14 de mar de 2015

CORINTHIANS 14/03/2015

CORINTHIANS 0 X 0 redbull
Campeonato Paulista, primeira fase
público 31.764 total (31.471 pagantes 293 não pag)
 Renda: R$ 1.569.799,20  
Data: 14/03/2015
Local: Arena Corinthians 
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho, Gustavo Rodrigues de Oliveira e Renata Ruel Xavier 
Cartões amarelos: Marcelo (RBB), Fagner e Elias (COR)

CORINTHIANS: 12-Cássio; 23-Fagner, 4-Gil, 28-Felipe e 13-Uendel; 5-Ralf, 7-Elias (21-Malcom 32'2ºT), 16-Cristian (29-Vagner Love int), 10-Jadson e 11-Emerson (18-Luciano 35'2ºT); 9-Guerrero. Técnico: Tite + 27-Wálter, 3-Yago, 2-Edílson, 33-Romero 

RED BULL: 1-Juninho; 2-Everton Silva, 3-Anderson Marques, 4-Fabiano Eller e 6-Romário; 5-Willian Magrão, 7-Andrade, 8-Jocinei (15-Marcelo 20'2ºT), 11-Allan Dias (17-Wilson Junior 26'2ºT); 10-Lulinha e 9-Edmílson (18-Isac 31'2ºT). Técnico: Mauricio Barbieri. + 12-Gabriel Leite, 13-Carlinhos, 14-Samuel, 16-Gustavo Scarpa























CORINTHIANS SEGUE LIDER TRANQUILO DE SEU GRUPO
1 Corinthians  23p 9j 7v 2e 0d 14gp 2gc 12sg







14/03/2015 19h42

Tite elogia atuação de Vagner Love no Corinthians e lamenta "dia em que nada dá certo"
Treinador aprova desempenho do atacante ao lado de Guerrero, no segundo tempo, e vê possibilidade maior de usá-los juntos nos próximos confrontos


Por Diego Ribeiro




O Corinthians ficou no empate em 0 a 0 com o RB Brasil, na  Arena Corinthians, neste sábado, pelo Paulistão, mas criou várias chances no segundo tempo, sobretudo por conta da entrada do atacante Vagner Love no intervalo.


Após a partida, o técnico Tite fez questão de elogiar a atuação do atleta. Ele também viu uma evolução no desempenho da dupla Love e Guerrero, comparando com partidas anteriores.


- O Vagner está melhorando a cada momento, o técnico vai conhecendo. Coloquei os dois enfiados. Pedi para ele jogar igual no Flamengo, quando tinha o Adriano e se movimentar atrás do Guerrero. Ainda estou encontrando a melhor forma para eles. Quando veio para trás, aumentou a área de ação - analisou.
- A opção do Vagner jogando com o Guerrero já foi bem melhor do que no outro jogo. Ele te dá opções, criamos oportunidades reais nessas movimentações. O entrosamento está maior e vai abrindo essa possibilidade (de escalar a dupla) - falou.


Na visão do treinador corintiano, a equipe teve uma atuação satisfatória. O problema, segundo ele, foi estar em um daqueles dias em que nada dá certo em campo.


- Sim, existe (dia que tudo dá errado). É um detalhe que a gente retarda, algo que o adversário neutraliza, o goleiro numa tarde feliz, escolhas certas do adversário... Teve dois impedimentos corretamente marcados por um fio de cabelo. Tem dias em que a precisão não dá certo. Uma bola do Vagner Love saltei como se fosse gol, vi jogadores levantando... - completou.

Tite comandando a equipe durante o jogo deste sábado, Corinthians contra o RB Brasil (Foto: Marcos Ribolli)






14/03/2015 19h33

Elias lamenta empate do Corinthians e avisa: "Não estávamos pensando na Libertadores"
Após jogo abaixo da média contra o RB Brasil, volante diz que Corinthians estava ligado no Paulistão. Na terça-feira, time enfrenta o Danubio, no Uruguai


Por Diego Ribeiro










A formação do Corinthians que vai enfrentar o Danubio, nesta terça-feira, no Uruguai, pela Taça Libertadores, é praticamente a mesma do empate sem gols com o RB Brasil, neste sábado, pelo Campeonato Paulista. Mesmo com dois jogos seguidos pela frente, os titulares do Timão asseguram que não houve "pé no freio" na partida do torneio estadual.

Apesar do desempenho abaixo da média, o volante Elias disse após o empate que o foco estava, sim, na equipe de Campinas. A partir de agora é que o Corinthians vai pensar no adversário uruguaio.


– Todo mundo estava focado no jogo de hoje. Não estávamos pensando na Libertadores. Jogador tem de estar ligado em todos os jogos, não tem essa de pensar em outra competição – disse Elias.

Praticamente classificado para a segunda fase do Campeonato Paulista, o Corinthians quer também acelerar sua vaga nas oitavas de final da Libertadores. Por isso, Elias avisa que o time terá mentalidade ofensiva no Uruguai.

– É importante somar pontos lá, pois queremos logo a vaga. E aí teremos tranquilidade para os últimos jogos da primeira fase – receitou o volante.

O Corinthians tem seis pontos somados em duas partidas realizadas pelo Grupo 2 da Libertadores. A ideia da comissão técnica é de pelo menos uma vitória e um empate contra o Danubio, adversário dos dois próximos duelos pela competição. Assim, o time chegaria controlando o próprio destino contra San Lorenzo, em casa, e São Paulo, no Morumbi.

Elias em ação na partida contra o RB Brasil: atuação abaixo da média do camisa 7 (Foto: Marcos Ribolli)



14/03/2015 19h15

Vagner Love se vê perto de primeiro gol pelo Corinthians, mas lamenta: "Fico na pilha"
Atacante entra bem no empate do Corinthians em 0 a 0 com o RB Brasil, tem duas chances, mas ainda persegue primeira bola na rede com a camisa do Corinthians











Apesar da melhora significativa a cada jogo com a camisa do Corinthians, o atacante Vagner Love admite o incômodo com a falta de um gol pelo seu novo clube. No empate sem gols com o RB Brasil, neste sábado, na Arena Corinthians, Love teve as duas melhores chances do time no segundo tempo – ambas levaram perigo, mas não resultaram em gol (veja nos vídeos). Ele sentiu que está próximo de marcar.

Na partida passada, contra o São Bernardo, o atacante já tinha atuado bem. Além de criar boas chances, foi dele a assistência para Malcom fazer 1 a 0 – resultado final do duelo.

– Fico na pilha, pois entro para ajudar, fazer gols e o melhor pelo Corinthians. Tentei o melhor, infelizmente ficamos no empate – lamentou o centroavante.

Neste sábado, Vagner Love atuou como pivô ao lado de Guerrero. Os dois, juntos, ficaram mais à vontade em relação a outras partidas. O Corinthians passou a pressionar o rival, mas não conseguiu chegar ao gol.

– Eles (RB Brasil) têm uma boa equipe, com jogadores rodados. O Corinthians pressionou e procurou o gol a todo momento. Infelizmente, hoje o gol não saiu – disse Love.

O atacante deve ser opção no banco de reservas para a partida desta terça-feira contra o Danubio, em Montevidéu, pela Taça Libertadores. Guerrero será mantido na equipe principal para o duelo pela competição sul-americana.







14/03/2015 18h21

Atuações do Timão: Vagner Love entra bem, mas ataque alvinegro trava em casa
Com atacante em campo desde o intervalo, Corinthians teve maior presença ofensiva, mas defesa do RB Brasil se segurou bem. Fagner também vai bem pela direita


Por Diego Ribeiro





CÁSSIO – GOLEIRO
Quando foi acionado, em dois chutes de fora da área no primeiro tempo, correspondeu. No segundo tempo, praticamente não participou do jogo.
Nota 6,0


FAGNER – LATERAL-DIREITO
Bem nos avanços, foi válvula de escape pelo seu setor. Trabalho correto no setor defensivo.
Nota 6,5


FELIPE – ZAGUEIRO
A sequência de jogos pode ter pesado. Foi abaixo do que estava produzindo, perdeu algumas disputas e foi salvo por Gil em pelo menos dois erros de posicionamento.
Nota 5,0

GIL – ZAGUEIRO
Bem posicionado, evitou jogadas mais perigosas do RB Brasil. Time segue sem tomar gol com ele em campo.
Nota 6,0


UENDEL – LATERAL-ESQUERDO
Subiu muito ao ataque, mas às vezes segurou demais a bola. Ainda tenta se adaptar melhor ao sistema defensivo.
Nota 5,5


RALF – VOLANTE
Fez o simples num dia em que boa parte do time não se inspirou.
Nota 6,0


CRISTIAN – VOLANTE
A sequência de jogos pesou para o volante, que teve dificuldades na saída de bola e não mostrou a qualidade das últimas partidas.
Nota 5,0


VAGNER LOVE – ATACANTE
Mais uma vez, o melhor do Corinthians em campo. Com ele no segundo tempo, o time foi mais agudo, abriu espaços e criou algumas chances. A bola, porém, insiste em não entrar.
Nota 6,5


ELIAS – VOLANTE
Espera-se muito do jogador que sempre aparece como surpresa na área adversária. Neste sábado, ficou preso na marcação do RB e não encontrou soluções.
Nota 5,0


MALCOM – ATACANTE
Ainda sofre para se adaptar ao esquema tático de Tite. Muitas indecisões lhe custaram a posse de bola.
Nota 5,0


JADSON – MEIA
Melhor articulador no começo do jogo, cansou no fim e caiu de rendimento.
Nota 5,5


EMERSON SHEIK – ATACANTE
Mais solto no segundo tempo, tentou dupla com Love pela esquerda e lutou muito. A tarde, porém, não era do Corinthians.
Nota 6,0


LUCIANO – ATACANTE
Entrou quando o Corinthians estava no abafa, até desordenado. Pouco pôde fazer.
Sem nota


GUERRERO – ATACANTE
Outro que teve mais transpiração do que inspiração. Saiu demais da área e levou pouco perigo ao gol do RB Brasil.
Nota 5,5
No Corinthians , Vagner Love mostra evolução e começa a aprender a jogar com Guerrero
Helder Júnior 15 MAR 2015 21h50

Vagner Love já não ouve mais ressalvas do técnico Tite sobre a sua forma física ou falta de ritmo de jogo. "Saltei como se tivesse sido gol em um chute dele", sorriu o técnico quando comentava o empate sem gols com o Red Bull Brasil, no sábado, talvez o melhor dia do atacante vestido com o uniforme do Corinthians.

