23 de abr de 2015

CORINTHIANS 23/04/2015



24/04/2015 00h02

Corinthianos Felipe e Walter assistem a jogo de basquete da NBB em Mogi das Cruzes
Jogadores do Timão compareceram à partida na noite desta quinta-feira para torcer pela equipe de Mogi das Cruzes, onde o zagueiro cresceu e começou sua carreira


Por Cairo Oliveira


Corinthianos Walter e Felipe torceram pelo Mogi, time da cidade onde o zagueiro cresceu (Foto: Cleomar Macedo)
 O goleiro Walter e o zagueiro Felipe, do Corinthians, eram dois dos milhares de torcedores que compareceram ao Ginásio Professor Hugo Ramos, em Mogi, para acompanhar o primeiro jogo da série entre 
 Mogi das Cruzes e Macaé por 84 a 72 na noite desta quinta-feira, pelas quartas de final do Novo Basquete Brasil


Felipe, que cresceu em Mogi das Cruzes e que começou sua carreira no União Mogi, foi convidado pelo próprio elenco mogiano para prestigiar o time no duelo com os macaenses no NBB. O zagueiro ainda levou o companheiro corinthiano para aumentar a torcida pela equipe da cidade onde foi criado.

- Recebi o convite do Gibão, que é o mordomo do time, do Gustavinho (armador do Mogi), e aí chamei o Waltão para conhecer o ginásio. Não acompanho muito, mas gosto demais de basquete. Fez parte da minha vida. Cheguei a praticar por quatro anos. Ter a oportunidade de vir assistir é bom demais. Além disso, é importante estar perto da família, acompanhar os amigos jogando. A galera aqui apoia bastante - disse Felipe.

Acostumados a serem empurrados pela torcida corinthiana, Felipe e Walter desta vez viveram o lado oposto do esporte. Durante os 40 minutos de jogo, eles vibraram com as cestas dos donos da casa e os lances de efeito, aplaudiram o time de Mogi e até participaram da "ola" feita pelos torcedores quando a vitória já estava praticamente assegurada. Na opinião deles, momentos como esses são importantes em meio à dura rotina de treinos e jogos decisivos que o Corinthians vem enfrentando.

- Ele me convidou. Não pensei duas vezes. Brinquei demais de basquete quando criança. Gostei muito. Conversei com alguns torcedores do lado de fora do ginásio, e eles me falaram que aqui é muito legal porque a torcida apoia bastante. Até eu torci, levantei da cadeira. Esse tempinho que temos de folga é importante para fortalecer e chegar nas decisões ainda melhores - falou Walter.

O Corinthians agora volta a jogar apenas no dia 6 de maio, quando enfrenta o Guaraní, do Paraguai, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Peça importante da equipe de Tite neste início de temporada, Felipe mostra confiança para a fase decisiva do Timão na competição continental.

- A expectativa para a sequência do ano é das melhores. É hora de focarmos ainda mais. Temos jogos muito importantes pela frente. Vamos nos preparar bem porque agora não tem partida fácil - completou Felipe.









Andrés promete pagar dívidas do Timão até a próxima semana
Renato Augusto revelou promessa do superintendente alvinegro, que espera quitar os direitos de imagem e premiação atrasados com o elenco nos próximos dias

LANCEPRESS! - 23/04/2015 - 20:41

Andrés Sanchez teve reunião com elenco (Foto: Reginaldo Castro/ LANCE!Press)

O meia Renato Augusto afirmou nesta quinta-feira que o ex-presidente Andrés Sanchez, atual superintendente do Corinthians, prometeu aos jogadores que pagará as dívidas nos próximos dias.

Ralf, Elias, Renato Augusto, Danilo, Emerson Sheik e Guerrero estão entre alguns dos que têm dinheiro a receber dos cofres corintianos. A dívida envolve até mesmo o técnico Tite, o ex-treinador Mano Menezes e o seu ex atacante Alexandre Pato
– O pagamento continua atrasado, mas a gente teve uma reunião como Andrés e ele passou que isso será resolvido até semana que vem. Os jogadores têm conversado bastante com a diretoria. Eles dão tranquilidade, dizem que logo será resolvido. A confiança na diretoria é muito grande. Esperamos que possa ser resolvido o mais rápido possível – afirmou o meia, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava.

A diretoria tem sido elogiada internamente por manter conversas constantes com os jogadores a respeito da situação financeira do clube. O que tem atrapalhado é a dificuldade para se conseguir um empréstimo bancário, que serviria para quitar os débitos, e também os partocínios de uniforme - o marketig anunciou que quer negociar os espaços da manga (R$ 10 milhões), ombros (R$ 6 milhões) e calção (R$ 2 milhões).










