16 de abr de 2015

CORINTHIANS 16/04/2015




Corinthianos ressaltam equilíbrio do jogo e comemoram a classificação
Renato Augusto, Danilo e Cássio elogiam defesas de Torrico e dizem que resultado de 0 a 0, na Arena Corinthians, não é motivo de lamentação. Ponto garantiu vaga do Timão

LANCEPRESS! - 17/04/2015 - 00:28

Corinthians não saiu do empate com o San Lorenzo (Foto: Nelson Almeida/AFP)

Quem pensa que o empate por 0 a 0 entre Corinthians e San Lorenzo, na Arena Corinthians, nesta quinta-feira, foi ruim para o Timão está enganado. Ao menos essa é a opinião de Danilo e Cássio, que, após o confronto, ressaltaram a dificuldade do duelo e comemoraram o ponto que garantiu a equipe alvinegra nas oitavas de final da Copa Libertadores.

- Acho que o empate foi bom. Conseguimos um ponto, classificamos em primeiro no grupo. A equipe está de parabéns pela grande campanha. O goleiro deles (Torrico) fez grandes defesas, o time deles é o atual campeão da Libertadores, então é complicado mesmo - disse Cássio, que teve o mesma opinião do camisa 20 corintiano.

- A gente sabe que seria um jogo parelho. O San Lorenzo marca muito forte atrás. Eles chegaram pouco, e a gente teve poucas chances de gol também, por isso o resultado final foi o empate em 0 a 0. Importante que classificamos - argumentou Danilo.

Já o meia Renato Augusto não saiu tão satisfeito com o resultado da partida. Questionado sobre a vontade dos companheiros dentro de campo, o meia elogiou postura do grupo, mas lamentou o empate dentro da Arena Corinthians.

- Jogo de Libertadores é assim, principalmente contra equipes argentinas e uruguaias, times chatos. Se não igualar na vontade, você sai perdendo. Então, estamos de parabéns nessa parte. A gente tentou o gol, buscou, o goleiro do San Lorenzo fez grandes defesas, e infelizmente não vencemos hoje (quarta-feira) - comentou.

Com o empate, o Corinthians perdeu os 100% que tinha na Copa Libertadores e a chance de se tornar o melhor primeiro colocado na primeira fase. Agora, o Timão soma 13 pontos em cinco partidas disputadas.










Corinthians vai negociar cativa mais barata da Arena por R$ 7 mil
Clube anunciou novos planos do Fiel Torcedor e apresentou condições de compra de PSL e locação de camarotes em evento para cerca de 900 executivos de grandes empresas


Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni - 16/04/2015 - 20:29
Marcelo Passos é o diretor de marketing do Corinthians (Foto: Divulgação)

Depois de anunciar os novos planos do Fiel Torcedor - um que contempla torcedores de fora da capital paulista e outro que será mais caro, com benefícios agregados -, o Corinthians iniciou a venda de cadeiras cativas da Arena Corinthians. Serão 7.200 lugares - 3.600 para pessoas físicas e outros 3.600 para pessoas jurídicas.

As chamadas PSL (Personal Seat License) vão variar de preço de acordo com o local no estádio de Itaquera. A mais barata custará R$ 7.150, em contrato que pode ser feito por um ou três anos.


- Os valores podem variar muito. As empresas podem comprar 30, 40, 50 lugares para fazer algumas ações. Dependendo da localidade, os valores vão variar de preço - disse o novo diretor de marketing do Corinthians, Marcelo Passos.


Acompanhado do presidente Roberto de Andrade, o diretor de marketing acompanhou centenas de executivos de diversas empresas, com potencial de parceria futura com o clube. De acordo com o clube, foram cerca de 900 pessoas que fizeram um tour pelas instalações da Arena, como vestiário, beira do campo, setores e camarotes. Depois, todos vão assistir ao duelo diante do San Lorenzo, que se iniciará às 22h desta quinta, pela quinta rodada do Grupo 2 da Libertadores.


- O que resolvemos fazer hoje (quinta) foi um evento oficial planejado... Há uma estratégia desenhada. Os camarotes terão um valor agregado de catering (serviço de buffet), estacionamento, entre outros. Acreditamos que é um modelo competitivo, e o torcedor acha que vai valer a pena. O produto é muito bom e o preço fará jus - ressaltou Passos.


No fim do ano passado, o ex-presidente Andrés Sanchez e atual superintendente do clube, divulgou que haviam 16 de 89 camarotes reservados. O presidente Roberto de Andrade agora afirma que 20 já estão reservados, com contratos que variam de um a cinco anos. Segundo Marcelo Passos, os preços serão entre R$ 320 mil e R$ 440 mil. A empresa que negociar vai ganhar uma campanha nas redes sociais.


- Temos duas linhas de camarote. Haverá camarote no quinto andar, com preço médio em torno de R$ 360 mil, e em cima, no sexto andar, R$ 430 mil, R$ 440 mil. Isso é um camarote para 12 pessoas. Quando você faz a conta da quantidade de jogos, número de pessoas, comida, estacionamento, ingresso, tudo incluso, o preço é dentro da realidade do mercado - disse o dirigente corintiano.


CORINTHIANS VENCE FLA POR 2X1 EM JOGO DE IDA DA COPA DOBRASIL SUB 17
O Timão abriu o placar aos três minutos, com Renan Guedes. Aos 37 minutos, Matheus Iacovelli cobrou pênalti, que originou a expulsão do jogador da equipe paulista, e empatou o jogo. Aos 37 do segundo tempo, após uma falta cobrada na área, o zagueiro Bernardo desviou para trás e acanou marcando contra.
As duas equipe voltam a se encontrar na próxima quarta-feira, às 19h30, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Para chegar às quartas de final, o Corinthians precisa de um empate




ATUAÇÕES: Em empate do Corinthians e classificação antecipada, Renato Augusto se destaca


LANCEPRESS! - 17/04/2015 - 00:26

Renato Augusto foi eleito o melhor em campo pelo L! (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

Nesta quinta-feira, o Corinthians ficou no 0 a 0 com o San Lorenzo, na Arena Corinthians, e garantiu sua classificação para as oitavas de final da Libertadores. Apesar do empate sem gols, Renato Augusto fez bom jogo e foi eleito o melhor em campo pelo LANCE!. Vagner Love, por outro lado, passou longe de mostrar o mesmo nível do titular Guerrero, que, com dengue, segue desfalcando a equipe. Confira a análise a seguir:



CORINTHIANS

6,5
Cássio
Teve bastante trabalho no primeiro tempo e deu tranquilidade à zaga. Não foi muito acionado na etapa final.

6,5
Fagner
Precisou suar bastante a camisa para tentar anular Mas e Blanco. Marcou bem, mas não atacou como de costume.

6,0
Felipe
Um pouco afobado no começo da partida na Arena. Se recuperou no segundo tempo e fez bons desarmes atrás.

6,5
Gil
Teve trabalho para segurar o ataque do San Lorenzo. Mostrou segurança e tentou ajudar a distribuir o jogo.

6,0
Uendel
Tímido no ataque, ficou mais preocupado com a marcação. Se defendeu bem, mas poderia ter ajudado Sheik na frente.

6,5
Ralf
Trabalhou forte para fechar o meio de campo e não deixar os hermanos criarem. Também tentou ajudar na criação.

6,0
Elias
Preso na marcação de Romagnoli, não se lançou ao ataque como de costume. Por outro lado, marcou bem.

5,5
Jadson
Errou muitos passes no meio de campo e atrasou alguns bons contra-ataques do time. Cansou na etapa final.

7,0
Renato Augusto
Voluntarioso, recuou para buscar jogo, armou as principais jogadas de ataque e ainda teve chance de marcar.

6,5
Emerson
Até correu bastante, mas encontrou forte marcação pelo lado esquerdo. Faltou ter penetrado mais na área.

5,0
Vagner Love
Ainda precisa se entender com os companheiros de meio de ataque. Bem marcado, perdeu bolas na frente e não rendeu.

6,0
Danilo
Prendeu mais a bola no ataque e chamou a marcação de Yepes. Não teve sucesso nas poucas chances que teve.


Mendoza
Sem nota. Entrou nos minutos finais do confronto.

6,0
Tite
Time não foi envolvente, mas jogou de forma tática e teve altos e baixos. Jogou para "garantir a classificação".




6/04/2015 23h57

Atuações do Corinthians:  Renato Augusto o melhor
Meio-campista é o único a oferecer certo perigo ao San Lorenzo nesta quinta-feira.

Por Carlos Augusto Ferrari



CÁSSIO – GOLEIRO
Fez uma boa defesa no primeiro tempo. No restante da partida, trabalhou pouco, mas mostrou segurança quando os argentinos tentaram atacar.
Nota: 6


FAGNER – LATERAL-DIREITO
Atacou mais vezes no segundo tempo, porém, sem conseguir criar grandes oportunidades. Não comprometeu defensivamente.
Nota: 6


FELIPE – ZAGUEIRO
Um pouco afoito no início de jogo, sobretudo quando o San Lorenzo trocava passes em velocidade. Melhorou com o passar do tempo.
Nota: 6,5


GIL – ZAGUEIRO
Também teve dificuldade em alguns lances mais rápidos do adversário, mas sem ocasionar grandes sustos.
Nota: 6


UENDEL – LATERAL-ESQUERDO
Desceu poucas vezes ao ataque em função do esquema de jogo do San Lorenzo, com jogadores abertos pelos lados. Errou pouco.
Nota: 6


RALF – VOLANTE
Muito bem na proteção à zaga, levando vantagem em praticamente todas as disputas de bolas. Fez o simples, como de costume.
Nota: 6,5


ELIAS – VOLANTE
Não repetiu as escapadas para o ataque como em partidas anteriores. A equipe sentiu falta de uma maior aproximação dele à área.
Nota: 5,5


JADSON – MEIA
Teve boa movimentação pela direita, mas errou passes na tentativa de criar situações de perigo.
Nota: 5,5


RENATO AUGUSTO – MEIA
O melhor do Timão. Arriscou chutes a gol, abriu espaços e foi o responsável pelos momentos de destaque da equipe nesta noite.
Nota: 7


EMERSON – ATACANTE
Vem caindo de produção ao longo deste primeiro semestre. Teve muita dificuldade em levantar vantagem nas disputas com Buffarini e errou jogadas em demasia.
Nota: 5


VAGNER LOVE – ATACANTE
O pior do Timão. Jogando como pivô, fracassou em todas as tentativas de girar, tocar ou finalizar. Mostrou certa irritação com as falhas e acabou substituído por Danilo. Saiu de campo entre vaias e aplausos pelo esforço.
Nota: 4


DANILO – MEIA
Aclamado pela torcida, não conseguiu corresponder em campo. Foi bem marcado e apareceu muito pouco no ataque.
Nota: 6


MENDOZA – ATACANTE
Entrou nos minutos finais na vaga de Emerson.
Sem nota.

