17 de mar de 2015

CORINTHIANS 17/03/2015


Eufórico, Tite afirma que time do Corinthians é maduro, forte e equilibrado
Após a terceira vitória do Timão na fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores, o técnico se disse contente com nível de concentração da equipe

22h40 17/03/2015 - FutebolAgência Corinthians

© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTreinador alvinegro ficou feliz com desempenho do Timão nesta terça


Tite era só felicidade na entrevista coletiva após a vitória do Corinthians sobre o Danubio (URU) por 2 a 1, fora de casa, em Montevidéu (URU), nesta terça-feira (17), pela terceira rodada do grupo 2 da Copa Bridgestone Libertadores. O técnico do Timão estava muito contente com a atuação da equipe alvinegra. Foram muitos os elogios: time maduro, forte e equilibrado.

"O técnico não passa motivação. Passa concentração. Um dos artíficios dos jogador de alto nível é não se deixar levar pelo que aconteça durante o jogo. Isso é maturidade. Uma equipe mentalmente forte", comemorou Tite após a vitória no Uruguai que deixou o Corinthians na liderança isolada e disparada da chave, com nove pontos e três vitórias em três jogos.

O comandante do grupo corinthiano afirmou que sabia da intensidade que o jogo teria, contra um Danubio que classificou como "time extremamente competitivo". Mas com qualidade e uma bola aérea, conforme falou Tite, o Corinthians conseguiu fazer dois gols em Montevidéu.

A equipe alvinegra tomou um nos acréscimos, mas soube resistir bem aos avanços do adversário. A capacidade de saber atacar e defender com competência foi exaltada por Tite. "Se me pedisse para escolher uma palavra para essa equipe, eu diria: equilíbrio. Que agrida, faça gols e seja extremamente competitiva. Isso é um processo", declarou o treinador.

Tantos elogios mostraram o estado de espírito de Tite: um treinador extremamente feliz com a atuação do grupo que comanda. "Aqui é muito difícil de se impôr tecnicamente. Foi um nível de concentração altíssimo. Moral da história: estou contente para caramba!", finalizou o eufórico técnico.

















Timão vence Danubio no Uruguai e domina primeiro turno do grupo 2 da Libertadores
Com gols de Guerrero e Felipe, Corinthians ganhou por 2 a 1 e chegou à terceira vitória em três jogos pela fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores da América
21h52 17/03/2015 - FutebolAgência Corinthians


© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansGuerrero marcou o primeiro gol do Timão no duelo desta terça


Foi uma primeira metade de fase de grupos perfeita para o Corinthians na Copa Bridgestone Libertadores. Três jogos, três vitórias, cinco gols marcados e apenas um sofrido. Com a liderança isolada, o Timão chegou aos nove pontos no grupo 2 da competição continental ao vencer fora de casa o Danubio (URU) por 2 a 1, gols de Guerrero e Felipe, no estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU), nesta terça-feira (17).

Jogando longe dos domínios, em um estádio e campo acanhados, o Corinthians demorou um pouco para assumir o controle da partida. Jogando com inteligência, o Timão foi aos poucos se soltando. A primeira finalização só veio aos 16 minutos, com uma cabeçada de Guerrero após cobrança de escanteio de Jadson, que foi para fora.

O Timão voltou a causar perigo na defesa do Danubio aos 27 minutos, quando Uendel tentou um toque por cobertura sobre o goleiro, mas a defesa afastou. No rebote, Emerson chutou, e a bola passou raspando a trave esquerda. O lance mostrou que o Alvinegro começava a se sentir bem no Uruguai. Ao ponto até de reclamar um pênalti aos 39, quando Guerrero se preparava para chutar e foi interceptado pelo marcador do time uruguaio com um toque nas costas. O juiz mandou seguir a partida.

Mesmo com o empate sem gols, para o técnico Tite, a postura dos últimos 20 minutos do primeiro tempo era o que o Corinthians tinha de mostrar na etapa final para sair de Montevidéu com a vitória. O Timão seguiu com o domínio do jogo e começou a criar chances claras de gol.

A primeira veio aos 16 minutos, quando Elias foi derrubado na área. Dessa vez, o juiz apontou para a marca do cal. Ainda assim, o Corinthians não conseguiu abrir o placar, já que Renato Augusto chutou o pênalti para fora. Mas o Alvinegro do Parque São Jorge teria outras oportunidades para marcar. Aos 24, foi fatal.

Fagner avançou pela direita e cruzou na área. A bola veio na pinta para Guerrero, que mandou um chute sem deixá-la cair no chão, fuzilando o gol do Danubio. Com 1 a 0 a favor, o Corinthians se soltou mais e ampliou dez minutos depois. Jadson cobrou falta na cabeça de Felipe, que marcou o segundo gol dele na Libertadores.

Faltando dez minutos para o fim, o Timão tratou de fechar espaços e conter a pressão do time uruguaio. Aos 35 minutos, Cássio evitou espalmando o chute de González. Mas nos acréscimos, não teve como impedir Gonzalo Barreto de diminuir o placar. Nada que atrapalhasse a campanha perfeita do Alvinegro no primeiro turno da fase de grupos da competição continental.

Corinthians e Danubio (URU) terão um novo encontro em breve. Será no próximo dia 1º de abril, na Arena Corinthians, pela quarta rodada do grupo 2 da Copa Bridgestone Libertadores, às 22h. Só que antes desse compromisso, o Timão jogará pelo Paulistão Itaipava 2015 - Série A1, contra o Capivariano, em Capivari-SP, neste domingo (22), às 16h.

DANUBIO (URU) 1 X 2 CORINTHIANS
Copa Bridgestone Libertadores 2015, fase de grupos, 3ª rodada

Data: 17/03/2015
Local: Luis Franzini, Montevidéu (URU)
Árbitro: Julio Bascuñan (CHI)
Gols: Guerrero (COR) aos 24 minutos, Felipe (COR) aos 34 minutos e Gonzalo Barreto (DAN) aos 47 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Federico Ricca e Graví (DAN)

DANUBIO (URU): Torgnascioli; Matías Velázquez (Graví), Cristian González, De los Santos e Federico Ricca; Formiliano, Milesi (Gonzalo Barreto), Leandro Sosa e Marcelo Tabárez (Ignacio Gonzalez); Matías Castro e Bruno Fornaroli. Técnico: Leonardo Ramos

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Jadson e Renato Augusto (Danilo); Emerson e Guerrero. Técnico: Tite












Após novo gol pelo Corinthians, Guerrero mostra cansaço com assunto renovação (e a torcida também: baixa a pedida e renova logo)
18 MAR2015
00h44
 Guerrero fazia uma partida ruim, na noite de terça-feira, até abrir caminho para a vitória por 2 a 1 do Corinthians sobre o Danubio. Ele ainda sofreu a falta que resultou no segundo gol e terminou o jogo no Uruguai com o moral renovado na negociação da renovação de seu contrato com o clube do Parque São Jorge.

Questionado sobre o assunto, o peruano demonstrou alguma irritação. "Minha vontade de ficar aqui é muito grande, já falei muitas vezes. Vou deixando nas mãos dos meus empresários para resolver. Não quero falar disso mais. Estou focado, quero seguir meu trabalho", afirmou.

Fora um aumento salarial - já acertado -, Guerrero pede US$ 7 milhões como prêmio pela assinatura de um novo compromisso até o final de 2017. Com a moeda norte-americana em dispara, o valor já equivale a quase R$ 23 milhões, algo que o Corinthians não está disposto a pagar.

"Na verdade, não sei o que estão falando com meus empresários. Também não sei o que falam para vocês (jornalistas). Não vejo televisão, não ouço rádio. Para mim, é importante seguir focado no meu trabalho ou não vou conseguir jogar", comentou o centroavante.Dificulta a negociação o fato de o Corinthians estar em dificuldades financeiras e dever dinheiro a vários jogadores - entre eles, o próprio Guerrero. O contrato atual expira em 15 de julho, durante as semifinais da Copa Libertadores, e o atleta já pode assinar um acordo com qualquer clube. A Inter de Milão estaria interessada.

Diante da indefinição, o peruano reiterou que só quer se concentrar no futebol. "Vou ao shopping, as pessoas falam, mas tento não ligar. Estou focado no meu trabalho, no Corinthians. Para mim, é importante estar bem aqui, concentrado, porque tenho um objetivo com meus companheiros, que é ser campeão do Paulista e da Libertadores."



















danubio 1 X 2 CORINTHIANS
Competição: Copa Libertadores da América
Local: Estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU)
Data/Hora: 17/3/2015 – 20h
Árbitro: Julio Bascuñan (CHI)
Auxiliares: Francisco Mondria (CHI) e Claudio Rios (CHI)
GOLS: Guerrero, aos 24'/2ºT (COR); Felipe, aos 34'/2ºT (COR); Barreto, aos 47'/2ºT (DAN)

danubio: 1-Torgnascioli, 16-Velazquez (30-Graví, aos 41'/2ºT), 17-Cristian González, 24-Matías de Los Santos e 4-Ricca; 6-Sosa, 15-Formiliano, 8-Milessi (9-Barreto, aos 26'/2ºT) e 11-Tabárez (10-Ignacio González, aos 15'/2ºT); 7-Fornaroli e 19-Castro. Técnico: Leonardo Ramos. 12-Silva, 5-Faber 27-Viana 22-Ghan

CORINTHIANS: 12-Cássio, 23-Fagner, 22-Felipe, 4-Gil e 13-Uendel; 5-Ralf, 7-Elias, 10-Jadson, 8-Renato Augusto (20-Danilo, aos 26'/2ºT) e 11-Emerson Sheik; 9-Guerrero. Técnico: Tite. 1-Walter, 17-Edu Dracena, 2-Edílson, 16-Cristian, 18-Luciano, 29-Vagner Love

















17/03/2015 22h28

Atuações do Timão: Guerrero faz golaço, e Fagner ajuda pela direita
Corinthians vence o Danubio por 2 a 1, nesta terça-feira, com atuação de raça do peruano e boa apresentação do lateral. Renato Augusto volta de lesão