23/04/2015 23h31

Corinthians homenageia Mineirinho: "Fiel dominou o mundo do surfe"
Clube posta foto do surfista com camisa do Timão após título de Adriano de Souza na etapa de Margaret River.

Por GloboEsporte.com


O Corinthians vibrou com o título de Adriano de Souza na noite desta quinta-feira. Nas redes sociais, o clube postou uma foto do surfista com a camisa alvinegra e escreveu: "A Fiel dominou o mundo do surfe! Parabéns Mineirinho pelo título na Austrália e a liderança do Circuito Mundial!".

Para levantar no pico de Main Break no Oeste australiano, Mineirinho venceu o havaiano John John Florence por 17,53 a 16,87. O surfista de 28 anos somou 10.000 pontos na Liga Mundial de Surfe (WSL) e lidera o ranking com 24.500 pontos. Ele vai vestir a lycra amarela de número 1 do mundo na próxima etapa, no Rio de Janeiro, entre os dias 11 e 22 de maio, na Praia da Barra da Tijuca.

Homenagem do Corinthians a Adriano de Souza (Foto: Reprodução/ Twitter)













Meia revela Emerson triste, critica juiz e define Timão: 'Hora de juntar cacos'
Renato Augusto espera tirar lição de últimos resultados contra rivais do Corinthians, dispara contra Sandro Meira Ricci e sai em defesa de Emerson Sheik e Mendoza

LANCEPRESS! - 23/04/2015 - 18:59

Renato Augusto concedeu entrevista no CT (Foto: Alan Morici/LANCE!Press)
O Corinthians tenta reencontrar o caminho para recuperar forças rumo à disputa das oitavas de final da competição continental, contra o Guaraní (PAR). Em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, o meia Renato Augusto virou a voz de liderança e definiu a fase vivida pelo grupo.


- É momento de aprendizado, de poder pegar o que a gente errou, aprender com isso, melhorar, que é uma coisa que o Tite faz muito bem. Vamos tentar escutá-lo, ver todos os erros e trabalhar em cima disso. É hora de juntar os cacos e reconstruir a equipe - disse o camisa 8 alvinegro.

- Após o jogo de domingo, não foi nada programado por nós (não falar com imprensa), foi pela assessoria de imprensa. Eles pediram para a gente não falar nada e concentrar no jogo de quarta. Nós acatamos ordens da assessoria de imprensa - ressaltou.

IRRITAÇÃO COM SANDRO MEIRA RICCI


Apesar do técnico Tite e o presidente Roberto de Andrade evitarem falar de arbitragem após o Majestoso, Renato Augusto não escondeu sua irritação com Sandro Meira Ricci, que expulsou Emerson Sheik aos 18 minutos do primeiro tempo, após o atacante calçar o zagueiro Rafael Tolói. Segundo o corintiano, não houve espetáculo, e Ricci foi a principal pessoa em campo.


- Quem foi para o estádio ontem (quarta) não viu jogo de futebol. Desde o início teve arbitragem ruim. Acho ele um dos melhores do Brasil, mas ontem não estava em uma noite feliz, não fez boa arbitragem, o jogo não correu, não foi um bom espetáculo. Quando a principal pessoa em campo é o árbitro, está errado. Ele errou bastante, comprometeu o jogo. Quem foi para assistir, pagou ingresso e não viu nada - disse Renato Augusto.


O jogador também revelou que Emerson Sheik estava chateado após a partida, no vestiário. Segundo ele, no entanto, não é hora de crucificar ninguém mas, sim, dar apoio e mostrar união do elenco.


- Ele estava meio triste. Perguntei o que houve, ele disse que não era para expulsão, mas que ele deu brecha, margem para que pudesse ocorrer expulsão. Ele pediu desculpas, ficou muito chateado, e isso fez grande diferença no jogo - revelou.


- O Sheik é um cara muito decisivo, jogador acima da média, acostumado com Libertadores. Teve os seus deslizes, mas é hora de trazer de volta para o grupo, não para ficar crucificando ninguém. Nem ele, nem Mendoza. É hora de se fortalecer, temos caminho longo na Libertadores, terá Brasileiro... Agora, vamos ver a força do elenco. Na vitória é mais fácil, na derrota é que temos que provar isso - completou o camisa 8 do Timão.


Técnico Tite adere a campanha para ajudar menino que precisa de intestino
Juninho, que é de Campos Gerais (MG), sofre de uma doença que fez com que ele perdesse 95% do intestino delgado; ele precisa de um transplante para sobreviver.


