou no domingo passado o desejo de se transferir para o Brasil, país que ele aprendeu a gostar durante a Copa do Mundo do ano passado - ele esteve com a Colômbia


Corinthians tiene como prioridad contratar a 'Teo' Gutiérrez

Actualizado hace 23 minutos




El goleador de River Plate y de la Selección Colombia iría al club brasileño.

Desde hace unas semanas un nuevo probable destino se abrió para Teófilo Gutiérrez, quien se encuentra concentrado con la Selección Colombia para la Copa América de Chile 2015. Así, desde Brasil se viene mencionando su nombre como posible refuerzo de grandes clubes como  ahora del Corinthians.
Este lunes, el diario Lance informó que Corinthians tiene como prioridad buscar la contratación de Gutiérrez, quien no seguirá con River Plate, de Argentina, en la próxima temporada.

El club brasileño se fijó hasta el próximo sábado la fecha para concretar la operación e incluso Lance habla del viaje del gerente Edu Gaspar a Buenos Aires para dialogar con 'Teo'.

















Corinthians retweetou

Arena Corinthians ‏@A_Corinthians 11 hHá 11 horas

Setores Norte e Leste Inferior também estão esgotados para Corinthians x Inter. #FielTorcedor #VaiCorinthians

Arena Corinthians ‏@A_Corinthians 13 hHá 13 horas

Sócios do @fieltorcedor, termina hoje a venda de ingressos pro jogo contra o Inter. Todos os setores - exceto Sul - têm disponibilidade!

















Corinthians participa de campanha contra o trabalho infantil

10h20 08/06/2015 - Responsabilidade Social
Agência Corinthians


© Ricardo Taves/Ag. Corinthians
 As camisetas dos jogadores alvinegros trarão três mensagens de apoio à causa
As camisetas dos jogadores alvinegros trarão três mensagens de apoio à causa
Neste sábado (13), às 16h20, o Corinthians enfrenta o Internacional pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro de 2015. Além de buscar os três pontos na Arena Corinthians, o Timão entrará em campo por uma causa nobre: a luta contra o trabalho infantil.

Os jogadores corinthianos entrarão no gramado da Arena Corinthians com uma camiseta fornecida pelo Ministério Público do Trabalho, que organiza a Campanha Contra o Trabalho Infantil. Nas peças utilizadas pelos atletas, estarão três mensagens: “12 de junho. Dia contra o trabalho infantil”; “Não ao trabalho infantil”; e “Sim à educação de qualidade”.





CORINTHIANS

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA


Valor de mercado total
82,25 M €(considerando Alexandre pato pertencer ao Corinthians)

Competição : Campeonato Brasileiro Série A
Jogadores no plantel: 31
Média de idade: 26,3
Estrangeiros: 3 9,7 %
Jogadores de Seleção: 3


Títulos campeonatos nacionais: 5 última vez 2011
Títulos taças nacionais: 3 última vez 08/09
Estádio: Arena Corinthians 61.606 lugares
Balanço atual de transferência: +14,22 M €
ø-valor de mercado: 2,30 M €

Valor de mercado total
71,25 M €
5X3X2X1X1X



CORINTHIANS VALOR DE MERCADO









Recuperado, Casagrande brinca com infarto: "Trocar meu nome para madre Teresa"


Por 08/06/2015 09:02


Ex-jogador de Corinthians  revelou que não teve medo de morrer com o problema no coração

Depois de ter sofrido um infarto no último dia 29 de maio, com necessidade de passar por duas cirurgias no coração, e ficar uma semana internado, Casagrande já está liberado para voltar aos trabalhos na TV Globo, onde é comentarista - ele submeteu-se a cateterismo e angioplastia, além de ter colocado dois stents (pequenos tubos que impedem o estreitamento da artéria).

Demonstrando bom humor, o ex-jogador do Corinthians disse em entrevista à Folha que busca novas fontes de satisfação para substituir antigos prazeres. "Agora vai ter mais cinema, teatro e boliche. Não vou renegar shows de rock, mas irei com menos frequência", disse Casagrande.