Por GloboEsporte.com






CÁSSIO – GOLEIRO
Mais uma vez, pouco acionado. Fez bela defesa em chute de González e não teve culpa no gol do Danubio.
Nota 6,5


FAGNER – LATERAL-DIREITO
Cada vez melhor no setor ofensivo, com bons cruzamentos e participação direta na jogada do pênalti em Elias e do gol de Guerrero.
Nota 7,0


FELIPE – ZAGUEIRO
Conseguiu se sair bem em um jogo brigado, fora do país. Vai ganhando experiência. O gol ajudou a melhorar a confiança.
Nota 6,5


GIL – ZAGUEIRO
Também jogou com muita seriedade, fazendo o simples quando necessário. Travou dura batalha com os atacantes uruguaios.
Nota 6,5


UENDEL – LATERAL-ESQUERDO
Sofreu na marcação de Velásquez, que criou jogadas de perigo pelo setor. A saída do lateral do Danubio aliviou a barra do corintiano, que saiu mais para o jogo.
Nota 5,0


RALF – VOLANTE
Desarmou bem, errou poucos passes e ajudou a proteger a defesa.
Nota 6,0


ELIAS – VOLANTE
Num dia de muita marcação em cima dos meias corintianos, ele buscou mais a bola. Ainda assim, apareceu pouco na área.
Nota 6,0


RENATO AUGUSTO – MEIA
Voltou de lesão e sentiu a falta de ritmo após quase duas semanas parado. Jogou muito atrás, buscando sempre a bola, mas não foi tão efetivo. Perdeu pênalti com um chute muito alto.
Nota 5,0


DANILO – MEIA
Sempre tranquilo, tratou de colocar a bola no chão e organizar melhor a articulação corintiana. Serviu para deixar o time emocionalmente bem.
Nota 6,0


JADSON – MEIA
Tentou sempre a jogada de profundidade, tentando quebrar a marcação do Danubio. Apesar de alguns erros, foi premiado com assistência que deu o gol de Felipe.
Nota 6,0


EMERSON SHEIK – ATACANTE
Segurou demais a bola e nem sempre fez as escolhas certas, travando ataques que pareciam promissores para o Corinthians.
Nota 5,0


GUERRERO – ATACANTE
Lutou muito, como sempre, e teve méritos por saber se posicionar na área e acertar um lindo chute que tirou o time do sufoco. Tornou-se o maior artilheiro estrangeiro da história do clube, com 47 gols.
Nota 7,0















17/03/2015 23h08

Após vitória, Tite elogia concentração do Timão: "Contente para caramba"
Técnico diz que Corinthians não se abalou com provocações, pancadas e pênalti perdido na vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre o Danubio. Resultado faz time disparar na Libertadores da América


Por Carlos Augusto Ferrari

A visão do técnico Tite é clara: a vitória desta terça-feira contra o Danubio, por 2 a 1, em Montevidéu, não passou só pelos pés de Paolo Guerrero e Felipe, autores dos gols alvinegros. Passou muito mais pela cabeça, pela força que o Corinthians teve em um jogo difícil, com reviravoltas e pênalti perdido por Renato Augusto. O que Tite mais comemorou foi o fato de sua equipe ter mantido a concentração.


Em entrevista coletiva após o jogo, Tite até se exaltou ao falar da maturidade que ele viu o time ter em campo nesta terça-feira.


– Poucas vezes me viram assim. Aqui é muito difícil de se impor tecnicamente, a equipe colocou um padrão de concentração altíssimo. Jadson trouxe a responsabilidade para si, Elias, Ralf, Renato e depois Danilo... A equipe manteve um nível de concentração... Estou contente pra caramba – comemorou o técnico.

Tite gostou do que viu porque o Danubio tentou pilhar o Corinthians em vários momentos da partida, com faltas mais duras e provocações. O técnico, porém, acredita que seu time cresceu emocionalmente.


– É importante não se deixar levar por excessivas faltas, provocações, erros de arbitragem, pênalti perdido... Isso é maturidade, é equipe mentalmente forte. Tivemos maturidade para absorver o erro de pênalti – disse Tite.


A vitória dá alívio ao Corinthians no Grupo 2 da Taça Libertadores – o time é líder, com nove pontos em três duelos. O próximo jogo pela competição é dia 1º de abril, contra o mesmo Danubio, na arena alvinegra em Itaquera.


Pelo Campeonato Paulista, o Timão tem uma sequência de quatro partidas na próxima semana: contra Capivariano, Portuguesa, Penapolense e Bragantino.


Confira abaixo os tópicos da coletiva de Tite:

Gostaria que as pessoas vissem o Corinthians como uma equipe equilibrada e extremamente competitiva

Tite

Projeção na Libertadores
- Só na virada de turno começamos a projetar mais coisas reais. Agora vai ser o "se", mas com coisas reais. Falei para os atletas da intensidade do jogo de hoje, o adversário viria assim. O time deles é muito competitivo.


Fim da sequência sem gols sofridos
- Em relação a isso, o Cássio teve uma atitude muito grande. Eu o elogiei dentro do vestiário, porque ele não estava de bico. Estava partilhando a alegria da vitória. Independentemente da situação do gol. Ele mostrou grandeza de caráter. Assim como a equipe, que teve maturidade para absorver o erro do pênalti.


Gol de Felipe
- Saí comemorando com o Cleber (Xavier, auxiliar), com o pessoal do banco. Só não posso dizer o que falei, porque foi palavrão. O Felipe tem uma impulsão impressionante na bola parada. A bola foi bem batida. Não vi a cambalhota na comemoração. Se tivesse visto, iria cobrar. Deixa isso para acrobata.


Time 100% na Libertadores
- Se eu pudesse escolher uma palavra, seria equilíbrio. Gostaria que as pessoas vissem o Corinthians como uma equipe equilibrada e extremamente competitiva. Quando analisamos uma equipe, pegamos 18 jogos, e não um, pontual. A média é importante.

Tite mostra satisfação com nível de concentração do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)







17/03/2015 22h57

Pós nova vitória do Corinthians 100%. meia Renato Augusto pede desculpa por erro, culpa cansaço e falta de ritmo
Meia não jogava havia 12 dias e acabou desperdiçando penalidade durante jogo contra o Danubio. Por outro lado, comemora vitória do Corinthians e boa campanha fora de casa


Por Carlos Augusto Ferrari
Renato Augusto lamenta perdido, mas valoriza vitória (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

O meia Renato Augusto, do Corinthians, culpa o cansaço pelo erro na batida de pênalti no segundo tempo da partida contra o Danubio, do Uruguai, nesta terça-feira, em Montevidéu. Ele pegou muito mal na bola e mandou por cima do gol defendido por Torgnascioli. Para sorte do meia e da equipe, a falha acabou não fazendo falta, e o Timão venceu por 2 a 1.


Renato explica que estava previsto que ele jogaria até 70 minutos (ele saiu aos 25 minutos, exatamente no tempo programado). Aos 17, quando saiu o pênalti, as pernas já estava pesadas.


– Bati mal o pênalti. Já estava programado (que jogaria) de 65 a 70 minutos. Descoordenei no final, estava começando a errar passe bobo. Pedi desculpa ao grupo e ao torcedor. Sei que tenho muito a melhorar – afirmou o jogador.

O meia afirma que ainda sente dores no tornozelo esquerdo e admite que jogou no sacrifício nesta terça. Ele não jogava desde o jogo contra o San Lorenzo, na Argentina, há 12 dias.


– O tornozelo incomoda um pouco, mas tentei ajudar na garra, na raça. Sabia que não ia fazer uma partida em alto nível porque estava 12 dias parado. É o preço que se paga de entrar num jogo desses.


Sobre a situação da equipe na Taça Libertadores da América, líder do Grupo 2, com nove pontos em três jogos, Renato Augusto afirma que pesou muito a campanha como visitante: das três vitórias alvinegras, duas foram fora de casa.


– Foram dois ótimos resultados fora de casa, o que pesa muito na Libertadores.







18/03/2015 01h08

Corinthians atropela Jacareí e segue 100% na Liga Paulista de Futsal
No ginásio do Parque São Jorge, Timão faz 9 a 0 no rival do Vale do Paraíba.
Alvinegro tem nove pontos e ocupa segunda posição


Por GloboEsporte.com

Simi marcou duas vezes no triunfo do Corinthians sobre Jacareí (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

O Corinthians segue arrasador na Liga Paulista de Futsal. Depois de fazer 6 a 0 sobre 5P, o Timão atropelou Jacareí por 9 a 0 na noite desta terça-feira, no ginásio do Parque São Jorge. O Alvinegro mantém os 100% de aproveitamento com este triunfo. Simi (2), Rafa (2), Arthur (2), Deives (2) e Elisandro anotaram os tentos da equipe.


Em três partidas, são três vitórias. Até agora, 16 gols marcados e nenhum sofrido na competição. Com nove pontos, o Corinthians está na vice-liderança da Liga, atrás apenas de Orlândia, que também tem 100% de aproveitamento, mas com quatro jogos. Do outro lado, esta foi a estreia de Jacareí, que amarga a lanterna após a goleada.


O Corinthians volta a jogar nesta sexta-feira pela Liga Paulista. Às 19h45, o Timão recebe o Indaiatuba, com entrada franca, no ginásio do Parque São Jorge. 










Corinthians/UNIP goleia o Jacareí Futsal por 9 a 0 no Parque São Jorge
Timão segue 100% na Liga Paulista de Futsal, com 16 gols pró e nenhum contra; próximo rival é o Indaiatuba, nesta sexta (20)21h30 17/03/2015 - FutsalAgência Corinthians

© DivulgaçãoSimi fez dois na goleada do Timão


O Corinthians/UNIP começou com tudo a Liga Paulista de Futsal. Após passar por São Paulo e Yoka, o Timão goleou o Jacareí Futsal por 9 a 0, no ginásio do Parque São Jorge. Os gols foram marcados por Simi (2), Rafa (2), Arthur (2), Deives (2) e Elisandro. O resultado coloca o Alvinegro como líder do estadual, com 100% de aproveitamento. Em três partidas, o Corinthians/UNIP fez 16 gols e não sofreu nenhum na competição.