Por GloboEsporte.com

Técnico Tite adere a campanha para ajudar garoto de Campos Gerais que precisa de transplante de intestino (Foto: Reprodução EPTV)

O técnico Tite, do Corinthians, aderiu à campanha para ajudar um adolescente de 15 anos de Campos Gerais, no Sul de Minas, que precisa de um transplante de intestino. Antônio Gleiber Cassiano Júnior, o Juninho, sofre de uma doença chamada de "Síndrome do Intestino Ultracurto", que já fez com que ele perdesse 95% do intestino delgado. A cirurgia só é feita nos Estados Unidos e por isso, tem um custo muito alto, em torno de 1 milhão de dólares. O treinador abraçou a causa junto com a família e doou uma camiseta do Timão, autografada pelos jogadores.

Através de uma página chamada "Ajude o Juninho", criada em uma rede social, as pessoas poderão dar lances na camiseta, que será leiloada. Além de fazer a doação, o técnico Tite ainda mandou um recado para o menino, que está internado em um hospital de Curitiba (PR) e só consegue se alimentar por sondas.

- Que tu faça o transplante, para que tu tenha saúde, muita luz na sua vida. É uma forma simples, mas que todos nós queremos que tu tenha retornada essa saúde e toda essa luz no seu caminho. Um beijo, fique com Deus - diz Tite no vídeo (Veja abaixo) que está na página de ajuda ao menino.

Até o momento, já foram arrecadados cerca de R$ 500 mil. No início do mês, a Justiça determinou que o Ministério da Saúde pague todas as despesas da cirurgia no exterior.










Corinthians realiza procissão no sábado em homenagem ao Dia de São Jorge
A partir das 9h, no Largo São José do Maranhão, começará a concentração para a procissão que terá como destino a sede social do Timão

20h35 23/04/2015 - SocialAgência Corinthians



© DivulgaçãoNo sábado, o Padre Ticão realizará uma missa solene em homenagem a São Jorge


Após as duas primeiras missas realizadas nesta quinta-feira (23), na Capela São Jorge, o Corinthians dará continuidade às homenagens ao padroeiro do clube neste sábado (25). A partir das 9h, no Largo São José do Maranhão, começará a concentração para a procissão que terá como destino a sede social do Timão.

A partir das 10h, na sede social alvinegra, o Padre Ticão realizará uma missa solene em homenagem a São Jorge. O encerramento da celebração será feita pelo Padre João Batista.

Serviços:

25/04/2015 – 20ª Festividade em louvor a São Jorge

9h – Concentração/Procissão

Local: Largo São José do Maranhão

10h – Missa Solene Padre Ticão

Local: Sede Social/ Capela São Jorge






Corinthians realiza missas em homenagem ao Dia de São Jorge
A capela de São Jorge, localizada na sede social do clube, recebeu boa presença de público nas missas que aconteceram às 15h e 20h20h30 23/04/2015 - SocialAgência Corinthians



© DivulgaçãoAs homenagens continuam neste sábado (25), a partir das 9h


Nesta quinta-feira (23), o Corinthians realizou na sede social do clube duas missas em louvor a São Jorge - uma durante a tarde, às 15h, e outra pela noite, às 20h -, em homenagem ao dia do padroeiro do Alvinegro.

As celebrações foram comandadas por Jeferson Mengali, Diácono Nelson e Diácono Maurinho de Jesus, com o auxílio do grupo musical “Fala Senhor”. A capela de São Jorge, reformada em 2014, recebeu ótima presença de público durante as duas missas.

As homenagens continuam neste sábado (25), a partir das 9h, em procissão, com início no Largo da Igreja de São José do Maranhão e chegada em frente à Capela de São Jorge. Uma missa em louvor a São Jorge, com presenças confirmadas de Padre Ticão (Igreja São Francisco) e Padre João Batista (Igreja Natividade do Senhor), encerrará o evento.







23/04/2015 19h14

Andrés Sanchez promete quitação de atrasos no Corinthians
Superintendente de futebol do Corinthians participa de conversa com atletas e diz que direitos de imagem serão pagos até a próxima semana. Elenco aguarda


Por Diego Ribeiro

Andrés Sanchez é superintendente de futebol do Timão (Foto: Rafael Arbex / Estadão Contéudo)

Ex-presidente e atual superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez entrou na conversa com os jogadores do elenco que aguardam o pagamento de direitos de imagem atrasados. O dirigente participou de uma conversa com os jogadores na semana passada e prometeu o acerto até a próxima semana – início de maio.