"O Vagner está melhorando a cada momento, dando novas opções à equipe. Ele já foi bem melhor agora do que em outros jogos. Criou duas ou três oportunidades reais à base de movimentação. O técnico também passa a conhecê-lo", comentou Tite.

O treinador esperava aprender mais sobre as características de Vagner Love para poder utilizá-lo ao lado de Guerrero. A dupla foi testada pela primeira vez na vitória do Corinthians por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim e não funcionou. Contra o Red Bull, o recém-chegado substituiu o volante Cristian no intervalo e soube se posicionar para criar as melhores chances de gol do Corinthians."Coloquei os dois enfiados, mas vi que não conseguiam sair da marcação. Então, chamei o Vagner na beira do campo e falei para ele atuar como fazia com o Adriano no Flamengo, movimentando-se atrás do Guerrero", contou Tite, obcecado com a ideia de fazer a parceria funcionar. "Ainda estou encontrando a melhor forma de eles atuarem juntos, buscando o entrosamento. Quando o Vagner veio para trás, aumentou a área de ação dele e a equipe cresceu."

Love também está se sentindo mais à vontade no clube do Parque São Jorge, embora se mostre ansioso para marcar o seu primeiro gol. "Vai sair em determinado momento", tranquilizou Tite. "A gente fica na pilha e quer ajudar, fazendo gols e o melhor para o Corinthians", disse o companheiro de Guerrero.

 Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva



Tite ainda estuda como escalar Vagner Love e Guerrero juntos no Corinthians
Allan Brito

14 MAR2015
19h28
atualizado às 20h19


Durante o segundo tempo do jogo Corinthians x Red Bull, o técnico Tite escalou Vágner Love e  Guerrero juntos no ataque e próprio treinador admitiu que ainda não encontrou a melhor forma de escalar os dois.


Vagner Love entrou no segundo tempo e quase fez um golFoto: Mauro Horita/Agif / Gazeta Press

A entrada de Vagner Love, neste sábado, ajudou o Corinthians a melhorar. Ele substituiu Cristian, que teve má atuação, e deu trabalho à defesa adversária. Mais uma vez foi vibrante e jogou com raça. O gol no Corinthians não saiu, mas por poucos centímetros - aos 40min, um chute cruzado dele, raspou a trave.

Tite indicou que está encontrando o caminho para o sucesso da dupla: "precisamos de treino e de jogo. Hoje trabalhamos variáveis e tivemos esses dois atacantes na área. Criamos essa alternativa, mas ainda estou procurando uma forma para os dois jogarem juntos".

O técnico revelou que, durante a partida, deu orientação diferente para Vágner Love. "Pedi para ele jogar como no Flamengo, atrás do Adriano. Pedi para jogar atrás do Guerrero porque o time estava saindo com o William Magrão", afirmou, referindo-se ao ex-gremista que atuou como volante de contenção no Red Bull.

Vágner Love tem remotas chances de jogar como titular no próximo jogo do Corinthians, pela Copa Libertadores da América, contra o Danubio-URU, na terça. Tite ainda prefere atuar com um meia armador ao lado de Elias. Cristian não deu certo na função, mas Renato Augusto, Danilo e Petros podem se recuperar de lesões e ficarem a com a vaga. Caso nenhum deles jogue, as chances de Love aumentam.



Corinthianos elogiam 'rodagem' d
o Red Bull
Corinthians empatou com o rival em 0 a 0 na Arena


LANCEPRESS! - 14/03/2015 - 18:21

Jocinei tem passagem pelo Corinthians (Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Os jogadores do Corinthians foram praticamente unânimes na justificativa do tropeço em casa diante do Red Bull Brasil: a experiência de alguns atletas do adversário pesou a favor do time visitante. Como consequência, o Timão ficou em um modesto 0 a 0 com o oponente em plena Arena Corinthians, neste sábado, em confronto válido pelo Campeonato Paulista.

– Tivemos dificuldade. Eles têm jogadores de qualidade, eles estudam e aplicaram a nossa tática – afirmou o zagueiro corintiano Felipe, na saída do gramado.


De fato, o novato Red Bull Brasil (primeira temporada na elite do futebol paulista) contém jogadores bem "rodados". Fabiano Eller e Willian Magrão são bons exemplos.

– É um time de jogadores que atuaram em times grandes, então a bola não queimou no pé (deles). Não saímos vitoriosos, mas pelo menos não perdemos – analisou o goleiro Cássio.
 A gente quer ajudar, quer fazer o melhor, infelizmente não fomos felizes. É uma boa equipe, tem jogadores que atuaram em times grandes, a gente sabia da dificiculdade que teríamos – completou o atacante Vagner Love.

Sem muito tempo para reclamar, o Timão já volta a campo nesta terça-feira. Em duelo válido pela Copa Libertadores, o Corinthians encara o Danubio (URU) em Montevidéu, capital do Uruguai.










"É diferente, emocionante. Chegando ao estádio, até rolaram algumas lágrimas. Foi onde cresci, treinava aqui na base. Agora vejo esse estádio lindo, maravilhoso, com essa torcida empolgante", contou Lulinha, meia revelado pelo Corinthians














CORINTHIANS 0X0 redbull



































































ATUAÇÕES  de atletas do Corinthians


LANCEPRESS! - 14/03/2015 - 18:26

Jocinei (ao lado de Ralf) foi um dos destaques (Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Neste sábado, o Corinthians não conseguiu superar o Red Bull Brasil e ficou no 0 a 0 com o adversário, em jogo disputado na Arena Corinthians, válido pelo Campeonato Paulista. O Timão melhorou no segundo tempo com a entrada de Vagner Love, eleito um dos melhores em campo, mas não conseguiu chegar ao gol. Parte disso se deve à boa atuação da equipe de Campinas, especialmente do ex-corintiano Jocinei. Veja, a seguir, a análise feita pelo LANCE!:



CORINTHIANS, por Diogo Sautchuk (diogosautchuk@lancenet.com.br)

6,0
Cássio
Muito exigido em finalizações de longa distância. Não teve problemas para fazer as defesas. Bem posicionado por cima.


6,5
Fagner
Criou bastante pela direita. Sempre apoiando o ataque, apareceu como uma boa saída para o Timão.

6,0
Felipe
Partida firme do defensor. Fez boas intervenções por cima e não deu espaços para Edmílson girar e finalizar.

6,5
Gil
Mais uma vez fez uma bela partida. Seguro, jogador conseguiu bons cortes por baixo. Não teve tanto trabalho.

5,0
Uendel
Tentou apoiar, localizou os espaços no campo, mas na hora de dominar, cruzar e finalizar, errou.

5,5
Ralf
Começou o duelo ocupando bem o centro do campo, mas deixou espaços para Allan Dias e Jocinei finalizarem.

4,5
Cristian
Muito abaixo do que pode jogar. Na posição que atuou, junto de Ralf e Elias, ficou perdido e não ajudou o time em nada.

6,0
Elias
Após um primeiro tempo bem abaixo, melhorou quando Cristian saiu e Love entrou. Jogou com velocidade.

5,5
Jadson
Quase marcou em finalização cruzada, mas fez pouco. Não criou oportunidades para Guerrero e Vagner Love.

6,0
Emerson
Bastante esforçado como de costume, não se escondeu do jogo e criou grandes chances. Ajudou na marcação.

6,0
Guerrero
Muito bem marcado, o peruano encontrou mínimos espaços para ser perigoso. Movimentação intensa dentro de campo.

6,5
Vagner Love
Faltou apenas o gol. Entrou no intervalo e mudou o jogo. Perturbou pelo lado esquerdo e quase marcou duas vezes.

5,5
Malcom
Era para dar mais velocidade para a equipe e ter saídas pelos lados do campo. Não conseguiu apresentar bom futebol.

5,5
Luciano
Foi selecionado por Tite no desespero de tentar fazer um gol. Correu bastante, mas não foi objetivo na tarefa.

6,0
Tite
Errou ao colocar Cristian na posição em que ele jogou. Acertou ao tirar o volante e mudar time com entrada de Love.








Tite elogia Vagner Love ao lado de Guerrero no Corinthians
Treinador do Timão preferiu adotar mistério sobre uma eventual parceria do camisa 29 com o peruano após o empate por 0 a 0 com o Red Bull Brasil, neste sábado, na Arena Corinthians

LANCEPRESS! - 14/03/2015 - 19:25

Vagner Love entrou no segundo tempo (Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Depois do empate sem gols com o Red Bull Brasil, na tarde deste sábado, na Arena Corinthians, Tite, técnico do Timão, disse que aprovou a entrada de Vagner Love no segundo tempo e rasgou elogios ao atacante. O treinador reconheceu que o entrosamento com os companheiros, especialmente com Guerrero, está crescendo aos poucos e destacou a participação do centroavante na partida.


- Ele tem uma função mais adiantada. Independentemente disso, a opção do Vagner jogando com o Guerrero já foi bem melhor do que no outro jogo. Ele te dá opções, criamos oportunidades reais nessas movimentações. O entrosamento está maior e vai abrindo essa possibilidade - afirmou o treinador.






Ao ser questionado sobre uma possível parceria do camisa 29 com Guerrero no setor ofensivo, o comandante alvinegro preferiu adotar cautela no momento e explicou a função tática do atacante. Tite pediu para Love fazer o mesmo trabalho que exercia quando jogava ao lado de Adriano Imperador no ataque do Flamengo, em 2010. O técnico reiterou a evolução do jogador, mas despistou sobre a possibilidade da dupla ser efetivada no time titular.