Corinthians classificou-se antecipadamente as oitavas em empate com o San Lorenzo: 0 a 0 (Foto: Marcos Ribolli)





Corinthians x San Lorenzo registra maior público da Arena pós-Copa
Arena Corinthians teve 40.744 pagantes nesta quinta-feira (renda bruta de R$ 3.329.516,50)


LANCEPRESS! - 17/04/2015 - 00:35

Torcida lotou a Arena, mas viu o Corinthians apenas empatar (Foto: Nelson Almeida/ AFP)

O confronto desta quinta-feira à noite entre Corinthians e San Lorenzo (ARG), válido pelo Grupo 2 da Copa Libertadores, registrou o maior público da Arena Corinthians depois da Copa do Mundo de 2014:  41.107 presentes, sendo  40.744 pagantes (renda bruta de R$ 3.329.516,50). O jogo terminou empatado em 0 a 0.


Antes do duelo com o time argentino, o recorde do estádio alvinegro em jogos do Timão foi anotado na vitória sobre 5P, também pela competição sul-americana deste ano: 38.487 pagantes (renda bruta de R$ 3.528.236,02).

A partida também marcou a estreia do telão gigante acima do Setor Norte do estádio, onde as torcidas organizadas do Corinthians ficam posicionadas durante os jogos.




6/04/2015 23h03

Copa do Brasil sub-17: Timão vence o Fla e leva vantagem do empate ao Rio
Corinthians tem jogador expulso, mas ganha por 2 a 1 em Barueri. Partida de volta, valendo vaga na semifinal da competição, será na próxima quarta, em Volta Redonda


Por GloboEsporte.com

Últimos a entrar em campo pelas quartas de final da Copa do Brasil, Corinthians e Flamengo se enfrentaram na noite desta quinta-feira na Arena Barueri. E o Timão levou a melhor. Mesmo com um a menos na maior parte do jogo - Leo Santos foi expulso aos 35 do primeiro tempo -, o time do técnico Marcio Zanardi venceu por 2 a 1, com um gol de Renan Guedes e outro em cobrança de falta de Matheus Pereira que desviou em Bernardo, do Rubro-Negro. Matheus, de pênalti, descontou para a equipe carioca. Com o resultado, o Alvinegro leva a vantagem do empate ao Rio de Janeiro. O duelo de volta será na próxima quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.


Escalações:


Corinthians: Filipe; Samuel, Leo Santos, Matheus e Hurick; Renan, Renan Guedes, Fabricio e Matheus Pereira; Leonardo e Miullen









Empate dá vaga ao Corinthians e mantém sonho do San Lorenzo vivo
Brasileiros e argentinos não saem do zero nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, que recebeu seu maior público pagante (40.744) sendo  em jogos do Corinthians


LANCEPRESS! - 17/04/2015 - 00:04

O Corinthians se classificou antecipadamente as oitavas de final da Copa Libertadores da América 2015 ao empatar sem gols nesta quinta-feira com os argentinos do San Lorenzo,


Estudados e disputados. É assim que se pode resumir os primeiros 45 minutos do duelo entre brasileiros e argentinos, que terminaram sem bola na rede. As equipes alternaram melhores momentos, supremacia com a bola nos pés e melhores chances de gol.

Pelo San Lorenzo, os dois laterais (Mas e Buffarini) faziam a equipe jogar. A bola parada, insistentemente tentada, levava perigo. Pelo Corinthians, Jadson e Renato Augusto eram os mais perigosos. A dupla quase não errava e fazia a bola rolar. Mas Vagner Love estava mal, e quase todos os lances "paravam" em seus pés. Com isso, as chances eram pouco criadas.


Para a segunda etapa, o técnico Tite optou pela manutenção dos mesmos titulares. Love perdeu uma chance rapidamente e errou um lance bobo na sequência. Foi a senha para os primeiros gritos de "Danilo" ecoarem no lado oeste de uma Arena que recebeu 41.107 presentes (40.744 pagantes), recorde em jogos do Timão.

O meia entrou, mas o panorama não foi alterado. As duas equipes continuaram no revezamento dos melhores momentos em campo. É verdade que os argentinos foram piores do que na primeira etapa, consequência da busca pelo resultado de empate, que, na cabeça deles, favorece para a última rodada.

O tempo passava e as equipes pareciam satisfeitas com o resultado. O Corinthians, com o empate, manteve as invencibilidades da equipe (25 jogos) e da Arena (31 jogos) e ainda se garantiu nas oitavas de final da competição, em um dos grupos mais duros desta edição do torneio.



FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 0 x 0 san lorenzo
Copa Bridgestone Libertadores da América 2015, fase de grupos, 5ª rodada
Local: Arena Corinthians
Data/hora: 16/04/2015 - 22h
Árbitro: Víctor Carrillo (PER)
Auxiliares: César Escano (PER) e Braulio Cornejo (PER)
Público/Renda: 41.107 presentes (40.744 pagantes)/R$ 3.329.516,50
Cartões amarelos: Jadson (COR); Alan Ruíz, Blanco e Caruzzo (SLO)

CORINTHIANS: 12-Cássio; 23-Fagner, 22-Felipe, 4-Gil e 13-Uendel; 5-Ralf; 7-Elias, 8-Renato Augusto e 
10-Jadson, 11-Emerson Sheik (15-Mendoza, 42'/2ºT); 29-Vagner Love (20-Danilo, 15'/2ºT). Técnico: Tite. 1-Wálter, 17-Edu Dracena, 2-Edílson, 16- Cristian, 25-Bruno Henrique

san lorenzo: 12-Torrico, 7-Buffarini, 6-Caruzzo, 3-Yepes e 21-Mas; 20-Ortigoza, 5-Mercier, 15-Villalba (28-Mussis, 24'/2ºT) e 23-Blanco (11-Barrientos, 30'/2ºT); 10-Romagnoli (22-Alan Ruíz, 20'/2ºT) e 26-Matos. Técnico: Edgardo Bauza. + 1-Franco, 27-Catalan, 4-Quignon, 9-Cauteruccio
















Tite celebra classificação antecipada fo Corinthians para oitavas da Libertadores da América: "Tenho de enaltecer o trabalho"
Técnico do Corinthians disse que quer desfrutar da conquista da vaga para as oitavas de final da competição após empatar com San Lorenzo

01h33 17/04/2015 - FutebolAgência Corinthians



© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTite enalteceu a atuação da equipe e preferiu não avaliar o resultado em si


Com o empate sem gols contra o San Lorenzo, nesta quinta-feira (16) na Arena Corinthians, o Timão está classificado de forma antecipada para as oitavas de final da Copa Bridgestone Libertadores 2015. Após a partida, o técnico Tite celebrou a conquista da vaga em um grupo dificil, com uma rodada de antecipação.


Mais do que a classificação, o treinador do Corinthians elogiou o trabalho de todos da equipe feito até o momento. "O que nós vamos fazer agora é ter a satisfação dessa classificação. Tenho de enaltecer o trabalho", afirmou em entrevista coletiva.
Depois de uma partida que considerou de "altíssimo nível", Tite enalteceu a atuação da equipe e preferiu não avaliar o resultado em si, destacando o conjunto da obra do Timão nesta temporada.

"Eu pego médias de atuações. Não os picos. Eu falo isso também em vitórias", declarou Tite. O Corinthians está invicto há 25 jogos em 2015.














Com recorde na Arena Corinthians, Timão empata com San Lorenzo e se classifica  as oitavas da Libertadores da América, antecipadamente
Placar não saiu do zero na Arena Corinthians com mais de 40 mil pagantes, mas resultado garantiu o Timão nas oitavas de final da competição continental
00h 17/04/2015 - FutebolAgência Corinthians


© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTimão termina primeira fase da Libertadores na próxima quarta, contra o São Paulo
O Corinthians está nas oitavas de final da Copa Bridgestone Libertadores 2015. A classificação veio após o empate por 0 a 0 com o San Lorenzo na Arena Corinthians, nesta quinta-feira (16). O Timão chegou aos 13 pontos no grupo 2, não podendo mais ser alcançado, garantindo, inclusive, o primeiro lugar da chave com uma rodada ainda a ser jogada.

Em noite histórica na Arena Corinthians, com o maior público pagante em jogos do Timão na história do estádio -- 41.107 no total 
 (40.744 pagantes) --, o jogo foi muito truncado. Não houve grandes chances de gol por ambos os lados.

Apesar do início promissor, com um chute de Emerson que fez o goleiro Torrico rebater, o Corinthians chegou poucas vezes ao gol com a característica da temporada, os passes rápidos.

As melhores oportunidades vieram dos pés de Renato Augusto. O meia tentou por duas vezes em chutes de fora da área, ambas defendidas pelo goleiro Torrico.

No segundo tempo, as chances rarearam. Cássio não foi muito exigido. Pelo outro lado, o Timão também não conseguiu levar muito perigo ao gol do San Lorenzo. No fim do jogo, uma falta cobrada por Jadson passou perto da trave, mas não conseguiu tirar o zero do placar. Mas um resultado mais do que suficiente para levar o Alvinegro à próxima fase da competição continental. Também para manter a invencibilidade no ano, que já chega a 25 jogos seguidos. Na Arena Corinthians, são 31 partidas consecutivas sem perder.

O Corinthians fecha a participação na chave 2 da da fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores no clássico contra o São Paulo, no Morumbi, nesta quarta-feira (22), às 22h. Mas antes tem outro confronto histórico: o jogo contra o Palmeiras pelas semifinais do Paulistão Itaipava 2015 - Série A1, na Arena Corinthians, neste domingo (19), às 16h.