"O Casagrande não existe mais. Vou ao cartório trocar meu nome para madre Teresa de Calcutá", comentou Casão, explicando como foi o momento do infarto. "Comecei a sentir dores no braço, no peito, nas costas e no pescoço. Pensei que algum nervo estivesse pinçando, inflamado, e queria fazer shiatsu. Como o desconforto aumentava, o Leonardo (seu filho) me levou ao hospital. Foi fundamental porque a rapidez no socorro impede a necrose do coração", contou.

Na entrevista, Casagrande revelou que não teve medo de morrer. "Pelos sintomas, dava para perceber que não havia esse risco (de morte). Já passei por situações piores, quando tive as overdoses. Fiquei tranquilo e consciente, acompanhando os procedimentos dos médicos pelo monitor de vídeo", falou o ex-atleta.

Casagrande já sobreviveu a quatro overdoses por uso de cocaína e heroína, já pegou hepatite C e teve que ser internado após um grave acidente de carro em 2007, na Zona Oeste 


"Estava sem beber álcool havia quatro meses. Já tinha cortado, até mesmo bombom com recheio de licor, creme de papaia com cassis... Mas fumava e comia de tudo, sem preocupação com gordura, sal, açúcar. Agora, além de não beber, já parei de fumar e entrei numa dieta rigorosa", finalizou o comentarista.





Sem beber há 4 meses, Casagrande para de fumar após infarto
8 JUN 2015 09h25 atualizado às 09h33
Gradualmente, os hábitos do ex-jogador Walter Casagrande mudaram radicalmente se comparados há dez anos. Em entrevista ao jornal Agora, e reproduzida pela Folha de S.Paulo, o atual comentarista da Rede Globo contou que, após o infarto sofrido no dia 29 de maio , parou de fumar e entrou em uma dieta rigorosa. Bebidas alcoólicas ele já não consome faz quatro meses.


“Já tinha cortado, até mesmo bombom com recheio de licor, creme de papaia com cassis... Mas fumava e comia de tudo, sem preocupação com gordura, sal, açúcar”, contou o ex-jogador, que se mantém afastado da cocaína e heroína desde que passou pela última overdose, em 2008.

Na entrevista, Casão conta que resolveu parar drasticamente de beber quando percebeu que voltava a ter hábitos perigosos para uma pessoa que luta contra a dependência química. A morte de sua mãe ajudou a desregrar mais uma vez a sua vida.


“Entrei num movimento psicológico de me chicotear: eu dormia pouco, fumava muito e também exagerava na bebida. Me convenci, há quatro meses, que precisava buscar ajuda, pois aquele estilo de vida era um fator de risco para um dependente químico. Foi aí que procurei suporte terapêutico e parei de beber”, disse ao Agora.


Casagrande já está de alta médica e viajará ao Chile para cobrir a Copa América pela Rede Globo. A mudança de estilo de vida também é justificada pelos conselhos médicos: para se recuperar do infarto, o ex-jogador passou por um cateterismo e uma angioplastia para desentupir as artérias e colocou dois stents para evitar o estreitamento delas. Seu coração já não permite mais abusos.


"Encaro o infarto como o último degrau das consequências do meu estilo de vida anterior. Tenho um coração sofrido, que batia forte quando eu cheirava, depois desacelerava bruscamente. O que me fez suportar tudo isso é o fato de ter sido atleta", completou.






NÚMEROS: Jadson é o melhor em vitória do Corinthians sobre o Joinville
Meia marcou gol que trouxe tranquilidade ao Timão, após dias conturbados, e ganhou melhor nota do time durante a partida em Santa Catarina na avaliação do LANCE!