– O Andrés passou que seria tudo resolvido até semana que vem. Os jogadores têm conversado bastante com a diretoria, eles têm passado um pouco mais de tranquilidade. A confiança nossa na diretoria é muito grande, espero que possa resolvido o mais rápido possível – afirmou o meia Renato Augusto.


Os dirigentes planejavam pagar ainda em fevereiro, data da eleição do presidente Roberto de Andrade, mas isso não aconteceu. A quitação vem sendo adiada mês a mês, já que o clube sofre para encontrar novas receitas.


Seis jogadores possuem contratos atrelados aos direitos de imagem. Os atrasos com Ralf e Renato Augusto chegam a oito meses. A lista ainda tem Emerson, Elias, Danilo e Guerrero. Todos eles aceitaram o novo prazo dado pela diretoria.


Depois de não conseguir a aprovação de empréstimo nos bancos, o Corinthians passou a apostar na venda de espaços publicitários no uniforme. O departamento de marketing se diz otimista em fechar em breve um acordo para estampar uma marca na omoplata (região do ombro) da camisa





23/04/2015 19h06

Corinthiano Renato Augusto critica árbitro e revela papo com Emerson: "Pediu desculpas"
Meia reclama de atuação de Sandro Meira Ricci ontem e conta conversa com atacante expulso: "Ele disse que deu margem ao árbitro"


Por Diego Ribeiro

Renato Augusto em coletiva no Corinthians nesta quinta-feira (Foto: Diego Ribeiro)

O clima no vestiário do Corinthians ontem, foi de tristeza e certa revolta. Enquanto a maioria dos jogadores tomava banho e se preparava para uma conversa com o técnico Tite, o meia Renato Augusto foi ao encontro do amigo Emerson, expulso ainda no primeiro tempo do clássico.


Durante o papo, Emerson pediu desculpas pelo cartão vermelho levado após uma disputa com Rafael Toloi. E admitiu ter dado margem à interpretação do árbitro Sandro Meira Ricci.


– Só encontrei o Emerson depois do jogo, ele estava num canto, chateado. Não vi o lance. Vi agora. Perguntei a ele o que houve, ele disse que não era para expulsão, mas que acabou dando brecha, margem pra que pudesse ocorrer a expulsão. Pediu desculpas, ficou muito chateado, isso fez uma grande diferença para o grupo – afirmou Renato.


Para o meia, o momento é de abraçar o atacante, mesmo depois de mais um ato polêmico em 2015. Antes do jogo contra o San Lorenzo, na Argentina, em março, Emerson ficou fora da delegação por ter chegado atrasado a um treino e não estar se empenhando nos treinamentos para jogos do Campeonato Paulista.


– Ele é um cara muito decisivo, jogador acima da média, acostumado com Libertadores. Teve seu deslize, mas é hora de trazê-lo de volta para o grupo, não é hora de crucificar nem ele nem o Mendoza. Agora vamos ver a força do grupo – disse o meia.


Renato, porém, fez críticas à atuação do árbitro. Além de Emerson, Mendoza foi expulso em um lance controverso com  atacante do rival também levou cartão vermelho.


– Quem foi ao estádio não viu um jogo de futebol. Desde o início, foi uma arbitragem ruim. É um dos melhores árbitros do Brasil, mas não estava em uma noite feliz. Quando o principal nome do jogo é o árbitro, alguma coisa está errada – reclamou Renato Augusto.


O Corinthians só volta a campo daqui a duas semanas, no dia 6 de maio, quando enfrenta o Guaraní, do Paraguai, em Assunción, no Defensores del Chaco, pelas oitavas de final da Libertadores. da América











23/04/2015 19h21

Conmebol altera horário da partida do Timão contra o Guaraní, no Paraguai
Duelo pelas oitavas está marcado agora para as 19h45 no horário brasileiro


6 de maio, quarta-feira

19h45 - Guaraní x Corinthians

JOGO DE VOLTA

13 de maio, quarta-feira

22h - Corinthians x Guaraní









CORINTHIANS SABE DATAS E HORÁRIOS DE JOGOS DAS OITAVAS DA LIBERTADORES DA AMÉRICA


Jogos de ida:

Quarta-feira, 6 de maio
19h45 - Guarani (PAR) x Corinthians (BRA)

Jogos de volta

Quarta-feira, 13 de maio
22h - Corinthians (BRA) x Guarani (PAR)