CORINTHIANS 0 X 0 san lorenzo
Copa Bridgestone Libertadores da América 2015, fase de grupos, 5ª rodada

Data: 16/04/2015
Local: Arena Corinthians
Árbitro: Victor Carillo (PER)
Cartões amarelos: Jadson (COR), Caruzzo, Blanco e Alan Ruiz (SLO)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Jadson e Renato Augusto; Emerson (Mendoza) e Vagner Love (Danilo). Técnico: Tite

sanlorenzo Torrico; Buffarini, Caruzzo, Yepes e Emanuel Más; Mercier, Ortigoza, Villalba (Mussis), Romangnoli (Alan Ruiz) e Blanco (Barrientos); Mauro Matos. Técnico: Edgardo Bauza




Corinthians 0
Cássio
Fágner
Gil
Felipe
Uendel
Elias
Ralf
Renato Augusto
Jádson
Emerson
( Mendoza)
Vágner Love
(Danilo)


sl 0

Torrico
Buffarini
Yepes
Caruzzo
Más
Mercier
Ortigoza
Blanco
(Barrientos)
Romagnoli
(Alan Ruiz)
Mauro Matos
Villalba
(Mussis)



47'Termina o jogo! O Corinthians está classificado às oitavas de final da Libertadores.2˚T

45'2 minutos de acréscimo!2˚T

43'San LorenzoJadson cobra falta na cabeça de Felipe, que cabeceia fraco, nas mãos de Torrico.2˚T

42'CorinthiansSubstituiçãoSubstituição: sai Emerson Sheik, entra Mendoza.2˚T

41'UUUHH! Jadson cobra falta muito bem, mas a bola sai à direita do gol de Torrico!2˚T

39'Fagner faz boa jogada pela direita, leva carrinho e é desarmado na bola.2˚T

37'Lançamentos: 32 Corinthians, 29 San Lorenzo2˚T

36'Matos tenta passe em profundidade pra Barrientos, mas Fagner corta.2˚T

35'Yepes lança na área do Corinthians, mas Felipe corta de cabeça.2˚T

34'Renato Augusto tenta passe na direita pra ultrapassagem de Fagner, mas a bola sai pela lateral.2˚T

33'Desarmes: 28 Corinthians, 24 San Lorenzo.2˚T

32'San LorenzoCartão amareloCartão amarelo para Alan Ruiz por reclamação.2˚T

31'Fagner cruza e Yepes corta.2˚T

29'San LorenzoSubstituiçãoSubstituição: sai Blanco, entra Barrientos.2˚T

28'Faltas: 8 Corinthians, 13 San Lorenzo2˚T

26'Finalizações: 12 Corinthians, 2 San Lorenzo2˚T

24'San LorenzoSubstituiçãoSubstituição: sai Villalba, entra Mussis.2˚T

23'Fagner cruza pra Danilo, que tenta ajeitar pra Emerson, mas erra o passe.2˚T

22'San LorenzoCartão amareloCartão amarelo para Blanco por simulação de pênalti.2˚T

21'San LorenzoSubstituiçãoSubstituição: sai Romagnoli, entra Alan Ruiz2˚T

20'Danilo cruza e Yepes afasta da área.2˚T

19'Uendel tenta jogada em cima de Buffarini, mas o lateral do San Lorenzo mais uma vez consegue desarmar.2˚T

17'Renato Augusto cobra falta e Torrico corta de soco2˚T

16'CorinthiansSubstituiçãoSubstituição: sai Vágner Love, entra Danilo.2˚T

15'Sheik arranca, tenta o drible e cai. O juiz não marca nada.2˚T

14'Posse de bola: 60% Corinthians, 40% San Lorenzo.2˚T

13'E DAQUI A POUCO VEM DANILO! O técnico Tite chama Danilo após mais um erro de Vagner Love.2˚T

12'Faltas: 8 Corinthians, 10 San Lorenzo.2˚T

11'CorinthiansAtendimento médico a Fagner.2˚T

10'Uendel tenta jogada pela esquerda, mas erra o drible e joga a bola direto pela linha de fundo.2˚T

08'Renato Augusto acha Jadson na entrada da área, mas o camisa 10 é travado pela marcação.2˚T

06'Passes errados: 28 Corinthians, 32 San Lorenzo2˚T

05'Vagner Love arranca, demora pra passar e, quando o faz, passa errado.2˚T

03'San LorenzoCartão amareloCartão amarelo para Caruzzo por carrinho duro em Emerson Sheik.2˚T

02'Sheik enfia boa bola para Jadson, mas o passe sai forte e fica com Torrico.2˚T

01'PASSOU! Uendel e Vagner Love tabelam, o lateral cruza pro atacante, que dá o carrinho e não chega na bola2˚T

00'Bola rolando para o 2º tempo!2˚T

46'Fim do primeiro tempo!1˚T

45'Ralf cruza e Más corta de cabeça.1˚T

43'Matos tenta lançamento para Villalba, mas Uendel corta.1˚T

42'Sheik tenta drible pela esquerda e é desarmado por Buffarini.1˚T

41'San LorenzoRomagnoli dá bom passe para Matos, mas o atacante estava impedido.1˚T

40'Sheik cruza e a bola sai muito forte e vai direto pra linha de fundo.1˚T

38'Finalizações: 11 Corinthians, 2 San Lorenzo1˚T

37'San LorenzoTORRICO! Renato Augusto chuta, de chapa, pra Torrico espalmar pra escanteio!1˚T

36'Romagnoli cruza, a bola passa por dois jogadores do San Lorenzo e fica nas mãos de Cássio.1˚T

35'Jadson chuta, a defesa bloqueia e, na sequência, Vagner Love é travado. Pressão do Corinthians!1˚T

34'Uendel cruza, a bola desvia e Felipe cabeceia mal, pra fora.1˚T

33'San LorenzoApós escanteio, a bola sobra pra Felipe. O zagueiro chuta, a bola desvia na marcação e Torrico espalma!1˚T

32'Renato Augusto cruza, Yepes desvia de cabeça e a bola sai em escanteio1˚T

31'Finalizações: 5 Corinthians, 2 San Lorenzo1˚T

30'Blanco cobra falta na área e Ralf corta de cabeça.1˚T

29'Romagnoli cobra falta na área e Fágner afasta de cabeça.1˚T

28'Elias recebe de Jadson, dá uma caneta e cai, mas o juiz não marca falta.1˚T

27'San LorenzoRomagnoli cobra falta na cabeça de Yepes, mas o zagueiro cabeceia pra fora.1˚T

26'Villalba tenta passe rasteiro para Blanco, mas dá nos pés de Uendel.1˚T

24'PRA FORA! Blanco cobra escanteio e Yepes cabeceia pra fora!1˚T

23'San LorenzoJadson lança, Buffarini falha e Renato Augusto chuta pra defesa de Torrico.1˚T

21'CorinthiansCartão amareloCartão amarelo para Jadson por falta em Blanco.1˚T

20'Villalba tenta passe na área pra Matos, mas erra.1˚T

19'San LorenzoTORRICO! Corinthians pressiona e, no rebote, Renato Augusto chuta forte pra boa defesa de Torrico!1˚T

18'Posse de bola: 60% Corinthians, 40% San Lorenzo1˚T

17'Buffarini passa pra Villalba em profundidade, mas a bola sai pela linha lateral.1˚T

15'ISOLOU! Sheik traz da esquerda pro meio e chuta forte, mas pra muito longe!1˚T

14'San Lorenzo troca bons passes, mas Más é desarmado por Ralf.1˚T

13'Buffarini cobra lateral na direção de Matos, mas o centrovante não consegue dominar a bola.1˚T

11'Passes errados: 7 Corinthians, 7 San Lorenzo.1˚T

10'San LorenzoOrtigoza enfia boa bola para Villalba, pelo alto, mas estava impedido.1˚T

08'PRA FORA! Blanco tabela com Romagnoli e chuta. A bola desvia em Fágner e sai em escanteio.1˚T

07'Renato Augusto tenta passe em profundidade pra Sheik mas, desequilibrado, joga nas mãos de Torrico.1˚T

06'Corinthians busca a vitória no jogo de hoje pra ser o 1º colocado na colocação geral1˚T

04'O San Lorenzo é o 3º com 6 pontos1˚T

03'CorinthiansQUASE! Sheik chuta e Torrico solta nos pés de Vágner Love, mas o atacante estava impedido!1˚T

01'Corinthians é o primeiro do grupo 2 com 12 pontos em 4 jogos.1˚T

00'Começa o jogo na Arena Corinthians!1˚T



00'Daqui a pouco a bola rola para Corinthians x San Lorenzo.














4-5-1Corinthians   0
Cássio  GOL
Fagner   LAD
Felipe   ZAD
Gil        ZAE
Uendel  LAE
Ralf      VOL
Elias     VOL
Jadson    MEC
Renato Augusto   MEC
Emerson   ATA
(Mendoza    ATA)
Vagner Love   ATA
(Danilo    MEC)
Tite   TEC
RESERVAS
Walter                GOL
Edílson                LAD
Edu Dracena        ZAD
Bruno Henrique   VOL
Cristian                VOL





San Lorenzo 0
Torrico      GOL
Buffarini    LAD
Caruzzo     ZAD
Yepes         ZAE
Más            LAE
Mercier      VOL
Ortigoza     VOL
Villalba     MEC
( Mussis      VOL)
Romagnoli  MEC
 (Alan Ruiz   MEC)
Blanco       MEC
( Barrientos  MEC)
Matos       ATA
Edgardo Bauza  TEC
reservas
Franco       GOL
Catalán             ZAD
Quignón           MEC

Cauteruccio        ATA








RESUMÃO
O JOGO

O Corinthians fez o mínimo necessário para assegurar sua classificação às oitavas de final da Taça Libertadores. O empate por 0 a 0 com o San Lorenzo, nesta quinta-feira, na Arena Corinthians, foi o suficiente para o Timão confirmar vaga na próxima fase.


DESTAQUE COMO FICOU?

Com o empate, o Timão foi a 13 pontos, garantindo também a liderança da chave. O Corinthians pela lIbertadores da América volta a campo contra 5P no Jd Leonor, quarta que vem, às 22h.
11065



DESTAQUE FIEL EM PESO

O público da partida desta quinta-feira é o novo recorde da arena em jogos do Corinthians. Foram 41.107, no total (40.744 pagantes ), para uma renda de R$ 3.329.516,50.

DESTAQUE"VAMOS PARA CIMA"

A classificação não é o bastante para o Timão tirar o pé na última rodada. "O Corinthians tem sempre que vencer. Se somarmos mais pontos nos aproximamos da melhor camapnha. Isso é bom porque a gente decide os mata-matas em casa", disse o goleiro Cássio.

DESTAQUE AGENDA

Antes de finalizar a fase de grupos no dia 22,  em Corinthians x 5P, haverá outro clássico. No domingo, rtem Corinthians x palmeir2as, na Arena Corinthians às 16h, pela semifinal do Paulistão. O confronto é em jogo único e, se terminar empatado, será definido nos pênaltis.


DESTAQUE COMO VELHOS AMIGOS

Após a polêmica mordida na final da Libertadores de 2012, o atacante Emerson Sheik e o zagueiro Caruzzo se reencontraram na arena. A confusão, da época que o argentino jogava no Boca Juniors, ficou para trás. Tanto que o defensor fez um pedido ao corintiano: "Ele me pediu para ganhar de 5P", disse o alvinegro.


DESTAQUEATUAÇÕES

LANCE A LANCE
47'2º TEMPO
FIM DE JOGO!
O árbitro apita e encerra a partida, que termina empatada em 0 a 0.