Autor de dois gols – seus primeiros como atleta do time adulto do Timão -, Arthur comemorou após a partida: “O sentimento é inexplicável. Venho trabalhando durante a semana, treinando finalizações e hoje, Deus pode me abençoar e eu pude contribuir com dois gols”.

O próximo compromisso do Corinthians/UNIP é nesta sexta-feira (20), diante do Indaiatuba, também no ginásio do Parque São Jorge. A entrada é franca.

A equipe adulta de futsal do Sport Club Corinthians Paulista é patrocinada por UNIP-Universidade Paulista e Colégio Amorim.














Tite exalta nível de concentra
ção do Corinthians: 'Estou contente pra caramba'
Treinador do Timão elogia foco da equipe após a perda do pênalti, reafirma que Renato Augusto era uma das opções para cobrar e fala da busca pela vaga do Corinthians as oitavas da Libertadores da América

Rodrigo Vessoni - 17/03/2015 - 23:28

Corinthians levou a melhor sobre o Danubio (Foto: Daniel Augusto Jr.)
O Corinthians venceu, superando o pênalti desperdiçado por Renato Augusto poderia ter mudado a história do jogo entre Danubio e Corinthians, nesta terça-feira, em Montevidéu (URU), pela Libertadores da América. O Corinthians manteve a cabeça no lugar, manteve a concentração e, seis minutos depois, abriu o placar com Guerrero. Algo que foi destacado pelo treinador após a vitória por 2 a 1.

Em entrevista coletiva após o jogo, o comandante do Timão ressaltou o equilíbrio dos seus jogadores diante de um cenário que poderia ter ficado ruim para a equipe no segundo tempo, mesmo diante de um público pequeno no estádio Luis Franzini.

- Nós todos nos preparamos para este tipo de comportamento, da intensidade. Nós sabíamos que o adversário viria botando intensidade. O torcedor vibrou e aplaudiu, foi bonito a atitude e o comportamento do torcedor em relação à sua equipe. Por essa característica, dessa garra, um time extremamente competitivo. E que nós tivemos um nível de concentração e qualidade para fazer os gols - afirmou.

- Não se deixou levar por faltas, por erro de pênalti, iluminação, gramado que não proporcionava melhor condição, isso é maturidade. Aqui é muito difícil de se impor. Chamamos o jogo para si e mantivemos o nível de concentração. Estou contente para caramba - completou.

Tite estava com cara de poucos amigos na entrevista coletiva, mesmo com a vitória. Questionado se o semblante era consequência do gol no fim ou de um excesso de cansaço mental, o comandante do Timão voltou a agir de forma mais natural, como costuma fazer diariamente no CT Joaquim Grava.

- Estou p... contente. Jogou muito. Aqui é muito difícil de se impor tecnicamente. A equipe trouxe um padrão, um nível de concentração altíssimo. Foi um nível de concentração altíssimo. Moral da história: estou contente para caramba - finalizou.






  • Danubio x Corinthians - Jadson (Foto: Daniel Augusto Jr.)



















17/03/2015 22h13

Timão vence o Danubio e se mantém com 100% na fase de grupos
Com três vitórias em três partidas, sendo duas como visitante, Corinthians deixa sua classificação às oitavas de final encaminhada; Renato Augusto ainda perdeu pênalti


Por GloboEsporte.com

O Corinthians faz mais uma vítima na Taça Libertadores da América. Com a vitória por 2 a 1 sobre o Danubio, do Uruguai, nesta terça-feira, em Montevidéu, o Timão se mantém com 100% de aproveitamento na fase de grupos da competição (três vitórias em três jogos, sendo dois como visitante) e deixa sua classificação às oitavas de final bem encaminhada. Guerrero e Felipe marcaram para o Timão. O time uruguaio descontou com Barreto. A vitória teve apenas um ponto negativo para a equipe brasileira: a defesa voltou a ser vazada após seis partidas invicta.


Com o triunfo, o Alvinegro vai a nove pontos e abre seis do segundo colocado do Grupo 2, o São Paulo, que enfrenta o San Lorenzo, nesta quarta-feira. Já o Danubio segue na lanterna, sem somar pontos.

Milesi e Emerson Sheik disputam a bola durante jogo em Montevidéu (Foto: AP)

O jogo


O Corinthians não teve muito trabalho para se impor sobre os uruguaios. O Danubio, muito limitado tecnicamente, sofria para acertar passes e pouco ameaçou o goleiro Cassio. O Timão tinha dificuldades para escapar das pancadas adversárias e, apesar do domínio da posse de bola, não conseguia criar jogadas. O técnico Tite passou boa parte do primeiro tempo insistindo para o time abrir mais o jogo, explorar as descidas dos laterais, mas o jogo permaneceu amarrado.


No segundo tempo, os jogadores resolveram atender aos apelos de Tite. Fagner, pela direita, foi o destaque. O lateral ogou como um ponta e ajudou a desmontar a defesa do Danubio. Ele iniciou a jogada que terminou com um pênalti de Cristian González em Elias. Seria o primeiro gol alvinegro se Renato Augusto não tivesse mandado por cima.


A chance desperdiçada não abalou o Timão. Aos 24, Fagner foi à linha de fundo e cruzou para Guerrero bater de primeira, marcando um belo gol. A vitória foi garantida aos 34, com Felipe aparecendo livre na área para completar de cabeça cobrança de falta de Jadson. O Danubio ainda descontaria aos 47, com Barreto fazendo grande jogada individual: ele passou por quatro marcadores antes de arrematar a gol. Nada, porém, que abalasse o Timão, que segue firme na luta pelo bicampeonato continental.














Timão bate o Danubio e segue 100% na Libertadores
Peruano deixa sua marca na volta à Libertadores após três jogos de suspensão e equipe de Tite fica absoluta na liderança do grupo 2. Zagueiro Felipe também marca

LANCEPRESS! - 17/03/2015 - 21:58

Um torcedor desavisado poderia achar que se tratava de uma partida do Campeonato Paulista. Estádio acanhado, pouco público, um dos times trajando camisa com uma faixa na diagonal Mas do outro lado estava o Corinthians. E falar de Corinthians, hoje, é falar em Libertadores. Com competência e tranquilidade, o Timão contou com gol de Guerrero, de volta à competição após três jogos de suspensão, para superar o Danubio (URU) por 2 a 1 nesta terça-feira, no Uruguai, e seguir 100% na competição em que se acostumou a vencer.



Mais: sem sofrer. O gol no fim, em um dos únicos vacilos, freou a sequência de seis jogos sem levar gols - o último tinha sido contra o Ituano (1 a 1), no dia 22 de fevereiro, pelo Paulistão. Na Libertadores, apenas dois tentos sofridos, contra o Once Caldas (COL), ainda na pré. Mérito demais da zaga, coroado pelo gol do bom Felipe, que decretou a vitória tirando proveito de seu momento iluminado. No fim, Barreto, em boa arrancada, diminuiu para os uruguaios. Nada demais.

Tudo de bom aconteceu no segundo tempo. Quase tudo, não fosse pelo pênalti desperdiçado por Renato Augusto, aos 17 minutos. De volta após se recuperar de lesão, o meia teve boa atuação, mas isolou a bola e jogou fora a chance de abrir o placar. Elias sofreu a penalidade cometida pelo zagueiro González, que já havia derrubado Guerrero na área no primeiro tempo.

O lance no camisa 9 refletiu o que foi a etapa inicial. Jogo truncado, até chato, ao melhor estilo Campeonato Paulista. Apenas Sheik parecia ter o espírito da competição sul-americana, se movimentando, brigando, criando. Dos pés dele saíram as poucas chances do Timão.


Guerrero foi o autor do gol do Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr.)

A falta de intensidade do time de Tite, embora mantendo-se confiável, abriu espaço para o Danubio equilibrar o jogo e quase marcar com Castro, em cabeçada que Cássio defendeu. O goleiro faria pênalti no mesmo Castro no segundo tempo, mas o jogador estava impedido.

Voltando à etapa final, saiu dos pés de Fagner o primeiro gol do Timão. O bom cruzamento encontrou Guerrero, que precisou ganhar a disputa com González na base da hombridade para marcar no seu melhor estilo goleador e abrir caminho para a vitória. Foi o jogo de número 120 do peruano pelo Timão e o gol 47.

Logo em seguida, Felipe deixou sua marca. Jadson, que fez partida muito ruim, cobrou falta na área e o zagueirão selou a boa fase. Está difícil para Edu Dracena ganhar a vaga do jovem, tão criticado anteriormente.

Assim, o Timão segue na boa. Em três jogos, três vitórias e a liderança absoluta do grupo 2 e o próximo compromisso é novamente contra o fraco Danubio, agora na Arena Corinthians. O torcedor alvinegro está rindo à toa...



FICHA TÉCNICA
DANUBIO (URU) 0 X 2 CORINTHIANS

Competição: Copa Libertadores da América 2015
Local: Estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU)
Data/Hora: 17/3/2015 – 20h
Árbitro: Julio Bascuñan (CHI)
Auxiliares: Francisco Mondria (CHI) e Claudio Rios (CHI)

GOLS: Guerrero, aos 24'/2ºT (COR); Felipe, aos 34'/2ºT (COR); Barreto, aos 47'/2ºT (DAN)

DANUBIO: Franco Torgnascioli, Velazquez (Graví, aos 41'/2ºT), C. González, Matías de Los Santos e Ricca; Sosa, Fabricio Formiliano, Milesi (Barreto, aos 26'/2ºT) e Tabárez (Ignacio González, aos 15'/2ºT); Bruno Fornaroli e Matías Castro. Técnico: Leonardo Ramos.

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Jadson, Renato Augusto (Danilo, aos 26'/2ºT) e Emerson Sheik; Guerrero. Técnico: Tite.