- O Vagner está melhorando a cada momento, o técnico vai conhecendo. Coloquei os dois enfiados, vi que eles conseguiam sair com o Magrão no primeiro passe e tiravam nossa pressão. Pedi para ele jogar igual no Flamengo, quando tinha o Adriano. Pedi para movimentar atrás do Guerrero. Ainda estou encontrando a melhor forma para eles. Quando ele veio para trás, aumentou a área de ação e a equipe cresceu em termos ofensivos - explicou.












Corinthians fica no empate com o Red Bull Brasil

















 Corinthians fica no 0x0 contra Red Bull na Arena Corinthians
Equipe de Tite, que entrará em campo novamente na terça-feira pela Libertadores da América, não consegue passar pelo bom sistema defensivo do rival na Arena Corinthians e empata sem gol

LANCEPRESS! - 14/03/2015 - 18:00

O Corinthians não conseguiu vencer sua sexta partida consecutiva. Sem a mesma intensidade e inspiração de outras jornadas, a equipe de Tite apenas empatou sem gols com o Red Bullna tard, e deste sábado, pelo Campeonato Paulista, frustrando mais de 31 mil torcedores na Arena Corinthians. Um resultado que também foi consequência do bom futebol apresentado pela equipe de Campinas, que, bem distribuída em campo, soube anular as principais tentativas do Timão.

Foram dois tempo parecidos. O que se viu nos primeiros 45 minutos foi o time da casa de freio de mão puxado. Aquela velocidade tradicional da equipe quando joga em seus domínios e aquela verticalidade que empurra o adversário para trás passaram longe de Itaquera. Quem foi à Arena  Corinthians ou viu pela televisão ficou com a impressão de que o foco não era o mesmo da maioria das partidas desta temporada.

Com exceção da possibilidade de Cristian dar lugar a Renato Augusto ou Danilo, essa mesma equipe estará em campo na próxima terça-feira, contra o Danubio, pela Libertadores. Talvez esteja aí a resposta por essa falta de concentração e intensidade do Timão diante do Red Bull Brasil, que, por sua vez, fez um grande trabalho. Com marcação forte e bem distribuído, a equipe de Campinas fez seu jogo, criou dificuldades e deu alguns sustos na Fiel.


Tite percebeu a inoperância do Corinthians e, no intervalo, tirou Cristian e lançou Vagner Love. Colocar mais poder de fogo era obrigação para quem jogava em casa. E, realmente, houve uma melhora. O adversário passou a não dar marcar tão perfeitamente. E a melhor chance não demorou para sair - foi com Love, que, após receber de Elias, bateu cruzado com perigo. Mas foi uma melhora momentânea.

A marcação do Red Bull Brasil ainda era eficiente, e a equipe de Tite tinha enorme dificuldade para criar lances de perigo. O tempo passava, as jogadas não eram construídas e a torcida se irritava, até mesmo com as marcações do árbitro. Foi assim até o fim, mesmo com as entradas de Luciano e Malcom. O Corinthians não fez por merecer a vitória, e a equipe de Campinas não fez por merecer a derrota. Resultado justo em Itaquera.



FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 0 X 0 redbull

Local: Arena Corinthians
Data/Hora: 14/3/2015 – 16h
Árbitro: Vanderlei Martinucho (SP)
Auxiliares: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP) e Renata Ruel Xavier de Brito (SP)
Renda/Público: R$ 1.569.799,20/31.471 pagantes
Cartões Amarelos: Elias e Fágner (COR); Marcelo (RBB)


CORINTHIANS: Cassio, Fágner; Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Cristian (Vagner Love, intervalo), Elias, (Malcom, 32'/2ºT), Jadson e Emerson Sheik (Luciano, 35'/2ºT); Guerrero. Técnico: Tite.

red bull: Juninho, Everton Silva, Anderson Marques, Fabiano Eller e Romário; Willian Magrão, Andrade, Jocinei (Marcelo, 19'/2ºT), Lulinha e Allan Dias (Wilson Jr, 26'/2ºT); Edmílson (Isac, 31'/2ºT). Técnico: Maurício Barbieri.













Tite elogia consistência da equipe, mesmo com sequência de jogos
Timão de Tite segue invicto na competição estadual e é líder do grupo B, mesmo com um jogo a menos

18h45 14/03/2015 - FutebolAgência Corinthians

© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansO treinador do Timão celebrou a sequencia invicta de 15 jogos nesta temporada




Neste sábado (14), o Corinthians empatou sem gols com o Red Bull Brasil e se manteve invicto no Paulistão Itaipava 2015 Série-A1. O técnico Tite concedeu entrevista coletiva após o resultado de igualdade e afirmou que está contente com a atuação da equipe, que reagiu bem a sequência de jogos.


"Manter um nível de atuação é extremamente difícil, mas os atletas estão bem e confiantes. A sequência de jogos nos tirou Petros, Bruno Henrique, Renato, Danilo, e vamos encontrando formas alternativas", afirmou Tite.


O treinador do Timão celebrou a sequencia invicta de 15 jogos nesta temporada, e acredita que a equipe conseguiu manter um padrão, mesmo com o rodízio de atletas. "Hoje estamos com sete e dois empates. Queremos mexer com a equipe. É muito difícil manter um padrão com esse rodízio, e ela manteve", comentou.


Apesar da boa fase, o "chato" Tite acredita que a equipe ainda não está pronta, e que são necessários certos ajustes para melhorar ainda mais. "A equipe ainda precisa de muitos jogos para dizer que está pronta. E chato do jeito que sou, vou dizer que ainda falta", finalizou.






















14/03/2015 19h20

Timão 0x0 RB Corinthians segue lídes
Corinthians pressiona muito, mas não consegue superar paredão da equipe do interior. Timão agora volta as atenções à Taça Libertadores da América


Por Diego Ribeiro










O Corinthians bem que tentou: pressionou o RB Brasil durante quase todo o segundo tempo da partida disputada neste sábado, na arena de Itaquera, pela 10ª rodada do Paulistão, mas não conseguiu sair do 0 a 0. Após um primeiro tempo frio, praticamente sem jogadas de perigo, o Timão cresceu na etapa final, com a entrada de Vagner Love, empurrou o time do interior para dentro de sua área, martelou até os acréscimos, mas não foi à rede. Com o empate, o Alvinegro perde os 100% de aproveitamento que tinha em jogos em seu estádio neste ano. Foi a primeira vez na temporada que o Corinthians deixa o campo sem marcar ao menos um gol em jogos oficiais.


O Timão segue tranquilo na liderança do Grupo 2 do estadual, com 23 pontos, cinco a mais que o segundo.


Embora tenha dominado a posse de bola em todo o primeiro tempo, o Corinthians não foi objetivo. Mesmo jogando com titulares, a equipe falhou no último passe e em arremates a gol. O time parecia se poupando para o jogo da próxima terça, contra o Danunio, em Montevidéu, pela Libertadores. A torcida corinthiana só levantou para festejar quando Emerson Sheik empurrou ao ãrbitro para pegar a bola, pois ele o atrapalhava. Já o RB Brasil, retraído, esperava espaço para chutar a gol e conseguiu levar perigo em dois lances rebatidos por Cássio.


A entrada de Vagner Love no lugar de Cristian, no intervalo, mudou a cara do Corinthians. O time da casa passou a ser mais objetivo e chegou mais à área do RB Brasil com jogadas trabalhadas e velocidade. Faltava, porém, um ajuste fino, o toque final. O Timão insistia muito, mas sempre parava no paredão da equipe do interior, que tinha defesa bem postada e atenta, rebatendo tudo o que se aproximava. O jogo foi assim até o apito final: um duelo de ataque contra defesa, com os defensores levando a melhor.


O Timão volta a campo na terça-feira, às 20h (horário de Brasília), para enfrentar o Danubio, no Uruguai, pela Taça Libertadores. No Paulista, o próximo compromisso será domingo, contra o Capivariano, em Capivari. O RB Brasil joga contra o Botafogo na sexta-feira, às 19h30, em Osasco.













Timão empata sem gols com o Red Bull Brasil, mas segue invicto no Paulistão Itaipava
Timão é líder do grupo B mesmo com um jogo a menos. Com sete vitórias e dois empates, o Timão possui 23

18h20 14/03/2015 - FutebolAgência Corinthians

© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansPróximo compromisso alvinegro será pela Copa Bridgestone Libertadores, contra o Danúbio
Na Arena Corinthians, o Timão recebeu o Red Bull Brasil pelo Paulistão Itaipava Série A1, neste sábado (14). Apesar da pressão imposta pela equipe do treinador Tite, o Corinthians ficou no empate com a equipe adversária em 0 a 0. O resultado manteve o Alvinegro invicto no estadual e com 23 pontos no grupo B.

O Corinthians começou a partida pressionando a equipe do Red Bull Brasil. A primeira chance veio logo aos seis minutos, quando Fagner acertou cruzamento perigoso, porém sem finalização. Logo em seguida, aos sete, o Timão fez boa troca de passes até achar Elias em boa condição para finalizar, mas foi assinalado impedimento no lance.

Após a pressão de início de jogo, a equipe comandada pelo técnico Tite tomou alguns sustos que pararam em duas defesas do goleiro Cássio. Além de ajudar a equipe debaixo das traves, o goleiro do Timão também procurou contribuir com os pés, com alguns lançamentos diretos para o ataque.

As duas equipes tentaram bastante no ataque, mas sem nenhuma chance de grande perigo. O Timão manteve a posse de bola e o controle da partida, mas encerrou a primeira etapa com o empate sem gols

O Corinthians voltou para a segunda etapa com Vagner Love no lugar de Cristian. A entrada do camisa 29 deu mais mobilidade à equipe, que criou mais do que na primeira etapa.

A primeira boa chance veio com o próprio Vagner Love, ao receber passe de Elias e chutar com muito perigo para quase abrir o placar para o Corinthians. Pouco depois, partiu para cima da marcação e achou Jadson, que soltou uma bomba para defesa do goleiro do Red Bull Brasil.