45'2º TEMPO
O Corinthians ainda tenta fazer o gol, mas sofre com a postura do San Lorenzo, que se defende bem.

43'2º TEMPO
VAI ATÉ OS 47 MINUTOS
O juiz aponta dois minutos de acréscimos para a etapa final

43'2º TEMPO
Jadson bate falta de longe para a área, Felipe escora, mas Danilo não alcança.

42'2º TEMPO

SAIEmersonMEIO-CAMPO
ENTRAMendozaATACANTE


41'2º TEMPO
PERIGO!
Jadson cobra por cima da barreira. Torrico vai na bola, não alcança, mas ela passa à direita da trave.

40'2º TEMPO
Elias recebe de frente para a área e sofre a falta. Boa oportunidade para o Timão.

39'2º TEMPO
Fagner faz boa jogada pela ponta direita, mas é derrubado. O juiz viu lance normal.

38'2º TEMPO
EMPATE É BOM...
O empate na Arena Corinthians é bom para o Corinthians. Com este ponto a mais, o time de Tite garante não só a classificação para as oitavas como também a primeira posição do Grupo 2. Com 13, não pode mais ser alcançado por ninguém.

36'2º TEMPO
Barrientos tenta se infiltrar na defesa do Corinthians, mas Fagner tira.

33'2º TEMPO
Jadson tenta tocar de calcanhar para Danilo, mas a defesa corta o passe.

32'2º TEMPO
Cartão amarelo para Alan Ruiz

31'2º TEMPO
O San Lorenzo se fecha bem e dificulta o avanço do ataque corinthiano.

30'2º TEMPO

SAI  Blanco MEIO-CAMPO
ENTRA  BarrientosMEIO-CAMPO


Temos recorde de público na Arena Corinthians: 41.107 presentes, sendo 40.744 pagantes. Renda: R$ 3.329.516,50. #trarenacor

29'2º TEMPO
Emerson toca para Uendel, que bate de longe, mas a bola explode na zaga.
26'2º TEMPO
SAI Villalba MEIO-CAMPO
ENTRA Mussis MEIO-CAMPO

24'2º TEMPO
Jadson e Fagner tabelam pela direita. O lateral cruza para Danilo, que escora mal para Emerson.

22'2º TEMPO
Cartão amarelo para Blanco

21'2º TEMPO

SAI  RomagnoliMEIO-CAMPO
ENTRA  Alan RuizMEIO-CAMPO

20'2º TEMPO
Danilo recebe na esquerda e cruza para Emerson, no meio da área. A zaga afasta.
18'2º TEMPO
Blanco lança Villalba, que disputa corrida com Felipe. Cássio se adianta e tira com o pé.
17'2º TEMPO


15'2º TEMPO

SAIVagner LoveATACANTE
ENTRADaniloMEIO-CAMPO


15'2º TEMPO
Emerson parte para cima de Caruzzo dentro da área. Ele cai, mas o juiz nada marca.

14'2º TEMPO

MOLECADA

Boa notícia para a Fiel. Nesta noite o Corinthians venceu o Flamengo pelas quartas de final da Copa do Brasil sub-17 nesta quinta. Tem a vantagem do empate no jogo de volta.
12'2º TEMPO
Recuperado, Fagner volta para o jogo.

11'2º TEMPO
Fagner divide bola com Mas, na direita, e fica sentindo, sentado no campo.

07'2º TEMPO
Jadson inverte para Emerson na esquerda, mas a bola quica e o atacante não consegue dominar.

05'2º TEMPO
Romagnoli cruza bola muita alta para a área do Corinthians. Cássio sobe e fica com ela.

 Torcida começa a pedir a entrada de Danilo. #trarenacor
04'2º TEMPO
Renato Augusto levanta na área, mas a defesa argentina tira de lá.

03'2º TEMPO

Caruzzo  ZAGUEIRO
Cartão amarelo para Caruzzo

02'2º TEMPO
Emerson avança e enfia para Jadson, que perde na dividade com o zagueiro

01'2º TEMPO
Uendel lança para Vagner Love, que devolve de cabeça. O lateral cruza para dentro da área, mas a bola passa por tudo.


01'2º TEMPO
VALENDO!

INTERVALO

FALA, TITE

"Começou equilibrado, melhorou a partir dos 10 ou 15 minutos, e tivemos mais oportunidades de gol", diz o técnico.


INTERVALO

Jadson




INTERVALO



Primeiro tempo de um jogo brigado na Arena Corinthians.

51285



INTERVALO

FALA, CÁSSIO

"Foi bom, tivemos volume de jogo, criamos algumas chances. Demos um pouco de espaço em alguns momentos. Vamos caprichar na finalização para sair com a vitória".
560124



INTERVALO

FALA, RALF

"A dificuldade é que eles estão bem postados. A gente tem que ter mais paciência. A gente está finalizando bem, o goleiro deles fez boas defesas".
443102



46'1º TEMPO

FIM DE PRIMEIRO TEMPO

O juiz apita e encerra a etapa inicial.
208103



45'1º TEMPO



Ralf rouba bola no ataque, mas levanta mal, para ninguém dentro da área.
152103



TWITTER

Diego Ribeiro@DIEGORIBEIRORenato Augusto é o melhor em campo. Sheik e Vagner Love mal. A bola "queima" nos pés do centroavante. #trarenacor
384143



42'1º TEMPO

ATÉ OS 46 MINUTOS

Um minuto de acréscimo no primeiro tempo!
19693



41'1º TEMPO



Romagnoli toca para Matos, que aparece sozinho. Mais um impedimento do San Lorenzo.
13498



40'1º TEMPO



Renato Augusto tenta a jogada individual pela esquerda, a defesa tira para lateral. O meia cobra para Emerson, que cruza para ninguém...
19683



38'1º TEMPO



Renato Augusto toca para Vagner Love. O atacante perde, mas ela volta para o meia, que bate. Torrico espalma.
472123



35'1º TEMPO



O Corinthians rouba a bola perto da área do San Lorenzo. Sheik toca para Vagner Love, mas os argentinos se salvam.
564129



34'1º TEMPO



Renato Augusto cobra escanteio curto para Uendel. O lateral levanta na área e Felipe cabeceia para fora.
36494



34'1º TEMPO

POR POUCO!

Na cobrança de escanteio, Sheik bate em cima da zaga. No rebote, Felipe também tenta. Ela sobra, então, para Jadson, que chuta para fora.
446114



32'1º TEMPO



Renato Augusto levanta na área, mas a zaga do San Lorenzo tira. Escanteio para o Corinthians.
35095



32'1º TEMPO


26784



29'1º TEMPO

AMIGOS!

Antes do jogo, Emerson e Caruzzo se abraçaram e deixaram para trás a troca de "gentilezas" da final da Libertadores de 2012.

632153



26'1º TEMPO



Buffarini levanta na área e Caruzzo cabeceia, mas em impedimento.
242263



24'1º TEMPO



Blanco bate escanteio, Villalba sobe mais que Gil e cabeceia com perigo. A bola passa perto.
256368



23'1º TEMPO



Jadson lança Renato Augusto e parecia que Buffarini ficaria com ela. O argentino, porém, erra. O meia do Corinthians recupera a bola e bate colocado. Torrico defende.

21'1º TEMPO

JadsonMEIO-CAMPO

Cartão amarelo para Jadson

21'1º TEMPO
Villalba tenta enfiar para Matos, mas toca errado. Cássio fica com ela, sem problemas.

19'1º TEMPO

QUASE!

Elias puxa novo contra-ataque, toca para Emerson. Sheik passa para Love, mas ele se enrola com a bola. No rebote, de longe, Renato Augusto bate. Torrico evita o gol.
17'1º TEMPO

Buffarini lança Villalba, mas a bola sai pela lateral.

15'1º TEMPO
Elias rouba bola no meio de campo e inicia o contra-ataque. Emerson recebe e bate de fora da área, mas ela passa longe.
12'1º TEMPO
O Corinthians toca a bola para tentar se livrar da marcação, mas o argentinos dão pouco espaço nesse começo de jogo.

10'1º TEMPO
Ortigoza levanta para Blanco dentro da área, mas a arbitragem marca impedimento.

08'1º TEMPO
UHHHH

Blanco toca para Romangnoli e recebe na frente, dentro da área. O atacante bate, a bola desvia e vai para escanteio. Passou perto essa...

06'1º TEMPO
Renato Augusto bate fechado, Felipe sobe, mas Torrico afasta.

05'1º TEMPO
Uendel lança Emerson na esquerda, mas Buffarini derruba Sheik. Falta para o Corinthians.

03'1º TEMPO
NÃO VALIA MAIS!

O Corinthians faz boa jogada pela direita. A bola cruza a área e Sheik bate. Torrico rebate e a bola cai no pé de Love. O goleiro defende novamente, mas o árbitro já marcava impedimento.


02'1º TEMPO
Vagner Love e  Emerson Sheik tabelam na esquerda. Emerson toca para Renato Augusto, mas a bola sai pela linha lateral.

01'1º TEMPO

COMEÇOU!

Bola rolando na Arena Corinthians!
00'1º TEMPO
ja os melhores momentos do jogo


PRÉ-JOGO


O Corinthians inicia o primeiro tempo.

A Fiel canta alto antes do início da partida. Quase tudo pronto para o jogo!

PRÉ-JOGO

NO GRAMADO

As equipes deixam o túnel juntos e surgem no campo da Arena Corinthians
PRÉ-JOGO

MURALHA

Cássio se aprontando para o duelo contra o San Lorenzo.




PRÉ-JOGO

NO AQUECIMENTO

Os goleiros do Corinthians se aquecem na Arena Corinthians



Timão fazaquecimento no gramado #trarenacor


PRÉ-JOGO

PAPA ALVINEGRO

Os corinthianos também têm um "Papa" a seu lado.



PRÉ-JOGO

NOVO TELÃO

O novo telão já funciona na arena. Gostou?