17/03/2015 22h09

Timão vence o Danubio e se mantém com 100% na fase de grupos
Com três vitórias em três partidas, sendo duas como visitante, Corinthians deixa sua classificação às oitavas de final encaminhada; Renato Augusto ainda perdeu pênalti


Por GloboEsporte.com



O Corinthians faz mais uma vítima na Taça Libertadores. Com a vitória por 2 a 1 sobre o Danubio, do Uruguai, nesta terça-feira, em Montevidéu, o Timão se mantém com 100% de aproveitamento na fase de grupos da competição e deixa sua classificação às oitavas de final bem encaminhada. Guerrero e Felipe marcaram para o Timão. O time uruguaio descontou com Barreto. A vitória teve apenas um ponto negativo para a equipe brasileira: a defesa voltou a ser vazado após seis partidas invicta.


Com o triunfo, o Corinthians vai a nove pontos e abre seis do segundo colocado do Grupo 2

Milesi e Emerson Sheik disputam a bola durante jogo em Montevidéu (Foto: AP)

O jogo


O Corinthians não teve muito trabalho para se impor sobre os uruguaios. O Danubio, muito limitado tecnicamente, sofria para acertar passes e pouco ameaçou o goleiro Cassio. O Timão tinha dificuldades para escapar das pancadas adversárias e também para criar jogadas. O técnico Tite passou boa parte do primeiro tempo insistindo para o time abrir mais o jogo, explorar as descidas dos laterais, mas o jogo permaneceu amarrado.


No segundo tempo, o time resolveu atender aos apelos de Tite. Fagner, pela direita, foi o destaque. Ele jogou como um ponta e ajudou a desmontar a defesa do Danubio. Ele iniciou a jogada que terminou com um pênalti de Cristian González em Elias. Seria o primeiro gol alvinegro se Renato Augusto não tivesse mandado por cima.


A chance desperdiçada não abalou o Timão. Aos 24, Fagner foi à linha de fundo e cruzou para Guerrero bater de primeira, marcando um belo gol. A vitória foi garantida aos 34, com Felipe aparecendo livre na área para completar de cabeça cobrança de falta de Jadson. O Danubio ainda descontaria aos 47, com Barreto fazendo grande jogada individual: ele passou por quatro marcadores antes de arrematar a gol. Nada, porém, que abalasse o Timão, que segue firme na luta pelo bicampeonato continental.






















Timão vence Danubio no Uruguai e domina primeiro turno do grupo 2 da Libertadores
Com gols de Guerrero e Felipe, Corinthians ganhou por 2 a 1 e chegou à terceira vitória em três jogos pela fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores da América

21h52 17/03/2015 - FutebolAgência Corinthians



© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansGuerrero marcou o primeiro gol do Timão no duelo desta terça


Foi uma primeira metade de fase de grupos perfeita para o Corinthians na Copa Bridgestone Libertadores. Três jogos, três vitórias, cinco gols marcados e apenas um sofrido. Com a liderança isolada, o Timão chegou aos nove pontos no grupo 2 da competição continental ao vencer fora de casa o Danubio (URU) por 2 a 1, gols de Guerrero e Felipe, no estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU), nesta terça-feira (17).

Jogando longe dos domínio, em um estádio e campo acanhados, o Corinthians demorou um pouco para assumir o controle da partida. Jogando com inteligência, o Timão foi aos poucos se soltando. A primeira finalização só veio aos 16 minutos, com uma cabeçada de Guerrero após cobrança de escanteio de Jadson, que foi para fora.

O Timão voltou a causar perigo na defesa do Danubio aos 27 minutos, quando Emerson recebeu um passe de Jadson, invadiu a área e chutou cruzado. A bola passou raspando a trave, mostrando que o Alvinegro começava a se sentir bem no Uruguai. Ao ponto até de reclamar um pênalti aos 39, quando Guerrero se preparava para chutar e foi interceptado pelo marcador do time uruguaio com um toque nas costas. O juiz mandou seguir a partida.

Mesmo com o empate sem gols, para o técnico Tite, a postura dos últimos 20 minutos do primeiro tempo era o que o Corinthians tinha de mostrar na etapa final para sair de Montevidéu com a vitória. O Timão seguiu com o domínio do jogo e começou a criar chances claras de gol.

A primeira veio aos 16 minutos, quando Elias foi derrubado na área. Dessa vez, o juiz apontou a marca do cal. Ainda assim, o Corinthians não conseguiu abrir o placar, já que Renato Augusto chutou o pênalti para fora. Mas o Alvinegro do Parque São Jorge teria outras oportunidades para marcar. Aos 24, foi fatal.

Fagner avançou pela direita e cruzou na área. A bola veio na pinta para Guerrero, que mandou um chute sem deixá-la cair no chão, fuzilando o gol do Danubio. Com 1 a 0 a favor, o Corinthians se soltou mais e ampliou dez minutos depois. Jadson cobrou falta na cabeça de Felipe, que marcou o segundo gol dele na Libertadores.

Faltando dez minutos para o fim, o Timão tratou de fechar espaços e conter a pressão do time uruguaio. Aos 35 minutos, Cássio evitou espalmando o chute de González. Mas nos acréscimos, não teve como impedir Gonzalo Barreto de diminuir o placar. Nada que atrapalhasse a campanha perfeita do Alvinegro no primeiro turno da fase de grupos da competição continental.

Corinthians e Danubio (URU) terão um novo encontro em breve. Será no próximo dia 1º de abril, na Arena Corinthians, pela quarta rodada do grupo 2 da Copa Bridgestone Libertadores da América, às 22h. Só que antes desse compromisso, o Timão jogará pelo Paulistão Itaipava 2015 - Série A1, contra o Capivariano, em Capivari-SP, neste domingo (22), às 16h.

DANUBIO (URU) 1 X 2 CORINTHIANS
Copa Bridgestone Libertadores 2015, fase de grupos, 3ª rodada

Data: 17/03/2015
Local: Luis Franzini, Montevidéu (URU)
Árbitro: Julio Bascuñan (CHI)
Gols: Guerrero (COR) aos 24 minutos, Felipe (COR) aos 34 minutos e Gonzalo Barreto (DAN) aos 47 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Federico Ricca e Graví (DAN)

DANUBIO (URU): Torgnascioli; Matías Velázquez (Graví), Cristian González, De los Santos e Federico Ricca; Formiliano, Milesi (Gonzalo Barreto), Leandro Sosa e Marcelo Tabárez (Ignacio Gonzalez); Matías Castro e Bruno Fornaroli. Técnico: Leonardo Ramos

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Jadson e Renato Augusto (Danilo); Emerson e Guerrero. Técnico: Tite
















Corinthians @Corinthians  ·  2 h Há 2 horas
Tamo junto!

Bom dia, Fiel! 
 Corinthians @Corinthians  ·  13 h Há 13 horas
Três jogos na fase de grupos da @CBLibertadores e três vitórias. #VaiCorinthians 
 Corinthians @Corinthians  ·  13 h Há 13 horas
#TáDominado #LibertaDominada #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Mas não houve tempo para mais nada! Deu Timão no Uruguai! Com gols de Felipe e Guerrero, 2 a 1 para o Corinthians! #DANxCOR #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Danubio 1 x 2 Corinthians. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Quando o Danubio ataca, tem o paredão Cássio para evitar!!! #Timão 2 a 0 no Uruguai! #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Agora foi do Felipe. Na maior especialidade do zagueiro, a bola aérea! #Timão 2 a 0!!! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Fagner cruzou pela direita e Guerrero chutou sem a bola cair. Fuzilou! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
No retorno de Guerrero na Copa Brigestone Libertadores, o peruano faz um golaço! Esse é fera!! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
Renato Augusto bate para fora. Segue 0 a 0 no Uruguai. #DANxCOR #Libertadores

 Corinthians @Corinthians  ·  14 h Há 14 horas
É PÊNALTI!!!!! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians

 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
#Timão dá a saída no segundo tempo no Uruguai. #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
"Está um jogo de bastante contato. Vamos ver se conseguimos repetir os últimos 20 minutos", disse Tite ao voltar a campo. #DANxCOR
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
Fim de primeiro tempo no Uruguai, sem gols para Danubio e Corinthians. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
Mais um minuto no primeiro tempo no Uruguai. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
#Timão arrisca mais uma de fora da área, com Elias. Bola vai para fora, e nada de gols no Uruguai até agora. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
#Timão com mais presença no campo ofensivo, com finalizações de Uendel e Emerson. Com quase 30 min, 0 a 0 no Uruguai. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
Mais um ataque do #Timão. Jadson toca na área e Emerson invade para o chute cruzado, defendido pelo goleiro. Segue 0 a 0. #DANxCOR
 Corinthians @Corinthians  ·  15 h Há 15 horas
#Timão finaliza pela primeira vez no Uruguai. Guerrero cabeceia para fora após escanteio. 0 a 0 até agora. #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
Acompanhe Danubio x Corinthians também em tempo real: http://fiel.vc/MTQyMDY=  #DANxCOR #Libertadores
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
Lembrando que o jogo de hoje do #Timão está sendo transmitido com exclusividade pela @FoxSports_br. #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
90 retweets 178 curtiram
Responder  Retweetar90  Curtir178
Mais
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
Bola rolando no Uruguai!!! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians 
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
O #Timão está no gramado do estádio Luis Franzini, no Uruguai! #DANxCOR #Libertadores #VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
Timão escalado! 

Cássio, Fágner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Renato Augusto e Jadson; Emerson e Guerrero. 

#VaiCorinthians
 Corinthians @Corinthians  ·  16 h Há 16 horas
Timão já no vestiário! Às 20h tem Corinthians X Danubio, pela @CBLibertadores. #VaiCorinthians 











Corinthians segue com 100% de aproveitamento e agora tem 9 pontos.
Com gols de Guerrero e Felipe, o Corinthians vence o Danubio por 2 a 1.