Sem conseguir marcar o gol, o técnico Tite fez duas alterações e lançou a equipe para o ataque. Malcom entrou no lugar de Elias e Emerson deu lugar a Luciano. Com isso, o Timão ficou com quatro atacantes em campo, mas mesmo assim não conseguiu furar a defesa adversária.

Mesmo com o empate sem gols, o Timão segue invicto na competição estadual. O próximo desafio do Corinthians será nesta terça-feira (17), às 20h, pela Copa Bridgestone Libertadores, contra o Danúbio-URU, no estádio Luis Franzini, em Montevidéu-URU.

CORINTHIANS 0 X 0 RED BULL BRASIL
Campeonato Paulista, primeira fase
público 31.764 total (31.471 pagantes 293 não pag)
 Renda: R$ 1.569.799,20
Data: 14/03/2015
Local: Arena Corinthians
Árbitro: Luiz Vanderlei Martinucho
Cartões amarelos: Marcelo (RBB), Fagner e Elias (COR)

CORINTHIANS: 12-Cássio; 23-Fagner, 4-Gil, 28-Felipe e 13-Uendel; 5-Ralf, 7-Elias (21-Malcom 32'ºT), 10-Jadson, 16-Cristian (29-Vagner Love) e 11-Emerson (18-Luciano 35'2ºT); 9-Guerrero. Técnico: Tite + 27-Wálter, 3-Yago, 2-Edílson, 33-Romero

RED BULL: 1-Juninho; 2-Everton Silva, 3-Anderson Marques, 4-Fabiano Eller e 6-Romário; 5-Willian Magrão, 7-Andrade, 8-Jocinei (15-Marcelo 20'2ºT), 11-Allan Dias (17-Wilson Junior 26'2ºT); 10-Lulinha e 9-Edmílson (18-Isac 31'2ºT). Técnico: Mauricio Barbieri. + 12-Gabriel Leite, 13-Carlinhos, 14-Samuel, 16-Gustavo Scarpa


















Corinthians @Corinthians ·


Fim de jogo na @A_Corinthians! O Timão segue invicto no #PaulistãoItaipava, mas empata sem gols com o Red Bull
Corinthians @Corinthians · 7 hHá 7 horas




UUUHHHHH!!! Mais uma vez Love! Guerrero ajeita para Vagner Love que dribla o zagueiro e chuta com MUITO perigo. 
Corinthians @Corinthians


Mais uma substituição no #Timão. Sai: Emerson; Entra: Luciano. #CORXRB
Corinthians @Corinthians ·


Substituição no #Corinthians. Sai: Elias; Entra: Malcom. #CORXRB
Corinthians @Corinthians 


DE NOVOOO! Vagner Love faz boa jogada pela esquerda e toca para Jadson, que solta uma bomba para a defesa do goleiro adversário. #CORXRB
Corinthians @Corinthians 
QUAAAAAASE! Vagner Love recebe bom passe de Elias e chuta forte com muito perigo! quase gol do #Timão. #VaiCorinthians #CORXRB
Corinthians @Corinthians ·





Começa o segundo tempo para Corinthians e Red Bull Brasil na @A_Corinthians. #VaiCorinthians #Timão #CORXRB
Corinthians @Corinthians · 



O Corinthians volta para o segundo tempo com uma alteração: Sai: Cristian; Entra: Vagner Love. #VaiCorinthians #CORXRB
Corinthians @Corinthians · 8 hHá 8 horas


Fim do primeiro tempo na @A_Corinthians! O Corinthians segue empatando com o Red Bull Brasil por 0 a 0. #VaiCorinthians #CORXRB
Corinthians @Corinthians · 9 hHá 9 horas


Bola rolando na @A_Corinthians para Corinthians e Red Bull Brasil! #VaiCorinthians #Timão #CORXRB 


Corinthians @Corinthians 


Com esta bandeira, os jogadores do Timão entrarão em campo para homenagear Ayrton Senna! #SennaSempre 



Corinthians @Corinthians · 

Neste momento os jogadores do Corinthians fazem o aquecimento no gramado da @A_Corinthians. #VaiCorinthians #Timão
Corinthians @Corinthians 

Banco - Walter, Edilson, Yago, Luciano, Malcom, Vagner Love e Angel Romero #Paulistão
Corinthians @Corinthians ·
#Corinthians - Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Elias, Cristian e Jadson; Emerson Sheik e Guerrero #VaiCorinthians
Corinthians @Corinthians · 





O #Corinthians está invicto há 14 jogos em 2015. No período, são 12 vitórias e dois empates. #CORxRB #VaiCorinthians
Corinthians @Corinthians · 


No Paulistão Itaipava 2015 – Série A1, o #Timão é líder do grupo B, com 22 pontos. Em oito jogos são sete vitórias e um empate. #CORxRB
Corinthians @Corinthians 

Hoje tem #Timão na @A_Corinthians. Jogando no estádio, o #Corinthians venceu 19, empatou cinco e perdeu somente uma vez. #CORxRB
Corinthians retweetou

CORINTHIANS 0X0 redbull
Corinthians
Cássio  
Fagner Cartão Amarelo  
Felipe  
Gil  
Uendel  
Ralf  
Saiu Cristian  
Entrou Vagner Love  
Saiu Elias Cartão Amarelo  
Entrou Malcom  
Jadson  
Saiu Emerson  
Entrou Luciano  
Guerrero
reservas:  
Walter  
Edílson  
Yago  
Romero  


Red Bull Brasil
Juninho  
Everton Silva  
Anderson Marques  
Fabiano Eller  
Romário  
Willian Magrão  
Andrade  
Saiu Jocinei  
Entrou Marcelo Cartão Amarelo  
Saiu Allan Dias  
Entrou Wilson Júnior  
Lulinha  
Saiu Edmilson  
Entrou Isac  


resesrvas:
Gabriel Leite  
Carlinhos  
Samuel  
Gustavo Scarpa  

Pingo

FICHA TÉCNICA
DATA
14/03/2015 - 16:00
ÁRBITRO
Luiz Vanderlei Martinucho
LOCAL
Arena Corinthians

48 Termina o jogo na Arena CORINTHIANS  O CORINTHIANS  empata com o Red Bull por 0x0

47 Fabiano Eller corta cruzamento de Jadson  

45 A arbitragem assinala três minutos de acréscimo  

Cartão Amarelo 
44 Red Bull Marcelo recebe cartão amarelo  

42 Vágner Love tabela com Guerrero e finaliza forte. A bola passa raspando a trave de Juninho  

40 Público na Arena CORINTHIANS : 31.471 pagantes. Renda: R$ 1.569.799,20  

Substituição 
35 CORINTHIANS Mudança no Coritnhians! Sai Emerson Sheik, entra Luciano  

Cartão Amarelo 
34 CORINTHIANS Fágner questiona marcação da arbitragem e recebe cartão amarelo  

Substituição 
32 CORINTHIANS Mudança no CORINTHIANS ! Sai Elias, entra Malcom  

Substituição 
31 Red Bull BrasilMudança no Red Bull Brasil! Sai Edmílson, entra Isac  

Cartão Amarelo 
27 CORINTHIANS Elias comete falta em Willian Magrão no meio de campo e recebe cartão amarelo  

Substituição 
26 Red Bull Mudança no Red Bull ! Sai Allan Dias, entra Wilson Júnior  

23 Jadson joga a bola na área, Guerrero e Vágner Love tentam cabecear, mas fica com Juninho  

Substituição 
19 Red Bull Mudança no Red Bull! Sai Jocinei, entra Marcelo  

16 Lulinha chega à linha de fundo e levanta bola na área do CORINTHIANS , mas ninguém alcança  

13 Vágner Love é acionado por Emerson Sheik e finaliza rasteiro. A bola passa ao lado do gol de Juninho e vai para fora  

11 Vágner Love recebe passe em profundidade e tem boa chance de marcar, mas a arbitragem assinala impedimento do atacante do CORINTHIANS  

10 Allan Dias recebe na esquerda, corta para o meio e bate. Cássio cai para encaixar a bola  

6 Elias tenta passe em profundidade para Fágner, mas exagera na força e a bola sai pela linha de fundo  

2 Vágner Love recupera bola no meio e arrisca o chute, mas acaba escorregando na hora. A bola chega fraca para Juninho  

1 Apita o árbitro! Bola rolando no ARENA CORINTHIANS ! A posse é do CORINTHIANS  

Substituição 
0 CORINTHIANS Mudança no CORINTHIANS ! Sai Cristian, entra Vágner Love 


47 Termina o primeiro tempo no ARENA CORINTHIANS ! Tudo igual entre CORINTHIANS e Red Bull Brasil  

46 Elias recebe passe de Jadson, mas a arbitragem assinala posição irregular do volante do CORINTHIANS  

45 Fágner levanta bola na área do Red Bull Brasil, mas o zagueiro Fabiano Eller corta o perigo  

43 Willian Magrão recebe com liberdade e finaliza firme, mas longe do gol de Cássio  

42 Fágner avança pela direita e cruza na área. Guerrero antecipa e consegue o chute, mas finaliza por cima do gol de Juninho  

38 O CORINTHIANS chega com mais frequência ao campo do Red Bull Brasil. 

36  Guerrero ganha bola na lateral, chega à área do Red Bull Brasil e busca passe para o meio, mas a bola é bloqueada  

32 Emerson recebe na esquerda, corta para o meio e tenta o cruzamento. A bola vai pela linha de fundo  

30 Emerson arrisca chute de fora da área e pega bem. A bola vai forte, mas Juninho consegue encaixar  

28 Edmilson recebe cruzamento de Allan Dias e sobe mais alto para cabecear. Cássio defende sem problemas  

24 Cristian cobra falta pelo meio e manda por cima do gol, bem longe  

22 Red Bull levanta bola na área em cobrança de escanteio. O zagueiro Felipe corta o perigo e quase joga contra o próprio patrimônio  

16 Jocinei protagoniza boa jogada pelo meio de campo e arrisca de fora da área, exigindo ótima intervenção de Cássio  

15 O CORINTHIANS tem 57% de posse de bola, mas encontra dificuldades para criação. Até o momento, o time de Tite não acertou nenhuma finalização sequer  

14 Uendel faz boa jogada individual, mas demora a soltar a bola e é desarmado pela defesa do Red Bull 

12 Fechado, o Red Bull impede que o CORINTHIANS crie chances de perigo. A equipe de Tite ainda não finalizou no confronto  

10 Allan Dias carrega a bola pelo meio e finaliza da intermediária. O goleiro Cássio faz boa defesa e espalma para fora da área  

8 Emerson Sheik vai ao chão e solicita atendimento médico  

7 O CORINTHIANS troca passes e tenta se infiltrar na defesa do Red Bull, mas a arbitragem assinala posição irregular de Elias  

6 Fagner levanta bola na área, mas a defesa do Red Bull afasta o perigo  

2 Guerrero recebe passe em profundidade, mas a arbitragem assinala posição irregular do peruano  

1 Bola rolando na Arena CORINTHIANS ! O Red Bull tem a posse  

0 Os jogadores do Timão entrarão em campo para homenagear Ayrton Senna  

0 Red Bull Maurício Barbieri tem os seguintes nomes à disposição no banco de reservas: Gabriel Leite, Carlinhos, Samuel, Marcelo, Gustavo Scarpa, Wilson Júnior, Isac e Pingo.  