Cássio e Walter no aquecimento. Torcida chega calmamente à arena. #trarenacor


PRÉ-JOGO
PRÉ-JOGO

APITO PERUANO
Victor Carrillo apita, auxiliado por Cesar Escano e Braulio Cornejo.
San Lorenzo também está pronto #trarenacor
Para o torcedor entender, o Márcio P. Albuquerque da lista é o Emerson #trarenacor
Detalhe do novo telão da Arena Corinthians. #trarenacor
Corinthians escalado #trarenacor





Ação de patrocinador da Libertadores coloca torcedores em cobranças de falta no gramado. #trarenacor
Corinthians vendeu 20 dos 89 camarotes da arena #trarenacor


Novo telão da Arena Corinthians, no setor Norte, funciona bem. O antigo foi retirado. #trarenacor

Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson; Vagner Love #trarenacor
Timão ainda não divulgou a escalação na arena, mas Tite confirmou a equipe no treino de quinta #trarenacor
Diretor de marketing do Corinthians, Marcelo Passos vai apresentar hoje áreas de camarotes a empresários interessados. #trarenacor
Metrô informa que a falha já foi corrigida, e o fluxo de passageiros na linha vermelha está sendo normalizado gradativamente #trarenacor
Problema na linha vermelha do Metrô atrapalha a chegada de torcedores à Arena Corinthians #trarenacor

Arena Corinthians pronta para bater seu recorde de público em jogos do Timão. #trarenacor


PRÉ-JOGO

PRÉ-JOGO

PARÇAS #SQN

Emerson Sheik e Caruzzo protagonizaram um dos lances mais lembrados no Corinthians campeão 2x0 boca vice na final da Libertadores de 2012, vencida pelo Corinthians. Num disputa, o corintiano mordeu o dedo do então zagueiro do Boca Juniors



FIEL EM CASA

Já tem gente chegando e ocupando as arquibancadas da Arena Corinthians para o jogo de logo mais.

18225



PRÉ-JOGO

PARA TODOS

O Corinthians aproveitou a partida desta quinta-feira para anunciar uma remodelação do programa Fiel Torcedor, que ganhou dois novos planos, e para iniciar a venda de camarotes e cadeiras de seu estádio. O diretor de marketing Marcelo Passos convidou 860 empresários para o evento.




PRÉ-JOGO

UM PONTINHO...

O Corinthians pode conquistar nesta noite a classificação para as oitavas de final da competição. Para isso, basta empatar com os argentinos. O Timão venceu as quatro partidas que fez na fase de grupos.



PRÉ-JOGO



Boa noite, amigo internauta! Iniciamos agora a transmissão de Corinthians x San Lorenzo, que se enfrentam a partir das 22h, na Arena Corinthians, pela Libertadores da América.












Corinthians vence Flamengo pela Copa do Brasil Sub-17
Na primeira partida das quartas de final da competição, o Alvinegro bateu o clube carioca por 2 a 1
22h15 16/04/2015 - Departamento de Formação de AtletasAgência Corinthians



© DivulgaçãoA próxima partida será nesta quarta-feira (22), às 19h30, em Volta Redonda-RJ


Nesta quinta-feira (16), a equipe Sub-17 do Corinthians venceu o Flamengo por 2 a 1, na primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil Sub-17, em ótima partida disputada na Arena Barueri.

Logo no início da primeira etapa, o Timão abriu o placar com uma bela jogada coletiva da equipe dirigida pelo técnico Marcio Zanardi. O atacante Léo Jabá fez boa tabela com Matheus Pereira e achou Fabrício, que soltou no meio para Renan Guedes finalizar com categoria, sem chances para o goleiro do Flamengo.

Após abrir o marcador, o Timão manteve boa posse de bola e conquistou o domínio da partida. No fim da primeira etapa o Flamengo empatou após pênalti cometido pelo zagueiro Leo Santos, que foi expulso e deixou o Timão com um jogador a menos para a segunda etapa.

Mesmo em desvantagem numérica, o Corinthians conseguiu se impor e quase ampliou o placar em boa chance de Léo Jabá. Após muito insistir, o Timão conseguiu o segundo gol com uma bela cobrança de falta do camisa 10, Matheus Pereira, que fez o primeiro dele na competição nacional.

A próxima partida será nesta quarta-feira (22), às 19h30, em Volta Redonda-RJ. Um empate garante o Timão na semifinal da Copa do Brasil Sub-17.








Casal que acompanha futebol juntos há mais de 40 anos visitam Arena Corinthians pela primeira vez.
Timão e San Lorenzo se enfrentam às 22h, pela Copa Bridgestone Libertadores, na Arena Corinthians.

20h44 16/04/2015 - EspeciaisAgência Corinthians



© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansCasal aposta em destaques de Vagner Love e Renato Augusto


Walter Prates e Maria Rita Prates acompanham futebol juntos há mais de 40 anos. Nesta quinta-feira (16), o casal veio acompanhar o Timão pela primeira vez na Arena Corinthians. Felizes, a dupla está confiante em vitória do Alvinegro.

“Estou achando uma coisa fantástica. Coisa linda, de primeiro mundo. Esse estádio é lindo e é a nossa casa. Este é o ponto forte. Eu terei emoções e emoções no dia de hoje, mas valerá a pena”, contou Walter.

“Primeira vez que eu venho na Arena Corinthians e estou achando maravilhoso. É como você chegar à sua casa nova, aquela que você acabou de comprar. A Arena tem me empolgado desde a inauguração”, contou.

Apesar disso, o casal não concorda na hora de indicar que irá definir o jogo para o Corinthians. Walter aposta em boa exibição de Vagner Love. Já sua esposa Maria Rita acredita em Renato Augusto. Timão e San Lorenzo se enfrentam às 22h, pela Copa Bridgestone Libertadores.
Na primeira fila da Arena Corinthians, torcedora afirma: “Estilo europeu”
A torcedora aposta em vitória alvinegra. “Espero que o Danilo decida para gente hoje”
20h20 16/04/2015 - EspeciaisAgência Corinthians


© DivulgaçãoJanete de Souza aposta em vitória por 2 a 0


Pela Copa Bridgestone Libertadores, o Corinthians recebe o San Lorenzo às 22h na Arena Corinthians, nesta quinta-feira (16). Com mais de 39.500 ingressos vendidos, os primeiros torcedores alvinegros chegam à casa alvinegra. Entre eles está Janete Mara de Souza, 48 anos.

Uma das primeiras a chegar à Arena Corinthians, a torcedora conta que sempre faz um esforço para estar na primeira fila. “Chego cedo para poder ficar perto do gramado. Acho maravilhoso. Estilo europeu. Então sempre faço esse esforço de chegar cedo à Arena Corinthians”, afirmou Janete Mara.

Além disso, a torcedora aposta em vitória alvinegra. “Espero que o Danilo decida para gente hoje. Acredito que a partida terminará em 2 a 0 para nós”, conta.
















Fiel escolhe gols que passarão no telão antes do clássico de domingo
Na Arena Corinthians, jogo entre Corinthians e Palmeir2as definirá um dos finalistas do Paulistão Itaipava 2015 – Série A1
18h09 16/04/2015 - Redes SociaisAgência Corinthians
© Rodrigo Coca/Ag. CorinthiansO jogo entre Corinthians e Palmeiras acontecerá a partir das 16h de domingo
Entre terça (14) e quinta-feira (16), a Fiel pôde escolher, na página oficial do Corinthians no Facebook (www.facebook.com/Corinthians), os cinco gols históricos do Timão sobre o rivalpara passar no telão da Arena Corinthians antes do clássico que decidirá um dos finalistas do Paulistão 2015.

O jogo do Corinthians acontecerá a partir das 16h de domingo (19). Antes da bola rolar, a Fiel poderá ver os cinco gols que escolheu. Foram eles:

- Paulistão 2015 (primeira fase) -  0 X 1 Corinthians - Gol de Danilo
- Brasileirão 2014 - Corinthians 2 X 0  - Gol de Guerrero
- Brasileirão 2012 - Corinthians 2 X 1 - Gol de Romarinho (de letra)
- Paulistão 2009 (primeira fase) -  1 X 1 - Gol de Ronaldo
- Paulistão 1995 (primeira fase) - Corinthians 2 X 1 Gol de Marcelinho

Os outros cinco que participaram da eleição, mas não foram escolhidos são:

- Brasileirão 2005 -1 X 1 Corinthians - Gol de Carlitos Tevez
- Paulistão 1999 (final) - Corinthians 2 X 2- Gol de Edílson
- Paulistão 1995 (final) - Corinthians 2 X 1  - Gol de Elivélton
- Paulistão 1983 (semifinal) - Corinthians 1 X 0  - Gol de Sócrates
- Paulistão 1979 (semifinal) - Corinthians 1 X 0 - Gol de Biro-Biro



Corinthians via Fiel Torcedor  lança mais dois planos; um deles para quem mora fora da capital paulista corinthiana
"Minha Nação" será o mais caro e estará ligado à locação de uma cadeira. "Minha Paixão" será o plano mais barato e será voltado aos torcedores que moram fora da capital

Rodrigo Vessoni - 16/04/2015 - 13:42

Arena Corinthians impulsionou o Fiel Torcedor, o terceiro maior plano de sócios-torcedores do país (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

O Corinthians anuncia nesta quinta-feira, horas antes do confronto com o San Lorenzo (ARG) pela Libertadores da América, ampliações no Fiel Torcedor. O programa de sócio-torcedores ganhará dois novos planos, além dos tradicionais "Minha Torcida", "Minha Vida", "Minha História" e "Meu Amor".

Os departamentos de marketing e de arrecadação do Timão anunciarão em algumas horas os planos "Minha Nação", que será o mais caro de todos e estará ligado à locação de uma cadeira cativa na Arena Corinthians, e o "Minha Paixão", focado nos torcedores que não moram na capital paulista corinthiaa e não conseguem ir ao estádio com frequência.

Esse "Minha Paixão" custará apenas R$ 9 e será o plano mais barato do Fiel Torcedor. O principal benefício será a facilidade e prioridade do torcedor de comprar ingresso quando a equipe atuar em sua cidade de origem. Exemplo: se o Corinthians jogar em Curitiba, o clube dará um jeito de garantir ingresso junto à diretoria local para que o fiel-torcedor tenha acesso ao estádio sem ter trabalho para comprar o bilhete.

Há também a intenção de oferecer um upgrade aos sócios-torcedores em relação ao dia a dia do elenco profissional, durante a semana e antes dos jogos na Arena, além de oferecer benefícios com empresas parceiras que já fazem parte da "República Popular do Corinthians".

Além das novidades no Fiel Torcedor, o evento que acontecerá horas antes do jogo Corinthians contra o San Lorenzo anunciará novidades em relação à venda de camarotes e de aluguel das cadeiras cativas, com valores e tempo de contrato. Cerca de 600 representantes de agências de publicidade participarão do evento. Na sequência, todos permanecerão no estádio para acompanhar o duelo com os argentinos.











Duelo Corinthians x San Lorenzo terá série de atrações extracampo
Além do jogo haverá evento com patrocinadores, novo Fiel Torcedor, novo telão...


LANCEPRESS! - 16/04/2015 - 14:00

Arena Corinthians terá evento do marketing (Foto: Ari Ferreira/LANCE!Press)

O Corinthians enfrenta o San Lorenzo (ARG) às 22h desta quinta-feira, na Arena Corinthians, pela quinta rodada do Grupo 2 da Copa Libertadores. Um empate já garante a equipe de Tite na primeira colocação e nas oitavas de final da competição sul-americana.