2º tempo

Fim de jogo.
47’
Gol Barreto faz linda jogada, fila na defesa corintiana. O atacante invade a área, dá um drible em Gil e toca na saída de Cássio. Um golaço!
45’
Escanteio para o Danubio pela direita.
44’
Árbitro indica três minutos de acréscimo.
42’
Cruzamento de Danilo e Fágner isola a bola.
41’
Com um problema no olho, Cássio recebe atendimento médico.
40’
Guerrero bate de fora da área, para longe do gol.
39’
Fágner cruza na área e Danilo cabeceia para fora!
38’
Guerrero rouba a bola no meio de campo e avança sozinho. O peruano invade a área, mas se atrapalha todo e Torgnascioli acaba ficando com a bola.
37’
González aparece livre na grande área e chuta forte, no alto. Cássio espalma para escanteio.
36’
É o segundo gol de Felipe na Libertadores.
34’
Gol!
do CORINTHIANS!!! Jádson cobra falta da esquerda e Felipe marca de cabeça.
33’
cartão amarelo
Gravi faz falta dura em Guerrero e recebe o amarelo.
32’
Emerson recebe de Danilo na área e cruza. A zaga afasta pelo alto.
31’
time uruguaio sai mais para o ataque e o Corinthians se fecha.
30’
González aparece livre na grande área e cabeceia para fora!
29’
Sosa pega sobra no ataque e finaliza de fora da área. A bola sai ante à trave esquerda, com perigo!
28’
Substituição
No Danubio, Barreto entra na vaga de Milesi.
26’
Substituição
No Corinthians, sai Renato Augusto para a entrada de Danilo.
25’Gooooooooooooooooooooooooolllllllllllllllllllllllll
do CORINTHIANS!!! Fágner cruza da direita e Guerrero pega de primeira para abrir o placar.
23’
Fornaroli e Fágner discutem após falta do jogador do time uruguaio.
22’
Danilo conversa com Tite e deve entrar em breve.
21’
Fágner recebe de Emerson pela direita e e travado na hora do cruzamento.
20’
Castro recebe no ataque, mas é logo desarmado por Felipe.
18’
ISOLOU!!! Renato Augusto cobra muito mal, por cima do gol!
17’
PÊNALTI para o CORINTHIANS!!! Elias é derrubado por González na grande área!
17’
Substituição
No Danubio, Tabárez dá lugar a González.
16’
Guerrero cruza por baixo e De los Santos afasta de qualquer maneira.
15’
Ralf cruza na área e a zaga manda para escanteio.
14’
Emerson tenta tabela com Fágner e fica com o lateral no campo de ataque.
12’
Jádson arrisca de muito longe e não assusta o gol uruguaio.
10’
Emerson cruza fechado demais, direto para o goleiro.
9’
Emerson ataca pela direita e é desarmado por Milesi.8’
Sosa cobra escanteio aberto e González cabeceia para fora, sem perigo.
7’
Escanteio para o Danubio pela esquerda.
6’
Impedimento marcado contra Castro.
5’
Bola jogada na área e Torgnascioli fica com ela.
3’
Jádson cobra por baixo e Guerrero é travado na hora do chute.
2’
cartão amarelo
Cartão amarelo para Ricca.
Começa o segundo tempo.
Intervalo
CORINTHIANS: Cássio, Fágner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson Sheik; Paolo Guerrero.
DANUBIO: Franco Torgnascioli, Matías Velásquez (Jorge Gravi), Cristían González, Matías de los Santos e Federico Ricca; Fabricio Formiliano, Nicolás Milesi e Leandro Sosa; Marcelo Tabárez, Matías Castro e Bruno Fornaroli.


Primeira etapa sem chances claras de gol. Corinthians criou mais, mas leva muitos sustos quando precisa se defender pelo alto.


Corinthians reclama de um pênalti em Guerrero, aos 38 minutos.


Danubio e Corinthians vão empatando sem gols, no Uruguai.
1º tempo
45’
Fim do primeiro tempo.
44’
Gravi cruza na segunda trave e Sosa não consegue cabecear.
43’
Árbitro indica um minuto de acréscimo.
42’
Gravi cruza na área e manda direto para Cássio.
41’
Substituição
No Danubio, Gravi entra na vaga do lesionado Velázquez.
40’
Problema de Velázquez é na coxa esquerda.
39’
Velázquez está caído e a partida é paralisado
38’
Elias serve Guerrero na grande área. O peruano cai em lance contra González e diz que foi puxado. O árbitro manda o jogo seguir.
37’
Emerson cruza da direita e a zaga afasta o perigo.
36’
Guerrero tenta dominar na área e Tabárez faz o desarme.
34’
Ralf tenta sair jogando e erra o passe para Emerson.
33’
Elias avança em velocidade e chuta de fora da área, sem direção.
31’
Guerrero perde a bola no ataque e faz a falta logo em seguida.
30’
Fornaroli arrisca de fora da área e não assusta Cássio.
29’
Escanteio cobrado da esquerda e De los Santos cabeceia para fora.
28’
Uendel é lançado na área e toca na saída do goleiro. Defesa afasta mal e Emerson fica com a sobra. Na área, o atacante bate cruzado, para fora!
27’
Emerson ataca pela direita e cruza muito errado.
25’
Danubio trabalha a bola no ataque, sem pressa.
23’
Guerrero comete mais uma falta de ataque.
22’
Fágner arma jogada pelo meio e erra o passe para Emerson.
21’
Velázquez cruza rasteiro e Uendel manda para escanteio.
19’
Emerson recebe de Jádson na área e finaliza cruzado. Torgnascioli faz a defesa.
17’
Velázquez domina pela direita e cruza forte, para ninguém.
15’
Fágner avança pela direita e ganha escanteio para o Corinthians.
14'
Velázquez está caído e a partida é paralisada.
12’
Velázquez recebe pela direita e chuta em cima de Fágner.
11’
Tite passa muitas instruções aos seus jogadores.
10’
Guerrero perde a bola no ataque e fica reclamando de falta.
9’
Impedimento marcado contra os donos da casa.
8’
Cruzamento da esquerda e Castro, completamente livre, cabeceia sem muita força. Cássio pega com tranquilidade.
6’
Bola jogada na área brasileira e Cássio fica com bola.
5’
Castro tenta jogada pela esquerda e ganha lateral.
3’
Guerrero comete falta de ataque, em cima de González.
2’
Emerson tenta jogada com Guerrero e a zaga uruguaia recupera a bola.
1’
Corinthians troca passes no meio de campo.
Começa o jogo.
Pré-jogo

CORINTHIANS: Cássio, Fágner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, 
Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson Sheik; Guerrero

danubio:Franco Torgnascioli, Matías Velásquez, Cristían González, Matías de los Santos e Federico Ricca; Fabricio Formiliano, Nicolás Milesi e Leandro Sosa; Marcelo Tabárez, Matías Castro e Bruno Fornaroli.


Corinthians lidera o grupo com seis pontos. Zerado, o Danubio é o lanterna.


Boa noite, internauta do Terra! Acompanhe comigo, Vitor Santos, Danubio x Corinthians, partida válida pela 3ª rodada do grupo 2 da Copa Libertadores.















RESUMÃO
O JOGO

O Corinthians faz mais uma vítima na Taça Libertadores da América. Com a vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre o Danubio, do Uruguai, nesta terça-feira, em Montevidéu, o Timão se mantém com 100% de aproveitamento na fase de grupos da competição e deixa sua classificação às oitavas de final bem encaminhada. Guerrero e Felipe marcaram para o Timão. O time uruguaio descontou com Barreto.

Com o triunfo, o Corinthians vai a nove pontos e abre seis do segundo colocado

A vitória poderia ter sido ainda mais tranquila se Renato Augusto não tivesse perdido um pênalti quando o jogo estava empatado sem gols. Pouco depois, porém, o Timão abriu o placar com um golaço de Guerrero. Mais tranquilo, o time ampliou a vantagem e só sofreu o gol do Danubio no último minuto.


DESTAQUELÍDER 100%

A vitória por 2 a 1 sobre o Danubio levou o Timão aos nove pontos em três jogos pelo Grupo 2 da Libertadores da América. A classificação está cada vez mais perto.

O JOGO MAIOR DA HISTÓRIA!

Com o gol nesta terça-feira, Guerrero passou a ser o maior artilheiro estrangeiro da história do Corinthians. Sâo 47 gols, contra 46 do argentino Carlitos Tevez.

DESTAQUENOVO DUELO

Corinthians e Danubio voltam a se enfrentar no dia 1º de abril, às 22h (horário de Brasília), na arena do Timão na Arena Corinthians


LANCE A LANCE
FIM DE JOGO

FALA, EMERSON SHEIK!

"Tudo aquilo que foi planejado até o momento foi cumprido. Uma pena ter levado o gol agora no final, não é deixando de ser humilde, mas a ideia era não levar gol, era ter um aproveitamento melhor a cada partida em todos os quesitos. Mas valeu, são mais três pontos, a tenho certeza de que o caminho é esse"
FIM DE JOGO

FALA, GUERRERO!

"Considero que ainda não tinha estreado na competição, hoje foi minha estreia, feliz porque ajudei a contribuir com o time, o mais importante é que fizemos o trabalho, somamos os três pontos."

FIM DE JOGO
A vitória levou o Corinthians a nove pontos no Grupo 2 da Libertadores da América. Sâo 100% de aproveitamento no torneio! O Danubio continua zerado, com três derrotas em três jogos.

48'2º TEMPO

Fim de jogo em Montevidéu!

47'2º TEMPO
CORINTHIANS 2X1
Gonzalo Barreto ATACANTE gol do danubio Barreto faz fila, passa por quatro marcadores corintianos e chuta de bico, no cantinho. Golaço!!!

46'2º TEMPO
Gil se enrola numa bola aérea e afasta para escanteio.

45'2º TEMPO
Três minutos de acréscimo.

43'2º TEMPO
Após cruzamento de Gravi pela direita, Felipe desvia para escanteio.
42'2º TEMPO
Danilo corta o zagueiro, cruza da esquerda, e Fagner chega batendo na bola. Longe do gol do Danubio.

41'2º TEMPO
O goleiro estava com um problema no olho, logo resolvido.
40'2º TEMPO
Cássio está caído no gramado.

40'2º TEMPO
Guerrero aproveita sobra da zaga do Danubio, mas isola a bola e manda quase na arquibancada.

38'2º TEMPO
Sosa cruza da esquerda, Barreto cabeceia, e Cássio defende.

37'2º TEMPO
Fagner cruza na cabeça de Danilo, que manda à esquerda do gol de Torgnascioli.