0 CORINTHIANS Tite tem as seguintes opções no banco de reservas: Walter, Edilson, Yago, Luciano, Malcom, Vagner Love e Angel Romero.  

0 O árbitro do jogo será Luiz Vanderlei Martinucho, da Federação Paulista de Futebol. Ele será auxiliado por Gustavo Rodrigues de Oliveira e Renata Ruel Xavier de Brito.  

0 Red Bull também está definido por Maurício Barbieri: Juninho; Everton Silva, Anderson Marques, Fabiano Eller e Romário; Willian Magrão, Andrade, Jocinei e Allan Dias; Lulinha e Edmilson.  

0 CORINTHIANS O técnico Tite já definiu a equipe do CORINTHIANS para o duelo com o Red Bull: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf, Cristian, Elias e Jadson; Sheik e Guerrero.  

0 Com um jogo a menos que os demais, o CORINTHIANS é o líder do grupo 2 do Paulistão com 22 pontos, quatro a mais que a segunda colocada 

0 Boa tarde, internauta! Você acompanha ao jogo entre CORINTHIANS e Red Bull Brasil, pela 10ª rodada do Campeonato Paulista, neste sábado, na Arena CORINTHIANS .




















FICHA DE JOGO

CORINTHIANS 0

4-5-1

Cássio   GOL

Fagner   LAD

Felipe   ZAD

Gil      ZAE

Uendel   LAE

Ralf     VOL

Cristian    MEC

(Vagner Love    ATA)
Elias        MEC
(Malcom      ATA)
Jadson      MAD
Emerson     MAE
(Luciano     ATA)
 Guerrero   ATA
TiteTEC
RESERVAS
Walter   GOL
Yago     ZAD
Edílson  LAD
Romero   ATA

RB Brasil 0
RBB
4-5-1
Juninho                  GOL
Everton Silva           LAD
Anderson Marques   ZAD
Fabiano Eller           ZAE
Romário                 LAE
Willian Magrão        VOL
Andrade                  VOL
Jocinei                   VOL
 Marcelo                MEC
Allan Dias              MEC
 Wilson Júnior         ATA
Lulinha                  MEC
Edmílson                ATA
 Isac                      ATA
Maurício Barbieri TEC

Gabriel Leite   GOL
Carlinhos        VOL
Samuel           ZAD
Gustavo Scarpa  MEC
Pingo     ATA


O JOGO

O Corinthians bem que tentou: pressionou o RB Brasil durante quase todo o segundo tempo da partida disputada neste sábado, na Arena Corinthians, pela 10ª rodada do Paulistão, mas não conseguiu sair do 0 a 0. Após um primeiro tempo frio, praticamente sem jogadas de perigo, o Timão cresceu na etapa final, com a entrada de Vagner Love, empurrou o time do interior para dentro de sua área, martelou até os acréscimos, mas não foi à rede. Com o empate, o Alvinegro perde os 100% de aproveitamento que tinha em jogos em seu estádio neste ano. Foi a primeira vez na temporada que o Corinthians deixa o campo sem marcar ao menos um gol em jogos oficiais.
DESTAQUE PÚBLICO

O Corinthians, mais uma vez, contou com grande apoio do torcedor na arena. Foram 31.471 pagantes, para uma renda de R$ 1.569.799,20. Se na última partida a média tinha caído, agora ela voltou a subir com o ótimo número deste sábado.


DESTAQUE ENCONTRÃO

A partida ficou marcada por um lance bizarro no primeiro tempo entre Emerson Sheik e o árbitro Luiz Vanderlei Martinucho. O corintiano partiu com a bola dominada, mas o juiz passou na frente, foi empurrado e acabou caindo no chão.



DESTAQUE  ORGANIZAÇÃO

O RB Brasil entrou no jogo com a proposta de neutralizar o ataque do Corinthians e conseguiu fazer isso muito bem. Com muita organização em campo, o time de Campinas pouco foi pressionado e ainda criou boas chances na frente.


DESTAQUE VAGNER LOVE

O atacante entrou no intervalo e mudou o setor ofensivo do Timão. O gol não saiu, mas ele criou ótimas jogadas, ajudou a desmontar a retranca do rival e quase fez dois de pé esquerdo. Ainda não foi dessa vez que marcou o primeiro pelo Timão!

LANCE A LANCE
FIM DE JOGO

FIM DE JOGO

FALA, FAGNER!

Lateral do Timão analisa o jogo: "Não fomos sonolentos, eles marcaram bem, nós chegamos com perigo, mas não foi o suficiente para fazer o gol. Vamos descansar pensando na terça. Não tiramos o pé, lutamos, brigamos. Tentamos o gol, que não saiu"


48'2º TEMPO
Apita o árbitro, fim de jogo na Arena Corinthians. Timão e RB Brasil não saem do 0 a 0.

48'2º TEMPO
A zaga corta novamente.

47'2º TEMPO
a zaga corta o cruzamento, é escanteio para o Timão.
47'2º TEMPO
Falta perigosa para o Corinthians, na entrada da área. Última chance do jogo.
46'2º TEMPO
Corinthians errando muitos passes no fim.
46'2º TEMPO
RB Brasil se fecha totalmente. Já abriu mão de atacar.

45'2º TEMPO
Três minutos de acréscimo.

44'2º TEMPO
COISA FEIA!
Boa movimentação do ataque do Corinthians, mas o cruzamento de Uendel vai parar na arquibancada. Torcedor se revoltou.

43'2º TEMPO
Marcelo  MEIO-CAMPO
Cartão amarelo para Marcelo

42'2º TEMPO
Fagner afasta o cruzamento.

41'2º TEMPO
Agora o RB tem novo escanteio.

40'2º TEMPO
Outra chance criada entre a dupla Love e Guerrero. Entrada do atacante deu nova cara o ataque.

39'2º TEMPO
CORINTHIANS PRA FORAAAA!
Ótima tabela entre Vagner Love e Guerrero. O primeiro recebe na área e chuta de esquerda. Mais uma vez a bola passa raspando a trave do goleiro Juninho. Outra chance perdida pelo Timão!


38'2º TEMPO
Corinthians toca a bola no campo defensivo agora. Adversário todo fechado.
37'2º TEMPO
Corinthians agora com um volante, um meia e quatro atacantes. Pressão total na arena.
Público na Arena Corinthians: 31.471 pagantes. Renda: R$ 1.569.799,20. #trarenacor

36'2º TEMPO
O árbitro marca falta do ataque do RB Brasil, dentro da área.

35'2º TEMPO

SAIEmerson  MEIO-CAMPO
ENTRALuciano  ATACANTE
Torcida irritadíssima com a arbitragem na Arena Corinthians. Time começa a ficar mais pilhado em campo. #trarenacor
35'2º TEMPO
rb tem falta perigosa para bater.

34'2º TEMPO

FagnerLATERAL

Cartão amarelo para Fagner, por reclamação.

33'2º TEMPO
OUSADIA!
O goleiro Juninho mostra habilidade e dribla Guerrero, dentro da área. Que perigo!

32'2º TEMPO
Tite avança ainda mais o time com a entrada de Malcom.
32'2º TEMPO

SAIEliasMEIO-CAMPO
ENTRAMalcomATACANTE


31'2º TEMPO

SAI   Edmílson  ATACANTE
ENTRA   Isac   ATACANTE

30'2º TEMPO
Timão pressiona o RB Brasil e não deixa o adversário sair do campo defensivo.

28'2º TEMPO
Corinthians erra muitos passes no campo de ataque. Fica com a bola, mas com mais capricho poderia ter chegado mais vezes.

27'2º TEMPO

EliasMEIO-CAMPO

Cartão amarelo para Elias, por falta em Willian Magrão.

26'2º TEMPO
A defesa corta o cruzamento na primeira trave.
26'2º TEMPO
sai Allan Dias   MEIO-CAMPO
ENTRA   Wilson Júnior   ATACANTE
25'2º TEMPO
Mais um escanteio para o Corinthians..

24'2º TEMPO
A zaga afasta a cobrança, no rebote a bola vai nas mãos do goleiro Juninho.

23'2º TEMPO
Escanteio para o Timão.
22'2º TEMPO
CORINTHIANS  UUUUHHH!!!

Ótima troca de passes do Corinthians, que chega até Fagner, dentro da área, na direita. Ele cruza, mas ninguém alcança e a bola atravessa toda área, com muito perigo. Pressão do Timão!

20'2º TEMPO

SAI  JocineiMEIO-CAMPO
ENTRA  MarceloMEIO-CAMPO

19'2º TEMPO
Jocinei tenta mais um chute de longe, mas esse passa ao lado do gol de Cássio.
18'2º TEMPO
Agora o Corinthians começa a dominar e ameaçar o adversário. Entrada de Vagner Love melhorou muito o setor ofensivo da equipe.
17'2º TEMPO

CORINTHIANS  JUNINHO SALVA!