Até agora, a campanha é irretocável. Foram quatro vitórias em quatro jogos: Corinthians 2x0 5P e Corinthians 4x0 danubio, ambos na Arena Corinthians, e Corinthians 1 a 0 sobre o SLorenzo (ARG), em Buenos Aires, e Corinthians 2 a 1 sobre o Danubio (URU), em Montevideu.


Além do confronto entre brasileiros e argentinos, a partida desta quinta-feira terá uma série de atrativos extracampo. Confira tudo que envolve Timão x San Lorenzo:

Recorde de público

Até a noite desta quarta-feira, o Corinthians conseguiu vender todos os 39.500 ingressos colocados à venda. O público será o novo recorde da Arena Corinthians, sem contar os jogos de Copa do Mundo (a capacidade era maior com as arquibancadas móveis), superando os 38.487 pagantes registrados em Corinthians 2x0 5P, no dia 18 de fevereiro, pela Libertadores.

Evento com futuros parceiros

A casa cheia será uma boa “propaganda” para a Arena Corinthians. Antes do duelo, haverá um evento especial organizado pelo departamento de marketing com empresas potenciais futuras parceiras do clube no estádio. Os executivos conhecerão as instalações do estádio e depois assistirão ao jogo em um dos camarotes. Vale lembrar que o Corinthians ainda procura uma empresa disposta a comprar os naming rights – são pedidos R$ 400 milhões pela concessão do nome do local por 20 anos.

Novo Fiel Torcedor

O novo diretor de marketing, Marcelo Passos, que é vice-presidente de atendimento da agência de publicidade DM9, atenderá a imprensa para divulgar os planos de vendas das cadeiras cativas e também do novo Fiel Torcedor, que será readequado para Arena Corinthians – o atual é baseado na disposição dos setores que eram do Pacaembu.

Maior telão do Mundo em estádios de futebol

Ainda nesta noite, o Corinthians também vai inaugurar o seu novo telão, de 30 metros de comprimento por 7,5 metros de altura, acima da arquibancada do Setor Norte, onde ficam as organizadas. Haverá outro do Setor Sul, sem um prazo definido pra ser inaugurado.








Arena Corinthians inaugura nesta quinta maior telão do Mundo em estádio de futebol

Instalado atrás do gol da arquibancada norte
Reprodução/Facebook/Total Corinthians
Telão está instalado na arquibancada norte da Arena Corinthians onde ficam as organizadas

O Corinthians vai apresentar nesta quinta-feira durante a partida contra o San Lorenzo, pela Libertadores, o maior telão do mundo em um estádio de futebol. Instalada atrás do gol da arquibancada norte, a peça tem 30 metros de comprimento por 7,5 metros de altura (225 m²). 


Segundo a Odebrecht, responsável pela instatalação do equipamento, a alta resolução das imagens é garantida por 10 mil pixels por m² de tela

 No estádio do Corinthians, um outro telão com as mesmas medidas, desta vez no lado sul, estará pronto até o final do mês, segundo a Odebrecht. 









Para ser 'o maior do mundo', Corinthians vai fazer mutirão por sócios em shopping e metrô

DANIEL AUGUSTO JR/AG. CORINTHIANS

Corinthians quer passar Inter e Palmeiras nos próximos dias

O Corinthians está acertando os últimos detalhes para promover o Fiel Torcedor em pelo menos um shopping e um metrô da capital paulista. A ideia do clube é espalhar alguns totens nesses locais para que alvinegros possam realizar seus cadastros rapidamente.

Nesta quinta-feira, o Marketing vai apresentar novos planos do Fiel. Além dos já conhecidos, Minha História, Minha Vida e Meu Amor, o departamento vai lançar mais dois tipos: um para quem vai adquirir cadeiras cativas, o Minha Nação, e outro direcionado aos corinthianos de fora da capital e àqueles que não vão ao estádio com tanta frequência, o Minha Paixão. O valor deste último será de R$ 9 por mês.

A expectativa é que um aumento relevante aconteça ainda neste mês.

"Queremos ser o maior programa de sócio-torcedor do mundo. Esse é o nosso objetivo. As ações vão nos ajudar a conseguir mais sócios, pessoas que não fizeram antes por falta de tempo. Vamos colocar em um shopping e em um metrô, será uma ação diferente, e o torcedor poderá virar sócio na mesma hora", afirmou Marcelo Passos, novo diretor de Marketing, em contato com a reportagem.

"Os novos planos serão lançados na quinta. A ideia é dar uma opção a mais para os corinthianos. A gente quer criar uma mentalidade que já é muito forte na Europa, onde os torcedores fazem muitas coisas para ajudarem os clubes. A gente quer isso dos nossos torcedores e que eles saibam que tudo que entrar dentro do clube será revertido em investimentos no futebol", completou.









Futuro pai, goleiro reserva corinthiano Walter ganha luvas personalizadas


LANCEPRESS! - 16/04/2015 - 12:04



Reserva de Cássio no Corinthians, o goleiro Walter passará a usar luvas especiais a partir do jogo desta quinta-feira, diante do San Lorenzo (ARG), na Arena Corinthians, pela Libertadores.da América O jogador foi presenteado pelo amigo Caio Mendes com um material da empresa HO Soccer. As luvas levam o nome do goleiro e de Maria Eduarda, filha de Walter com nascimento previsto para o início do próximo mês (Foto: Divulgação/Futpress)




Tite quer mais posse de bola hoje ao Corinthians
Marcos Guedes


Priorizando o confronto do Corinthians com o San Lorenzo em relação ao clássico contra o Palmeiras, Tite procurou valorizar o duelo. De acordo com o técnico, é o apelo do embate de dois campeões recentes que fará o recorde de público da Arena Corinthians ser quebrado.

“A primeira coisa que vem é: campeão da Libertadores da América de 2014 contra campeão da Libertadores da América de 2012. Isso, por si só, tem um atrativo extraordinário. E a base do San Lorenzo é a base campeã, não estamos falando de uma equipe em reformulação. A grandeza é um atrativo que justifica essa procura”, afirmou o técnico.

Mais de 38 mil torcedores acompanharão a partida, estabelecendo o maior número da Arena Corinthians com o Corinthians em campo. Quem for à Arena Corinthians, espera Tite, verá a formação preto e branca com maior domínio das ações do que teve na vitória por 1 a 0 em Buenos Aires.
Djalma Vassão/Gazeta Press


Corinthians quer de novo vencer argentinos

“Precisamos de mais posse do que lá. E essa posse tem que gerar oportunidades reais de gol. Posse de bola e contundência: são esses dois fatores.”








16/04/2015 11h41

Com provável recorde na Arena Corinthians, Timão busca vaga
Líder do Grupo 2 da Libertadores da América, Corinthians se garante nas oitavas com empate.

Por GloboEsporte.com


No Corinthians, Tite escala Vagner Love na vaga de Guerrero
(Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

O ambiente está a favor, a campanha na atual edição da Libertadores da América também. O Corinthians, para se classificar antecipadamente, só precisa de um empate nesta quinta-feira, às 22h (horário de Brasília), contra o S Lorenzo


A expectativa é de quebra de recorde de público na Arena Corinthians – contando só os jogos do Timão. O estádio que tem virado um caldeirão durante a Libertadores deve receber mais de 39 mil pessoas – ingressos já vendidos. O atual recorde é de Corinthians 2 x 0 5P, na abertura da fase de grupos: 38.471 pagantes.



A arbitragem será formada por três peruanos. O árbitro principal será Victor Carrillo, auxiliado por Cesar Escano e Braulio Cornejo.

escalações:

Corinthians: depois de ter dúvidas sobre qual escalação levaria a campo, Tite decidiu jogar com força máxima. 


O Timão começa o duelo com Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson; Vagner Love.

San Lorenzo: com elenco praticamente completo à disposição, o técnico Edgardo Bauza vai escalar o time-base da Libertadores, com Torrico, Buffarini, Caruzzo, Yepes e Más; Ortigoza e Mercier; Villalba, Romagnoli e Blanco; Mauro Matos.




Corinthians: Guerrero, internado com diagnóstico de dengue, e Luciano, ainda recupera a forma física após lesão muscular.

San Lorenzo: o meia Kalinski, que recupera a forma física após lesão, e o zagueiro Cetto, suspenso e com uma lesão no tornozelo esquerdo.








16/04/2015 11h10

Presidente do Timão adota "mão de ferro" contra crise e não vai colocar obstáculos para a venda de jogadores


Por Carlos A. Ferrari, Diego Ribeiro e Fernando Vidotto
Roberto de Andrade, presidente do Corinthians (Foto: Carlos Augusto Ferrari)

Roberto de Andrade dedicou 36 anos de sua vida ao comércio de veículos. Aprendeu caminhos para comprar e vender por bons preços. Virou um negociador nato. Nesse período, levou a sério o simples lema de "gastar menos do que consegue arrecadar". Hoje, aos 54, ele é presidente do Corinthians e tenta aplicar a experiência de um bem-sucedido empresário ao desafio de colocar em ordem as contas de um dos maiores times do país.


– Conto com isso como se fosse um título. Libertadores da América e Paulista para minha história pessoal são tão importantes quanto deixar o clube sanado. Levanto como se fosse um troféu também – afirmou o mandatário do clube alvinegro.


Eleito presidente há pouco mais de dois meses, com 1.848 votos, Roberto promete seguir à risca o que aprendeu como comerciante. Gastar menos significa cortar despesas. Resultado: mais de 20 funcionários foram demitidos desde a troca de poder e outros podem sair em breve para aliviar a dívida de R$ 300 milhões – sem contar o financiamento para a construção do estádio. Até os gastos com energia e água estão sendo controlados.


– Temos de ter a cultura de sempre gastar o mínimo possível para a execução de qualquer trabalho. É uma mudança de filosofia, trabalhar com menos gente. Não existe um limite, mas, de hoje até o fim do mandato, é para gastar cada vez menos – disse.


Nesta entrevista ao GloboEsporte.com, concedida no CT Joaquim Grava, o presidente corinthiano evita estipular um prazo para o pagamento dos direitos de imagem em atraso de parte do elenco – em alguns casos chega há oito meses –, mas se diz esperançoso em encontrar novos patrocinadores para acertar as contas e dar inicio às negociações para renovar com Paolo Guerrero, maior estrela da equipe. Além disso, não descarta vender alguns dos destaques do time que brilha no início de 2015.


– Não existe jogador invendável. Qualquer oferta sendo boa para o clube e se o jogador quiser sair, tem de vender, independentemente se necessita ou não.

Um dos articuladores da contratação de Alexandre Pato quando ainda era diretor de futebol, o novo mandatário alvinegro prefere não colocar um ponto final na história do atacante no Corinthians. A ideia continua sendo de vendê-lo assim que acabar o empréstimo, em dezembro. Mas...