RADAR/LANCEPRESS! - 08/06/2015 - 10:11

Jadson comemora seu gol contra Joinville (Foto: Ricardo Taves/Agência Corinthians)

O Corinthians venceu o Joinville, por 1 a 0, na Arena Joinville, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, trazendo tranquilidade para o elenco comandado por Tite. O gol foi marcado por Jadson, em um belo chute de fora da área. O tento e a boa atuação diante dos catarinenses deram ao meia a melhor nota do Timão na partida na avaliação do LANCE. Confira a seguir:




CORINTHIANS

Jogador com a melhor nota L! - Jadson (7,0)
Jogador com mais chutes certos a gol - Jadson (2)
Jogador com mais desarmes - Mendoza (5)
Total de defesas do goleiro - Cássio (5)
Jogador mais faltoso - Romero (2)
Total de posse de bola do time no jogo - 14'00 (49%)













Estatísticas do Corinthians

PONTOS GANHOS

Em casa 3

Fora de casa 7

Total 10

VITÓRIAS

Em casa 1

Fora de casa 2

Total 3

EMPATES

Em casa 0

Fora de casa 1

Total 1

DERROTAS

Em casa 1

Fora de casa 1

Total 2

GOLS MARCADOS

Em casa 1

Fora de casa 3

Total 4

GOLS SOFRIDOS

Em casa 2

Fora de casa 3

Total 5

GOLS MARCADOS NO 1º TEMPO

Até os 15 minutos 0

Dos 16 aos 30 minutos 2

Dos 31 aos 45 minutos 1

Depois dos 45 minutos 0

Total 3

GOLS MARCADOS NO 2º TEMPO

Até os 15 minutos 0

Dos 16 aos 30 minutos 0

Dos 31 aos 45 minutos 1

Depois dos 45 minutos 0

Total 1

GOLS SOFRIDOS NO 1 º TEMPO

Até os 15 minutos 2

Dos 16 aos 30 minutos 1

Dos 31 aos 45 minutos 1

Depois dos 45 minutos 1

Total 5

GOLS SOFRIDOS NO 2º TEMPO

Até os 15 minutos 0

Dos 16 aos 30 minutos 0

Dos 31 aos 45 minutos 0

Depois dos 45 minutos 0

Total 0

COMO FORAM OS GOLS MARCADOS

Com o pé (dentro da área) 2

Com o pé (fora da área) 2

Cabeça 0

Pênalti 0

Falta 0

Olímpico 0

Contra 0

Outros 0

COMO FORAM OS GOLS SOFRIDOS

Com o pé (dentro da área) 3

Com o pé (fora da área) 0

Cabeça 2

Pênalti 0

Falta 0

Olímpico 0

Contra 0

Outros 0





do 08/06/2015 06h43min08)

Tite sugere conversa franca do Corinthians com Ralf para definir futuro

O técnico Tite espera uma definição da situação de Ralf, que tem contrato no Corinthians apenas até o fim do ano e não sabe se terá o vínculo renovado. Por isso, o treinador defende uma reunião entre todas as partes interessadas para o caso ter logo um desfecho.

“Sentam o atleta, a direção e o técnico e cada um coloca sua posição”, declarou o treinador, que disse ser a favor da continuidade do meio-campista no clube.

Na semana passada, o nome do volante chegou a ser especulado no São Paulo, mas o clube rival negou o interesse, e o jogador também declarou que não havia recebido qualquer oferta. Agora, Ralf tenta entender se o Corinthians quer sua permanência no elenco.

“Não sei até que parte é verdade isso de não que querem renovar. Estou focado no meu objetivo. Se o Corinthians achar que não tem que contar mais com o Ralf, vou seguir minha vida, até porque tenho família que depende de mim”, ponderou.
Djalma Vassão/Gazeta Press


Ralf tem contrato apenas até o fim do ano no Corinthians e ainda não sabe se permanecerá no clubeRalf, de 30 anos, está no Alvinegro desde 2010 e foi titular nas grandes conquistas recentes da equipe. Porém, justamente neste momento de indefinição, o meio-campista perdeu a vaga na formação do técnico Tite, que vem preferindo Cristian.



“Encaro com a maior naturalidade. É o trabalho do professor. Ele está treinando bem, fazendo por onde. Não fui eu que deixei cair a peteca”, declarou o atleta. Apesar de ter perdido espaço, Ralf tem chance de voltar a ser titular contra o Internacional, no sábado, já que Bruno Henrique e Petros saíram de campo machucados contra o Joinville.