36'2º TEMPO
CORINTHIANS O QUE É ISSO?
Guerrero se livra da marcação, avança sem nenhuma marcação, mas deixa a bola escapar nas mãos do goleiro do Danubio.

35'2º TEMPO
González recebe na pequena área e solta a bomba no ângulo. Cássio consegue espalmar para escanteio.

34'2º TEMPO

FelipeZAGUEIROGOOOOOOOOOOOOOOL DO CORINTHIANS!!Na cobrança da falta, Jadson coloca a bola na cabeça de Felipe, que se antecipa à zaga e manda para o gol. Timão amplia o placar no Uruguai!

32'2º TEMPO
Graví ATACANTE Cartão amarelo para Graví, por falta dura em Guerrero.

31'2º TEMPO
Danubio abusa das jogadas aéreas, tentando forçar uma falha do Corinthians.

30'2º TEMPO
Sosa alça a bola na área, e Fornaroli tenta de cabeça. A bola cruza a área e passa à direita de Cássio.

29'2º TEMPO
Torcida do Corinthians faz muito barulho em Montevidéu!

28'2º TEMPO
Sosa tenta mais um chute de longe, novamente sem direção.
Gol nasceu do melhor jogador do Corinthians em campo. Fagner já vinha sendo principal articulador pelo lado direito do ataque. #truruguai

27'2º TEMPO

SAI MilesiMEIO-CAMPO
ENTRA Gonzalo BarretoATACANTE

26'2º TEMPO
Danubio tenta a resposta com Milesi, que chuta sem força, sem perigo para Cássio.

25'2º TEMPO

SAIRenato AugustoMEIO-CAMPO
ENTRADaniloMEIO-CAMPO

24'2º TEMPO
CORINTHIANS GOOOOLLLL
Guerrero ATACANTE GOOOOOOOOOOOOL DO CORINTHIANS!Fagner encontra liberdade pela direita e cruza na área. Guerrero, inteligente, antecipa-se à zaga e solta a bomba, sem chances para Torgnascioli. Golaço do Timão no Uruguai!

24'2º TEMPO
Fornaroli se estranha com Fagner e reclama com o árbitro, que, mais uma vez, deixa o jogo seguir.

22'2º TEMPO
Danilo no aquecimento. Logo mais ele vai reforçar o Corinthians em campo.

21'2º TEMPO
Emerson encontra Fagner pelo lado direito, mas lateral é desarmado.

O cobrador oficial de pênaltis do Corinthians é Fábio Santos, que está machucado. #truruguai

19'2º TEMPO
Renato Augusto se enrola com jogador do Danubio e cai reclamando de pancada no rosto.
17'2º TEMPO
Renato Augusto erra a penalidade e chuta para o alto a chance de o Corinthians abrir o placar! Que oportunidade perdida!

16'2º TEMPO
CORINTHIANS PÊNALTI PARA O CORINTHIANS!
Cristian González derruba Elias na área, e a arbitragem marca a penalidade!

15'2º TEMPO

SAI Marcelo Tabárez MEIO-CAMPO
ENTRA Ignacio González MEIO-CAMPO

15'2º TEMPO
Renato Augusto cobra com força, a zaga afasta, e Guerrero não consegue aproveitar a sobra.

14'2º TEMPO
Ralf cruza na área para Guerrero, mas a zaga afasta para escanteio.

12'2º TEMPO
Sosa avança pela esquerda, rola para o meio da área, e Fornaroli solta a bomba. Bola passa longe do gol corintiano.

12'2º TEMPO
Após troca de passes laterais, Jadson arrisca de longe. Bola passa à direita do gol do Danubio.

10'2º TEMPO
Emerson Sheik recebe no ataque, tenta cruzar na área, mas Torgnascioli defende sem problemas.

09'2º TEMPO
Tabárez avança sozinho pela intermediária e arrisca de longe. A bola explode em Gil.

08'2º TEMPO
Sosa cobra alto, na área, e De los Santos cabeceia longe do gol de Cássio.

08'2º TEMPO
Danubio cresce no jogo e consegue escanteio pelo lado esquerdo do ataque. Torcida se anima.


07'2º TEMPO
Fornaroli cruza, a defesa afasta, mas a bola fica viva na área. Gil consegue afastar após bate-rebate.

06'2º TEMPO
Castro recebe livre na área, enrola-se com Cássio e pede pênalti. Antes, porém, arbitragem marcou impedimento.

04'2º TEMPO
Fagner e Emerson tabelam pela direita, mas deixam a bola sair pela linha de fundo.
03'2º TEMPO
Em jogada rápida, Guerrero deixa a bola passar na diagonal e Jadson recebe livre na direita. Em vez de chutar, o meia tenta devolver para o atacante, e a bola vai forte demais.

02'2º TEMPO
Jadson cobra rasteiro, na entrada da área, e Guerrero chuta travado na defesa.

01'2º TEMPO
Federico RiccaLATERAL

Cartão amarelo para Federico Ricca

01'2º TEMPO
Fagner faz boa jogada pela direita, mas é agarrado por Ricca e sofre falta.

00'2º TEMPO
Começa a segunda etapa!

INTERVALO
O Corinthians volta com a mesma formação do primeiro tempo.

INTERVALO
Os dois times estão de volta ao gramado.
Corinthians sem soluções em um campo acanhado e com marcação muito forte do Danubio. #truruguai

INTERVALO
O primeiro tempo foi muito pegado, sem grandes chances para os times. Corinthians saiu reclamando de pênalti não marcado em Guerrero nos minutos finais. Atacante foi claramente agarrado pelo zagueiro Cristian González.
46'1º TEMPO
Fim de primeiro tempo! Danubio 0 x 0 Corinthians.

45'1º TEMPO
Elias tenta passar por três jogadores do Danubio e se enrola com a bola.

44'1º TEMPO
Teremos um minuto de acréscimo no primeiro tempo.

43'1º TEMPO
Graví, por enquanto, joga no setor de Velásquez. Primeira tentativa de chute vai longe do gol.

41'1º TEMPO

SAI Matías VelázquezLATERAL
ENTRA GravíATACANTE

40'1º TEMPO
Velásquez cai, sente dores e vai ser substituído.

39'1º TEMPO
CORINTHIANSFOI OU NÃO?
Guerrero recebe passe de Elias dentro da área, tenta se livrar da marcação e é agarrado por Cristian González. Árbitro não marca nada e deixa o jogo seguir.
37'1º TEMPO
Emerson tenta alçar bola na área, mas Guerrero não alcança.

37'1º TEMPO
Jogo fica morno mais uma vez. Corinthians troca muitos passes no meio-campo.
34'1º TEMPO
Renato Augusto toca de calcanhar para Elias, que avança e chuta de fora da área. Bola vai longe do gol.

33'1º TEMPO
Guerrero comete mais uma falta, desta vez em Ricca. Peruano demora a entrar no jogo.

32'1º TEMPO
Jogo muito brigado em Montevidéu. A arbitragem não quer saber de faltas!

30'1º TEMPO
Fornaroli tabela com Castro e chuta rasteiro para o gol. A bola passa à direita de Cássio.

27'1º TEMPO
CORINTHIANS MELHOR CHANCE!
Jadson lança Uendel, que tenta toque por cobertura e vê a zaga afastar de cabeça. Na sobra, Emerson ajeita e chuta em curva. A bola passa raspando a trave esquerda.

27'1º TEMPO
Fagner cruza na área, Guerrero tenta ajeitar para Sheik, mas a defesa do Danubio afasta mais uma vez.

24'1º TEMPO
Fornaroli tenta lance na área, mas é desarmado pela zaga corintiana.

22'1º TEMPO
Sosa cobra na primeira trave, e Renato Augusto afasta.

21'1º TEMPO
De novo Velásquez. O lateral do Danubio cruza, e Uendel afasta para escanteio.

20'1º TEMPO
Jadson dá bom passe para Emerson Sheik, que invade a área e chuta cruzado. Mais uma defesa tranquila de Torgnascioli.

18'1º TEMPO
Velásquez encontra espaços pela direita e cruza na área. Castro e Fornaroli não alcançam a bola.

17'1º TEMPO
Guerrero se livra da marcação na linha de fundo e cruza rasteiro na área. Torgnascioli defende sem problemas.

16'1º TEMPO
Na cobrança, Jadson encontra Guerrero, que, de cabeça, manda a bola à esquerda do gol do Danubio.

15'1º TEMPO
Fagner consegue mais uma boa investida pela direita, busca Guerrero na área, mas a zaga corta para escanteio.

14'1º TEMPO
Tudo certo com o jogador do Danubio, que já está de pé.

14'1º TEMPO
Velásquez fica no chão após dividida com o lateral corintiano.

13'1º TEMPO
Velásquez tenta chute de fora da área, mas é travado por Uendel.

12'1º TEMPO
Meias do Corinthians recuam demais para buscar a bola. Time encontra pouquíssimos espaços para armar jogadas.

10'1º TEMPO
Fagner recebe bom lançamento de Jadson, mas é bloqueado na hora do cruzamento.

08'1º TEMPO
DEFENDE CÁSSIO!
Castro recebe cruzamento de longe e cabeceia com perigo! Cássio defende e evita o gol do Danubio.

07'1º TEMPO
Gil se enrola com Bruno Fornaroli, mas a arbitragem deixa o jogo seguir.

06'1º TEMPO
Após boa troca de passes do Danubio, Cássio fica com a bola e se estranha com Matías Castro.

04'1º TEMPO
Corinthians tenta tocar a bola com velocidade, mas para na forte marcação uruguaia.

03'1º TEMPO
Guerrero faz mais uma falta de ataque no Danubio.

02'1º TEMPO
Guerrero dá bom passe para Emerson Sheik, que invade a área, mas é interceptado pela zaga do Danubio.

01'1º TEMPO
Guerrero tenta jogada pelo lado direito, mas comete falta.

00'1º TEMPO
Começa o jogo no Uruguai!

PRÉ-JOGO
Renato Augusto é o capitão do Corinthians nesta noite. Ele volta de lesão no tornozelo esquerdo.
PRÉ-JOGO
FALA, TITE!