Vagner Love dá lindo drible no zagueiro e cruza. A bola chega para Jadson, que manda a bomba de direita e obriga o goleiro do RB Brasil a fazer ótima defesa. Mais uma chegada do Timão, que cresce na partida.


16'2º TEMPO
Guerrero aparece livre, na frente de Juninho, mas o árbitro marca impedimento.

15'2º TEMPO
Agora a partida fica muito disputada, com várias divididas na região central do campo.
14'2º TEMPO
Jogada saiu a partir de ótima movimentação de Emerson, que voltou e arrancou com a bola. Os dribles desarmaram a defesa do adversário.
Entrada de Vagner Love dá mais volume ofensivo ao Corinthians. Mesmo assim, jogo ainda é arrastado na arena. #trarenacor
13'2º TEMPO
CORINTHIANSUUUUHHHH!!
Emerson dribla dois jogadores no meio, arranca e lança Vagner Love. O atacante solta a bomba de esquerda, de dentro da área, e a bola passa muito perto do gol de Juninho. Melhor lance do Timão na partida.


11'2º TEMPO
Mesmo com a mudança no setor ofensivo, Corinthians ainda não criou nada no segundo tempo. Só o RB Brasil levou perigo.

10'2º TEMPO
Arquibancadas da Arena Corinthians recebem um torcedor com muita experiência no assunto? Seu Antonio, de 93 anos.



09'2º TEMPO

RB BRASILCÁSSIO!

Allan Dias dribla Fagner dentro da área e chuta rasteiro, mas o goleiro do Timão defende com segurança, sem dar rebote.


07'2º TEMPO
O cruzamento de Andrade foi direto pela linha de fundo, na rede pelo lado de fora.

06'2º TEMPO
Escanteio para o RB Brasil.
04'2º TEMPO
A defesa do RB Brasil afasta.

03'2º TEMPO
Escanteio para o Timão.
2'2º TEMPO
Vagner Love já começa mostrando serviço, com um desarme no campo de ataque, mas ele escorregou na hora do chute e a bola foi nas mãos de Juninho.

01'2º TEMPO
Com a entrada de Vagner  Love, Corinthians muda o esquema. Terá dois, às vezes três atacantes, dependendo do posicionamento de Emerson Sheik.
01'2º TEMPO

SAICristianMEIO-CAMPO
ENTRAVagner LoveATACANTE

01'2º TEMPO

BOLA ROLANDO

Apita o árbitro, começa o segundo tempo. Corinthians começa.
INTERVALO
Vagner Love vai entrar no Corinthians, no lugar de Cristian.


INTERVALO

FALA, ELIAS!

Meia do Timão analisa o primeiro tempo: "Tivemos uma passe meio passiva, rodamos bem, ficamos com a bola, e sabemos que podemos criar mais. Temos de ter mais objetividade para fazer o gol"
INTERVALO
Corinthians e RB Brasil vão para o intervalo empatando em 0 a 0, em jogo sem grandes chances de gol.

47'1º TEMPO

ACABOU!

Apita o árbitro, fim de primeiro tempo.

46'1º TEMPO
O árbitro marca falta do ataque do Corinthians dentro da área.

45'1º TEMPO
Escanteio para o Corinthians.

44'1º TEMPO
Teremos dois minutos de acréscimo.
Momento do empurrão de Emerson Sheik no árbitro. (Foto: Marcos Ribolli) #trarenacor

42'1º TEMPO

CORINTHIANS  POR CIMA!

Jadson recebe lançamento na direita, nas costas de Romário, e cruza rasteiro para Guerrero. O peruano pega de primeira, mas a bola sobe muito e passa longe do gol defendido por Juninho.



41'1º TEMPO
Mais uma socada de Cássio, agora na cobrança de Jocinei.

40'1º TEMPO
A cobrança de Andrade vai nas mãos de Cássio, que soca para um novo escanteio.

39'1º TEMPO
Escanteio para o RB Brasil.

38'1º TEMPO
Mais um avanço do Corinthians pelo meio, com Jadson e Guerrero, e novamente o último passe, dessa vez do atacante, sai com deficiência.

37'1º TEMPO
Corinthians começa a chega com mais intensidade e criar algum alvoroço para a defesa adversário. Torcida acorda. Último passe está saindo errado.

36'1º TEMPO
Em uma rara boa triangulação do ataque do Corinthians, Uendel infiltra pelo meio e recebe passe de Jadson, na entrada da área, mas ele deixa a bola escapar e desperdiça boa oportunidade.



35'1º TEMPO
Guerrero ganha da defesa pela direita, com muita raça, e invade a área, mas o cruzamento é rechaçado pela zaga.

33'1º TEMPO
COMENTARISTA"Falta velocidade ao Corinthians, está muito fácil de marcar. O Cristian poderia participar mais da armação das jogadas, que ajudaria"

32'1º TEMPO
Emerson avança pela esquerda e cruza para o meio da área. A bola passa por todo mundo e Jadson não alcança na segunda trave.

30'1º TEMPO
Mais uma chegada do Corinthians, com chute de Emerson Sheik de fora da área, que Juninho defende com tranquilidade no centro do gol.


29'1º TEMPO
CORINTHIANS SEM QUERER!

Timão responde no contra-ataque. Fagner avança pela direita e tenta o cruzamento para a área. Ele pega errado na bola, que ganha efeito e bate no travessão.
28'1º TEMPO
Allan Dias faz boa jogada pela esquerda e cruza. Edmilson ganha da zaga, mas cabeceia fraco e Cássio faz boa defesa.

26'1º TEMPO
Assim que o tme perde a bola, todos os jogadores correr para o campo defensivo, para recompor a marcação.

25'1º TEMPO
RB Brasil não se intimida com o adversário nem com o estádio. Vai mostrando ótima postura em campo e muita organização tática.

24'1º TEMPO
Corinthians com muita dificulda para entrar na defesa do RB Brasil. Tite pede para o time subir a marcação e pressionar a saída de bola do adversário.
23'1º TEMPO

IH, RAPAZ!

Emerson Sheik tenta driblar o marcador, mas o árbitro passa na frente, os dois trombam e o juiz vai para o chão. Cena bizarra na arena, que levou a torcida ao delírio!


22'1º TEMPO
Agora Cristian afasta a cobrança.

22'1º TEMPO
A jogada se repete: desvio da zaga do Timão na primeira trave, bola pela linha de fundo e novo escanteio.

21'1º TEMPO
Após a cobrança, a zaga do Corinthians desvia no primeiro poste e a bola sai pela linha de fundo do outro lado. Mais um escanteio.

20'1º TEMPO
Escanteio para o RB Brasil.
19'1º TEMPO
Torcida do Timão vai se irritando com o árbitro, pelo estilo de deixar o jogo correr.

18'1º TEMPO
QUE PERIGO!
Após bate e rebate, Felipe falha na quicada da bola, que quase sobra para o atacante do RB Brasil dentro da área, mas o zagueiro se recupera e afasta o perigo.

16'1º TEMPO
Jocinei domina, dribla a marcação e solta a bomba de fora da área. A bola sai com veneno e Cássio espalma. Mais um chute perigoso do RB Brasil.


15'1º TEMPO
Corinthians sobe a marcação no campo de ataque até no tiro de meta, obrigando o adversário a dar o chutão para a frente.

14'1º TEMPO
VACILO!
Uendel faz ótima jogada pelo meio, dribla dois marcadorres e arranca. Porém, ele demora demais para lançar Guerrero, que entrava livre, e é desarmado.

13'1º TEMPO
Árbitro tem a característica de deixar o jogo correr e não marcar qualquer falta.

12'1º TEMPO
Até agora o Corinthians não criou nenhuma chance de gol. A única do jogo foi do RB.
RB Brasil vem fechado, dificultando jogadas do Corinthians pelos lados. Equipe de Tite ainda erra na saída de bola. #trarenacor


11'1º TEMPO
Corinthians fica mais com a bola, mas o RB Brasil se fecha completamente no campo defensivo e dificulta a chegada do Timão. A recomposição da equipe de Campinas é muito rápida.

10'1º TEMPO
Allan Dias carrega a bola pelo meio e solta a bomba de fora da área, Cássio faz boa defesa e espalma para fora da área. Primeiro lance de perigo é do RB Brasil.


08'1º TEMPO
Emerson Sheik está caído e pede atendimento médico.

07'1º TEMPO
Timão chega mais uma vez com perigo, trocando passes, mas o árbitro marca impedimento inexistente de Elias.
06'1º TEMPO
Corinthians chega com perigo pela primeira vez, mas a zaga afasta cruzamento de Fagner.
5'1º TEMPO
Após a cobrança curta e o cruzamento, o ataque do RB não alcança e a bola sai pela linha lateral.

04'1º TEMPO
Escanteio para o RB Brasil.
3'1º TEMPO
Corinthians vai encontrando dificuldades para furar o bloqueio do RB Brasil. Já perdeu duas bolas perigosas no meio.
2'1º TEMPO
PAROU!
Primeiro impedimento é de Guerrero.
02'1º TEMPO
Postura do RB Brasil é de esperar o Corinthians em seu campo, sem pressionar no campo de ataque.

01'1º TEMPO
Corinthians já retoma a bola e troca passes no campo de defesa

01'1º TEMPO
BOLA ROLANDO!

Apita o árbitro, começa o jogo na arena.

PRÉ-JOGO
RB Brasil começa a partida com a bola.

PRÉ-JOGO
Senninha dará o pontapé inicial do jogo.