– Se não for negociado, o que faço com ele? Tem de voltar – cravou.


Confira abaixo a entrevista com Roberto de Andrade:


GloboEsporte.com: Que balanço você faz desses 68 dias como presidente do Corinthians?
Roberto de Andrade: Nós sabíamos as dificuldades que encontraríamos. Estamos mexendo bastante na área administrativa, passando pela diminuição de funcionários e despesas. Estamos tentando buscar uma administração mais enxuta, tentando gastar menos. O futebol vai bem, mas as dificuldades são grandes. O nosso momento e da economia são complicados. Estamos sofrendo um pouco agora no começo, mas logo vamos começar a colher frutos.

Não é que os salários saíram do controle. Estavam no controle dentro daquela outra receita. Hoje, temos uma retração e temos de nos adequar. Temos de trazer os salários para a realidade

Roberto de Andrade

O cálculo é de aproximadamente 20 demissões até agora...
Foram alguns, nada exagerado. Estamos mexendo todos os dias, realocando funcionários, mudando. Não estou dizendo que vamos continuar demitindo, mas, de acordo com a necessidade, vamos fazer. Não tem um objetivo traçado. Temos de ter a cultura de sempre gastar o mínimo possível para a execução de qualquer trabalho. É uma mudança de filosofia, trabalhar com menos gente. Não existe um limite, mas, de hoje até o fim do mandato, é para gastar cada vez menos. Isso é um fato.


O clube demitiu um supervisor de futebol (Saulo Magalhães) no departamento profissional. Haverá mais cortes no CT Joaquim Grava?
Quando você passa por necessidades financeiras, e isso não acontece só no Corinthians, tem o efeito cascata. Se você tinha "X" de receita, hoje tem meio "X". Precisa se adequar. Isso não passa só pelos salários do futebol. Sim (pode ter mais cortes), normal.


Andrés Sanchez, superintendente de futebol, disse que a ideia é cortar alguns dos salários mais altos do elenco. Isso pode acontecer?
Não é que os salários saíram do controle. Estavam no controle dentro daquela outra receita. Hoje, temos uma retração e temos de nos adequar. Temos de trazer os salários para a realidade.


Você foi vice-administrativo e era considerado um dirigente "linha-dura", que fez muitos cortes. Isso se repete agora?
Eu tenho um vice hoje, mas dou a diretriz do que quero. A execução fica por conta de cada diretor. Estamos tentando fazer no mesmo sentido de mudar conceitos e gastar menos. O dinheiro tem de ser muito bem gasto, porque não é nosso. Estamos vendo o quanto é duro trazer R$ 1 para dentro do clube e temos de pensar da mesma forma na hora de gastar.


Dá para fazer uma comparação do que você encontrou como presidente em 2015 e do que teve em 2007?
É muito diferente do que implantamos nos últimos anos. Ali era uma bagunça, um desperdício total de tudo, não tinha controle de nada. Era bem diferente. Hoje, podemos dizer que estamos no céu e precisamos melhorar o que existe. Mas muito longe do que era em 2007, mudou muito.


Um dos departamentos que passa por mudanças é a categoria de base. Havia uma sangria muito grande lá?
No futebol, você tem o problema do término do contrato. Alguns que estão por terminar, estamos fazendo uma avaliação se continuam ou não. Os que possuem contrato vigente, não temos muito o que fazer, além de emprestar. O fato é diminuir a quantidade de jogadores para trabalhar com mais qualidade. Eles (dirigentes anteriores) tinham uma visão, e nós temos outra.

Vocês estão tentando a todo custo encontrar novos patrocínios para não depender de empréstimos bancários. Essa crise econômica que vive o Brasil afeta muito?
Esse é exatamente o agravante. Todos passam por dificuldades, o comércio está com uma retração de vendas, a indústria vem caindo. Todo mundo passa por uma adequação de orçamentos, e os cortes são inevitáveis nas verbas de patrocínio. O marketing está empenhado, mas não temos nada fechado. A camisa do Corinthians continua valiosa por estarmos disputando torneios importantes.


A venda dos naming rigths da arena está atrasada há mais de dois anos. Como estão essas negociações?
Que vai sair, vai. Só não consigo precisar se em dez dias, um mês, 60 dias...mas vai sair.


Vai precisar vender jogadores para aliviar as contas?
O Corinthians não tem de vender ninguém por conta disso. Não é por necessidade, mas porque a continuidade do futebol é assim. Se você não vende, tem de aumentar o salário para dar uma satisfação e assim vai aumentar a folha (de pagamentos). Não vai ter fim. Não existe jogador invendável. Qualquer oferta sendo boa para o clube e se o jogador quiser sair, tem de vender, independentemente se necessita ou não. Se você tem uma pilha de dinheiro, pode fazer duas pilhas, mas tem de vender.

Não chegou nada por ninguém. Se tiver uma proposta e o jogador achar que deve sair, sem problema nenhum, sairá negócio

Roberto de Andrade

O time se acertou rapidamente com o Tite. Dói vender alguém desse time? Ou é possível garantir que todos vão ficar até o fim do ano?
O futebol é assim, todos os clubes passam por isso. Você monta um time, amanhã vem outro, forma outro ídolo. O Corinthians tem mais de cem anos. Se fôssemos guardar todo mundo, estaríamos com jogadores de cem anos aqui. Hoje, não temos propostas por ninguém. Sabemos a qualidade de alguns jogadores que chamam a atenção, mas temos de aguardar a janela do meio do ano. Tudo o que eu falar agora é bobagem.


Nem por Malcom e Gil?
Não tem nada aqui. Não chegou nada por ninguém. Se tiver uma proposta e o jogador achar que deve sair, sem problema nenhum, sairá negócio.


Foi prometido aos jogadores que os direitos de imagem em atraso seriam pagos até o fim de abril. Isso vai acontecer?
A ideia é pagar, não existe fim de abril, começo de abril, meio de abril. A ideia é pagar o quanto antes. Estamos otimistas de que vamos saldar isso em um prazo bem curto.


Você não teme que essa demora no pagamento possa afetar o rendimento do time?
Eu converso sempre com os jogadores e dou satisfação do que estamos fazendo. É o mínimo que podemos fazer. É honesto e sincero. Não gosto de dever para ninguém. Da mesma forma que os jogadores falam que têm 100% de confiança na diretoria, nós temos 100% de confiança nos atletas. Existem pendências com alguns, mas todos sabem que vão receber.

A pergunta desse primeiro semestre vai ser sobre a renovação de Guerrero. As negociações avançaram ou estão paradas?
Temos de quitar os débitos para sentar e discutir a renovação. Não tenho conversado com Bruno Paiva (empresário de Guerrero). Já conversei e, a hora que resolver o saldo de todo mundo, vou chamá-lo para conversar sobre a renovação. Sobre a renovação, não conversei nem um minuto.


Você tem vontade de renovar com o Emerson?
Vontade eu tenho, e ele também, mas temos de colocar a parte financeira na mesa e saber se está todo mundo de acordo. Mas não é só o valor isolado. É o tempo de contrato...tudo faz parte. Todo jogador passa por um pacote. Não é só o Sheik. Você não analisa o Guerrero por algo isolado. Você analisa o todo.


O que você pensa em fazer quando o Pato voltar?
Eleestá emprestado até dezembro de 2015 e temos de aguardar o término para nos mexermos. Acho que consigo até mais de € 10 milhões (pela venda). Tenho certeza. Não precisa ter muito (mercado), se tiver um clube já é o suficiente.


E se ele não for vendido? Vai reintegrá-lo ao grupo?
O "se" não existe. Não adianta quebrar a minha cabeça antes da hora. Acho difícil voltar, mas não posso descartar, porque ele é funcionário do clube. Se não for negociado, o que faço com ele? Tem de voltar. Então, não posso descartar. Se ele vai achar ambiente é outro problema. Acho que é difícil, mas é uma hipótese porque ele tem contrato. Não chegou nada até agora.


Pato acionou os advogados pelo atraso no pagamento da parte do salário que ele recebe do Corinthians...
Temos de pagar e vamos pagar. Todo mundo tem de receber.

Roberto de Andrade (à dir.) conversa com os jogadores (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Você trabalha no comércio de veículos. O que mudou na sua rotina depois de ser eleito presidente do Corinthians?
Muda um pouco, o dia fica mais longo. Eu trabalho na parte da manhã, na hora do almoço faço expediente no clube, volto para trabalhar e à tarde retorno para o clube para ficar até tarde. Fica um dia mais corrido, mais cheio. Vale a pena, o Corinthians merece. Para isso eu me candidatei e vou fazer tudo com a maior vontade possível. A família sai prejudicada, mas é uma satisfação pessoal ver as coisas melhorando. Todo mundo acaba compreendendo e ajudando. Ao invés de reclamar, eles (familiares) ficam felizes.


Então, quem quer comprar um carro ainda pode ser atendido pelo presidente do Corinthians?
Faço também. Tenho meus amigos que atendo. Toda venda é especial. Muitas pessoas economizaram a vida inteira para comprar um carro novo, abriram mão de tantas outras coisas. Você está lidando com pessoas que estão em busca de um sonho. Parece fácil, mas 70% da população não tem carro. É uma minoria que tem.


Viveu uma crise parecida como empresário?
Você precisa sempre estar reorganizando, se moldando ao mercado. Mas um momento financeiro difícil como esse nunca passei. Por isso, me incomoda muito conversar com alguém, ter de pagar e não ter como pagar. Isso me deixa chateado. Você vê os atletas se dedicando e deixando esse problema de lado para se dedicar no trabalho como se estivessem recebendo tudo e mais um pouco. Isso me faz acordar mais cedo e trabalhar mais para tentar resolver.


O tempo de trabalho no comércio de veículos ajuda na hora das negociações no clube?
Negociação é negociação. Você tem facilidade com os números e o raciocínio mais rápido com números por trabalhar nisso toda hora. Isso traz um pouco de facilidade. Não quer dizer que eu seja hábil, é normal. Todo mundo se acha bom negociador quando compra por dois o que custa dez. Não existe só levar vantagem. Esse não é um bom comerciante ou negociador. Tem de ficar bom para os dois lados.

Sanar os problemas financeiros do clube tem que peso para você?
Conto com isso como se fosse título. Libertadores, Paulista...mas para minha história pessoal são tão importantes quanto deixar o clube sanado. Levanto como se fosse um troféu também.