FOTOS TREINO DO CORITHIANS HOJE 


















































Futsal do Corinthians vence inusitado jogo de futebol de rua
Jogadores do Timão reviveram infância e voltaram a bater bola em uma quadra longe dos padrões profissionais do futsal; duelo marcou lançamento de chuteiras da Nike

Lucas Faraldo - 23/04/2015 - 17:17

Timão e Granada Street duelaram em desafio de futebol de rua (Foto: Divulgação)

O time de futsal do Corinthians suou a camisa para vencer um desafio bastante inusitado. O Timão mediu forças com o Granada Street, time de futebol de rua formado por garotos de 16 a 19 anos de idade. O duelo foi disputado na "casa" do Granada, em uma quadra do Parque Ceret, na Zona Leste. No fim, triunfo apertado da equipe do Parque São Jorge, por 6 a 4.

A curiosidade fica por conta das regras do jogo. O time alvinegro teve de se adaptar ao futebol de rua: caneta (ou rolinho) valia gol, e a equipe que levasse um tento teria de jogar com um atleta a menos por um minuto. As dimensões da quadra também eram menores do que no futsal.



Futsal do Corinthians vence desafio de futebol de rua (Fotos: Divulgação/Nike)



Com a pelota rolando, quem começou melhor foi o Granada. O time "mandante" abriu o placar e chegou a pressionar os profissionais do futsal corintiano. Nos minutos finais, o Timão deu sufoco nos jovens e conseguiu a virada.

O resultado, no fim das contas, pouco importou. Na saída da quadra, os garotos do Granada posaram com seus ídolos, pediram autógrafos e tiaram até selfie. Em conversa com a reportagem do LANCE!, dois dos jovens falaram sobre a experiência de enfrentar o Corinthians.


– É muita satisfação. Vejo eles jogando na televisão e agora tenho a oportunidade de jogar contra eles – disse João Vitor da Silva.

– O jogo foi legal, pegado, infelizmente não saímos com a vitória, mas tudo bem. Os caras treinam todo dia, né? Os caras têm muita habilidade, fora do normal, tem jogador de seleção lá, né? Nós nos saímos bem. Eles sabem que somos mais jovens, mas com certeza gostaram do que viram – completou Vinicius Faria.

Após atender aos fãs/adversários, dois dos principais jogadores do futsal alvinegro contaram ao L! as lembranças de suas infâncias. Simi, atleta do Timão desde 2009 e com passagens pela Seleção Brasileira, e Leandro Caires, ala do Corinthians desde o começo de 2012, começaram a jogar bola na rua, longe das profissionais quadras de futsal.


– É uma experiência válida para nós, que já temos uma carreira consolidada. É válida para eles também, que são garotos jovens e que sonham em estar na nossa posição. Todo mundo passou por isso, eu lá atrás também. Até brinquei com o pessoal, falando que eu roubava caixote na feira para fazer de gol. Tudo isso é válido, faz parte da nossa história, e é muito bom estar revivendo tudo isso – contou Simi.

– Pra mim é gratificante pra caramba. Comecei na rua, sou de periferia. Aí vejo essa molecada e vem um pensamento lá de trás, né? Espero que lá na frente algum destes garotos possa chegar onde nós chegamos e, se Deus quiser, tenha futuro brilhante – acrescentou Leandro.

CHUTEIRAS ESPECIAIS


Todos os jogadores, tanto do Corinthians quanto do Granada, calçavam tênis do recente lançamento da coleção Nike FutebolX, modelos de chuteiras de cano alto, que entraram no mercado do futebol ano passado, agora desenvolvidos para jogos em estilos e superfícies com espaço reduzido. Além do elástico, que prende o calçado à canela do atleta, a chuteira contém solado e revestimento aderentes.

A partida foi organizada pela Nike como iniciativa para lançar a nova linha de chuteiras.



(Foto: Divulgação)







23/04/2015 17h38

Após expulsão, Emerson vai a campo para treino com os reservas no Timão
Em clima de seriedade, jogadores voltam ao trabalho. Expulso no Majestoso, atacante é exigido em treino tático nesta quinta


Por Diego Ribeiro
Emerson durante treino do Corinthians (Foto: MARCELO D. SANTS/FRAME/Agência Estado)

O atacante Emerson foi um dos poucos titulares do Corinthians em campo nesta quinta-feira, durante treino regenerativo comandado pelo técnico Tite. Expulso ontem com menos de 20 minutos, Emerson Sheik foi a campo com os reservas no CT Joaquim Grava.


Com expressão séria, assim como todo o elenco, Emerson participou de uma atividade técnica com todos os jogadores que atuaram 45 minutos ou menos no Majestoso. Além dele, apenas o centroavante Vagner Love foi titular e esteve em campo.