Desta forma, se os dois realmente não tiverem condições, Ralf deve ser colocado na equipe, o que resultaria em uma posição mais adiantada de Cristian. Já Elias não fica à disposição porque está com a Seleção Brasileira para a Copa América.










08/06/2015 07h30

Tite tem dúvida no ataque do Corinthians entre Romero e Vagner Love Técnico vai decidir nos treinos quem atua pelo Corinthians contra vicInter

Por Carlos Augusto Ferrari
Tite começa a semana com uma dúvida na cabeça: manter Romero no ataque  ou apostar em Vagner Love como centroavante titular do Corinthians. Apesar de falar em continuar com a equipe que venceu o Joinville, em Santa Catarina, o treinador não descarta a mudança para enfrentar o Internacional, no próximo sábado, na Arena Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro.

– Vou passar uma ideia, não sei se é certa ou errada. Se eu não der tempo para o atleta se mostrar, vai ficar aquele bota e tira. Preciso dar uma sequência O técnico analisa resultado e desempenho. Nesse momento precisamos ter calma para poder redirecionar. Começo agora a pensar no próximo jogo – afirmou o treinador.

Romero teve as chances no ultimos 3 jogos Mesmo com bastante empenho, o jogador mostrou pouca qualidade técnica e ficou devendo. Em Santa Catarina, perdeu uma grande chance para marcar no primeiro tempo.

– A confiança vai se construindo com desempenho e resultado. Quando você tem isso, as coisas começam a acontecer. Quinta-feira, fomos para o treino muito sentidos. Finalizamos 21 vezes, 14 no gol e saímos com 3 a 1. Dói – recordou Tite.

Ele não teria essa dúvida se Vagner Love estivesse bem.  A comissão técnica chegou a tirá-lo de dois jogos para realizar um trabalho físico intensivo, mas, dentro de campo, o resultado ainda não pode ser notado.

Vagner Love entrou no segundo tempo dos dois ultimos jogos e não teve muito tempo para mostrar que evoluiu. Tite vai usar os treinos desta semana para escolher se dará uma nova chance a Romero ou se apostará no principal nome de ataque que hoje tem no elenco corintiano.

Enquanto isso, a diretoria se movimenta no mercado para buscar reforços. O nome de Teo Gutierrez, do River Plate, ganhou força nos últimos dias. Ele é visto como ideal para a vaga de Guerrero. A comissão técnica ainda quer um outro atacante de velocidade e mais um meio-campista de criação.








Focado na Seleção, Elias deixa futuro no Corinthians em aberto
‘Clube não é obrigado a ficar com nenhum jogador’, disse o meio-campo que foi titular contra o México e que disputará a Copa América pelo Brasil

Elias está focado na Seleção Brasileira e na disputa da Copa América, mas não refutou em falar sobre seu futuro no Corinthians. “Já deixei claro a minha vontade. O clube não é obrigado a ficar com nenhum jogador. Está claro que quero permanecer. Se o clube não quiser ficar comigo, isso faz parte do futebol”, disse o jogador.

Escalado como titular a na vitória de 2 a 0 sobre o México no último domingo (7),  Elias fez questão de dizer que não vê problema em atuar em outra equipe, caso o Timão achar necessário. “Vou procurar seguir outros caminhos, mas eu quero ficar no Corinthians e ajudar o clube a sair dessa situação”, avisou.





8/6/2015 12h33 -
Téo Gutierrez pode 'abrir mão' da Libertadores por ida ao Corinthians
Diretoria alvinegra já conversa com representantes do atacante, que teria dito que pode pedir para ser liberado pelo River Plate para defender o Timão

Antes dada como descartada, a negociação entre Corinthians e Téo Gutierrez está a cada dia mais quente no Parque São Jorge. Segundo informações publicadas nesta segunda-feira (08 de junho) pelo jornal Lance!, a diretoria alvinegra tem conversas iniciadas com representantes do jogador do River Plate (ARG), que teria inclusive acenado com a possibilidade de abrir mão de disputar a semifinal da Copa Bridgestone Libertadores com o clube argentino para privilegiar o acerto com o Timão.