PRÉ-JOGO
Tite fala sobre o adversário: "Ninguém vai abrir mão de atacar, eles finalizam bem de fora da área. Para ganhar, tem de ter acerto de passe, com movimentação"

PRÉ-JOGO
O boneco do Senninha entra em campo ao lado dos jogadores. Mais uma homenagem a Ayrton Senna na arena.
Times em campo na Arena Corinthians. #trarenacor

PRÉ-JOGO
As duas equipes vão entrando em campo na Arena Corinthians.
Os pilares de sustentação do telão do setor Sul começaram a ser instalados na Arena Corinthians. #trarenacor



PRÉ-JOGO
A arbitragem do duelo será de Luiz Vanderlei Martinucho, auxiliado por Gustavo Rodrigues de Oliveira e Renata Ruel Xavier de Brito.
Corinthians defende invenciblidade na Arena Corinthians de 24 jogos, com 19 vitórias e cinco empates. #trarenacor

Corinthians vai homenagear Ayrton Senna em sua camisa, com a inscrição "Senna Sempre". #trarenacor


Elenco do Corinthians aquece no gramado da arena. #trarenacor
RB Brasil: Juninho, Everton, A. Marques, Fabiano Eller e Romário; W. Magrão, Jocinei, Andrade e Lulinha; Edmílson e Allan Dias. #trarenacor
OCorinthians, hoje, com quatro atacantes no banco: Luciano, Malcom, Vagner Love e Ángel Romero. #trarenacor

Na rodada anterior, o Corinthians venceu o São Bernardo, por 1 a 0.
PRÉ-JOGO
O Timão chega tranquilo para a partida, que começa às 16h. Lidera o grupo 2 com 22 pontos, quatro a mais que a vice-líder Ponte Preta, com um jogo a menos. Já o RB Brasil está na quarta posição do grupo 1, com 11 pontos.

PRÉ-JOGO
Boa tarde, torcedor. A partir de agora você acompanha em tempo real, com vídoes exclusivos, o jogo entre Corinthians e RB Brasil, pela 10ª rodada do Campeonato Paulista, na arena do Timão.











13/03/2015 15h40
Arena Corinthians é único local com possibilidade de sediar jogos das olimpíadas na capital paulista

A Prefeitura  ainda não sabe quanto custará ser sede do futebol nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016. Por conta disso, a cidade ainda não dá como certo que receberá partidas da competição no ano que vem. Sabe, porém, que se aceitar as condições do Comitê Organizador, o único palco dos jogos será a Arena Corinthians.


Segundo o secretário adjunto de Esportes Luiz Sales, o caderno de encargos foi entregue apenas na última quinta-feira e não houve tempo para que os valores sob responsabilidade dos governos estadual e municipal fossem estimados.


De acordo com o jornal Folha, o titular da pasta, Celso Jatene, não cravou a participação da cidade nos Jogos de 2016.

– Não está certa. Se tiver Olimpíada aqui, vai ser só no estádio do Corinthians – disse.

Segundo Sales, o COI (Comitê Olímpico Internacional) determina que o poder público seja responsável por uma série de estruturas, desde as provisórias nas proximidades do estádio até um evento semelhante às Fan Fests realizadas na Copa do Mundo de 2014.


– A lista (de encargos) está sendo avaliada, orçada. É uma negociação financeira. Não é que São Paulo não quer (organizar), mas depende dos custos. Hoje temos um cenário político e econômico diferente do que tínhamos antes da Copa – afirma o secretário adjunto.


A prefeitura pretender ter uma ideia dos valores envolvidos até o dia 23 de março, quando uma nova reunião será realizada para discutir o tema.










Um dos primeiros a chegar na Arena Corinthians, Eduardo Galouro aposta em vitória alvinegra
O torcedor já está no estádio para acompanhar Corinthians e Red Bull Brasil pelo Paulistão Itaipava

14h21 14/03/2015 - EspeciaisAgência Corinthians



© DivulgaçãoO torcedor aposta em uma vitória tranquila do Timão por 3 a 0


Neste sábado (14), o Corinthians terá mais um compromisso pelo Paulistão Itaipava Série A1, às 16h, na Arena Corinthians. Desta vez, o adversário será o Red Bull Brasil. Um dos primeiros torcedores a entrar no estádio foi Eduardo Galouro Filho, de 66 anos, que comentou sobre a força da Fiel torcida.

"A diferença é que aqui é Corinthians. Quem é corinthiano não abandona o time nunca. Pode estar bom, pode estar ruim. O corinthiano ficou 23 anos na fila e a torcida só cresceu. Aí que você vê a diferença da nossa torcida", disse.

O torcedor aposta em uma vitória tranquila do Timão por 3 a 0, com gols de Cristian e dois do Guerrero.








Há 70 anos, Cláudio estreava pelo Corinthians
Maior artilheiro da história do Timão, o ‘gerente’ estreou no clássico contra 5P, no empate em 4 a 4 no Pacaembu

10h 14/03/2015 - EspeciaisAgência Corinthians


© Arquivo PlacarCláudio é o maior artilheiro da história do Timão


Poucos são os jogadores que alcançaram o sucesso com a camisa do Timão da mesma maneira que Cláudio. Nos 104 anos do time do Parque São Jorge, ninguém mais quebrou a barreira dos 300 gols, somente ele, o maior artilheiro da história do Clube. Cláudio Christóvam de Pinho, ídolo da República Popular do Corinthians, balançou as redes adversárias 306 vezes em 554 partidas disputadas.

Apelidado de ‘Gerente’, Cláudio era conhecido por liderar o grupo em campo como um técnico. Seu primeiro jogo pelo Corinthians, em 14 de março de 1945, foi contra 5P. O Timão empatou em 4 a 4, no estádio do Pacaembu, em partida válida pela Taça São Paulo. O último, também contra o time do Morumbi, foi em 29 de dezembro de 1957, pela decisão do estadual. Em seguida, o ex-atacante aceitou o cargo de técnico do Clube.

Nascido na cidade de Santos, em 18 de julho de 1922, Cláudio chegou ao Corinthians em 1945. Com uma técnica apurada, Cláudio se destacava por duas jogadas: as cobranças de falta e os cruzamentos certeiros para a cabeça de Baltazar. Conquistou os títulos paulistas de 1951, 1952 e 1954 e os Torneios Rio-São Paulo de 1950, 1953 e 1954. O eterno artilheiro Cláudio faleceu no dia 1º de maio de 2000.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps.










14 de Março de 2015 - 11:45

Justiça dá 30 dias para acordo em dívida do Corinthians com estafe de Ralf



Ralf conduz a bola durante partida do Corinthians



Ao longo dos próximos 30 dias, o Corinthians terá a oportunidade de resolver uma dívida de R$ 2,8 milhões com a empresa GP Sport Management, que cuida da carreira de Ralf. A pendência, referente à compra de 32,5% dos direitos econômicos do volante pelo alvinegro, já gerou uma ação judicial. Nesta quinta-feira, a juíza Adriana Benedito, da 36ª Vara Cível, concedeu um mês para que haja tentativa de acordo entre as partes.

A iniciativa de tentar um acordo não partiu do clube, e sim do estafe do jogador. Depois de afirmar na própria ação que não tinha interesse em uma conciliação, a própria GP Sports mudou de ideia e decidiu tentar uma composição amigável. O pedido foi feito no último dia 3, e acolhido na quinta.

O Corinthians já avisou na ação judicial da GP Sports que tem interesse em uma solução amigável, e deve iniciar a conversa nas próximas semanas.




4/03/2015 10h15

Descanso programado faz Tite repetir Corinthians entre Paulistão e Libertadores
Técnico dá pausa em rodízio em jogos contra RB Brasil e Danubio. Por outro lado, já tem plano para semana intensa com quatro confrontos pelo estadual


Por Diego Ribeiro

Tite durante treino do Timão no CT (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

A ausência dos titulares na vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre o São Bernardo, nesta quarta-feira, foi suficiente paraTite descansar seus principais jogadores e colocá-los em ação em duas partidas seguidas. Assim, o Corinthians terá força máxima contra o RB Brasil, neste sábado, na arena, e diante do Danubio, terça-feira, pela Taça Libertadores.


O revezamento entre titulares e reservas terá uma breve pausa nesse período. A ideia inicial era inversa: fazer os titulares jogarem contra o São Bernardo e descansarem contra o RB Brasil. No entanto, o desgaste físico na vitória dobre 5P, domingo passado, pesou.


– Pensamos nisso em cima da vitõria do Corinthians sobre 5P, que foi muito desgastante, ficamos receosos de os jogadores atuarem na quarta e terem algum problema físico. Isso foi conversado. Os jogadores descansaram, o time considerado reserva jogou na quarta. Agora os titulares têm condições de jogar sábado e terça – afirmou o auxiliar Fábio Carille.


A única dúvida entre os duelos é a presença de Renato Augusto, que está recuperado de uma lesão no tornozelo esquerdo, não foi relacionado para o jogo do Paulistão, mas deve viajar com o elenco para o Uruguai, onde o Timão enfrenta o Danubio. Cristian será seu substituto contra o RB Brasil.


O Timão vai enfrentar a equipe de Campinas com Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Cristian e Emerson Sheik; Guerrero.


Depois da Libertadores, Tite ainda tem outra sequência para se preocupar: serão quatro jogos do Paulistão em oito dias, e o plano está traçado.


Contra o Capivariano, dia 22 de março, e o Penapolense, dia 26, um time joga. Contra Portuguesa, dia 24, e Bragantino, 28, atua uma equipe alternativa, com todos os 11 jogadores diferentes. Nesse caso, até os goleiros devem entrar no rodízio
.









Há cinco anos, Dentinho marcava o gol 10 mil da história do Corinthians
Em 2010, ano do centenário do clube, o atacante revelado pelo Timão anotou o gol que marcaria a história do clube do Parque São Jorge10h 14/03/2015 - EspeciaisAgência Corinthians



© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansDentinho marcou o gol 10 mil do Corinthians


O dia 14 de março marcou a história do Corinthians. Além da estreia de Cláudio em 1945, maior artilheiro da história do Timão, o gol 10 mil da história do Timão também ocorreu nesta data, há cinco anos, em 2010.

O gol foi marcado pelo atacante Dentinho, formado nas categorias de base do Alvinegro, no duelo contra o Santo André, pelo Campeonato Paulista daquele ano. O gol 10 mil do Corinthians foi marcado aos quatro minutos do primeiro tempo. A partida terminou com vitória do Timão por 2 a1.