Emerson Sheik, aliás, dmostrou foto com uma das pernas "bastante machucada", por pisão de Rafael Toloi


O colombiano Mendoza, expulso no início do segundo tempo, também participou desta atividade. O restante do time principal ficou na academia, ao lado do atacante  Guerrero, recuperado de dengue. O peruano voltou aos trabalhos físicos nesta quinta-feira.


A rotina de Tite será mais tranquila depois de uma maratona de jogos entre Campeonato Paulista e Libertadores. O próximo jogo do Corinthians é só daqui a duas semanas, no dia 6 de maio, contra o Guaraní, no Paraguai. O jogo é válido pelas oitavas de final da competição sul-americana.












23/04/2015 17h23

No Corinthians, Guerrero volta a treinar no CT Joaquim Grava
Atacante fez exercícios na academia após se ausentar por quase duas semanas


Por GloboEsporte.com

Guerrero treina na academia do Timão (Foto: Daniel Augusto Júnior / Ag. Corinthians)

Guerrero está de volta aos treinos no Corinthians. Depois de contrair dengue, o jogador passou por exames na última quarta-feira que o liberaram para atividades mais leves no CT Joaquim Grava a partir desta quinta à tarde, data da reapresentação do elenco

O peruano realizou exercícios na academia. Isso também se repetirá na sexta-feira. Só depois ele será reavaliado pelos departamentos médico e clínico do Timão para poder voltar aos treinos no gramado com o restante do grupo.


Guerrero foi internado no dia 11 de abril depois de passar mal e reclamar de fortes dores de cabeça. Ele estava escalado para enfrentar a Ponte Preta, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, e acabou vetado pelo corpo clínico. Imediatamente, deixou a concentração no CT Joaquim Grava e seguiu para o hospital. O atacante passou por uma bateria de exames que detectaram que ele estava com dengue. Ele só saiu no dia 17.


Tite quer todo cuidado possível com a saúde do atacante, mas espera tê-lo em ação na primeira partida das oitavas de final da Libertadores, contra o Guaraní, no Paraguai. O duelo está marcado para o dia 6 de maio. Pouco menos mais de duas semanas para que o centroavante consiga recuperar a forma física.









Ainda fora de forma, Vagner Love admite dificuldade e minimiza pressão
Atacante foi substituído no intervalo do Majestoso pela Libertadores, nesta quarta-feira, e técnico Tite voltou a dizer que ele está em processo de readaptação
LANCEPRESS! - 23/04/2015 - 15:30

Corinthians jogou já classificado as oitavas (Fotos: Ari Ferreira/Miguel Schincariol)

Ontem, Vagner Love foi substituído no intervalo. Na entrevista coletiva após o duelo, o técnico Tite voltou a dizer que o jogador ainda não se encontra na forma ideal.

- Love ainda está na busca da melhor condição física, está em processo de readaptação. O técnico passa isso para ele e publicamente, ele busca ainda a readaptação ao futebol brasileiro - disse o treinador alvinegro.
Contratado no início do ano, após deixar o Shandong Luneng (CHN), o jogador atuou em 17 partidas e fez apenas dois gols.
- Pressão sempre vou ter em qualquer lugar que for jogar. Vou ser pressionado, até pelo nome que tenho, qualidade que tenho, potencial que tenho. Vim para o Corinthians para jogar e, quando tiver oportunidade, decidir jogos. Esse é meu objetivo, meu intuito, as coisas vão acontecer melhor a partir do momento que estiver bem fisicamente, readaptado ao futebol brasileiro - analisou o camisa 29, reforçando a dificuldade por ter vindo do futebol chinês.

- Fiquei dois anos jogando fora, um ano e meio jogando na China, com um futebol totalmente diferente. Na China, você tem mais espaço, tempo para raciocinar, pensar... Aqui não tem todo esse tempo. A readaptação está sendo boa, mas posso melhorar - disse.


- Já passou domingo, já passou hoje (quarta-feira). No primeiro dia, a gente ficou muito triste, muito abalado. Foi uma semifinal, queríamos muito estar na final, merecíamos por tudo que fizemos. Foi um choque para nós, mas sabíamos que depois teríamos outro jogo importantíssimo. Tinha que levantar a cabeça e jogar. Viemos com a maior vontade possível para tentar fazer o melhor - garantiu.