"Já joguei em campos muito piores do que esse, inclusive no Campeonato Paulista. Talvez as dimensões sejam menores, mas não vai interferir em nada", disse o técnico, sobre o acanhado Estádio Luis Franzini.

PRÉ-JOGO
Agora é a vez de o Corinthians aparecer no gramado. Daqui a pouco a bola rola.

PRÉ-JOGO
O Danubio já está em campo!

PRÉ-JOGO

CONTAS? PRA QUÊ?

Tite ainda não pensa na vaga do Corinthians nas oitavas de final.






Corinthians aquece no gramado do Estádio Luis Franzini. Foto de Carlos Augusto Ferrari. #truruguai


PRÉ-JOGO
ARBITRAGEM

O trio de arbitragem é chileno. Julio Bascuñan apita e tem Francisco Mondria e Claudio Rios como assistentes.
Estádio vazio, mas com opções de gastronomia local aos torcedores. Foto de Carlos Augusto Ferrari. #truruguai


PRÉ-JOGO

BANCO DO DANUBIO

Facundo Silva, Gastón Faber, Jorge Gravi, Agustín Viana, Ignácio González, Gonzalo Barreto e Emiliano Ghan.

PRÉ-JOGO

BANCO DO TIMÃO

Walter, Edílson, Edu Dracena, Cristian, Danilo, Luciano e Vagner Love.


PRÉ-JOGO

DANUBIO ESCALADO!

Franco Torgnascioli, Matías Velásquez, Cristían González, Matías de los Santos e Federico Ricca; Fabrício Formiliano,Nicolás Milesi e Leandro Sosa; Marcelo Tabárez, Matías Castro e Bruno Fornaroli.


PRÉ-JOGO

CORINTHIANS ESCALADO!

Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson Sheik; Paolo Guerrero.
Este é o Estádio Luis Franzini, palco de Danubio x Corinthians, logo mais. Foto de Carlos Augusto Ferrari. #truruguai


PRÉ-JOGO



Com seis pontos, o Timão é líder do Grupo 2 da Libertadores e pode ampliar sua vantagem em caso de vitória. O Danubio é o lanterna, sem nenhum ponto somado.


PRÉ-JOGO



Boa noite, amigo do GloboEsporte.com! A partir de agora, você acompanha todos os lances de Danubio x Corinthians, jogo válido pela terceira rodada da fase de grupos da Taça Libertadores da América
PRÉ-JOGO




CORINTHIANS ESCALADO!

Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson Sheik; Paolo Guerrero.

BANCO DO TIMÃO

Walter, Edílson, Edu Dracena, Cristian, Danilo, Luciano e Vagner Love.



video

 




video













video










CERCA DE 500 FIÉIS CORINTHIANOS DEVEM ESTAR PRESENTES NO JOGO DO CORINTHIANS HOJE EM MONTEVIDEU, URUGUAI, E PAGARÃO 100 REAIS NO INGRESSO, CINCO VEZES MAIS QUE TIME DA CASA. INGRESSOS SERÃO VENDIDOS 3 HORAS ANTES DO JOGO A CORINTHIANOS. MAURO NAVES. REDE GLOBO





17/03/2015 11h20

Tite ainda não faz contas para vaga do Corinthians nas oitavas: "É prematuro"
Vitória sobre o Danubio, nesta terça, pode colocar o Timão muito perto da classificação para a próxima fase da Libertadores da América


Por Carlos Augusto Ferrari


Tite, em treino do Corinthians no Uruguai
(Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

Depois de duas vitórias no “Grupo da Morte” da Taça Libertadores, o Corinthians enfrenta o lanterna Danubio, nesta terça-feira, às 20h (de Brasília), em Montevidéu, e pode ficar perto da classificação para as oitavas. Mas, para o técnico Tite, ainda não é o momento de fazer contas pensando na vaga.


– Eu estava fazendo uma projeção com a comissão técnica, mas com duas rodadas é prematuro. Buscar a vitória ou somar um ponto nos dá um passo legal e aí podemos projetar o segundo turno – afirmou.


Ao vencer São Paulo e San Lorenzo, o Corinthians pulou para seis pontos e deixou brasileiros e argentinos abaixo, com três, seguidos pelos uruguaios, com zero. Uma vitória em Montevidéu coloca o Timão em ótima condição, principalmente por fazer duas partidas em casa no segundo turno.


Outro fator que pode colaborar para deixar o Corinthians perto da vaga é o duelo entre São Paulo e San Lorenzo, quarta, no Morumbi. Um empate entre os adversários ajudaria o Timão a abrir ainda mais vantagem, caso consiga um triunfo na capital uruguaia.


Apesar disso, Tite ainda prega um discurso cauteloso sobre o bom rendimento da equipe no principal torneio das Américas até o momento e não quer pensar no jogo entre os dois principais adversários do Timão no Grupo 2.


– Para nós, o importante é jogar bem e fazer um bom resultado. Já tenho muita coisa para pensar – ressaltou.











































































































17/03/2015 10h52

No Uruguai, goleiros do Corinthians treinam até no dia do jogo
Cássio, Matheus Vidotto e Walter seguem com preparador Mauri Costa Lima para trabalho horas antes de enfrentar o Danubio


Por Carlos Augusto Ferrari


Se a vida dos goleiros nunca foi fácil, no Corinthians ela se tornou ainda mais difícil. Cássio, Walter e Matheus Vidotto foram treinar nesta terça-feira pela manhã, horas antes da partida contra o Danubio, em Montevidéu, pela Taça Libertadores.


O trio deixou a concentração por volta das 10h na companhia do preparador de goleiros Mauri Costa Lima. O trabalho deve durar cerca de 1h30.

Goleiros deixam o hotel em Montevidéu para treinar (Foto: Carlos Augusto Ferrari)

A prática passou a ser adotada por Mauri no ano passado e, por incrível que pareça, agradou aos goleiros por aumentar o tempo de preparação visando as partidas.


Líder do Grupo 2, com seis pontos, o Corinthians ficará muito perto da classificação para as oitavas de final se vencer os uruguaios. O jogo começa às 20h (horário de Brasília).




Corinthians enfrenta o Danubio pela Copa Bridgestone Libertadores da América
A última partida do Timão na competição continental foi a vitória sobre o San Lorenzo, por 1 a 0, em Buenos Aires-ARG




10h 17/03/2015 - FutebolAgência Corinthians


© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTimão é líder do grupo 2 da competição continental


Nesta terça-feira (17), o Corinthians enfrenta o Danubio-URU pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores, às 20h, no estádio Luis Franzini, em Montevidéu-URU. O Timão é o atual líder do grupo 2 da competição continental, com duas vitórias em duas partidas disputadas até agora.

A equipe do Parque São Jorge atuou apenas uma vez contra o adversário desta terça (17). Em partida válida pela Taça do Atlântico, Timão e Danubio empataram por 2 a 2, no Pacaembu, no dia 23 de junho de 1956. Após o resultado de igualdade, a partida seguiu empatada na prorrogação e o Timão acabou se classificando com uma disputa de “cara ou coroa”.

O retrospecto do Corinthians contra clubes do Uruguai é positivo: em 24 jogos são nove vitórias, 10 empates e cinco derrotas, com 41 gols pró e 29 contra. O time uruguaio que mais vezes enfrentou o Timão foi o Nacional, com oito confrontos.

O último adversário uruguaio que o Corinthians enfrentou foi o Racing-URU, pela fase de grupos da Libertadores de 2010, no estádio Grande Parque Central, também em Montevidéu-URU. O Timão venceu a partida por 2 a 0 com gols de Dentinho e Elias.

No estádio Luis Franzini, palco da partida desta terça (17), o Alvinegro jogou apenas uma vez, em 2003, quando ganhou do Fênix-URU por 2 a 1, com gols de Fábio Luciano e Jorge Wagner, também pela competição continental.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps.


Corinthians futsal/UNIP recebe o Jacareí Futsal no Parque São Jorge
Partida válida pela terceira rodada da Liga Paulista terá início às 19h45; entrada é franca1


0h 17/03/2015 - FutsalAgência Corinthians


© DivulgaçãoElisandro marcou o primeiro gol oficial do Corinthians/UNIP em 2015


Nesta terça-feira (17), o Corinthians/UNIP volta ao ginásio do Parque São Jorge. Às 19h45, o Timão recebe o Jacareí Futsal, pela terceira rodada da Liga Paulista de Futsal, com entrada franca.

O Alvinegro é líder do estadual no índice geral, com 100% de aproveitamento. Em duas partidas, são duas vitórias, sete gols marcados e nenhum sofrido. A Rádio Coringão transmite ao vivo o confronto a partir das 19h15.

A equipe adulta de futsal do Sport Club Corinthians Paulista é patrocinada por UNIP-Universidade Paulista e Colégio Amorim






















Corinthians espera em breve viabilizar empréstimo e anunciar patrocinadores para manga e ombro da camisa para pagar dívidas com atletas e empresários
Felipe Bolguese - 17/03/2015 - 12:17

Corinthians treina no Uruguai (Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians)

Enquanto o departamento de futebol do Corinthians está em Montevidéu (URU), onde a equipe enfrenta o Danubio pela Libertadores, nesta terça-feira, o presidente Roberto de Andrade está na capital paulista tentando viabilizar um empréstimo para pagar dívidas com o elenco

O departamento de finanças, liderado por Emerson Piovesan, que sucedeu Raul Correa da Silva, calculou uma dívida de cerca de R$ 20 milhões que incluem direito de imagem atrasado com jogadores e valores a serem pagos a alguns empresários. Estes pagamentos são prioritários e foram prometidos serem quitados até o fim deste mês pelo presidente Roberto Andrade e o superintendente Andrés Sanchez.

Nesta semana, Roberto Andrade e Piovesan terão reuniões com uma instituição financeira a fim de viabilizar um empréstimo milionário, de pelo menos R$ 10 milhões, para que as dívidas com os atletas comecem a ser pagas o quanto antes. Ralf, Elias, Jadson, Danilo, Renato Augusto e Guerrero estão na lista, que também tem na relação o técnico Tite e o ex-treinador Mano Menezes.