“Foi um momento muito feliz, ter marcado esse gol que tantos jogadores gostariam de ter feito. Eu me orgulho muito de ter colocado o meu pé na calçada da fama do clube e fazer parte disso, ainda mais por ter vindo das categorias de base”, disse Dentinho.

Pelo Corinthians de 2007 a 2011, Dentinho jogou 187 partidas e marcou 55 gols. Conquistou o Campeonato Brasileiro da Série B, em 2008, a Copa do Brasil e o Paulistão, em 2009. Deixou o Parque São Jorge para defender o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, em 2011.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps.

CORINTHIANS 2 X 1 SANTO ANDRÉ
Campeonato Paulista 2010


Data: 14/03/2010

Local: Arena Barueri, Barueri

Árbitro: Paulo César de Oliveira

Gols: Dentinho (COR) aos três minutos, Roberto Carlos (COR) aos 11 minutos e Ricardo Conceição (SAD) aos 44 minutos do primeiro tempo

Cartão vermelho: Branquinho (SAD)

CORINTHIANS: Felipe; Moacir (Marcelo Mattos), Chicão, Willian e Roberto Carlos; Ralf, Elias, Jucilei e Jorge Henrique (Iarley); Dentinho (Morais) e Ronaldo. Técnico: Mano Menezes

SANTO ANDRÉ: Júlio César; Cicinho, Marcel, Cesinha e Arthur (Rodrigão); Alê, Ricardo Conceição, Branquinho e Bruno César (Pio); Rodriguinho e Nunes (Rômulo). Técnico: Sérgio Soares




CORINTHIANS 2 X 1 SANTO ANDRÉ

Estádio: Arena Barueri, Barueri (SP)
Data/hora: 14/3/2010 - 19h30
Árbitro: Paulo César de Oliveira (SP)
Auxiliares: Edmílson Corona (SP) e Alberto Poletto Maseira (SP)
Renda/público: R$ 243.801,50 - 7.845 pagantes
Cartões amarelos: Marcel, Ricardo Conceição e Júlio Cesar (STO) Elias, Felipe (COR)
Cartões vermelhos: Branquinho (10'/ 2°T)
GOLS: Dentinho 3'/ 1°T, Roberto Carlos 11'/1°T; Ricardo Conceição 41'/ 1°T

CORINTHIANS: 1-Felipe; 24-Moacir (15-Marcelo Mattos 39'/ 2°T), 3-Chicão, 4-Willian, 6-Roberto Carlos; 5-Ralf, 18-Jucilei, 7-Elias; 23-Jorge Henrique (11-Iarley 35'/ 2°T), 17-Dentinho (21-Morais 3'/2°T) e 9-Ronaldo. Técnico: Mano Menezes + 12-Rafael 14-LeandroCastan 27-Balbuena 25-Edu

SANTO ANDRÉ: 1-Júlio César; 2-Cicinho, 4-Marcel, 3-Cesinha, 6-Arthur (18-Rodrigão - 35'/ 1°T); 5-Alê, 7-Ricardo Conceição, 8-Branquinho, 10-Bruno César (16-Pio - 33'/ 2°T); 9-Nunes (14-Rômulo - 24'/ 2°T) e 11-Rodriguinho. Técnico: Sérgio Soares + 12-Fabiano 13-VitorHugo 15-Wendel 17-Renato Dias










Corinthians recebe o Red Bull Brasil na Arena Corinthians pelo Paulistão Itaipava
Timão enfrenta a equipe paulista pela primeira vez na história10h 14/03/2015 - FutebolAgência Corinthians

© Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansTimão está invicto no Campeonato Paulista em 2015


Neste sábado (14), o Corinthians enfrenta a equipe do Red Bull Brasil, às 16h, na Arena Corinthians, pela 10ª rodada do Paulistão Itaipava 2015 - Série A1. A equipe dirigida pelo técnico Tite está invicta na competição estadual e é atual líder do Grupo B, com 22 pontos.

Na atual temporada, o Timão disputou 15 partidas, conquistou 12 vitórias e perdeu apenas uma, no primeiro jogo da temporada contra o Colônia (ALE) pela Florida Cup, além de dois empates contra o Ituano pelo Paulistão Itaipava 2015 – Série A1 e contra o Once Caldas (COL), pela Copa Bridgestone Libertadores.

Desde que passou a jogar na Arena Corinthians, o Timão perdeu apenas uma vez, na partida de inauguração do estádio em maio de 2014, contra o Figueirense. Depois disso, foram disputadas 24 partidas, com 19 vitórias do Alvinegro, além de cinco empates. O Corinthians defende o impressionante retrospecto em casa no confronto inédito contra o Red Bull Brasil, que disputa a Série A1 do Paulistão pela primeira vez na história.

Você encontra essa e mais informações sobre o Corinthians no aplicativo do Almanaque do Timão, disponível em iOS pela Apple Store e Android, pela Google Play e Samsung Galaxy Apps



























14/03/2015 09h05

Timão retoma média de publico na Arena Corinthians no Paulistão
Contra o RB Brasil, neste sábado, clube anuncia venda de 26 mil ingressos antecipados, mais do que na vitória magra sobre o São Bernardo, quarta-feira, (obs devido a horãrio absurdo das 22h exigido pela tv)


Por Diego Ribeiro


Timão já vendeu 26 mil ingressos para jogo contra o RB Brasil
(Foto: Rodrigo Coca /Ag. Corinthians)

A arena do Corinthians registrou na última quarta-feira seu menor público em jogos oficiais. Campeonato Paulista. A vitória sobre o São Bernardo, por 1 a 0, foi assistida por 23.484 pagantes, com renda líquida inferior a R$ 1 milhão.


Neste sábado, porém, a expectativa é de que o clube retome a rotina de casa cheia. Contra o RB Brasil, às 16h, também pelo Paulistão, o público deve se aproximar da média corintiana no torneio estadual. Até a noite de sexta-feira, o clube havia vendido 26 mil ingressos antecipados. Nos quatro jogos em casa realizados pelo Corinthians no Paulistão, a média foi de 26.392 torcedores.


Os números sequer se aproximam dos dois duelos do time em casa pela Taça Libertadores, contra Once Caldas e São Paulo. Nos jogos de maior importância do ano até agora, a média chegou aos 37.122 pagantes. Suficiente para os jogadores considerarem o novo estádio um caldeirão.


– Somos muitos fortes na nossa casa, os times até tentam ir para cima, mas não conseguem. Sabemos que é difícil perdermos em casa – afirmou o zagueiro Felipe.


Por enquanto, o público do estádio tem atendido às expectativas da diretoria. A média geral em 2015, contando Paulistão e Libertadores, chega perto dos 30 mil torcedores por partida. A bilheteria, por enquanto, é a principal forma de arrecadação do clube para o fundo que vai pagar os empréstimos do BNDES responsáveis pelo financiamento do estádio.


O Corinthians também acredita nos camarotes, cadeiras cativas e naming rights como fonte de renda. A partir de julho, o clube inicia o pagamento de R$ 5 milhões mensais para quitar o empréstimo.







14/03/2015 07h25

Corinthians joga por meta e invencibilidade de Tite
Técnico quer Timão com pelo menos 90% de aproveitamento na primeira fase do Campeonato Paulista. Além disso, marcas sem perder contam neste sábado


Por GloboEsporte.com


Paolo Guerrero estará em campo neste sábado (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

Para o Corinthians de Tite, não basta assegurar classificação à próxima fase do Campeonato Paulista. O técnico desafiou seu elenco a bater aproveitamento recorde do Timão no estadual e espera manter o desempenho neste sábado, contra o RB Brasil, às 16h (horário de Brasília), na arena em Itaquera. Com 22 pontos somados em 24 possíveis, o Timão quer terminar a primeira fase acima dos 90% de aproveitamento.


Foi esse o assunto da conversa de Tite com seus jogadores na sexta-feira, um dia antes do confronto. O comandante não quer ninguém acomodado com a liderança do Grupo 2. Outra meta que motiva o elenco é a manutenção da invencibilidade na Arena Corinthians – são 24 jogos sem perder em seu estádio, inaugurado em maio do ano passado.


O próprio Tite bateu, na quarta-feira, seu recorde de partidas sem perder pelo Timão. Agora são 14 duelos de invencibilidade, incluindo três clássicos no período – uma vitória sobre o Palmeiras e duas sobre o São Paulo. O RB Brasil tenta engrenar. O time de Campinas venceu o Rio Claro na rodada passada e chegou aos 11 pontos, em penúltimo no Grupo 1.


A arbitragem do duelo será de Luiz Vanderlei Martinucho, auxiliado por Gustavo Rodrigues de Oliveira e Renata Ruel Xavier de Brito. O PFC transmite o confronto para todo o Brasil, pelo sistema pay-per-view. O GloboEsporte.com acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos.


Corinthians: Tite vai com força máxima para o duelo. No meio-campo, Cristian será o substituto de Renato Augusto e vai compor uma linha de quatro jogadores antes do centroavante Guerrero. O Timão joga com Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Cristian e Emerson Sheik; Guerrero.

RB Brasil: ao contrário da rodada passada, Maurício Barbieri tem reforços em vez de desfalques. O zagueiro Fabiano Eller, o lateral-esquerdo Hélder e o atacante Edmilson voltam ao time após cumprir suspensão automática. A dúvida é qual deles será aproveitado como titular. A tendência é que somente Hélder tenha dificuldades para brigar por posição com Romário. O RBB deve ir a campo com: Juninho; Everton Silva, Anderson Marques, Fabiano Eller e Romário; Willian Magrão, Jocinei e Lulinha; Raul, Wilson Júnior e Edmilson.

desfalques:
Corinthians: Renato Augusto, Bruno Henrique e Fábio Santos, ainda voltando de lesões, Petros, com desconforto no tornozelo, Stiven Mendoza, com lesão muscular na coxa esquerda, Edu Dracena e Danilo, poupados.

RB Brasil: não há problemas para a equipe de Campinas.