23/04/2015 14h34 - Atualizado em 23/04/2015 14h37

Primeiro sócio do Corinthians morre aos 100 anos, vítima de pneumonia
Antônio Risaliti não resiste à internação de uma semana no Hospital Irmãos Penteado, em Campinas. Empresário vivia no interior desde a década de 1960


Sócio número um do Corinthians, Antônio Risaliti morreu na noite desta quarta-feira, em Campinas, vítima de pneumonia. O torcedor, que completou 100 anos no último dia 2 de abril, morava na cidade desde a década de 1960, quando trocou a capital pelo interior, por compromissos profissionais. O sepultamento aconteceu na manhã desta quinta, no Cemitério da Saudade, na região central.


Risaliti era ligado ao Timão desde jovem, quando se tornou sócio contribuinte do clube, em 1929. Seguiu no Parque São Jorge como jogador de basquete até se mudar para Campinas. O torcedor era empresário e se aposentou aos 75 anos (trabalhava desde os 14). Ele deixa três filhos, seis netos e dois bisnetos.


O torcedor era presença frequente nas homenagens feitas pelo Timão a sócios antigos. Em 2011, Risaliti recebeu uma carteirinha da "República Popular do Corinthians", que o reconhece como primeiro associado do clube. Na ocasião, ele foi recebido pelo ex-presidente Andrés Sanchez, no Parque São Jorge.


Nos últimos anos, em virtude da idade, passou a acompanhar os jogos do Corinthians à distância. Entre eles, a final do Mundial de Clubes de 2012, na vitória por 1 a 0 sobre o Chelsea, no Japão.O fanático viu o primeiro duelo entre os times, na década de 20, que acabou empatado em 4 a 4, em São Paulo.
Antônio Risaliti recebe homenagem em SP, ao lado de familiares, do ex-presidente Andrés Sanchez (Foto: Divulgação)









Controle da crise financeira no Timão ganha elogios nos bastidores
Nova diretoria tem se reunido frequentemente com grupo e mostrado sinceridade para falar sobre atrasos no pagamento de direitos de imagem e até premiações do ano passado

Bruno Andrade - 23/04/2015 - 09:10

Elenco do Timão confia na nova diretoria (Foto: Ari Ferreira/ LANCE!Press)

Na base da conversa e da confiança. É assim que a nova diretoria do Corinthians, que assumiu o clube em fevereiro, trata quase que semanalmente com os jogadores os atrasos no pagamento de direitos de imagem e até premiações do ano passado. A dívida com parte do elenco está na casa dos R$ 20 milhões.

Nas reuniões com os atletas, os dirigentes alvinegros não escondem a crise financeira do Timão, explicam o que está sendo feito para reduzir os gastos e, principalmente, garantem que vão acertar as contas assim que possível.


A estratégia de usar a sinceridade tem ganhado apoio do grupo, que não tem criado problema com o assunto e muito menos usado a imprensa para desabafos polêmicos. Jogadores e até membros da comissão técnica, aliás, têm elogiado nos bastidores a postura da direção.

Guerrero, Renato Augusto, Fábio Santos, Ralf e Emerson Sheik - além de Alexandre Pato, que está emprestado até o fim de 2015 - são os jogadores que estão com os direitos de imagem atrasado (alguns deles desde o ano passado). O clube também deve bonificações ao restante do elenco.

Para acertar as contas, o Corinthians negocia desde março com uma importante instituição financeira um grande empréstimo. O presidente Roberto de Andrade espera que entrem nos cofres de R$ 20 a R$ 30 milhões, que também servirão para pagar dívidas com empresários.










23/04/2015 08h50

Corinthians perde atacantes, e volta de Guerrero ainda é incerta
TIte diz que não vai colocar em risco a saúde do peruano. Vagner Love, Luciano e Malcom são as únicas opções do treinador neste momento


Por Carlos Augusto Ferrari

Não bastasse os últimos resultados ruins, Tite terá de quebrar a cabeça com o ataque do Corinthians para as oitavas de final da Taça Libertadores. Com Emerson e Mendoza suspensos, o treinador tem à disposição neste momento apenas Vagner Love, Luciano e Malcom.


Guerrero ainda não possui data certa para retornar à equipe. Exames realizados na quarta-feira constataram que o jogador está recuperado da dengue que o acometeu nas últimas semanas.


Ele está liberado para ir ao CT Joaquim Grava realizar alguns trabalhos físicos na academia. No entanto, o volta aos exercícios no campo dependerão de uma nova avaliação do corpo clínico.


– Ele começa (treinar) quinta, mas só na academia. Nos dois primeiros dias não pode (ir a campo). Vai depender da evolução dele. Não vamos pagar uma vitória com a saúde de ninguém. Esse preço não se paga. Paga ser o melhor no trabalho, mas não com saúde – afirmou o técnico Tite.