Sonhando com a final, o River Plate joga nos dias 15 e 21 de julho, data em que se encerrará o período de transferências para equipes brasileiras. Para acertar com o Corinthians, o atacante colombiano teria se comprometido a tentar sua liberação antes da disputa na Libertadores.

Ainda de acordo com o periódico, Edu Gaspar, gerente de futebol da equipe paulista, deve viajar para Buenos Aires nos próximos dias para finalizar a contratação, o que deve acontecer até o próximo sábado (13 de junho), antes do início da Copa América. O fato de abrir mão da disputa das semifinais com a equipe do Millonários foi o que mais surpreendeu, positivamente, os dirigentes brasileiros.

Apesar deste trunfo, a negociação não deve ser das mais fáceis. O Corinthians sabe que o River quer se livrar do atacante devido ao seu alto salário, mas sabe também que deve sofrer concorrência de clubes europeus, que teriam maior poder financeiro para garantir a contratação. Além disso, acreditam que o clube argentino não aceite negociá-lo no meio da disputa da Libertadores.

Assim, a ideia da diretoria alvinegra é conseguir uma boa quantia de dinheiro para fazer uma oferta à vista, além de pagar o restante em parcelas até 2016, para, aliado ao desejo do atacante, convencer os argentinos de que a transferência para o futebol brasileiro é a melhor opção.




Timão ouve centroavante Teo Gutiérrez, e gerente programa viagem para tentar reforço

Atacante colombiano do River Plate (ARG) indicou representantes para conversar com a diretoria alvinegra e mostrou-se disposto a abrir mão da semifinal da Libertadores da América
Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni - 08/06/2015 - 06:31
Teo Gutierrez - River Plate (Foto: Alejandro Pagni/AFP)

Depois de entrar na negociação para contar com o atacante colombiano Teófilo Gutiérrez, do River Plate (ARG), o Corinthians espera uma definição até o próximo sábado, antes do início da Copa América. A expectativa é que o gerente de futebol Edu Gaspar viaje a Buenos Aires nesta semana para tentar concretizar a contratação do substituto de Guerrero.

Nos últimos dias, um representante corintiano esteve na capital argentina para conversar com o jogador, que está com a seleção da Colômbia em preparação para o torneio continental. Gutierrez abriu negociação e deixou claro que apenas duas pessoas o representam: o advogado Alberto Moreno e o empresário Luis Azerrad. Anteriormente, um outro empresário se passou por seu representante e começou a oferecê-lo para equipes brasileiras, entre elas o próprio Corinthians.

O que mais surpreendeu no contato com o colombiano foi ele mostrar-se disposto a abrir mão da disputa da semifinal da Libertadores nos dias 15 e 21 de julho. A janela de transferências no Brasil abre no dia 22 de junho e fecha justamente no dia 21 de julho, data da segunda partida. Gutiérrez prometeu pedir sua liberação antecipada quando o Timão fizer a proposta ao clube argentino, que não quer mantê-lo por conta do alto salário. O contrato entre as partes vai até o fim de junho de 2016.

Além de achar difícil o River negociá-lo durante a Libertadores, a diretoria do Corinthians tem receio por conta das dificuldades financeiras e pela concorrência, uma vez que os representantes também conversam com outros clubes. A ideia é conseguir dinheiro para oferecer um valor à vista e o restante em parcelas até o fim de 2016.




Na última semana, diretoria e comissão técnica decidiram que precisam de um nome forte. Hoje com 30 anos de idade, Teo Gutiérrez foi eleito o melhor jogador das Américas no ano passado e foi destaque no duelo das quartas de final da Libertadores da América







Com Viola, há 21 anos Brasil goleava Honduras por 8 a 2
Realizado nos Estados Unidos, amistoso foi o penúltimo antes da Seleção Brasileira estrear na Copa do Mundo de 1994, que marcou o tetracampeonato10h 08/06/2015 - EspeciaisAgência Corinthians



© Nelson Coelho/PlacarViola durante ação no Timão em 1992, contra o Nagoya-Shi Mizuho


Para os ajustes finais antes de iniciar a disputa da Copa América 2015, a Seleção Brasileira entra em campo nesta quarta-feira (10), às 22h, em Porto Alegre-RS, onde enfrentará Honduras. Com participação de um jogador corinthiano, há 21 anos o Brasil jogava contra o mesmo adversário na reta final de preparação para Copa do Mundo de 1994.