Corinthians enfrenta San Lorenzo pela Copa Bridgestone Libertadores da América
No primeiro duelo da fase de grupos, o Timão venceu por 1 a 0 no estádio Nuevo Gasometro, em Buenos Aires
10h 16/04/2015 - FutebolAgência Corinthians


© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansNo último duelo entre as duas equipes o Timão venceu com gol de Elias, no Nuevo Gasometro, em Buenos Aires


Nesta quinta-feira (16), o Corinthians tem mais um desafio pela fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores da América. Na penúltima rodada, o Timão enfrenta o San Lorenzo, às 22h, na Arena Corinthians, em busca de mais um bom resultado.

O retrospecto do Timão contra o San Lorenzo é positivo para o Corinthians. Em dez encontros, foram quatro vitórias alvinegras contra três argentinas, além de três empates.

O primeiro encontro entre Corinthians e San Lorenzo ocorreu em janeiro de 1969, pelo Hexagonal de Santiago. O gol alvinegro foi marcado por Benê no empate em 1 a 1 no estádio Nacional de Santiago, no Chile.

No último duelo entre Corinthians e San Lorenzo, a equipe comandada pelo técnico Tite conquistou a vitória por 1 a 0 com gol de Elias. A partida aconteceu no estádio Nuevo Gasometro, em Buenos Aires, pela segunda rodada da fase de grupos da competição continental.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps















Arbitragem definida para  Corinthians x San Lorenzo, pela Copa Bridgestone Libertadores da América
O jogo é válido pela quinta rodada da fase de grupos da competição continental
9h59 16/04/2015 - FutebolAgência Corinthians


Nesta quinta-feira (16), Corinthians e San Lorenzo se enfrentam às 22h na Arena Corinthians, na quinta rodada da fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores. O árbitro da partida será o peruano Victor Carrillo. Victor será auxiliado por César Escano e Braulio Cornejo, também peruanos.

Victor Carrillo foi árbitro na partida entre Tijuana e Corinthians na Copa Libertadores da América de 2013.

Confira a equipe completa de arbitragem:

Árbitro: Victor Carrillo (PER)

Árbitro Assistente 1: César Escano (PER)

Árbitro Assistente 2: Braulio Cornejo (PER)








Patrocínios, Arena Corinthians e fiel-torcedor: as metas do novo marketing do Corinthians
Quinta-feira, 16/04/2015 às 02:14 por Rodrigo Capelo
Marcelo Passos assumiu a diretoria de marketing do Corinthians, no início de fevereiro, com o mesmo objetivo que dez entre dez executivos em cargos similares têm em clubes de futebol: ganhar dinheiro. O time tem o maior patrocínio de camisa do país, R$ 30 milhões da Caixa pela cota máster, mas a boa herança da gestão do ex-presidente Mário Gobbi para por aí. Outros patrocínios de uniforme acabaram e não foram renovados para este ano, receitas com fiéis-torcedores até outubro de 2014 estavam abaixo do orçado e muito abaixo do realizado em 2013, e há parcela de R$ 100 milhões a ser paga em julho deste ano referente a empréstimo para construção da Arena Corinthians.


Após dois meses de trabalho, período de demissões e reformulações no departamento de marketing, Passos vai a campo pela primeira vez para mostrar, ao público e ao mercado, aonde quer chegar com o Corinthians. Na noite desta quinta-feira, o novo diretor irá levar dezenas de empresários, executivos e publicitários à Arena Corinthians para, em meio ao jogo com o San Lorenzo pela Copa Libertadores, mostrar o que o estádio tem a oferecer. Antes disso, o publicitário deu entrevista por telefone ao blog e detalhou planos e mudanças nas áreas mais sensíveis para o marketing corintiano: sócio-torcedor, patrocínios, arena e alterações no funcionamento do departamento.


Fiel Torcedor
O programa de sócios-torcedores corinthiano será ampliado com duas novas categorias. Os três planos existentes seguem como estão – a anuidade do “Minha Vida” custa R$ 16 mensais em dez vezes, a do “Minha História”, R$ 25 mensais, e a do “Meu Amor”, R$ 72 mensais, todos com acesso à Arena Corinthians, descontos em produtos do Movimento Por Um Futebol Melhor e outros benefícios. A partir de agora haverá mais duas opções. Uma será chamada “Minha Paixão” e irá custar R$ 9 mensais, com direito somente aos descontos nos produtos do grupo de empresas capitaneado pela Ambev. A outra será nomeada “Minha Nação” e terá preço acima de R$ 100, esta para quem comprar cadeiras cativas na Arena Corinthians – ou PSL (personal seat licence, na sigla em inglês), como o clube as apelidou. Todos que comprarem cadeira automaticamente viram fiéis-torcedores, e preços variam conforme os lugares.

Hoje o Corinthians tem 93,5 mil sócios-torcedores, terceiro maior número do país segundo ranking doMovimento Por Um Futebol Melhor, da Ambev. Todos eles, de acordo com Passos, estão com mensalidades pagas em dia. Há uma base de outros 100 mil torcedores cadastrados, mas "adormecidos", inadimplentes. Esses, segundo o diretor, serão procurados pelo clube para voltar à atividade.


O segundo passo do novo marketing será acabar com a República Popular do Corinthians, projeto criado em 2010, quando o clube surfava no bom momento gerado pela chegada de Ronaldo um ano antes, pela Nike e pela agência de publicidade F/Nazca, da qual é sócio o ex-diretor de marketing corinthiano Ivan Marques. As cerca de 80 empresas que oferecem benefícios aos cadastrados na plataforma serão migradas para o Fiel Torcedor, assim que seus contratos acabarem, e o site sairá do ar em três meses.


– Era uma ideia genial, um projeto que tinha tudo para explodir, mas que foi mal utilizado. Hoje tenho dois projetos de fidelização, a República e o Fiel, um competindo com o outro. Não faz sentido. Vou manter o torcedor, formar uma base maior de cadastros, e acabar com a República Popular do Corinthians do ponto de vista da fidelização. O nome dela vai ficar guardado na gaveta para um novo projeto daqui a um tempo, eu diria no segundo ano de gestão, porque queremos aproveitar esse nome – explica Passos.

O terceiro passo em relação ao Fiel Torcedor será reforçar a comunicação, principalmente do plano mais barato, de R$ 9 mensais, e aumentar as contrapartidas oferecidas por todos os planos com experiências. Um fiel será sorteado para conhecer o centro de treinamento, outro irá assistir a uma coletiva de imprensa do Tite, e assim em diante. No fim de semana passado, por exemplo, no jogo Corinthians 1x0 Ponte Preta pelas quartas de final do Campeonato Paulista, um fiel-torcedor que já havia ido a 200 jogos trocou camisas com Elias, jogador que completou 200 partidas pelo time.



Patrocínios
A camisa do Corinthians ganhou novos valores. Hoje peito e costas, a cota máster, rendem R$ 30 milhões pagos pela Caixa. O interior do número, ocupado pela TIM, outros R$ 2,5 milhões. A meta do novo marketing alvinegro é conseguir R$ 10 milhões com as mangas, R$ 6 milhões com os ombros (omoplatas) e R$ 3 milhões com o calção. A soma chega a R$ 51,5 milhões, a maior do Brasil



– Seremos proativos e criativos. Uma coisa que aprendemos não só no Corinthians, mas no mercado, é que mostrar marcas de patrocinadores na TV é essencial. As empresas têm visibilidade, a TV é um parceiro importantíssimo. Mas para podermos nos diferenciar temos que agregar valor. Não dá mais pra viver só de TV. Hoje posso oferecer redes sociais, estádio e atividades, como uma convenção da marca que patrocina na arena ou um jogo com o time fora do país durante as férias – diz o diretor.



Patrocínios pontuais  serão evitados por Passos, crítico desse tipo de negociação comercial no futebol.


– Minha filosofia está nesses dois meses de trabalho. Não fizemos nenhum pontual porque o Corinthians tem seu valor. Não vou rebaixá-lo para um patrocinador oportunista que só quer surfar na onda. Tem de haver um projeto. Se aparecer uma grande oportunidade financeira, do tamanho do Corinthians, vou fazer, mas não vou abaixar preço nem deixar marcas oportunistas surfarem – afirma o publicitário.







Arena Corinthians
Até a gestão de Mário Gobbi, o departamento de marketing apitava muito pouco em relação à Arena Corinthians, cujo fundo formado com a construtora Odebrecht possui equipe própria para a venda de naming rights, camarotes, cadeiras e patrocínios. Desde que Roberto de Andrade chegou à presidência, em fevereiro deste ano, isso mudou. Agora passa a ser tarefa também do marketing corintiano vender propriedades relacionadas ao estádio, e por essa razão Passos levará dezenas de empresários e executivos à arena nesta quinta-feira, em noite de confronto Corinthians x San Lorenzo na Copa Libertadores da América. O novo diretor de marketing quer mostrar a esses convidados potenciais negócios ensejados pelo estádio.


Camarotes e cadeiras cativas, chamadas pelo Corinthians de PSL (personal seat licence, na sigla em inglês, ou direito de uso de assento em português), são ferramentas que o clube tem para sanar a dívida gerada pela construção do estádio.

Passos está encarregado de fazer dinheiro com o estádio. A bilheteria vai toda para o pagamento do empréstimo. O patrocínio de camisa, todo para o departamento de futebol. Se tal empresa comprar pacote de patrocínio tanto com espaço no uniforme quanto com placas na arena, o dinheiro é dividido entre futebol e estádio. Assim como a receita do Fiel Torcedor fica com o futebol, mas os ingressos comprados por FIÉIS-torcedores com desconto direcionam a arrecadação para o caixa do estádio. Mudou a venda, mas não o destino do dinheiro.







Departamento de marketing
O novo diretor já alterou o departamento de marketing corintiano. Antes havia um gerente de marketing (remunerado), Alexandre Ferreira, braço direito do então diretor de marketing (não remunerado), Izael Sinem Jr. Sob o comando do gerente havia núcleos que cuidavam de licenciamentos, internacionalização e demais áreas. Agora, com Passos no cargo não remunerado de diretor, passou a haver quatro gerentes de marketing. Um cuidará do planejamento, um fará execução e venda dos projetos pensados pelo gerente anterior, um fará ativação e pós-venda sobre o que fizeram os dois anteriores, e um se responsabilizará por conteúdo e redes sociais, com as tarefas de medir e comunicar resultados obtidos pelos três gerentes anteriores e encontrar ideias para o de planejamento. Ou seja, haverá um ciclo entre os quatro gerentes, e um mesmo projeto deverá passar pelas mãos de todos, etapa por etapa, do início ao fim.


Naming rights
O Corinthians, porém, segue em tratativas com outra montadora e outro banco, além de uma companhia de aviação e quer fazer um esforço para aumentar os contatos hoje, diante do San Lorenzo. Convidou um grupo de empresários, muitos dos quais ligados à Fiesp (Federação das Indústrias ), para o jogo.