Guerrero foi internado no dia 11 de abril depois de passar mal e reclamar de fortes dores de cabeça. Ele estava escalado para enfrentar a Ponte Preta, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, e acabou vetado pelo corpo clínico. Imediatamente, deixou a concentração no CT Joaquim Grava e seguiu para o hospital. O atacante passou por uma bateria de exames que detectaram que ele estava com dengue. Ele só saiu no dia 17.

Não vamos pagar uma vitória com a saúde de ninguém. Esse preço não se paga

Tite, sobre a volta de Guerrero


O Corinthians torce agora para que a primeira partida das oitavas, contra o Guaraní-PAR, seja realizada o mais tarde possível. A Conmebol deve anunciar nesta quinta-feira a tabela. As datas pré-determinadas pela entidade vão de 29 de abril a 13 de maio. O Timão decide em casa o confronto.


Sem Emerson e Mendoza, expulsos contra o São Paulo, Tite tem um grande problema no setor ofensivo. Vagner Love, Malcom e Luciano ainda não convenceram o treinador. Os dois últimos sequer ficaram no banco de reservas ontem. O técnico não esconde que espera mais deles nos treinamentos.


– Não é uma relação de confiança. É de competir dentro da equipe. É cada um que determina. Eles sabem disso. É competir dentro da própria equipe – disse.


Love também não vive bom momento e acabou substituído no intervalo do Majestoso. A solução pode ser improvisar. Renato Augusto e Danilo, que já atuaram como centroavantes nesta temporada, podem voltar à função. Há também o paraguaio Ángel Romero, que treina com o elenco, mas raramente é relacionado para as partidas.









Corinthians classificado:
Oito jogos, cinco vitórias, duas goleadas: a campanha até as oitavas da Libertadores
Quarto melhor time da fase de grupos, Corinthians teve de passar pela primeira fase e foi imbatível em casa, sem sequer tomar gols

12h27 23/04/2015 - FutebolAgência Corinthians


© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTimão foi o líder do grupo 2 da Libertadores, com 13 pontos


Após oito jogos, o Corinthians parte para uma nova missão na Copa Bridgestone Libertadores 2015. Nas oitavas de final, o adversário será o Guaraní (PAR), em jogos de ida e volta – a segunda partida vai ser disputada na Arena Corinthians. Até chegar à essa fase, o Timão venceu cinco confrontos, empatou dois e perdeu apenas um, marcando 14 gols e sofrendo só quatro.

A trajetória do Timão na Libertadores 2015 começou mais cedo do que a maioria dos participantes, já que a equipe teve de jogar a primeira fase, em confronto eliminatório de ida e volta contra o Once Caldas (COL). Na Arena Corinthians, o Alvinegro goleou por 4 a 0. Em Manizales (COL), o empate por 1 a 1 deu a vaga para a fase de grupos.

Após essa disputa, o Corinthians caiu no grupo 2, com São Paulo, San Lorenzo (ARG) e Danubio (URU). No chamado “grupo da morte”, o Timão terminou na liderança, com 13 pontos. Venceu o clássico contra o rival paulista na Arena Corinthians, o time argentino em Buenos Aires e os dois jogos contra a equipe uruguaia.

Com a campanha, o Alvinegro foi o quarto melhor time entre todos os participantes da fase de grupos. Por isso, o Guaraní (PAR), o quinto melhor segundo colocado, aparecerá no caminho do clube do Parque São Jorge.

Na Arena Corinthians

Jogando em casa, o Timão foi imbatível na Copa Bridgestone Libertadores 2015, sem sequer tomar gols. Foram três vitórias – duas delas de goleada por 4 a 0 – e um empate, com 10 gols marcados.

Jogos do Timão na Copa Bridgestone Libertadores da América 2015

Primeira fase

Corinthians 4 x 0 Once Caldas (COL), Arena Corinthians
Once Caldas (COL) 1 x 1 Corinthians, Manizales (COL)

Fase de grupos

Corinthians 2 x 0 5P (BRA), Arena Corinthians
SLorenzo (ARG) 0 x 1 Corinthians, Buenos Aires (ARG)
Danubio (URU) 1 x 2 Corinthians, Montevidéu (URU)
Corinthians 4 x 0 Danubio (URU), Arena Corinthians
Corinthians 0 x 0 SLorenzo (ARG), Arena Corinthians
5P  (BRA) 2 x 0 Corinthians, Jd Leonor