Com Viola entre os relacionados, o Brasil entrou em campo no dia 08 de junho de 1994 para a disputa do penúltimo amistoso antes da estreia na Copa do Mundo dos Estados Unidos. No estádio Jack Murphy, em San Diego (EUA), a equipe então comandada pelo técnico Carlos Alberto Parreira enfrentou Honduras.

Com gols de Romário (3), Bebeto (2), Cafu, Dunga e Raí, a Seleção Brasileira mostrou do que seria capaz no Mundial e goleou os hondurenhos por 8 a 2. Atacante do Timão, Viola entrou durante a partida no lugar de Bebeto.

Antes de estrear na Copa do Mundo, o Brasil ainda golearia El Salvador por 4 a 0. O primeiro jogo no Mundial aconteceu no dia 20 de junho, quando a Seleção Brasileira venceu a Rússia por 2 a 0 e iniciou a caminhada que culminou com a conquista do tetracampeonato.

Copa América 2015

A Seleção Brasileira que disputa a Copa América também tem um representante do Corinthians: o volante Elias. O Brasil estreia neste domingo (14), às 18h30, quando enfrenta o Peru. O duelo acontece em Temuco (CHI).Corinthians futsal  encerra sequência em casa diante do Minas
Melhor mandante da Liga Nacional de Futsal, Timão busca garantir antecipadamente a vaga na segunda fase da competição; entrada é franca no Parque São Jorge
10h 08/06/2015 - FutsalAgência Corinthians



© Divulgação
Deives é o artilheiro do elenco em 2015, com 19 gols
O Corinthians/UNIP volta à quadra nesta segunda-feira (08) pela Liga Nacional de Futsal. Às 20h15, o Timão encara o Minas Tênis Clube, na última partida da sequência no ginásio do Parque São Jorge.

Na série em casa, o Alvinegro bateu o CAD, por 5 a 2, e o Cascavel, por 3 a 1, além de ser derrotado por 2 a 1 para o Orlândia no último sábado (06). Atuando em seus domínios, o Corinthians/UNIP tem aproveitamento de 81% dos pontos disputados.

O Timão é o quinto colocado na LNF, com 26 pontos. Uma vitória simples diante do Minas pode garantir matematicamente o Alvinegro na segunda fase da competição. Os comandados por Fernando Ferretti têm a segunda melhor defesa do nacional, com 22 gols sofridos.

A equipe adulta de futsal do Sport Club Corinthians Paulista é patrocinada por UNIP-Universidade Paulista e Colégio Amorim.











Corinthians participa de campanha contra o trabalho infantil
10h20 08/06/2015 - Responsabilidade SocialAgência Corinthians



© Ricardo Taves/Ag. CorinthiansAs camisetas dos jogadores alvinegros trarão três mensagens de apoio à causa


Neste sábado (13), às 16h20, o Corinthians enfrenta o Internacional pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro de 2015. Além de buscar os três pontos na Arena Corinthians, o Timão entrará em campo por uma causa nobre: a luta contra o trabalho infantil.

Os jogadores corinthianos entrarão no gramado da Arena Corinthians com uma camiseta fornecida pelo Ministério Público do Trabalho, que organiza a Campanha Contra o Trabalho Infantil. Nas peças utilizadas pelos atletas, estarão três mensagens: “12 de junho. Dia contra o trabalho infantil”; “Não ao trabalho infantil”; e “Sim à educação de qualidade”.
















CORINTHIANS HOJE 08/06 - Segunda-feira 15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava

Confira a programação da semana do Corinthians

08/06 - Segunda-feira
15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava

09/06 - Terça-feira
9h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava

10/06 - Quarta-feira
15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava

11/06 - Quinta-feira
15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava

12/06 - Sexta-feira

15h30 - Treino no CT Dr. Joaquim Grava