Além do empréstimo, o Timão espera anunciar em breve parceiros para estamparem a marca na manga e no ombro da camisa. Conversas com empresas interessadas em ocupar estes espaços estão avançadas. No momento, apenas a Caixa Econômica Federal é patrocinadora, ocupando o peito da camisa. Pelo espaço, paga R$ 30 milhões por ano – R$ 2,5 milhões mensais.








17/03/2015 10h51

Comitê Rio 2016 ignora polêmica e diz contar com a Arena Corinthians
Gerente de competições esportivas, Guilherme Marques afirma que estádio do Timão segue em pauta para as Olimpíadas: "Faz muito sentido utilizar o legado da Copa"


Por Alexandre Lozetti


Apesar da ameaça e pressão do Corinthians na prefeitura, o Comitê Rio 2016 conta com a presença do estádio do Timão no torneio de futebol das Olimpíadas. Confirmada como uma das sedes na última segunda-feira, a arena alvinegra foi escolhida junto com outras seis

– Nós trabalhamos com o que foi decidido na reunião de segunda. A presença da Arena Corinthians... Para nós, e acredito que também para população, faz muito sentido utilizar o legado da Copa do Mundo e o estádio corinthiano está muito adequado para receber as Olimpíadas - disse Guilherme Marques, gerente de competições da Rio 2016.

Arena Corinthians é uma das sedes do torneio de futebol das Olimpíadas de 2016 (Foto: Marcos Ribolli)


Depois que a Arena Corinthians foi confirmada como uma das sedes, a diretoria do clube paulista publicou nota oficial

No comunicado, o presidente Roberto de Andrade afirmou que o Timão pode rever a decisão de sediar o evento se não receber a garantia de liberação imediata dos CIDs (Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento) para seu estádio.

Ainda faltam R$ 40 milhões dos R$ 420 milhões acordados na gestão municipal anterior, do ex-prefeito Gilberto Kassab. Esse valor é concedido em forma de títulos que poderão ser adquiridos por empresas para quitação de impostos como o ISS e o IPTU. Os CIDs são fundamentais para que o Corinthians possa diminuir a dívida para a construção do estádio.













Corinthians irá debater novos projetos em reunião

por Fábio Suzuki em 17.mar.2015 às 6:37h



Roberto de Andrade assumiu a presidência do Corinthians no início de fevereiro

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, se reunirá nesta quarta-feira, 18, com os novos diretores de todos os departamentos do clube. Este será o primeiro grande encontro que o dirigente corintiano faz desde que assumiu o clube, há pouco mais de um mês. Entre os presentes na reunião estarão os diretores Marcelo Passos (Marketing), Emerson Piovesan (Financeiro), Donato Votta (Cultura) e Rogério Molica (Jurídico), que irão apresentar novos projetos previstos em suas áreas ao longo do ano.
17/03/2015 09h35
Corinthians prioriza pagar atrasados
Clube admite débito de direitos de imagem em até sete meses com alguns nomes. Diretoria financeira coloca pés no chão e desaconselha cifras milionárias


Por Diego Ribeiro
Guerrero: futuro indefinido, mas valor a receber (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

A ideia da nova diretoria do Corinthians é cortar gastos. Por isso, mesmo que tentado, o clube freia o ímpeto por contratações, para poder quitar direitos de imagem atrasados de pelo menos seis jogadores.

Casos como o do meia Renato Augusto, por exemplo, chegam a sete meses de débito.

Enquanto o assunto não for resolvido, a diretoria não deve discutir acordos com novos atletas.
A dívida total do clube ultrapassa os R$ 300 milhões, de acordo com relatório divulgado no início do ano.
A situação financeira influencia até na renovação de contrato do atacante Guerrero, que tem vínculo até 15 de julho e ainda não o estendeu.

Nomes como o meia-atacante Bernard, do Shakhtar Donetsk, estão fora de cogitação. Outros jogadores com direitos de imagem a receber são Ralf, Elias, Danilo e Jadson.


A diretoria tem elogiado o início de trabalho do novo diretor financeiro do clube, Emerson Piovesan, que pertencia à chapa da oposição na eleição presidencial de fevereiro. Mesmo assim, foi chamado para compor a nova cúpula após a vitória de Roberto de Andrade sobre Antônio Roque Citadini.
De acordo com diretores corinthianos, Piovesan tem sido um dos maiores responsáveis por evitar contratações de alto valor e risco. Ex-presidente e atual superintendente de futebol, Andrés Sanchez confirmou todos os atrasos.

– Temos alguns jogadores com quatro, cinco meses de direitos de imagem atrasados. Sete meses só temos o Renato Augusto. Vamos acertar tudo – afirmou Andrés

O técnico Tite deseja a contratação de mais um meia para substituir Lodeiro, negociado há um mês com o Boca Juniors. No momento, esta é a única preocupação do comandante, que afirma ter elenco praticamente completo para as disputas de Campeonato Paulista e Taça Libertadores da América
O Corinthians tem recorrido a empréstimos para honrar seus compromissos. Por isso, só vai contratar em caso de “oportunidade”, quando houver pouco ou nenhum custo.
A comissão técnica observa jogadores no mercado sul-americano, considerado mais barato - o meia argentino Ariel Rojas, do River Plate, e o equatoriano Juan Cazares, do Banfield, são tratados como possíveis oportunidades.
O Corinthians também planeja cortar alguns dos maiores salários do elenco no segundo semestre, após a Libertadores da América.


































Corinthians pensa em manter Guerrero até o fim da Libertadores da América
Se não acertar a renovação, diretoria alvinegra já conversa para prorrogar contrato do atacante peruano e garanti-lo até o fim da disputa da competição sul-americana

Bruno Andrade - 17/03/2015 - 07:10

Guerrero tem contrato até 15 de julho de 2015 (Foto: Miguel Schincariol)

A diretoria do Corinthians está pessimista na permanência de Guerrero. No entanto, mesmo se não acertar a renovação de contrato, não quer perder o centroavante durante a disputa da Libertadores.

A ideia do clube é que o jogador fique, pelo menos, até o fim da competição e assim não perca eventuais semi e finais. O próprio desejo de Guerrero de ser campeão da Libertadores já indica um possível acordo. Isso, claro, se as partes realmente não acertarem a renovação de contrato, que acaba em 15 de julho, data da primeira semifinal.

Duas são as opções para isso. Pela regulamentação de registros no Brasil, o peruano poderia assinar uma “prorrogação” de contrato até a data da finalíssima, que é 5 de agosto. Caso tenha de assinar uma renovação, um novo contrato teria validade de três meses para, então, rescindir o mesmo vínculo depois de 30 dias. Isso permitiria que o camisa 9 acertasse com um clube europeu até 31 de agosto de 2015, data que fecha a janela de transferência dos principais países do continente.

Na última semana, representantes da OTB Sports, que agencia a carreira do peruano, tiveram reuniões em Milão com a Internazionale, que é um possível destino no segundo semestre. A Sampdoria (ITA) também é outro clube cogitado. O próprio staff com camisa 9 não acredita que entrará em acordo financeiro com o Timão para acertar a renovação.
















17/03/2015 06h25

No Grupo da Morte, Timão pega Danubio para se aproximar da vaga
Vitória sobre o lanterna nesta terça-feira, no Uruguai, deixará o Corinthians muito perto da classificação para as oitavas de final da Taça Libertadores da América
Por Carlos Augusto Ferrari



O Corinthians tem nesta terça-feira a chance de contrariar qualquer previsão de equilíbrio no Grupo 2, considerado o mais difícil da Taça Libertadores. Depois de vencer 5P e San Lorenzo, o Timão conta com a volta do centroavante Guerrero para enfrentar o lanterna Danubio, às 20h (de Brasília), no estádio Luis Franzini, em Montevidéu, e ficar muito perto da classificação para as oitavas de final.

Uma vitória na capital uruguaia colocará o Corinthians em ótima situação não só pelos nove pontos que alcançará. A equipe dirigida por Tite fará ainda dois jogos em casa no segundo turno (contra San Lorenzo e Danubio), antes de encerrar sua participação na primeira fase contra 5P, na casa do rival onde estã invicto há 8 anos

Com a volta de Renato Augusto, Tite terá força máxima contra o Danúbio, no Uruguai

O Danubio tenta respirar depois de perder as duas. Para isso, aposta na troca de palco para tentar pressionar: sai o gigantesco Centenário, com capacidade para 76 mil pessoas, e entra o acanhado campo do rival Defensor, que abriga somente 18 mil.

O trio de arbitragem é chileno. Julio Bascuñan apita e tem Francisco Mondria e Claudio Rios como assistentes. Você acompanha a partida, em Tempo Real, no GloboEsporte.com.

escalações:

Danubio: o técnico Leonardo Ramos deve mandar a campo boa parte do time que venceu o Rampla Juniors de virada pelo Campeonato Uruguaio. Uma das novidades deve ser a entrada do atacante Bruno Fornaroli, que no ano passado atuou pelo Figueirense. A provável formação é a seguinte: Franco Torgnascioli, Agustín Peña, Fabricio Formiliano, Matías de los Santos e Joaquín Pereyra; Matías Velásquez, Renzo Pozzi, Ignacio González e Marcelo Tabárez; Matías Castro e Bruno Fornaroli.


Corinthians: Tite esperou o treino de reconhecimento de gramado para confirmar a volta do meia Renato Augusto, recuperado de uma lesão no tornozelo esquerdo. Com isso, Danilo vai para o banco de reservas novamente. O centroavante Guerrero também retorna após cumprir a suspensão de três jogos. O time começa com: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Elias, Jadson, Renato Augusto e Emerson; Guerrero.
quem estã fora:

Danubio: Hamilton Pereira cumpre suspensão
Corinthians: o lateral-esquerdo Fábio Santos (cirurgia no joelho direito), o volante Bruno Henrique (luxação no cotovelo esquerdo) e o atacante Mendoza (lesão na coxa esquerda) estão fora da partida.

Tite, no estádio Luis Franzini, palco do jogo desta terça-feira (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)